Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Feliz Ano Novo !

Rui Gomes, em 31.12.13

 

São nos pequenos gestos e atitudes do nosso dia-a-dia que devemos proporcionar

alegria e compreensão a todos que nos cercam. Que a virada do ano não seja

apenas mais uma data, mas um momento para repensar tudo o que

fizemos e desejamos e que o ano vidouro seja repleto de

realizações, conquistas, sucessos,

Paz e Harmonia.

 

São os votos dos autores do Camarote Leonino para

todos os sportinguistas, em geral, e para os

seus leitores e Amigos, em particular.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 03:00

Silly Season II (6)

Rui Gomes, em 31.12.13
 

 

Deve ter sido através de notícias deste género que o mercado de transferências passou a merecer o nome de "Silly Season" !
 
Avança o portal espanhol «fichajes.net» que Hélder Postiga pode deixar o Valência durante o mercado de Inverno e que o seu provável destino será o Sporting. De acordo com a mesma "fonte", o Sporting apresenta uma proposta de dois milhões de euros, enquanto o emblema espanhol insiste em três milhões, o mesmo valor que pagou ao Saragoça no Verão passado.
 
O suposto descontentamento com o jogador luso deve-se ao facto de ele não ser o goleador desejado no Valência. Marcou três golos nas primeiras três jornadas, bisou contra o Barcelona, no dia 1 de Setembro, mas desde então nunca mais marcou e passou a ser segunda opção.
 
Mesmo reconhecendo que não é um goleador nato, é o tipo de jogador que sempre respeitei pela sua total entrega e profissionalismo mas, dito isto, nem consigo começar a imaginar o seu regresso ao Sporting e, ainda por cima, a troco de 2 ou 3 milhões de euros.
 
A fértil imaginação de alguém dissipou qualquer sentido de bom senso, se é que ele existia...
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:00

 

 

Alemanha - Bayern Munique: 16 J - 14 V - 2 E - 0 D / 42 GM - 8 GS - 44 pontos

 

 

 

 

 

Bélgica - Standard Liège: 21 J - 14 V - 6 E - 1 D / 44 GM - 12 GS - 48 pontos

 

 

 

 

 

Espanha - Altético de Madrid: 17 J - 15 V - 1 E - 1 D / 46 GM - 11 GS - 46 pontos (Igualdade pontual com o Barcelona) 

 

 

 

 

 

França - Paris Saint-Germain: 19 J - 13 V - 5 E - 1 D / 44 GM - 13 GS - 44 pontos

 

 

 

 

 

Grécia - Olympiacos: 17 J - 16 V - 1 E - 0 D / 53 GM - 6 GS - 49 pontos

 

 

 

 

 

Holanda - Ajax: 18 J - 11 V - 4 E - 3 D / 41 GM - 7 GS - 37 pontos (Igualdade pontual com o Vitesse)

 

 

 

 

 

Inglaterra - Arsenal: 19 J - 13 V - 3 E - 3 D / 37 GM - 18 GS - 42 pontos

 

 

 

 

 

Itália - Juventus: 17 J - 15 V - 1 E - 1 D / 39 GM - 11 GS - 46 pontos

 

 

 

 

 

 

Portugal - Sporting: 14 J - 10 V - 3 E - 1 D / 33 GM - 9 GS - 33 pontos (Igualdade pontual com Benfica e FC Porto)

 

 

 

 

 

Turquia - Fenerbahce: 17 J - 13 V - 2 E - 2 D / 43 GM - 19 GS - 41 pontos

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:00

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:59

 
 

 

Antes de me dirigir ao ponto principal deste post, devo admitir que poucos jogadores me irritavam tanto - para ser simpático - como João Pereira enquanto militou no clube de Carnide. Dito isto, para grande e agradável surpresa minha, está entre os jogadores, em anos recentes, que eu mais admirei e respeitei que representaram o Sporting, tanto pelos seus dotes futebolísticos como pelo seu profissionalismo. Pela sua transferência para o Valência , fiquei feliz pelo jogador, sabendo que passaria a usufruir de vencimento superior ao do Sporting, mas lamentei perder quem eu me habituei a ver correr a ala direita da equipa leonina.

 

Não é segredo algum que a sua estada no clube espanhol tem sido um sucesso; é um dos capitães da equipa e um favorito entre adeptos. Surge agora uma distinção atribuída pelo conceituado jornal italiano «Gazetta dello Sport» que não é de desprezar. João Pereira foi eleito o 4.º melhor lateral direito da Europa, apenas atrás de Philipp Lahm (Bayern Munique), Dani Alves (Barcelona) e Ivanovic do Chelsea.

 

Os seus números desde que chegou ao Valência no Verão de 2012:

 

Realizou 49 jogos como titular - 3 como suplente utilizado - acumulando 4086 minutos de jogo (45,4 jogos).

 

Esperamos que mantenha o seu já conhecido nível de jogo, para dar a sua total contribuição à Selecção Nacional no Mundial 2014 no Brasil.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:59

Um (?) ficou pequenino !

Rui Gomes, em 30.12.13

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:24

 

 
Não sei quantos espectadores se aperceberam do burburinho que ocorreu junto do banco de suplentes do FC Porto durante  segunda parte do encontro de ontem em Alvalade. Segundo as reportagens da comunicação social, os ânimos aqueceram por os portistas não terem gostado da proximidade de um apanha bolas. Alguém do banco lhe terá mandado uma "boca" que o apanha bolas não gostou nem acatou e é então que surge o "herói" do dia, Josué, mais exaltado de que qualquer outro - porventura por razões que nem sequer se associam ao apanha bolas - a tentar a agressão física e quando esta foi impedida por colegas, terá cuspido, atingindo o jovem na face.
 
Conduta deplorável e inadmissível por parte de um profissional - já para não dizer cidadão - que exige severa punição por parte do Conselho Disciplinar. Espero que este órgão esteja atento à ocorrência, embora se desconheça se o incidente foi registado em qualquer relatório.
 
A parte que até achei de algum humor relaciona-se com a "coragem" do jogador do FC Porto - devia estar a contar com o socorro dos colegas que se encontravam no banco - já que o jovem apanha bolas (ver foto) faz dois dele.
 
Este preferido de Paulo Bento é repetente neste tipo de acções - terá feito algo semelhante num jogo com o Arouca - e como profissional de futebol deve ser severamente punido, independente do que o apanha bolas fez ou deixou de fazer.  
 
Nota: Agradecemos ao nosso leitor Pedro51 a referência deste vídeo intitulado "Pequeno Rebelde" sobre o jogador Josué. 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:34

Não Matem esta Oportunidade de Ouro

City Lion, em 30.12.13

 

Ontem fizemos uma excelente exibição, fazendo esquecer a menos conseguida contra o Nacional. Apesar do tempo razoável, o preço dos bilhetes terá infelizmente afastado adeptos e o apelo, tipo chantagem psicológica do nosso Presidente, teve também aparentemente um efeito contraproducente.

 

O comunicado do Bruno Carvalho da passada 6ª feira, fez-me lembrar a "Operação Coração" do nosso rival da 2.ª circular e conhecendo a família leonina não me surpreende uma reacção de estranheza ao mesmo. Aquela frase sobre a reduzida venda das gameboxs, que já há uns tempos aqui alertei e expliquei, dizendo que "coloca em perigo a reestruturação efectuada com os possíveis efeitos negativos que daqui podem advir e para os quais todos fomos alertados" é sibilina. Ou muito me engano ou está a ser preparada a venda de algum dos titulares do Sporting (Rui Patrício? William Carvalho?) com efeitos imprevisíveis para uma equipa que, como se comprovou ontem, tem todas as condições para lutar pelo titulo ou pelo tão importante acesso directo à Champions. Nesse comunicado, Bruno Carvalho deixou ainda implícito que a acontecer essa venda, a culpa não será desta Direcção mas de todos nós sportinguistas.  

 

Este fim de semana José Mourinho referiu-se ao Liverpool e à vantagem "incrível" que tem de poder preparar os jogos com muito tempo por não estar nas competições europeias. Este ano tivemos quase uma “tempestade perfeita” favorável às nossas cores como a tal ausência das competições europeias (até de coisas más se podem tirar benefícios), as contratações de um treinador e ponta-de-lança muito bons, a estabilidade a nível directivo, o apoio incansável dos adeptos por esses campos fora e uns rivais bem abaixo daquilo que nos habituaram. Não é admissível que seja a falta de concretização da promessa eleitoral de injecção imediata no clube de 15 a 20 milhões de euros que pode acabar por "matar" esta enorme oportunidade que temos esta época com a venda de um jogador nuclear em Janeiro. Se não aparecerem os tais investidores prometidos, faço daqui um apelo aos nossos financiadores que percebam a oportunidade de ouro que temos este ano e que flexibilizem os compromissos dados por esta Direcção (que não tinha grande alternativa) aquando da negociação da reestruturação financeira. Ok o Sporting também são vocês !

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:35

"Clássico" em imagens

Rui Gomes, em 30.12.13

 

 

Leonardo Jardim: "Reduzimos o FC Porto"

 

Adrien: "Faltou o golo"

 

Cédric: "Estivemos sempre à procura do golo"

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:06

 

 
Um "clássico" muito bem disputado em Alvalade, com o Sporting quase sempre superior ao longo dos 90+3 minutos da partida, faltando apenas maior eficácia de finalização, muito embora a figura do jogo tenha sido Fabiano, o guarda-redes brasileiro do FC Porto.
 
Leonardo Jardim tinha indicado que iria mexer um pouco no onze leonino, mas acabou por surpreender com Rui Patrício a dar lugar a Marcelo, Maurício a Eric Dier e Montero a Slimani. O FC Porto até entrou melhor no jogo, mas passados os minutos iniciais o Sporting "arrumou a casa" e começou a exercer o maior domínio das operações, não permitindo espaços nem linhas de passe ao adversário, que só criou verdadeiro perigo para a baliza de Marcelo Boeck uma única vez, aos 7 minutos, quando Ghilas teve uma boa oportunidade mas rematou por cima da trave.

Não obstante o empate caseiro, não posso apontar um único jogador do Sporting que não tivesse feito uma boa exibição. A defesa esteve nada menos do que impecável - salvo no acima referido lance de Ghilas -, Cédric e Jefferson foram absolutamente incansáveis tanto a defender como a complementar as manobras ofensivas; grande jogo do trio do meio campo - William, Adrien e André Martins - Wilson Eduardo também com uma excelente exibição, especialmente na primeira parte e, por fim, Islam Slimani, que não tendo os dotes técnicos de Fredy Montero, não destoou minimamente. Necessitava, como acontece com o seu colega colombiano, de ser melhor e mais frequentemente servido na área.
 
Três substituições muito bem pensadas por Leonardo Jardim: Montero por Slimani aos 63' - Carrillo por Capel aos 67' e, finalmente, Vítor no lugar de André Martins aos 77 minutos. Carrillo entrou muito bem e criou diversas oportunidades de grande perigo e, ironicamente, Vítor Silva, por duas vezes, teve o golo da vitória nos pés mas faltou pontaria mais certeira.
 
Uma palavra final para o jovem Eric Dier que mais uma vez demonstrou grande maturidade e serenidade e que tem lugar nesta equipa do Sporting. Ajudou o facto de Marcos Rojo estar a subir de nível com o passar de cada jogo. Muitas razões para optimismo com esta equipa leonina !

Nota: Devo acrescentar que na minha modesta opinião, pelo futebol jogado e perante um adversário da qualidade do FC Porto, esta foi a melhor exibição da época do Sporting.
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:54

 

 
O ano de 2013 está prestes a terminar e preza-nos verificar o sucesso evidente do Camarote Leonino nos seus 12 meses e 40 dias de existência.
 
A plataforma "Sapo Blogs" atingiu em 2013 (desde 2006) 11 milhões de posts e 13 milhões de comentários. Na sua ainda curta vida, o Camarote Leonino regista algumas marcas de destaque:
 
- 7 posts que mereceram "Recortes" (destaque entre blogs)
 
- 5 "Posts da Semana"
 
 
- Em 4.º lugar com o post mais comentado entre blogues desportivos - Frase do Dia - e em 2.º entre blogues sportinguistas. A bem dizer, o que se situa em 1.º lugar é de mérito discutível, já que consta somente de um link a uma entrevista, sem qualquer texto original.
 
Quanto aos comentários, deve-se apontar - aliás, como o leitor bem sabe - que os comentários no Camarote Leonino não constam somente de "gritos de guerra" com meia dúzia de palavras.
 
Durante o ano de 2013, o Camarote Leonino regista mais de 200 mil visitantes - 3000 posts e 12 mil comentários.
 
Esperamos manter e se possível melhorar a qualidade deste nosso espaço verde-e-branco em 2014. O Sporting Clube de Portugal merece a distinção.
 
*** Por mero esquecimento, deixou-se omisso que o Camarote Leonino também tem página de Facebook - com semelhante sucesso -  não obstante, a bem dizer, a falta de disponibilidade para divulgar e promover a página.
 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:20

 

O JOGO

 

"A Prova dos seis" -    William e Fernando de olhos com o Mundial 2014 em pano de fundo.

                                        Fernando é o mais influente - William o preferido da Selecção.

                                        Leões proíbem bandeiras e tarjas às claques portistas.

                                        Jardim: «FC Porto traz a melhor equipa».

                                        Ghilas e Fabiano entram no onze.

 

A BOLA

 

"A prova dos novos" - Dois jovens treinadores em busca de fechar o ano 2013 em grande.

                                        Leonardo Jardim e Paulo Fonseca vão mexer nos onzes.                   

                                        Boeck, Piris e Wilson possíveis no leão.

                                        Fabiano, Licá e Ghilas possíveis apostas no dragão.

 

RECORD

 

"Tira teimas" -            Montero e Jackson - Quem acaba o ano como maior goleador ?

                                       Avançado portista viajou para Lisboa sem treinar com a equipa.

                                       Quintero excluído.

                                       Jefferson, Adrien e André Martins em dúvida.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 03:47

 
 
Em provas a eliminar, o Sporting e o FC Porto encontraram-se 49 vezes ao longo de 92 anos, com um equilíbrio quase absoluto nas taças:
 
* Nos 49 jogos em que se encontraram: Sporting contabiliza 17 vitórias - FC Porto 17 vitórias - 15 empates.
 
Taça de Portugal - 36 jogos
 
   Sporting - 11 vitórias - FC Porto - 13 vitórias - 12 empates - 47 golos para o Sporting - 52 para o FC Porto.
 
Campeonato de Portugal - 12 jogos
 
   Sporting - 5 vitórias - FC Porto - 4 vitórias - 3 empates - 21 golos para o Sporting - 14 para o FC Porto.
 
Taça da Liga - 1 jogo
 
   Sporting - 1 vitória - por 4-1.
 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:42

 

As palavras são de Agostinho Abade - antigo presidente do Conselho Fiscal do Sporting - em entrevista a Bola Branca da Rádio Renascença. Não disse mais do que já era óbvio a todos os sportinguistas, mas também concordo com o seu raciocínio - já aqui referi por diversas vezes - que a chave é a  entrada directa para a Liga dos Campeões, ou seja, para a fase de grupos, pelos respectivos milhões de prémio. Para isso, o Sporting terá de se qualificar pelo menos em 2.º lugar na Liga, já que o terceiro obrigará a disputa de uma pré-eliminatória que, à partida, não oferece garantias.

 

Relativamente às recém-declarações de Bruno de Carvalho sobre o débil estado da reestruturação financeira, Agostinho Abade entende que visam ser uma alerta para o universo leonino: «Não há saneamento possível sem o apoio dos sócios e adeptos. A situação era caótica e as despesas tinham de diminuir. Isso foi conseguido e agora há que aumentar as receitas. A equipa de futebol está a dar-nos motivos para ir ao estádio e temos de ajudar mais, mesmo neste contexto de crise económica.

O Sporting estava à beira da falência. Foram tomadas medidas de redução de custos e isso tem de continuar a acontecer. O que se pede agora é que as receitas aumentem. Os bons resultados da equipa de futebol podem estar a "camuflar" um pouco os problemas financeiros mas o Sporting está no bom caminho.»

 

Agostinho Abade saberá melhor do que muitos de que o mero aumento de receitas de bilheteira é insuficiente para as responsabilidades que enfrentam o Sporting, assim como a captação de novos sócios. Creio que tal como ocorreu no Verão com Bruma e Tiago Ilori, veremos a venda de alguns activos em Janeiro e, nos casos de Labyad e Jeffrén, empréstimos com algum retorno e redução da carga salarial. Se o cenário se vai estender a algum jogador agora considerado essencial, teremos de esperar para ver.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:42

 

Cristiano Ronaldo recebeu este sábado no Dubai o prémio "Globe Soccer" de Melhor Jogador do Ano. A escolha é baseada na votação de adeptos de todo o mundo e o jogador luso venceu com uma grande diferença do segundo classificado, Lionel Messi. Uma das figuras presentes na cerimónia foi o antigo árbitro italiano - que chegou a ser considerado o melhor do mundo - Pierluigi Collina.

 

Espera-se agora a decisão sobre a Bola de Ouro da FIFA que está marcada para 13 de Janeiro.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:42

Convocatória para o FC Porto

Rui Gomes, em 28.12.13

 

O Sporting divulgou a lista dos convocados por Leonardo Jardim para o jogo da Taça da Liga perante o FC Porto, sem surpresas algumas: os usuais 19. Embora o Sporting nada tenha dito nesse sentido, constam existir algumas dúvidas, por problemas físicos, sobre André Martins, Adrien Silva e Jefferson, apesar de todos terem integrado as sessões de treino realizadas após o Natal.

 

Na conferência de imprensa de antevisão ao jogo, Leonardo Jardim sublinhou que o objectivo fulcral do Sporting é o campeonato, mas nem essa consideração serve para convencer que ele não fará alinhar todas as suas "armas" principais em Alvalade, no domingo. Resta esclarecer quem vai para a bancada desta vez; ele tem andado a alternar com Rinaudo, Magrão e Vítor, e já perdi a conta de quem está escalado para assistir ao jogo entre os adeptos. Por conseguinte, o onze incial do Sporting será:

 

Rui Patrício; Cédric Soares, Maurício, Marcos Rojo e Jefferson; William Carvalho, Adrien Silva e André Martins; Diego Capel, André Carrillo e na ponta da lança ofensiva, Fredy Montero.

 

Nota: Li posteriormente que Leonardo Jardim admite fazer duas ou três mudanças na equipa, uma por sector. Não sei o que ele tem em mente, mas na defesa só poderá fazer entrar Eric Dier ou Iván Piris, no meio campo Magrão (perda de tempo) ou Vítor e, na frente, descansar um dos extremos e dar uma oportunidade a Carlos Mané e, a opção final, Slimani no lugar de Fredy Montero.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:18

Talho de Manuel Mota vandalizado

Rui Gomes, em 28.12.13

 


O árbitro Manuel Mota - dispensa presentação - é proprietário de um talho na freguesia de Moure, concelho de Vila Verde, que a GNR reporta ter sido recentemente vandalizado. Desconhece-se mais pormenores, salvo que em uma das paredes do estabelecimento estava escrito: «Mota lampião, não prejudiques o leão". A alegada mensagem indica, ou pretende indicar, que o acto de vandalismo foi perpetrado por adeptos do Sporting, quando ainda não há evidência alguma nesse sentido.
 
Uma situação clássica que deixa uma pessoa com sentimentos divididos. O primeiro instinto é dizer "toma lá, que bem o mereceste", quando, na realidade, não há justificação para acções deste cariz. Esperamos que não tenham sido adeptos do Sporting.
 
Questão à parte, consta que pelo seu desempenho em Alvalade no jogo com o Nacional, o observador António Costa - antigo juiz internacional - atribuiu-lhe uma nota entre os 2,4 e 2,5 numa escala de zero a cinco, ou seja, uma actuação insuficiente, negativa. A isto, não hesito em sublinhar o total merecimento !
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:24

A mensagem do Presidente

Rui Gomes, em 27.12.13

 

Não me vou dar ao trabalho de transcrever o todo da mensagem do presidente do Sporting - intitulada "Porque o Sporting somos nós" - por estar disponível no site do Clube aqui e, porventura, já terá sido lida por muitos dos leitores. Dito isto, no entanto, esta contém algumas considerações importantes e merecedoras de maior relevo e apreciação da nossa parte.

 

Surpreendente - para mim, pelo menos - ler o que podem ser considerados lamentos do presidente sobre determinados aspectos do Clube e medidas levadas a cabo pelo seu Conselho Directivo que, na sua óptica, não tiveram o impacto esperado e desejado:

 

1. Um acréscimo "apenas" de 6000 novos sócios, apesar de terem sido criados novos escalões "para permitir que todos se possam tornar associados e com regalias."

 

Sublinha ainda Bruno de Carvalho que este número é "manifestamente pouco para a grandeza do Sporting Clube de Portugal". As razões exactas para esta disposição serão várias e talvez de difícil dissecação. Não será injusto apontar para a crise do País como um dos factores que contribui para a menor adesão de sportinguistas a associação formal ao Clube. Além do mais, é a natureza humana, que não exclui sportinguistas, que a vasta maioria é composta por adeptos muito mais passivos do que activos.

 

2. Uma vez colocada à venda a "Gamebox Modalidades", apenas 200 foram vendidas. Considerando o notável ecletismo do Sporting, este baixo número é de facto surpreendente. Não sei até que ponto a não existência de um próprio pavilhão influencia esta vertente das operações, mas é provável que tenha um impacto negativo.

 

3. No que à venda de Gamebox para o futebol concerne, faltam ainda vender cerca de 2000, declarando o presidente que "estamos irremediavelmente afastados do objectivo de receita definido e necessário." Mesmo com a implementação inédita de os "Bilhetes Família" e os "Bilhetes Anti-Crise", que permitem limitado (1000) ingressos "Anti-Crise" ao custo de 5 euros, apenas se tem verificado uma média de compra de 150.

 

No último jogo em Alvalade contra o Nacional, houve uma campanha com preço único para todas as bancadas, de 7 euros para sócios. Apesar disto, lamenta o presidente, estiveram pouco mais de 38000 espectadores, sendo que contabilizando  as entradas Gamebox, significa que apenas 3233 sócios compraram bilhetes para o jogo.

 

Também aqui será possível avançar com um leque de factores que precipitam o todo da situação, mas considero que dois são cruciais: o primeiro, as baixas expectivas para a época anunciadas logo no primeiro dia e frequentemente reiteradas desde daí. A segunda, a não existência de nomes "cartaz" no plantel. Compreende-se perfeitamente a condicionante financeira, mas é esperar muito vender um produto que não apresenta activos sonantes, não obstante os resultados de maior agrado. O adepto de futebol, em geral, além do apoio ao clube da sua simpatia, é motivado a assistir "in loco" pela expectativa de ver jogar este ou aquele jogador de dotes superiores e pelo espectáculo, por si. A exemplo, extremo que seja, não sou adepto do Real Madrid mas tento não falhar um jogo seu por... Cristiano Ronaldo. Se me encontro na capital espanhola, a tentação de me deslocar ao estádio é irresistível. No Sporting temos muitos outros exemplos do género, mas vem-me prontamente à ideia o meu entusiasmo em ver em Alvalade um Peter Schmeichel, um André Cruz, um Acosta e até um Liedson, só para nomear alguns.

 

4. Por fim, na parte que compete a este meu texto, o presidente lamenta também o jornal do Clube - que ele descreve como "mudado e melhorado"- apenas ter "algumas dezenas de novos assinantes".

 

Concordo que tenha mudado, já o seu melhoramento é muito discutível. Desde o advento de notícias "online" hora a hora, um jornal como o do Sporting é forçado a ter um atractivo extra para estimular vendas e assinantes. Não sou perito na matéria mas, pela minha óptica, algumas das alterações levadas a cabo afectaram o interesse pela publicação. É lógico que cada leitor procure algo diferente de um jornal de clube: a minha preferência é notícias sobre as modalidades - escassas em outros órgãos noticiosos - as crónicas dos jogos da formação, algumas entrevistas com figuras interessantes que não sejam atletas e, sobretudo, os artigos de opinião, a minha leitura preferida.

 

O actual jornal começa logo menos bem com o editorial da autoria do seu director, José Quintela, que é um pobre escriba e tem como seu escopo quase exclusivo aquilo que eu considero propaganda avulsa e repetitiva. A edição, em si, para baixar custos, foi reduzida de 30 páginas para 20, eliminando muito espaço de publicação. Tem havido um número excesso de entrevistas - em alguns casos até de peculiar escolha - com "amigos" da nova liderança, que poderá muito bem reconhecer interesses e considerações pessoais, mas não incentiva vendas. Sobretudo, a parte que sempre me atraiu mesmo antes de me tornar colaborador, a diversidade de artigos de opinião que foi reduzida para um terço, ou menos ainda. Por norma, verificam-se apenas dois ou três cronistas - um deles o personagem de Daniel Sampaio - que me leva a dizer que se eu quiser "ouvir" sempre o mesmo "sermão" todas semanas, por palavras diferentes, limito-me a ir à Missa na Igreja do meu bairro. Felizmente para o jornal, José Serrano - valoroso colaborador de há já três décadas, ou mais - ressurgiu recentemente com os seus usuais interessantes "ataques" à comunicação social "encarnada". Outros colaboradores de notável interesse - excluindo a minha pessoa - desapareceram completamente. Em geral, a qualidade gráfica e a composição geral do jornal continuam a ter muita qualidade, graças à contribuição do seu director-adjunto de há uns anos, Rúben Coelho, e à sua equipa, muito embora nos créditos só apareça o nome de José Quintela, contrário ao que sempre se evidenciou.

 

Bruno de Carvalho termina a mensagem com um compreensível apelo a todos os sportinguistas para uma maior participação. Estará finalmente a reconhecer que navegar nestas "águas" clubistas, é sempre mais apetecível quando nos encontramos à distância e em terra firme.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:32

Já temos árbitro !

Rui Gomes, em 27.12.13

 

O Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol nomeou o juiz internacional de Leiria, Olegário Benquerença, para o jogo de domingo entre o Sporting e o FC Porto. Sinto-me tentado a dizer que não é dos meus favoritos, mas como nenhum outro é, a disposição fica anulada por si própria. A sua nomeação era entre as mais expectáveis e já constavam alguns rumores.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:25

Frase da Semana

Rui Gomes, em 27.12.13

 

«A rever o clássico «Sozinho em casa" pela ducentésima vigésima quarta vez lembrei-me de Bruno de Carvalho e de como ele se sentiria nesta quadra. Os pontos perdidos frente ao Nacional, com que ninguém contava, representam o lapso da mãe que se esquece do terceiro filho em casa e apanha o avião sem cuidar de fazer uma contagem em vez de confiar na sorte.»

 

-    João Querido Manha    -

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:46

Pág. 1/10





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds