Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Vamos falar dos positivos (2)

Rui Gomes, em 02.03.13

A equipa feminina do Sporting venceu individualmente e colectivamente o Campeonato Nacional de Corta-Mato Curto que teve lugar em Coimbra, com Carla Salomé Rocha como primeira classificada, Catarina Ribeiro (2.ª), Clarisse Cruz (3.ª) e Sandra Teixeixa (4.ª). 

Num outro canto da Europa, mais precisamente em Gotemburgo, Patrícia Mamona apurou-se para a final do triplo salto no Europeu de Pista Coberta, batendo o recorde nacional, que já lhe pertencia, com um salto de 13,99 metros.

Parabéns às nossas ilustres «leoas» !

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:09

Vamos falar dos positivos (1)

Rui Gomes, em 02.03.13

 

Rui Silva, pelo quinto ano consecutivo e pela nova vez na sua carreira, sagrou-se esta sábado campeão nacional de Corta-Mato Curto na prova que teve lugar em Coimbra. Para a nossa acrescida satisfação, relegou para as posições mais baixas do pódio dois atletas do clube de Carnide. Parabéns Rui!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:58


Não sei o que pensam o resto dos sportiguistas, mas esta campanha eleitoral  ainda agora começou e já estou farto e saturado dela. Para mim, duas semanas no palco eleitoral eram mais do que suficientes para os candidatos comunicarem as suas ideias e objectivos e...vamos a votos. Depois de mais de dois anos de exaspero pelos resultados desportivos, campanhas revolucionárias, divisões internas, os papagaios da praça a fazerem-se ouvir quase diariamente, os pesudo-comentadores desportivos a «ilucidarem-nos» com as suas brilhantes análises e com os periódicos desportivos cá do burgo a explorarem tudo e mais alguma coisa ao mais insólito nivel sensacionalista, sinto imensas saudades dos dias de discutir somente desporto, em geral, e futebol, em particular; as equipas, os atletas, as táticas, os árbitros e, inevitavelmente, os nossos adversários. Parece que entre tudo isto, até estes têm passado despercebidos, na mente de sportinguistas, e eles, sentindo essa condição, tentam tirar o devido proveito. 

Aos candidatos, pela inésima vez, deixem-se de demagogias populistas e insinuações injuriosas, esta campanha é para a liderança de um clube, não da Nação. Comuniquem a v/mensagem sem levar o nome do Sporting ainda mais para o fundo do lamaçal e, sobretudo, diguem o que os sócios têm interesse em ouvir quanto ao futuro do Clube e não relativamente ao seu passado, que já é bem conhecido e não requere ser reavivado minuto a minuto. Acima de tudo, deixem-se de tanto negativismo e apontem-nos na direcção da luz no fim do túnel.

Vamos apoiar os nossos atletas a todos os níveis, porque além dos profissionais de futebol temos muitos outros de «leão ao peito» que têm vindo a honrar de forma notável o nosso Clube, desde o imparável futsal ao atletismo. As camadas jovens de futebol estão todas a ter épocas brilhantes e não as devemos esquecer. Os nossos juniores, sob a liderança de Abel Ferreira, orgulham-nos além fronteiras com a sua excelente prestação na NextGen Series. Temos tantos raios de sol, mas só procuramos a escuridão. «Enough is enough!» 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:46

Teatro de Operações Eleitorais (41)

Rui Gomes, em 02.03.13

 

Carlos Severino em campanha eleitoral recorre a todos e quaisquer meios para vender a sua «banha da cobra». Todos nós sabemos que a situação financeira do Sporting está em péssimas condições - mas não pior da dos outros - e se ele for eleito deve levar a cabo uma auditoria e, então, pronunciar-se sobre os resultados da mesma. Agora - admitindo até que sou eu que não estou a ver as coisas com clarividência - parece-me desnecessário discursar nos termos extremos por que ele optou, com insinuações muito graves. Primeiro foi a ida a Alvalade com a Polícia Judiciária, seguido pelas insólitas críticas a Jesualdo Ferreira, e agora é:

 

«O Sporting está completamente falido, está insolvente, não pode cumprir com os critérios de fair-play financeiros da UEFA.»

 

«É uma situação muito negra, de grande desgraça.»

 

«Este prejuízo é tão preocupante que pergunto onde está o dinheiro das receitas».

 

Mais drama, mais insinuações, mais do negro sobre tudo. Se está ssim tão mal, qual o porquê da sua ansiedade por assumir o poder ?... E não me diga que é somente pelo amor ao Sporting. Sem varrer as coisas para debaixo do tapete, fica a ideia que deveria ter um discurso mais construtivo e sem arrastar, ainda mais, a imagem do Sporting pela lama. Dito isto, é possível que o problema seja a minha visão das coisas...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:52

Disparar cartuchos em branco

Rui Gomes, em 02.03.13

 

Vieira dispara cartuchos em branco para o ar, à sua usual estrambólica maneira. Um amigo fez bem em refrescar a minha memória sobre a dívida de milhões ao Fisco - dinheiro dos contribuintes - que o Benfica pagou com acções do clube. Nem vale a pena revisitar esta novela carnavalesca, já para não mencionar a construção do estádio com as ajudas da Câmara Municipal de Lisboa. Até dá para pensar que há leis especiais para o Benfica e outras para o resto do País.

  

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:28

A competitividade desportiva engana

Rui Gomes, em 02.03.13

 

Não me quero tornar repetitivo, mas já aqui mencionei, em contextos diversos, e sem pretender de modo algum minimizar o péssimo estado financeiro do Sporting, que o factor que mais dá realce à sua situação é a ausência de resultados desportivos. O Benfica compete, sem ganhar nada, e ainda agora emitiu o tal empréstimo obrigacionista de 80 milhões de euros, não obstante os mais de 20 milhões de saldo positivo apresentados no seu Relatório e Contas referente ao 1.º semestre da época. O FC Porto, apresentou um resultado positivo, no mesmo período, de cerca de 6 milhões de euros, etc., etc. .

 

Através do mesmo Relatório e Contas é possível apurar que o clube do Norte vendeu 47.5 por cento do passe de um jogador que ainda nem sequer chegou à cidade do Porto. Diego Reyes, defesa central mexicano, foi adquirido em Dezembro de 2012 por 9,1 milhões de euros - por 95% do seu passe - pagando ainda o FC Porto uma intermediação de empresário no valor de 2,09 milhões de euros. Vendeu, há poucos dias, 47.5 por cento dos direitos económicos deste jogador por 3,5 milhões de euros. Mesmo admitindo a existência de «engenhocas financeiras», ninguém leva a cabo um negócio deste género por mero prazer, mas sim por necessidade. Só que a do Sporting é sempre mais acentuada porque não tem as vitórias e os títulos para a disfarçar. Não explica tudo, mas é uma realidade.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:11

Era o que faltava !!!

Rui Gomes, em 01.03.13

Luís Filipe Vieira e Domingos Soares Franco - administrador da SAD - insurgiram-se hoje contra o Sporting pelos rumores noticiosos sobre um alegado perdão da dívida a este pela banca. Típico do líder encarnado, lança a acusação e logo de seguida admite desconhecimento de causa: «dizem que poderá haver um determinado tipo de perdão:» O referido administrador encarnado foi ainda mais agressivo nas suas críticas: «É difícil entender que bancos intervencionados - BES e BCP - que são intervencionados com os nossos impostos, possam utilizar o dinheiro dos contribuintes para facilitar perdões de dívida, seja a quem for.» 

Lamenta-se, sobretudo, a indecorosa intrusão dos líders benfiquistas em questões do foro interno de gestão de um outro clube, optando, ainda, por vir debater a contenda na praça pública. Isto, não obstante a muito transparente intenção em exercer pressão para extrair dividendos. Luís Filipe Vieira confirma esta tese: «Se houver perdão, tem que haver perdão para o Benfica também.» Dá para questionar a essência da «indignidade» sobre o uso do dinheiro dos contribuintes que, pelos vistos, já não será impróprio nem imoral desde que beneficie o clube da Luz.

À parte desta verborreia encarnada, não consta qualquer informação oficial do Sporting neste sentido. Salvo erro, Godinho Lopes anunciou que estava em curso uma reestruturação financeira que foi entretanto congelada pela renúncia ao mandato dos órgãos sociais do Clube. De qualquer modo e indiferente dos quês e porquês desta matéria, a sensatez e o sentido de pudor - raridades encarnadas - indicam que assuntos desta natureza, entre instituições, devem ser processadas em sigílio e preservadas no foro interno das mesmas. Além do mais, alguém deveria comunicar ao mal informado administrador da SAD benfiquista que o BES não é um banco «intervencionado com o dinheiro dos contribuintes» e que se entender conceder qualquer tipo «perdão» ao Sporting, não assume a obrigatoriedade - moral ou material - de dar satisfações ao seu clube.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:15

 

José Couceiro anunciou hoje uma iniciativa inovadora em candidaturas, lançando o seu canal de televisão - josecouceiro.tv - que estará disponível online até o dia 23 de Março, além de outras plataformas nas redes sociais, no «Twitter» e «Facebook».

 

Relativamente ao seu esclarecimento que o caso de Marat Izmailov foi debatido em 2011 e que «não foi em frente porque apenas o deixaria sair se o FC Porto cedesse um dos seus melhores jogadores, como Hulk ou Falcão», entendo a posição forte que pretendeu assumir mas ele sabe, melhor do que muitos, que por muito bom jogador que o russo seja, em plena forma, essa possibilidade nunca seria equacionada pelo clube do Norte, por vários motivos, designadamente a disparidade de valores no mercado, como foi evidenciado pela transferência de um para o Atlético de Madrid e, do outro, para o Zenit. Compreende-se a intenção, no entanto. 

 

Confirmou, ainda, que sob a sua liderança o projecto Sporting TV é para avançar.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:55

 

O doutor Frederico Varandas, director clínico do Sporting, surgiu a confirmar tudo aquilo que eu já sei por experiência própria em lidar com jogadores ao longo dos anos, e que já tive ocasião de sublinhar em diversas ocasiões: Quando um qualquer jogador alega que tem dores e que não se sente em condições de treinar ou jogar, não obstante os testes médicos não confirmarem a existência de qualquer lesão aparente - não há muito a fazer senão aceitar a palavra do jogador. Até é de admitir que há casos genuinos desta natureza, em que a indisposição do atleta é real mas não transparente, às primeiras indicações. O histórial de Marat Izmailov e sua mais recente forma física no FC Porto leva a questionar a honestidade e o profissionalismo do jogador.

Nestas situações, por vezes, a única alternativa, como se diz no milieu, é «apertar-lhe os calos», por outros meios. O FC Porto é muito hábil nestes processos e o Sporting, porventura, tem sido algo permeável. Costinha, como se sabe, fez uma leitura correcta da situação e tentou lidar com esta de uma forma mais frontal e agressiva que resultou na sua perda de credibilidade e autoridade no meio «leonino».

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:11

 

Na conferência de imprensa de antevisão ao clássico com o FC Porto, Jesualdo Ferreira respondeu às críticas do candidato Carlos Severino: «Acho que o recado tem o endereço errado, pois não me revejo nessa personalidade que me quiseram colocar. Dirigi uma carta ao senhor candidato convidando-o a esclarecer publicamente e convenientemente essa matéria. Não é a questão de criticar os jogadores, mas o que foi dirigido directamente à minha pessoa. Deve ser engano. Não me revejo naquela personalidade. Não vi lá o meu nome. A carta seguiu do meu advogado para ele no sentido de ele esclarecer publicamente o que disse.»

 

Como já aqui escrevi, é de lamentar que o candidato em questão não tenha o bom senso de manter a equipa - jogadores e técnicos - bem distanciada da campanha eleitoral. O Sporting - e especialmente a equipa de futebol - já enfrenta adversidades suficientes e não precisa de mais confusão que só servirá para fomentar um clima de instabilidade. Carlos Severino, como tantos antes dele, está somente a demonstrar a sua sedução pelo irresistível palco disponibilizado pelo futebol e não teve a serenidade de resistir ao inerente protagonismo. Haja bom senso !

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:34

A diabolização da banca

Rui Gomes, em 01.03.13

Serei o último defensor da banca, mas quer se queira quer não, esta faz parte integral e indispensável da sociedade global. Muito por isso, sinto imensa dificuldade em compreender esta moda em voga de a diabolizar, apenas porque o Sporting está em péssimas condições financeiras. A banca está no negócio da compra e venda de dinheiro pelos veículos à sua disposição, tão simples como isto. A situação do Clube deve-se à sua má gestão e não pelas acções dos seus credores. Aliás, sem estes, onde estaria agora o Sporting ? 

Daniel Oliveira, cronista sportinguista do jornal Record alega que ainda não sabe em quem votar porque «a decisão afigura-se difícil», mas faz um ataque velado a José Couceiro porque, no seu parecer, este é credível perante a banca e tem a sua aprovação, e que, por esta (des) ordem de ideias, o Clube vai ter não quem o represente perante os credores mas sim quem represente os credores dentro do Clube.

É um raciocínio estranho e que me ultrapassa completamente, levando-me a pensar que Daniel Oliveira irá votar na mesma pessoa em quem votou no último acto eleitoral e somente não tem a honestidade de admitir tal, nomeadamente quem já se pronunciou como «inimigo» da banca. E é por estes meios que se pretende resolver os problemas do Sporting !!!

Por fim, não obstante a sua alegada indecisão, escreve que José Couceiro é candidato porque tem a aprovação daqueles sócios mais antigos que, directa ou indirectamente, estiveram ligados a algumas das gestões que conduziram o Sporting ao seu actual estado, insinuando que por mera linhagem social, este deixa de ser homem com mérito próprio e sem condições para liderar. Esta demagogia será conveniente para distrair alguns, mas não corresponde, minimamente, à realidade, e muito menos ainda contribui para a resolução dos graves problemas que confrontam o Sporting.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:21

A ironia com o «clássico»

Rui Gomes, em 01.03.13

 

Pedro Lamy, mediático piloto português, um dos quatro pilotos nacionais de sempre a competir na Fórmula 1, aponta para uma vitória do Sporting sobre o FC Porto, por 1-0. Isto não implica - para quem desconhece - que este seu prognóstico, ou desejo, se fundamenta nas suas simpatias pelo verde-e-branco, já que ele é um reconhecido benfiquista. Leva a crer que o Sporting vai contar com muito apoio encarnado amanhã !

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:40

A hipocrisia patente

Rui Gomes, em 01.03.13

 

Neste início de campanha eleitoral já se ouviu diversos disparates lapidares e exemplos de hopocrisia patente. Afirmou ontem Bruno de Carvalho: «A minha candidatura é Jesualdo e os atletas que lá estão. Quem quiser ser presidente do Sporting tem de transmitir uma mensagem de tranquilidade e esperança para os que lá estão agora. Caso tenha a tranquilidade, o Sporting tem todas as hipóteses de vencer (FC Porto).»

 

É por de mais curioso que ao longo dos passados dois anos de oposição activa ao Conselho Directivo de Godinho Lopes, ao futebol do Clube e, por inerência, ao Sporting, nunca se preocupou com «esperança e tranquilidade» e até foi ao extremo de ridicularizar manifestações nesse sentido. Pela visita ao Núcleo de Aveiro no dia 24 de Novembro de 2012 - uma de muitas do género da sua campanha oposicionista - declarou não compreender os constantes apelos à união porque, na sua óptica, esta já existia. Dividir para conquistar, uma estratégia muito antiga e conhecida.

 

Exemplos deste género dão para perceber que este homem não tem o perfil nem o carácter para ser líder do Sporting.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:06

 

A Sporting SAD comunicou à CMVM os resultados do 1.º semestre de 2012/13 ( 1 de Julho a 31 de dezembro de 2012) que apresentam um montante líquido negativo de 21,8 milhões de euros - mais 2,8 milhões do que no mesmo período da época passada - com o passivo a fixar-se em 243,5 milhões de euros e o total de activos em 145,9 milhões de euros. Números alarmantes, indicativos da já reconhecida má gestão desportiva. Não me vou pronunciar sobre as contas, por ser uma área que não é da minha maior perícia e considerando, ainda, que o documento em questão consta de 43 páginas. Extraí alguma informação mais relacionada com o movimento de jogadores:

 
- Confirmam-se as cedências definitivas de Amido Baldé (Vitória de Guimarães), Edgar Ié e Odiquir Cá (Barcelona) e João Teixeira (Liverpool).
 
- Regovações de contratos de trabalho: Leandro Grimi, Luís Aguiar, Sinama-Pongolle, Alberto Rodriguez e Sebastian Ribas.
 
- Renovações de contratos: Rui Patrício, Adrien Silva, Cédric Soares e Nuno Reis.
 
- Cedências temporárias: Elias (Fluminense) até 31/12/2013, Gelson Fernandes (FC Sion) até 30/06/2014.
 
- O contrato de cedência temporária de Miguel Serôdio ao Académico de Viseu foi regovado e novo contrato celebrado com o C.D. de Cernache.
 
- Jogadores chegados em Janeiro por cedência, com opção de compra, até 30/06/2013: João Reis Graça, Hugo Ventura e Seejou King.
 
- Jesualdo Ferreira tem contrato até ao final da época.
 
Isto, além das bem conhecidas cedências definitivas de João Pereira (Valência), Matias Fernandez (Fiorentina) e Jaime Valdés (Parma) e das cedências temporárias ( até 30/06/2013) de Renato Neto (Videoton), Nuno Reis (Olhanense), Evaldo Fabiano, André Santos e Diogo Salomão (Deportivo da Corunha), William Owusu (KVC Westerloo), William Carvalho (Cercle Brugge), Wilson Eduardo (Académica de Coimbra), João Gonçalves (Vitória Sport Clube), Atila Turan (Oduspor) e Bozhinov (Hellias Verona).
 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:03

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.

Pág. 12/12





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds