Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




A hipocrisia patente

Rui Gomes, em 04.02.13

 

Falando cá com os meus botões e meditando sobre a trágica novela que se enredou em torno do Sporting, ainda hoje sinto imensa dificuldade em acreditar em tudo que se tem visto, ouvido e lido de há uns tempos a esta parte. A explicação mais conveniente será apontar culpabilidade a Luiz Godinho Lopes e ao Conselho Directivo que ele tem vindo a liderar. Isto explicará alguma coisa, pelos problemas à vista, mas como explicar que a primeira página desta mesma novela começou a ser escrita escassos minutos após a sua eleição como presidente do Sporting e sem ele ainda ter dado mais do que dois passos das urnas eleitorais ?

 

Uma passagem relâmpago por alguns espaços da blogosfera, servem somente para confirmar a hipocrisia patente daqueles colaboradores que desde o primeiro dia apoiaram a oposição activa e sem nunca terem a frontalidade e honestidade de assumirem a sua parcialidade. Têm vindo a escrever com a pena venenosa - na maioria dos casos inflacionados pela sua ilusória auto-importância - aproveitando o mais pequeno ensejo, deturpando factos e deixando verdades omissas à conveniência. Até a fotografia da inocente pose de um jogador do Sporting no banco de suplentes, serviu como veículo da sua falsidade, do seu cinismo e como pretexto para fazer públicas mais umas farpas desprestigiantes ao clube que clamam ser a sua fé. Aliás, com o passar do tempo e a incessante recorrência desta desdenhosa forma de estar e agir, deu para chegar à incontornável conclusão que estão tão viciados na hipocrisia, que já deixaram de perceber a sua falsidade, mentindo com sinceridade.

 

E é neste estado das coisas que nos aproximamos do termo de mais um inglorioso capítulo  da nossa Instituição centenária, para dar início a outro que, neste momento, somente nos oferece apreensão e incerteza. Como a atitude em voga é «logo se vê», limitamo-nos a esperar para ver.

 

Foi o filósofo Olavo de Carvalho que disse: «Se a hipocrisia é a

 homenagem que o vício presta à virtude, o cinismo é a

afirmação ostensiva do vício como virtude.»

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:39

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo