Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Joãozinho é para ficar (?)

Rui Gomes, em 29.03.13

 

Segundo o que é noticiado, Jesualdo Ferreira já teria dado o seu aval para a compra de Joãozinho a Godinho Lopes e este tentou exercer a opção de compra ainda antes de sair, mas o Beira-Mar rejeitou a proposta pelo pagamento só a 30 de Maio.

 

Joãozinho ainda não mostrou o suficiente para fazer esquecer Insúa e outros, mas promete tornar-se num bom jogador e pela evidência à vista não existem outras opções de maior agrado, tanto plantel principal como na equipa B. O dinamarquês Seejou King, 20 anos, chegou ao Sporting em Janeiro por empréstimo - com opção de compra - do Nordsjaelland FC, mas não faço a mais pequena ideia do parecer técnico sobre este jogador. Até à data, fez 3 jogos como titular e 2 como suplente utilizado, acumulando 242 minutos de jogo.

 

Joãozinho já realizou 7 jogos como titular desde que chegou a Alvalade e o seu passe custará um milhão de euros. Apesar do aval de Jesualdo Ferreira, resta saber os critérios da nova liderança, especialmente considerando que o homem mais ligado ao futebol ainda está com o Moreirense.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:28

Qual é o projecto ?

Rui Gomes, em 29.03.13

 

Compreendo perfeitamente e concordo com a absoluta necessidade de explicar o seu projecto a Jesualdo Ferreira, se é que o pretende manter no Sporting. Por linhas mais gerais, penso que a maioria de sportinguistas também gostaria de ser informada sobre esse projecto, já que nunca foi explicado durante a campanha eleitoral. A ser sincero, além de estabelecer um departamento à parte para a preparação física dos atletas e inúmeras generalidades sem grande sentido de realização, mais nada de concreto foi explanado, nem sequer as funções de Virgílio Lopes, Augusto Inácio - além de directores do futebol - e as do tal terceiro anónimo elemento, que eu penso ser Abel Ferreira.

 

Essa coisa de atirar para o ar «organização, metodologia, aproveitamento da formação e a base política desportiva» apresenta um adorno estimulante mas não explica rigorosamente coisa alguma. Será por isso que já circulam rumores que vai tentar convencer José Couceiro a juntar-se à estrutura do futebol ?

 

Penso que a preeminente necessidade passa por «meter mãos à obra» com um projecto de qualidade e profundidade, dispensando exposição mediática sobre intenções. A campanha eleitoral já terminou e, com ela, a constante presença no palco.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:53

Alteração às Leis do Jogo da FIFA

Rui Gomes, em 29.03.13

 

O «International Football Association Board» submeteu a aprovação da FIFA uma alteração às leis do jogo relacionada com um caso que ocorreu o ano passado em que um jogador marcou golo directamente de uma bola ao solo numa situação de «fair-play». Esta alteração estipula que nas bolas ao solo, o jogador que tocar na bola, se obtiver um golo na baliza adversária, o golo não pode ser validado, recomeçando o jogo com um pontapé de baliza e se obtiver um golo na própria baliza, o jogo recomeça, com um pontapé de canto.

 

Esta parte da lei é clara e justa, já o mesmo não poderei dizer com a segunda parte da mesma lei, que indica que para que seja validado um golo nestas circunstâncias, é preciso que a bola, depois de pontapeada, toque, antes de entrar na baliza, num colega ou num adversário.

 

O que impede o jogador que primeiro toca na bola, de passá-la a um colega bem posicionado e este marcar então golo ?... A lei diz que se a bola tocar num colega, depois de pontapeada, o golo será validado. Não faz sentido, inclusive a parte que refere «tocar num adversário». Na minha opinião, o que a lei deveria estipular é que a bola só está em jogo, depois do primeiro jogador tocar nela (pontapear), quando um adversário assumir controlo da bola. É espantoso como algumas das alterações em anos mais recentes só contribuiram para uma maior amibiguidade na interpretação das Leis do Jogo e consequente polémica pelas decisões dos árbitros.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:42

As contas não bateram certas

Rui Gomes, em 29.03.13

 

Como frequentemente acontece com as equipas nacionais, chegamos aos derradeiros jogos das provas a fazer contas e, por vezes, as contas não batem certo. A selecção nacional de sub-17 falhou, por um golo, o apuramento para o Euro 2013 da categoria, apesar de ter derrotado a Rússia por 1-0, na partida final do grupo 6 da Ronda de Elite. Dado que a Inglaterra derrotou a Eslovénia, Portugal tinha de ter ganho por uma diferença mínima de dois golos para se apurar. Deste modo, Portugal, Rússia e a Inglaterra acabaram empatados com 6 pontos cada, mas a diferença de golos foi a morte da selecção lusa. Com o vasto leque de talento jovem que existe no país, não devíamos sentir as dificuldades que invariavelmente enfrentamos, muito pela nossa carente mentalidade competitiva, a exemplo da selecção principal, que também se encontra nesta exacta situação na fase de apuramento para o Mundial 2014 no Brasil.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:47

   

  

B O A    S O R T E    ! ! ! 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:45

Silêncio é o lema do dia

Rui Gomes, em 28.03.13

 

Evidencia-se um movimento concertado por parte dos apoiantes de Bruno de Carvalho, pelo menos os mais militantes e radicais, no sentido de silenciar qualquer tipo de expressão na praça pública que possa ser interpretada como uma crítica ao eleito. Nem me dou ao trabalho de evocar o direito a expressão livre, mas se a preocupação já é assim tão pronunciada - sublinhando a estratégia «cortar o mal pela raiz» - o que será quando surgirem alguns dissabores pelas acções da nova liderança e, então, os inevitáveis pareceres do universo sportinguista e outros.

 

Exige-se bom senso da parte de todos neste delicado momento do Sporting - como já o é há muito e foi ignorado - e com os apoiantes de Bruno de Carvalho a alargarem-se com as agressões vervais, desunindo, em vez de unir, o percurso pela frente vai ser longo e muito doloroso. O recém-eleito presidente tem todas as condições para trabalhar em paz e tranquilidade e terá, acima de tudo, de se assumir como um presidente unificador conduzindo todos os sportinguistas num sentido comum. Quem não foi seu apoiante não vai deixar de ter opinião só por que sim, e quem tanto criticou os dirigentes cessantes, por todos meios ao alcance, nos últimos dois anos, terá de reconhecer que o Sporting do momento necessita de sentir acções agregadoras e menos oratórias demagógicas, do tipo que se ouviu, repetida e frequentemente, durante a campanha eleitoral.

 

Verifica-se a opinião crítica mas construtiva, que exige distinção da mera oposição desgarrada, e nenhum sportinguista necessita de lições de bom sportinguismo por outros sportinguistas. Cada um deve agir de acordo com a sua consciência, sem nunca perder de vista que o que está acima de todos nós é o Sporting.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:05

Vários: Sporting

Rui Gomes, em 28.03.13

 

* Bruno de Carvalho assumiu a presidência da Sporting SAD, tendo sido também cooptados os vices Carlos Vieira (área financeira) e Vítor Silva Ferreira (património) como administradores.

 

* Godinho Lopes, antes de sair, pagou os salários de Fevereiro e deixou o dinheiro para o mês de Março, pagável no dia 1 de Abril, e ainda garantiu os critérios financeiros da UEFA com, entre outros, os pagamentos de impostos no dia 20 de Março.

 

* Bruno de Carvalho ficou em Portugal e acompanhará a equipa pela visita a Braga para o embate de segunda-feira, enquanto Virgílio Lopes viajou com os sub-19 na sua deslocação a Como, Itália, onde amanhã vão defrontar o Aston Villa, em jogo das meias-finais da NextGen Series.

 

* Stijn Schaards está de volta, após quatro meses de ausência, e apto para inclusão nos eleitos de Jesualdo Ferreira para o jogo com o SC Braga.

 

* Boulahrouz já estará clinicamente apto para competição, mas sem jogar desde o dia 27 de Janeiro, é duvidoso que apresente o ritmo competitivo necessário para ser considerado por Jesualdo Ferreira para o próximo jogo.

 

* A Academia Sporting foi considerada a quinta melhor da Europa, atrás das do Ajax, Partizan de Belgrade, Hajduk Split e Barcelona. Apararentemente, o principal critério prende-se por a formaçao de atletas entre os 15 e 21 anos, com três ou mais épocas no clube, que jogam em ligas europeias. A exemplo, o Ajax tem 69 jogadores por si formados actualmente a competir em 31 ligas europeias. Acho este critério excessivamente simplístico, considerando que nem o Partizan nem o Hajduk Split são extraordinariamente reconhecidos pela formação ao nivel do Barcelona e até do Sporting. Além do mais, não foi especificado o período que é abrangido pelo estudo.

 

* Rumores, como bem sabemos, são sempre à dúzia, no entanto, consta que o Sporting está interessado no avançado do Peñarol, Juan Oliveira, de 31 anos, cujo passe está avaliado por menos de um milhão de euros. Esta época leva 16 golos apontados em 24 jogos e, na época passada, sob o comando de Maradona no Al Wasi, do Dubai, marcou 13 golos em 24 jogos. Vale o que vale.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:20

Nota de imprensa

Rui Gomes, em 28.03.13

Neste dia em que os novos órgãos sociais do Sporting Clube de Portugal tomam posse, os sócios que compõem a Plataforma 1960 desejam as maiores felicidades aos membros da nova Direção, Assembleia Geral, Conselho Fiscal e Conselho Leonino. Fazemos sinceros votos que este dia represente um momento de viragem no rumo que o Sporting Clube de Portugal estava a tomar e que este mandato venha a ser bem diferente do anterior, uma vez que estão criadas todas as condições institucionais para que assim seja.

 

Acreditamos que o Dr. Bruno de Carvalho conseguirá assumir as responsabilidades que a partir de hoje serão suas, assumindo-se como um Presidente unificador, que tratará todos os sócios desta instituição centenária de igual forma, como integrantes legítimos da mesma e enorme massa adepta de um só Sporting Clube de Portugal.

 

Como plataforma agregadora, de mais de uma centena de sócios preocupados com o rumo que o seu clube tem assumido nos últimos anos, seremos atentos e pacientes e desde já nos colocamos à disposição da nova Direcção para contribuir com ideias e sugestões que ajudem o Sporting Clube de Portugal a reassumir a posição que lhe pertence no panorama desportivo nacional.

 

Saudações leoninas,

 

Plataforma 1906

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:28

Quem é o elemento anónimo ?

Rui Gomes, em 28.03.13

 

A pergunta que muitos sportinguistas continuam a fazer recai sobre a identidade do terceiro elemento da estrutura de futebol de Bruno de Carvalho, que tem sido mantida em segredo, por ele já ser um funcionário do Sporting. Agora que a nova liderança foi empossada, não se compreende as razões para não divulgar o nome da pessoa. Esta situação leva a conjecturas e depois de pensar que era Manuel Fernandes - entretanto esclarecido - adianto o nome de Abel Ferreira. Já tinha pensado nele e a hipótese é agora reforçada pelo silêncio em torno da contenda, na véspera do embate dos seus comandos com o Aston Villa, em jogo das meias-finais da «NextGen Series».

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:51

Conselho Leonino

Rui Gomes, em 28.03.13

 

Sinto alguma curiosidade em ver se a Associação de Adeptos, entre outros, irá manter os seus «gritos» para a extinção do Conselho Leonino, agora que está bem recheado com os seus amigos da lista B, complementados por alguns dos seus aliados da lista A.

 

Ao todo, foram eleitos 50 elementos e ainda 10 suplentes. A necessidade de suplentes para o inconsequente funcionamento deste órgão meramente consultivo, escapa-me completamente, salvo a possibilidade de adicionar mais uma linha ao CV dos ilustres participantes. Entre os 60 nomes referidos - 38 da lista B e 22 da lista A, o único que identifiquei é o de Carlos Lopes, conhecido apoiante de Bruno de Carvalho.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:01

Ponte de ligação aos leitores

Rui Gomes, em 28.03.13

 

«Vai ser um ano muito duro, não tenho quaisquer dúvidas. Trabalho há 20 anos no sector financeiro e estou absolutamente convicto que o novo Presidene do SCP falou «de cor» ao prometer liquidez imediata para injectar capital na SAD. Na verdade penso que ele estará a contar que no BES (admito que o BCP se foi «retirando da cena») tenham o seguinte raciocínio: vamos adiantar-lhe os 25 milhões até ao final da época, pois caso não o façamos estaremos a colocar em risco o nosso crédito total.

 

O problema é que pode vir a ter azar com o «ovo no traseiro da galinho»... Quer-me parecer que, no BES e no BCP, já atingiram o ponto de saturação. Novos créditos estarão fora de qualquer cogitação e mesmo reestruturações (dilatação de prazos) só serão admitidas contra significativa amortização imediata de capital. Assim sendo, duvido muito que venham agora a disponibilizar mais 25 milhões como acréscimo de dívida, sem quaisquer garantias quanto ao futuro.

 

Essas garantias só poderiam advir da entrada de dinheiro fresco no Clube - parte para liquidar as responsabilidades imediatas (25 milhões), parte para «comprar» uma reestruturação financeira a M/L prazo (15 a 20 milhões), num total que deveria rondar 40 a 45 milhões (o valor antes avançado pelo Godinho, lembram-se?). Metade poderá ser obtida até ao final da época com o recurso à venda de activos: o que resta dos passes do Rui Patrício e de mais três ou quatro jogadores com mercado. A outra metade deveria ser conseguida já junto de investidores, que acreditando numa estratégia de rentabilização futura, se mostrassem disponíveis para uma aposta imediata na SAD...

 

Amo o SCP, pelo que espero e desejo que tudo corra pelo melhor. Mas não tenhamos dúvidas de que tudo terá de ser clarificado agora, pois se for para correr mal, quanto mais tempo durar o impasse maiores danos serão infligidos ao Clube.»

 

Leitor: Desert Lion

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:33

E Jesualdo Ferreira ?

Rui Gomes, em 28.03.13

 

Pelas palavras de Bruno de Carvalho - após a visita à Academia e o encontro com o prof. Jesualdo Ferreia - dá para perceber que o técnico permanecerá até ao final de época, mas que ainda há muito por esclarecer quanto ao futuro. Além do vínculo contratual, em si, Jesualdo Ferreira pretenderá poderes alargados, do género que acordou com Godinho Lopes, e resta saber se essa disposição será viável com Virgílio Lopes, Augusto Inácio e o tal ainda anónimo terceiro elemento na estrutura. Acima de tudo, ele quererá ser informado, tanto como nós, relativamente à visão da nova liderança para o futebol, uma total incógnita até agora.

Mera opinião minha: duvido imenso, nesta adiantada fase da sua carreira e da sua vida, que esteja disposto a limitar-se à função de treinador. Pretenderá uma palavra e um envolvimento directo - com poderes - no planeamento de todo o futebol do Sporting. Para já é claro que nenhuma das partes assumiu qualquer comprometimento e o capítulo final só será escrito no verão, ficando na dúvida, igualmente, até que ponto os resultados dos últimos sete jogos da época irão influenciar decisões.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:39

 

O título do post não é da minha autoria mas sim da do meu colega do jornal do «Sporting», José Manuel Barroso, pelo seu escrito desta semana, do qual eu me dou ao atrevimento (sem sua permissão) de transcrever este parágrafo que me parece muito pertinente ao momento:

 

«Uma das esperanças que tenho, eu sócio, é que o presidente Bruno de Carvalho possa fazer um discurso agregador e mande calar alguns dos seus adeptos mais radicais, que enchem os blogues e a net de comentários perigosamente vingativos, como se mudar fosse conquistar território. Esse discurso é perigoso e só conduzirá à manutenção do estado de guerra. Bruno de Carvalho, agora o presidente de todos os sportinguistas, sabe (e eu sei que ele sabe!) que o Sporting não é apenas 53 por cento dos votos, a maioria que o elegeu. Ele sabe que o Sporting é os 53, mais os 45, mais os quase 2 por cento dos votos expressos nas eleições. Ele tem de domar, directa e indirectamente, os cavalos de guera de alguns adeptos.É tempo de construção.»

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:52

Concepção errónea ?

Rui Gomes, em 27.03.13

Não sei se é apenas uma concepção errónea da minha parte ou uma incontornável realidade do associativismo, em geral, e do Sporting, em particular. Verifica-se muito entusiasmo por estas eleições terem sido as segundas mais participadas de sempre mas, pelos números disponíveis, não sinto que haja assim tão enorme razão para regozijo: dos cerca de 90 mil sócios, só aproximadamente 32 mil têm as quotas em dia e, consequentemente, só esses estiveram aptos para votar neste acto eleitoral. Desse número, pela via presencial e por correspondência, somente 16,055 exerceram o seu direito. A par do País, porventura, verifica-se muita apatia no que a participação directa concerne. Até não será justo apontar desinteresse total pelo Clube mas, evidentemente, não o suficiente para precipitar uma muito maior participação. Alíás, até não é segredo algum que o Sporting chama a si um muito maior número de adeptos, em Portugal e espalhados pelo Mundo, do que sócios. Em modesta escala, esta consideração é comprovada pelos visitantes ao blogue, com origem nos cinco continentes.

É possível, de facto, que a participação dos eleitores seja mais significativa do que eu considero, mas é por de mais evidente que fica longe de ser maciça. O sentido da satisfação expressa estará mais associado ao nível de comprometimento com o futuro do Clube que foi bem demonstrado pelos que participaram, dentro do enquadramento do melhor possível.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:43

O som da bancada

Rui Gomes, em 27.03.13

 

  

«Força Bruno! És o homem certo, no lugar certo, no timing certo. O Sporting somos nós»

 

«Força Jesualdo Ferreira! Atendendo ao que se tem vindo a passar no clube, estás a fazer um ótimo trabalho. Não vejo ninguém melhor do que tu para treinar o Sporting, só se fosse mesmo o Inácio, mas para já é só dirigente.»

 

«Populismo é bonito, a realidade depois. No momento é Lua de Mel, esperando que Bruno de Carvalho consiga os milhões necessários para a salvação do Sporting e que Godinho vá a Tribunal.»

 

«O Sporting precisa mesmo de uma revolução para poder voltar ao lugar que pertence e vamos ajudar Bruno de Carvalho a fazer isso.»

 

«Força Bruno, estamos contigo. Espero que seja o início de um grande trabalho à frente do Sporting. Somos muitos milhares que votaram e acreditaram em ti. Espero também que alguns sportinguistas que andam a falar demasiado se calem.»

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 17:21

As duas caras da mesma "moeda"

Rui Gomes, em 27.03.13

 

A NOBRE ATITUDE SÓ AGORA REVELADA...

 

"O Sporting não precisa de oposições internas"

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:10

O "novo" lema do Sporting

Rui Gomes, em 27.03.13

 

O SPORTING DE TODOS NÓS !

 

O que era ontem uma «mentira», hoje é uma «verdade»...à conveniência.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:58

Adeus e até nunca mais

Rui Gomes, em 27.03.13

 

«A futilidade é a alma gémea da ignorância. A arrogância é a alma gémea da incompetência. A vaidade é a mãe delas»

 

Se a vaidade fosse música...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:49

NextGen Series 2013

Rui Gomes, em 27.03.13

ASTON VILLA  vs  SPORTING CP  -  19h00 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:33

O que dizem eles

Rui Gomes, em 26.03.13

 

«O importante é começarmos já o nosso trabalho. É importante que os sportinguistas comecem a sentir a calma suficiente, porque as coisas estão a acontecer e as pessoas estão a começar a trabalhar. Havemos de ter a tranquilidade e o sucesso que todos ambicionamos há muito tempo. Este foi o sinal claro que as pessoas deram nestas eleições. Estaremos aqui para respeitar essa vontade clara e trabalhar em prol dos sportinguistas. Os sócios querem muito mais ouvir falar do clube e do trabalho do clube, da dedicação, da devoção e do esforço, do que acerca das questões financeiras. Foi por isso que nos elegeram. Vamos resolver o assunto e começar a devolver a paz que o clube tanto necessita.»

 

-    Bruno de Carvalho    -

 

Observação: Tenho de admitir que o novo presidente do Sporting sabe «trabalhar« a audiência. Não a convence, salvo os seus mais fervorosos apoiantes, mas obra um bom discurso para desviar atenções. Não há nem nunca houve qualquer dúvida de que a vasta maioria de sportinguistas preocupa-se, principalmente, com o estado da equipa principal de futebol e os resultados desportivos. Essa consideração não obstante, ainda há aqueles sócios, porventura um pouco mais conscienciosos, que não vão esquecer o degradado estado financeiro com duas ou três palavras estimulantes do presidente. A sua evasão às questões de tesouraria - foi essa a pergunta do jornalista - é compreensível, porque terá agora de enfrentar, de mão estendida, aqueles que os seus apoiantes andam há meses sem fim a ofender com os mais baixos impropérios, completamente alheios às realidades do mundo em que vivem. Contrário ao que pretende passar quanto ao «sinal claro que as pessoas deram nestas eleições», espero que compreenda - provavelmente até já é o caso - que o quadrante de sócios que lhe permitiu assegurar a vantagem de 8,40 por cento da votação sobre José Couceiro, representa essencialmente aqueles que decidiram fazer uma aposta no «escuro», na esperança de que a solução aí resida, tão exasperados se sentem com o estado do seu clube de há uns anos a esta parte. Esta distinção, daqueles que acreditam em si incondicionalmente, é importante, porque serão muito mais exigentes e difíceis de convencer quanto à qualidade da sua liderança e não lhe irão apresentar uma segunda oportunidade. Para já, considerando que o mandato ainda nem sequer foi iniciado, é mais do que justo optar por uma posição paciente mas alerta, aguardando o desenrolar da obra ao longo das próximas semanas e meses.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:42

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds