Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Feliz Ano Novo

Rui Gomes, em 31.12.14

 

Ano-Novo-2015.jpg

 

FELIZ  E  PRÓSPERO  ANO  NOVO

 

de todos nós no   C A M A R OT E   L E O N I N O

 

Que todos os sonhos se tornem realidade em 2015 !

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:12

O novo amigo do Bruno

Rui Gomes, em 31.12.14

 

brunocarvalhoricciardi.jpg

  

Acabei de ler a entrevista do José Maria Ricciardi ao Record, numa curiosa prova de amor ao Bruno Carvalho e, desde logo agradecendo a disponibilidade manifestada por ele no meio de tantos problemas, lembro que o mesmo Ricciardi 4 meses antes de Godinho Lopes sair disse publicamente: "Temos de dar tempo ao presidente, porque ele também está a aprender ... mudar constantemente de presidente não é solução. Eles próprios precisam de ter estabilidade. Aqueles que agora querem que o presidente saia, devem lembrar-se que quando ganharem as próximas eleições vai acontecer-lhes a mesma coisa”.

 

Eu se fosse ao Bruno Carvalho aproveitava para me demarcar deste novo amigo que pelos vistos não dá muita sorte a Presidentes eleitos com margens curtas e que geram "mixed feelings" entre os sportinguistas e pelo caminho dar um toque ao José Eduardo para ver se rectifica aquela declaração e artigo, porque com amigos destes...

 

Ficámos hoje com a confirmação que 30% do capital do Sporting é agora propriedade de alguém que também está com as mãos completamente sujas neste processo BES/GES e que muito mal fez a tantas pessoas e empresas no nosso país. Imaginem o que seria se isto se tivesse passado no tempo dos "lambuças / croquetes / viscondes"? Mas tudo bem, já o Eduardo Barroso nos tinha avisado que "quero lá saber que sejam russos, angolanos, chineses ou lavagem de dinheiro". Mais um amigo com quem se deve ter muito cuidado.

 

BOM ANO NOVO !

 

ATENÇÃO: Devido a um lapso técnico, aparece o meu nome como autor deste post, quando, na realidade, o autor é o meu colega CITY LION.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:11

As coincidências...

Rui Gomes, em 31.12.14

 

728xNxa-bola-2014-12-31-6b51d4_jpg_pagespeed_ic_Tn728xNxrecord-2014-12-31-3fdba3_jpg_pagespeed_ic_yw

 

Por mera coincidência - não pode haver outra explicação, decerto - os dois diários desportivos "acordaram" hoje com a mesma "inspiração" noticiosa, que até deu direito a capa, nomeadamente que existe uma cláusula no vínculo contratual de Marco Silva que permitirá ao Sporting alegar justa causa para a dissolução do mesmo, caso a equipa se encontre a 15 ou mais pontos do líder do campeonato no termo da primeira volta, sem o treinador ter direito a indemnização.

 

Coincidência curiosa, sem dúvida, que depois de tantos dias a debater esta questão, só hoje, em simultâneo, surgem com esta até agora desconhecida informação. Até nem duvidamos da genuidade da referida cláusula, mas considerando a existência do "blackout", vamos acreditar que a fonte da informação não foi um dirigente do Sporting.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:17

Papagaios e colheres

Rui Gomes, em 31.12.14

 

carlosbarbosa310133846.jpg

 

Alguém terá dito, algures, que "em briga caseira ninguém deve meter a colher", o problema é que a sociedade portuguesa é fértil em "papagaios" sempre com a "colher" a jeito. No caso concreto de Carlos Barbosa - personagem muito baixa na minha lista de considerações - o seu surgimento não é surpresa alguma, pecando somente por ser tardio.

 

Se pelo acto eleitoral de 2013 ele teve aquilo para dizer, não espanta que instado a comentar o "tumulto" do momento, ele venha com mais do mesmo, por outras palavras: 

 

«Há uma força que tem sido demonstrada por adeptos e maus sportinguistas que, no fundo, são lambe-botas do presidente, para correr com o treinador. Quem está a mais não é Marco Silva, tem feito um trabalho extraordinário. Será um disparate deixarmos fugir, mais uma vez, um treinador, como é disso exemplo o Leonardo Jardim, que estava farto da Direcção do Sporting. O maior activo que o Sporting tem nesta altura é o seu treinador.

 

A Direcção do Sporting está mais interessada em ter protagonismo pessoal, quer Augusto Inácio quer Bruno de Carvalho. O presidente tem de engolir as palavras e comentários infelizes que escreveu, portar-se como um homenzinho e deixar o futebol funcionar sem ele e sem o Inácio. A equipa está solidária com o treinador e não tem paciência para o Inácio nem para o presidente. Espero que Marco Silva e a equipa não liguem muito ao que diz Bruno de Carvalho e que continuem a trabalhar e a dar alegrias aos sportinguistas.

 

A Direcção actual fez tanta conversa e tanto populismo mas acaba por estar a cumprir o plano financeiro que foi elaborado pela anterior.»

 

Hmm... "lambe-botas do presidente"... palavras dele, não minhas, e juro que não lhe encomendei o recado.

 

Não há nada como acabar o ano em "boa nota" !??

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:54

Para evitar o pior...

Rui Gomes, em 31.12.14

 

802223-3260844475.jpg

 

É preciso saber para perceber que não se sabe tudo; todo

aquele que não pensa assim anda muito mal informado.

 

Não sei se alguém terá dito isto, algures, mas faz sentido, e parece-me pertinente ao momento do Sporting, em especial, à pessoa do presidente.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:52

Jogo Sujo: Cruzada contra o Sporting

Rui Gomes, em 31.12.14

 

 

 

 Agradecemos a referência do leitor Tywin Lannister.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:35

Daniel Carriço renovou até 2018

Rui Gomes, em 31.12.14

 

daniel.jpg

 

Fiquei satisfeito ao ler que Daniel Carriço - um dos jogadores que eu admirava no Sporting - renovou com o Sevilha até 2018, um dos principais elementos da equipa que na época passada conquistou a Liga Europa, vencendo o Benfica na final.

 

O Daniel chegou ao Sporting em 1999 - com 11 anos -, proveniente do Estoril. Permaneceu até Dezembro de 2012 - com duas épocas de cedência pelo meio -, quando foi transferido para o Reading, da "English Premier League", por 750 mil euros, salvo erro.

 

Mais um daqueles casos de desaproveitamento que nos deixam a coçar a cabeça.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:34

Elo de amizade e fraternização

Rui Gomes, em 30.12.14

 

business-networking.jpg

 

«Não sou sábia na arte de jogar futebol, mas sei que sou sábia na arte de amar um Pai... e como filha apenas posso agradecer os votos endereçados e deixar o testemunho do quanto uma Equipa não se mede apenas pela força física, pelos seus bons ou maus resultados,,, mas também pela Dignidade Humana, pelo Gesto de Apoio, pela Cumplicidade, pelo "Estar aqui porque precisas de mim !"... este também é o Espírito do Sporting e de toda a sua Equipa !

 

Hoje sei que o meu pai não trabalha apenas num clube de futebol, o meu pai trabalha com Amigos e Companheiros... dos bons e maus momentos... próprios de uma Vida Normal !

 

Obrigada Equipa, Obrigada Amigos, Obrigada Sporting Clube de Portugal.»

 

Carla Mota

 

Mensagem enviada para o Camarote Leonino, também comunicando que o nosso colega sportinguista e massagista da equipa principal do Sporting, Carlos Mota, encontra-se em estado de saúde estável. Reiteramos os nossos mais sinceros desejos de rápidas melhoras.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:12

Rápidas melhoras...

Rui Gomes, em 30.12.14

 

heldon_e_paulinho_1857e9bd_664x373.jpg

 

Breve palavra sobre Carlos Mota, massagista do Sporting, que se sentiu indisposto no final do jogo em Guimarães e teve mesmo de ser transportado ao hospital de ambulância. Nada mais se sabe sobre a sua condição neste momento.

 

Desejamos-lhe rápidas melhoras.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:17

 

Adepto.jpg

 

Depois de há 8 dias ter tentado fazer aqui a cronologia possível dos factos que levaram à situação de ruptura entre Marco Silva e Bruno Carvalho, vou agora tentar ajudar os sportinguistas que, como eu, estão tristes e revoltados com toda esta situação, a perceber o que se está hoje a passar, recorrendo ao que consegui saber:

 

1) Marco Silva foi despedido por Bruno Carvalho numa reunião alargada que decorreu no dia 22 e que correu muito mal, tendo vindo ao de cima a personalidade narcisista de Bruno com expressões de quase loucura como “O Sporting Sou Eu!”. Esta decisão já havia sido tomada antes do jogo com o Nacional e comunicada ao "inner-circle" e originou a decisão do pedido para convocar a Assembleia-Geral;

 

2) Bruno Carvalho decidiu, depois da reunião de 2a feira, que iria avançar com um despedimento por justa causa desde logo por não ter gostado da "insolência" manifestada pelo Marco não só na reunião, como nas declarações na Madeira. Acresce que Bruno não quer gastar dinheiro na indemnização, dinheiro que não temos e até para mais tarde não lhe poderem fazer um processo por gestão danosa como o que ele está a fazer a antigos líderes do Sporting e receia que sem uma justificação forte os adeptos não lhe perdoarão esta decisão de afastar Marco Silva;

 

3) Enquanto trata da questão da justa causa, que o Gabinete Jurídico já alertou não é fácil, Bruno opta por tentar fazer quebrar Marco Silva e provocá-lo a sair por sua iniciativa (com alguma sorte o Marco ainda teria que pagar algo ao Sporting e o Bruno poderia "lavar as mãos" da decisão). Assim, articulado com os seus principais aliados nomeadamente José Eduardo, a dupla Eduardo Barroso/Daniel Sampaio, José Quintela (este muito reticente e já com pouca entrada nos jornais) e os bloguistas/comentadores de serviço de blogs, como alguns que aqui comentam (vários pagos) iniciou uma campanha de difamação do Marco Silva que atingiu o seu apogeu na célebre entrevista e artigo do José Eduardo;

 

4) Qual não foi a surpresa desta gente quando percebem que esta campanha não pega, nem sequer dentro da própria Direcção. Bruno teve assim que fazer marcha atrás, provisoriamente, vendo que o seu sonho de ser o Pinto da Costa do Sporting se poderia esboroar rapidamente (e não ajuda o facto de não conseguir recrutar para novo treinador alguém que seja consensual em Alvalade);

 

5) Está-se a assistir agora a uma situação inacreditável como se viu ontem com um louco irresponsável a gozar de toda a situação e, no final de uma exibição esforçada mas fraquinha com resultado bom mas injusto, a festejar exuberantemente numa Taça da Liga que tinha descartado e um homem triste e desiludido, mas a querer fazer tudo pela equipa que o apoia a 100%;

 

6) Em minha opinião Bruno, tendo falhado as estratégias anteriores, espera agora por um mau resultado já com o Estoril (ou então depois com o Braga) para avançar mais facilmente com o despedimento formal, embora esteja muito atento ao que lhe possa acontecer nesta situação, estando a preparar o “day-after” não para salvaguardar o Sporting, que nunca foi o seu principal interesse, mas para salvaguardar a possibilidade de cumprir o mandato e a obcecação de ser reeleito;

 

7) Ainda há possibilidade de haver volte-face? Com este Presidente nunca se sabe, quem o conhece sabe que a sinceridade e coerência nunca foram o seu forte e ainda pode ser que venha a público fazer uma prova de amor a Marco Silva. O problema é que ele sabe que está a dar mostras de fraqueza e hoje foi por exemplo gozado com toda a pertinência pelo insuportável Sousa Tavares. Para agravar a situação do Carvalho, do outro lado está alguém que, hoje ainda gosta menos do Bruno do que eu (até porque o conhece melhor) e, na melhor das hipóteses, se este Presidente se mantiver, ficará por cá a ganhar experiência até ao final da época para depois lançar-se noutra aventura, quem sabe se num rival do Sporting que esfregam as mãos de contentes.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:12

 

i.jpg

 

"No jogo de ontem cada um cumpriu o seu papel e, institucionalmente, Bruno de Carvalho esteve à altura do que era esperado. Tudo o que não fosse ir para o banco era uma sentença que não deixaria de ser lida. Ganhou tempo, e tempo até poderia significar discernimento se fosse pessoa para ouvir alguém - e nada do que se viu até hoje nos faz pensar isso. O seu comportamento no fim roçou o ridículo, e o ridículo mata."

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:21

Contrastes conspícuos

Rui Gomes, em 30.12.14

 

ng382AC847-6FFE-4670-A5CD-575B91DBD263.jpgng716BEC1B-670C-492C-A34F-38AED2AE9695.jpg

 

Muito embora Marco Silva tenha afirmado que a sua pouca expansiva postura ontem em Guimarães não é invulgar, não seria humano se não evidenciasse algum indício do tumulto dos últimos dias, em severo contraste com o presidente, que reagiu como se esta vitória na Taça da Liga fosse a solução para todos os seus problemas.

 

«Por vezes estou mais passivo. Estou concentrado no jogo e no trabalho dos meus jogadores. Não há introspecção. Está mais do que na altura, pela dimensão do clube, pela massa adepta do clube, de pararmos um pouco com a história de que o treinador está sisudo.»

 

wdiag.jpg

Em abono da verdade, achei a sua postura durante o jogo perfeitamente normal, já o mesmo não posso dizer do que tive ocasião de observar no final da partida. Concordo com Marco Silva quando ele diz que "há mais coisas para ver no jogo do que a cara do treinador." É bem verdade, mas pelo momento que o Sporting atravessa, é difícil não tentar interpretar as expressões dos principais protagonistas.

 

No outro lado da moeda, a reacção de Bruno de Carvalho não surpreendeu de modo algum, perfeitamente em linha com a sua essência. Já percorreu trajectos de muito maior embaraço pessoal e não permitirá que esta "pequena" tempestade perturbe a sua postura pública. 

 

Quando instado a comentar a "falta de apoio da Direcção do Sporting", Marco Silva surpreendeu, não pela substância da resposta, mas sim pelo facto de ter respondido:

 

ng3814317.jpg

 «Apoio ? Sinceramente, isso não é o mais importante. Há decisões que não sou eu que tomo. Estou da mesma forma que estava quando entrei neste grande clube, com a mesma paixão. Sinto o apoio dos adeptos diariamente, é o que me faz trabalhar cada vez mais. As outras questões não é a mim que têm de perguntar. Está na hora de respeitarmos os adeptos do Sporting, que todos os dias lêem coisas nos jornais que não são agradáveis. Eu importo-me com o que eles têm passado nas últimas semanas, principalmente na última semana. Não vou contribuir para isso.»

 

O homem não é estúpido, sem dúvida alguma. Terá exagerado ao que concerne o seu actual estado emocional - embora se admita que detém a mesma paixão - mas compreende perfeitamente que a vasta maioria de adeptos está com ele neste imbróglio em curso, e de forma subtil sublinha o seu reconhecimento por esse apoio.

 

Muito sinceramente, não faço leitura alguma quanto ao seu futuro pelo que se passou ontem no Estádio D. Afonso Henriques. Admito a possibilidade de a decisão ter sido tomada independente do jogo e do resultado, e se não foi, compete ao presidente assumir as suas responsabilidades e não prolongar este estado das coisas, de uma forma ou outra, e aceitar as eventuais consequências. Pode, mas não deve, continuar a encomendar recados deploráveis aos seus lacaios, como aquela vergonhosa missiva publicada pelo oblíquo José Eduardo. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:56

"Leõezinhos" em destaque

Rui Gomes, em 30.12.14

 

ngFB03C28C-BE78-439C-A59C-A7399AA866C7.jpg

ng6CD23C11-4C97-49EF-A02E-A187E187084A.jpg

ng400369F4-9FCA-448D-B115-A6B4BE37ACDD.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:55

 

TAA-DA~1.JPGng2859453.jpg

                                                                                                            

Marcelo Boeck; Ricardo Esgaio, Tobias Figueiredo, Naby Sarr e André Geraldes; Oriol Rosell, Ryan Gauld e Simeon Slavchev; Heldon, Daniel Podende e Junya Tanaka.

 

sportingguimaraes1.jpg

  

Foi este o onze inicial do Sporting no Estádio D. Afonso Henriques, digamos, uma equipa irreconhecível, sem um único dos usuais titulares, mas uma excelente oportunidade para os jovens da equipa B e alguns outros com muito pouca rodagem esta época.

 

ngF7501D21-9A77-4829-8F15-EC66C4999192.jpg

 

O Vitória de Guimarães teve mais posse de bola, foi superior nas jogadas de ataque e rematou mais, mas foram os "leões" que demonstraram eficácia frente à baliza, com dois excelentes golos. Por Heldon, logo aos 5', para inaugurar o marcador, e por Dramé, para o encerrar, aos 90'+4, com um belo remate à entrada da área.

 

Creio que concordaremos que o Sporting esteve muito bem defensivamente, com destaque para o quarteto mais recuado. Surpresa agradável em que até André Geraldes realizou uma boa partida, mesmo tendo sido o alvo preferido das jogadas ofensivas vimaranenses. Sólidos, é a palavra que me vem à mente para descrever as exibições de Naby Sarr e Tobias Figueiredo.

 

Alguns jogadores a darem muito boas indicações que poderão ser úteis à equipa principal, como foi o caso de Tanaka e do jovem Ryan Gauld, que impressiona com a sua capacidade de passe.

 

Um bom início de semana em um período muito turbulento para o Sporting. Não sei se terá sido apenas impressão minha, mas a expressão de Marco Silva no final do jogo não me deixa entusiasmado, pela expectativa de surpresas (desagradáveis) que poderão surgir nos próximos dias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:46

Vamos lá ver se nos entendemos...

Rui Gomes, em 29.12.14

 

IYNBHEYE.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 16:34

 

BC.png

 

Muito se tem escrito sobre este assunto, numa história que mostra bem o carácter das várias pessoas envolvidas. Quem teve a paciência de ler o que temos escrito aqui no ultimo ano e meio não pode ter ficado admirado com o que está a acontecer, nomeadamente com o comportamento do Bruno Carvalho. A única pessoa que me aliviou um bocado a tristeza com isto tudo foi o José Eduardo que no seu inenarrável artigo, fala no Sporting de Bruno de Carvalho - ainda bem que isto tudo se está a passar nesse clube e não no meu Sporting Clube de Portugal!

 

Como já existe muita tensão à volta desta matéria, acho que o melhor é mesmo levá-la para a brincadeira. Assim venho reproduzir o documento redigido por Bruno Carvalho e enviado aos serviços jurídicos do Sporting, com as 10 razões para avançar com a rescisão por justa causa do contrato com Marco Silva:

 

1) Ao contrário do Inácio, do Virgílio e da Direcção do Sporting e da SAD (agora já menos mas não perdem pela demora...), o Marco não tem passado a vida a bajular-me e a lembrar-me que eu sou fantástico e nunca o ouvi dizer que a gestão do Sporting é agora uma referência mundial;

 

2) No caso do Rojo e Slimani, o Marco achou mal eu ter prometido uma coisa aos jogadores e depois ter voltado atrás com a palavra dada e ter decidido suspendê-los sem lhe dar cavaco – pensei que nessa altura ele já conhecesse melhor o que vale a minha palavra e a minha forma de trabalhar em equipa;

 

3) Nunca apostou na maioria dos craques que eu trouxe para o Sporting este ano: Gauld, Slavchev, Rabia, Geraldes, Saar (esse ok ainda tentou), Rosell, Tanaka e Sacko. Para alem disso ainda se deu ao luxo de dispensar outros craques que eu trouxe o ano passado como o Magrão, Hugo Sousa, Jorge Santos, Matias Perez, Piris, Vitor Silva e Welder  e apostar pouco noutros como Heldon, Everton Gonçalves, Enoh, Dramé, Salim Cissé, Sambinha, etc., já para não falar no comportamento indecente que teve para com o meu menino Shikabala;

 

4) Não reagiu bem ao meu inofensivo post no Facebook no qual só procurava defender a equipa, como sempre tenho feito, apontando os holofotes apenas para mim;

 

5) Impertinentemente, queria sempre informar-se sobre as minhas apostas de treinador para a equipa B, como se isso tivesse alguma coisa a ver com ele e ainda tinha o desplante de me chamar a atenção para situações que não estavam a correr bem na formação (como se o Virgílio não tivesse tudo sob controlo);

 

6) É sempre bem educado nas conferências de imprensa e não aprendeu nada com o meu estilo bem mais lampião (e o lampião é ele!);

 

7) Quando insultei o Manuel Fernandes, não insultou o Jordão mostrando publicamente pouca coesão entre nós;

 

8) De vez em quando pergunta-me pela injecção dos 15/20 milhões que prometi e que em parte podíamos usar em Janeiro para contratar um bom central (como se ele já não tivesse lá imensos);

 

9) Ouvi dizer que ele não ia pôr a jogar nenhum juvenil contra o Guimarães quando eu especificamente mencionei esta possibilidade no comunicado 2323 deste ano;

 

10) Está bem mais popular do que eu junto dos adeptos, essa cambada de ingratos e esta é que eu não lhe consigo mesmo perdoar !

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:09

 

leonardo-jardim-decembre-2013-1586297-616x380.jpg

 

Já há uns dias que venho a sentir grande curiosidade em saber a opinião de Leonardo Jardim sobre a polémica em que o Sporting está envolto neste momento e, quase como a satisfazer o meu desejo, aparece hoje uma entrevista do antigo treinador leonino. Eis algumas das suas principais declarações:

 

- "Nunca me arrependi de deixar o Sporting, pois estou a dar continuidade àquilo que sempre foi a minha perspectiva de carreira."

 

- "É um facto que, se calhar, face aos bons resultados, podia ter-se avançado para uma renovação (com o Sporting) mais cedo, mas foi um processo que se deixou avançar até mais perto do final da época. Foi quando surgiram várias hipóteses fora do país."

 

- "Quando saí do Sporting, nas conversas com Bruno de Carvalho, até foi um pedido especial dele para dar tudo aquilo que tínhamos feito o novo treinador. Procurei o Marco e fiz para lhe dar as informações em relação àquilo que era o plantel e ao trabalho que tínhamos feito."

 

- "Eu não tenho de concordar sempre com os presidentes, mas sim manter as coisas viáveis. Mas atenção, eu tenho uma boa relação com ele (Bruno de Carvalho). Trata-se de alguém que vive o Sporting com muita intensidade; foi necessário no processo de mudança do clube. É um facto que tem uma personalidade diferente da minha. Ele tinha as opiniões dele publicamente e em termos de futebol eu dava a estabilidade que eu entendia que o grupo necessitava. A sua forma de ser por vezes é difícil, realmente, se não estiver em consonância com aquilo que estamos a fazer, mas entre nós houve sempre respeito."

 

- "Ao longo da época eu e Bruno de Carvalho tivemos algumas opiniões diferentes, mas as nossas decisões foram sempre em prol do êxito Sporting."

 

- "As opiniões entre um treinador e um presidente nem sempre convergem, pois um presidente defende um clube e o treinador o grupo, mas há que levar sempre em consideração a estrutura."

 

- "A sua presença no banco ? Quando estou no jogo nem sinto a presença do presidente ou de qualquer outro factor extra-jogo. Nunca senti que o presidente tentasse interferir no que quer que seja."

 

- "Evito, neste momento, falar com as pessoas do Sporting. Mas acho que tudo aquilo que se está a criar à volta do clube não tem razão de ser. A equipa está na Taça de Portugal, fez um grande resultado no Dragão, fez aquilo que era normal na Champions - qualificar-se para a Liga Europa -, embora possa ter ficado algum amargo por não ter ido mais longe. Na Liga está diferente, mais forte nos duelos com o FC Porto e Benfica, mas com as equipas chamadas pequenas está com algumas dificuldades. Aliás, a diferença para a liderança tem a ver com essa irregularidade frente aos clubes mais pequenos."

 

- "Acho que os projectos devem ser sempre do clube e não dos treinadores. Contudo, também não acho positiva a alteração de um técnico que, como já disse, eventualmente poderia estar melhor na Liga, mas nas outras provas está a fazer um bom trajecto. Não vejo motivo ou razão para existir uma ruptura, para despedir Marco Silva, mas estou só a falar em termos desportivos."

 

- "Mané estava no último ano de contrato, passou dos juniores para a equipa B e o Sporting queria ficar com ele. Chamei--o e disse-lhe: «Olha que eu não estou a vender-te a banha da cobra, se assinares vais ser uma aposta minha. Terás 3 a 4 meses para te adaptares e a partir de Janeiro serás aposta. Acho que o Carlos Mané vai ser um fenómeno, tem grande potencial e vai chegar a grande nível, nacional e internacional."

 

- "O William Carvalho demonstrou que eu tinha razão ao apostar nele. Actualmente dizem-me que não está tão bem, mas isso deve-se a vários factores e ele melhor do que ninguém sabe aquilo que precisa fazer para voltar ao seu nível."

 

- " Um dia, com certeza, que vou regressar a Portugal. A ambição será sempre de treinar um clube de elite, que luta pelo título, e o FC Porto e o Benfica, tal como o Sporting, fazem-no. É difícil dizer quando o vou fazer, mas gostava. Tenho um grande respeito pelo Sporting, mas um dia poderei treinar outro dos grandes. Um treinador não pode estar ligado ao sentimento de adepto."

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:56

Sporting sempre no pensamento

Rui Gomes, em 29.12.14

 

036-letter-writing-correspondence-q90-1481x789.jpg

 

Um amigo meu - devoto sportinguista - escreveu-me pelo Natal e, entre outras coisas, teve isto para dizer sobre o nosso Clube:

 

«E, quanto ao Sporting em si, é esperar pelo melhor. As consequências deste pesadelo/circo demagógico e popularucho, vazio completo de ideias, protagonizado por Bruno de Carvalho e lacaios, só serão bem visíveis daqui por 5-10 anos, quando em Portugal se perceber que o Sporting - por culpa própria - já não será capaz de formar jogadores com a qualidade a que se habituou durante muito tempo.

 

Mais do que fracassos com contratações ou restrições financeiras, essa é a maior machadada que o Sporting sofre. Diariamente em Alcochete, fruto da ignorância, arrogância e leviandade, está-se a deitar fora a única coisa que ainda permite ao Sporting almejar a um futuro risonho.

 

Infelizmente, com a benção de muitos sportinguistas.»

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:55

É boa ideia vender William ?

Rui Gomes, em 29.12.14

 

21D1C4D100000578-2888713-image-a-99_1419717755988.

 

Segundo o jornal britânico Daily Mail o Arsenal prepara-se para fazer nova abordagem por William Carvalho, pela reabertura do mercado em Janeiro.

 

Lesões e outras considerações no plantel, além da participação na Champions, poderão forçar Arsène Wenger a ir ao mercado e no topo da sua lista de prioridades está o médio-defensivo do Sporting, por quem, reporta o diário, oferecerão 20 milhões de libras, ou seja, aproximadamente 26 milhões de euros.

 

Já houve uma tentativa falhada por parte do Arsenal no Verão, com uma proposta que ficou aquém dos valores exigidos pelo Sporting. Muito leva a crer que 26 milhões também não é o montante desejado, mas neste momento é difícil vislumbrar uma oferta superior. Embora William tenha vindo a recuperar a qualidade do seu jogo, ainda não atingiu os níveis da época passada.

 

O futuro está no segredo dos Deuses, mas a questão que poderá vir a estar sobre a mesa em breve é se o Sporting deve aceitar uma proposta que se aproxime dos 25/30 milhões de euros ou esperar que o jogador se valorize ainda mais. O facto de não deter a totalidade do seu passe pesará na decisão, decerto, mas por estes valores acho que é uma situação que merece ser bem ponderada antes de ser recusada.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:55

Frase do Ano

Rui Gomes, em 28.12.14

 

17871904_c7u0t.png

 

«Marco Silva é o rosto de um polvo que tenta asfixiar o Sporting de Bruno de Carvalho»

 

-    José Eduardo   -

 

 

As principais acusações do autor a Marco Silva:

 

Começa por dizer que "os sportinguistas são testemunhas da tremenda luta, nos últimos anos, em que me empenhei para defesa do nosso clube. E fi-lo, sabe quem é justo e me conhece, exclusivamente porque gosto muito do SCP. (...) E desenganem-se os, ainda, renitentes a dar-me esse crédito da confiança afirmam que eu sou «um homem do Bruno de Carvalho.» Não sou ! Eu sou, e ele sabe, porque já lho disse, «Eu sou, um homem do SCP.»"

 

- "Marco Silva é o rosto de um polvo que tenta asfixiar o SCP de Bruno de Carvalho. Desde a desfaçatez e a insolência com que desrespeitou a Administração do SCP, na última reunião, exasperando-os de tal forma que o mais contido foi, curiosamente, o presidente, até às constantes fugas de informação, cirúrgicas, vertidas nalguns órgãos de informação, tudo tem servido para fragilizar, aos olhos dos sócios, esta Direcção."

 

- "Marco Silva não quer ficar no SCP ! E afirmo-o sem admitir que me contrariem. E faço-o porque tenho evidências do que digo "

 

- "Marco Silva tem uma agenda própria. Que não respeita o projecto do SCP. O seu interesse é o de outros. Os mesmos que estavam convencidos que iriam continuar a espremer o leão. O seu empresário aconselhou-o mal, Os fundos, opacos, que Bruno vem combatendo e  FIFA vai extinguir, fazem parte do puzzle. Alguns habitués do Estádio de Alvalade fazem parte dessa seita. Que se alimentava dos milhões provenientes de "jogadas de bastidores" e que Bruno de Carvalho erradicou."

 

- "Porque é que Paulo Oliveira foi a última solução, depois de Sarr e Maurício, para o centro da defesa ? W. Carvalho (que é jogador de outro empresário) não merecia ser recuperado de outra forma ? E porque não jogou Esgaio em Espinho, sabendo-se que Cédric e M. Lopes não podiam jogar em Londres ? E Adrien ? Porque se deixa que se esgote sem lhe dar descanso ? E a Academia ? Quantos jogadores é que Marco promoveu? Tobias, Wallyson, Medeiros, Gauld, Chaby, não merecim já um alento, uma oportunidade ? Nem com o Espinho ? Ou o Vizela ? Afinal, Marco qual é o projecto do SCP ? E o seu ?."

 

- "O plantel, ao contrário do que se diz, está dividido. Mané dá a vida pelo presidente. Maurício aplaude a fanfarronice do empresário de Marco (e dele). Há jogadores que nos treinos são ostracizados, trabalhando à parte dos outros. Há alguém posto de lado que renda ?."

 

- "Marco Silva não serve o SCP. Serve-se, servindo quem lhe inculcou ideias e conceitos, obscuros, desonestos, inaceitáveis perante a ética e uma profissão fascinante como é a de treinador de futebol."

 

"Ainda tentei, em desespero, fazer-lhe ver da insanidade em que navega. Mais uma vez, mal aconselhado, não me quis ouvir..."

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:13

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.

Pág. 1/10





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds