Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Debate livre (125)

Rui Gomes, em 28.07.15

 

18552517_NAUjU.jpg

 

O espaço onde o leitor pode abordar qualquer temática do seu maior interesse. Eis as manchetes desta terça-feira:

 

- Duque e Proença vão hoje a votos.

 

- Besiktas e Génova interessados em Diego Capel.

 

- Naby Sarr no Charlton ?

 

- É hoje que vamos ter a foto "copy paste" com Bryan Ruiz ?

 

4137_75e0983a9c787282e854435e6047e890.png4139_4d7ea08b12ecce35ac1a07bce816e0cf.png

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:48

Frase da Semana

Rui Gomes, em 28.07.15

 

blatterputin1.jpg

 

Pessoa como o senhor Blatter ou os líderes de grandes federações internacionais, ou dos Jogos Olímpicos, merecem um reconhecimento especial. Se há alguém que merece o Prémio Nobel, são essas pessoas.

 

                                                                                                                     Vladimir Putin

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:47

Cartoon do Dia

Rui Gomes, em 27.07.15

 

R2WTO3RI.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 20:49

 

18670128_zZTEw.jpg

Há palavras que se colam à pele como uma lapa à rocha e “mudança” é uma delas. Bruno de Carvalho a propósito da candidatura de Pedro Proença à presidência da Liga de Clubes garantiu que o antigo árbitro personifica a “mudança” que é necessária na referida instituição.

 

 

O mesmo Bruno de Carvalho que viu o “pior funcionário” do Sporting ser promovido a coordenador do gabinete de scouting ou que assinou um contrato de quatro anos com o treinador do futuro que, poucos meses depois, foi acusado de ter uma agenda própria, poderia usar maior contenção nas palavras. Pela boca morre o peixe, costuma-se dizer.

 

Pedro Proença é considerado por muitos o melhor árbitro português de sempre. Penso ser secundário centrar a avaliação dos seus méritos e capacidades como dirigente da Liga de Clubes através da sua carreira na arbitragem. No entanto, é evidente que Pedro Proença, enquanto árbitro, nunca foi pessoa de ruptura com o status quo estabelecido pelos poderes dominantes. Não me recordo de um gesto ou de uma frase nesse sentido. Pelo contrário, andou sempre sossegadinho no carreiro não fazendo ondas.

 

Tenho como certo que o Sporting foi bastante prejudicado pelas arbitragens do candidato à presidência da Liga. O Portal Sporting/Memória em 13 de Agosto de 2009 publicou um ranking dos árbitros que teriam lesado mais o Sporting nas quatro épocas anteriores. A lista era encabeçada por… Pedro Proença.

 

Está na memória de todos os sportinguistas o princípio do fim da carreira de Stojkovic no Sporting à conta daquele erro de Proença ao assinalar injustificadamente como atraso de Polga uma bola que ressaltou para o guarda redes. Ou um azarado FC Porto-Sporting também disputado no Dragão, em Maio de 2012. Nesse jogo o árbitro Pedro Proença expulsou os dois centrais leoninos, Onyewu a quem erradamente mostrou dois amarelos e Polga por derrube de James. Depois, o árbitro não se coibiu de confraternizar de forma sorridente com Hulk.

 

Por ser mais recente no tempo, todos nos recordamos do Benfica-Sporting para a Taça de Portugal, em Novembro de 2013, quando Duarte Gomes não assinalou duas grandes penalidades indiscutíveis a favor do Sporting. Proença, agora promovido a paladino da mudança, garantiu que “Duarte fez uma excelente arbitragem. Teve de tomar perto de 150 decisões naquele jogo e, se errou numa ou noutra, não é isso que fará uma arbitragem negativa. O Duarte está no lote dos melhores árbitros portugueses e assim continuará”. Errou em dois penaltys, apenas. Um pormenor irrelevante, portanto!

 

Tenho sérias dúvidas que Pedro Proença premiado com o Dragão de Ouro e que num recente colóquio sobre arbitragem conviveu animadamente com Fernando Madureira, o líder dos Super Dragões, constitua um factor de transformação do futebol português em algo mais íntegro e equitativo, indo ao encontro das aspirações dos sportinguistas que defendem justiça e transparência nas diferentes instituições desportivas.

 

Há quem afirme que Proença é o candidato do Sporting à presidência da Liga, mas isso, em rigor, não corresponde à realidade. O antigo árbitro é o candidato do Sporting, FC Porto, Moreirense, União da Madeira, Marítimo, Estoril…

 

 

P.S.: 1 - A propósito da rejeição pela Assembleia Geral da Federação Portuguesa de Futebol do sorteio condicionado dos árbitros, Bruno de Carvalho não foi meigo nas palavras: “Estamos num mundo de incompetência e hipocrisia”. Acontece que Pedro Proença é a favor da nomeação dos árbitros. O mundo é um lugar muito confuso!

 

P.S.: 2 - Para os leitores que queiram consultar o curioso ranking publicado no Portal Sporting/Memória.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:30

 

record-666x327.jpg

 

Gostaria de explicar a Bruno de Carvalho alguns dos benefícios de falar menos e, até, de passar alguns dias calado, mas sei que ele não vai entender, ou melhor, não vai querer entender.

 

Poucas são as ocasiões em que estou verdadeiramente interessado naquilo que ele tem para dizer, especialmente quando abre a boca sem primeiro ponderar as consequências das suas palavras, mas faço um enorme esforço, e sacríficio, para acompanhar as suas entrevistas - e são tantas - para não ser acusado de o ignorar aqui no blogue.

 

Logo após a conclusão do torneio na Cidade do Cabo, o presidente do Sporting recorreu ao seu usual manual de oratórias - popularmente conhecido por "como melhor vender a banha da cobra" - e além de mais um feroz e muito baixo ataque a Luís Duque, abordou outras questões de (pouco) interesse geral.

 

Fala de uma forma tão paternalista e desrespeitadora, que nem sequer dá para transcrever as afirmações. Basta, em síntese, referir as principais temáticas:

 

"Estamos com alguma calma" (questionado sobre reforços)

 

"Deve ser um assunto calmo, sem nenhum tipo de pressão" (renovação de Carrillo)

 

"Com calma, sem stresse, vamos ter patrocinador" (camisolas)

 

"Estamos a fazer o trabalho como gostamos, com calma" (negociações)

 

"Ontem acho que fui claro, era necessário ponderação e calma" (Luís Duque)

 

"Tivemos que acelerar muito para termos estas contratações" (reforços)  

 

 

É evidente que disse muito mais do que isto, mas fica a ideia do que mais me exaspera. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:01

Jorge Jesus sereno e lúcido...

Rui Gomes, em 27.07.15

 

ng55090093-5AF3-4647-A9BC-532A272CEEED.jpg

 

Assim como tenho criticado Jorge Jesus no passado - e muito, diga-se - também sinto a obrigação moral de o louvar naqueles momentos em que o técnico se apresenta com um discurso lúcido. Aprecio a forma serena e sobretudo realista como definiu o estado da pré-época, logo após a conclusão do torneio na Cidade do Cabo:

 

Gostava de ter feito mais jogos e ter tido mais tempo para que os jogadores consigam assimilar as minhas ideias, mas a calendarização foi assim definida, portanto temos que desenvolver um trabalho com qualidade para que a equipa consiga crescer mais rápido e no dia 9 estar a um bom nível.

 

Estou a preparar a equipa para o início da competição a nível técnico, táctico e físico, mas ainda não há uma ideia definida. Alguns jogadores ficaram em Lisboa e outros estão lesionados. Quero um plantel com 25 jogadores, equilibrado e onde todos possam ser opção.

 

Não penso em reforços, estamos contentes com os jogadores que temos, mas estava ainda mais se tivesse aqui o Ewerton e o William.

 

Já fiz esta observação em conversa com os leitores e compreendo perfeitamente os sentimentos de Jorge Jesus. É quase ridículo que se vá para o primeiro jogo oficial da época - e logo com o Benfica - com apenas três jogos de preparação: os dois na Cidade do Cabo e o terceiro pela apresentação da equipa no dia 1 de Agosto. O que teve lugar na Academia antes da viagem para a África do Sul foi, na realidade, treinos de conjunto, radicalmente diferente de jogos organizados no exterior, com assistência e arbitragem e adversários de nível.

 

Apesar da sua boa intenção, no que ao plantel diz respeito, sinto muita dificuldade em aceitar que Jorge Jesus vai trabalhar apenas com 25 jogadores. Creio que nunca serão menos do que 28 e, para ficar por esse número, muitos terão de ser cedidos muito em breve.

 

Não sei bem a sua ideia quando afirma que "não pensa em reforços". Como qualquer outro treinador, se surgir mais algum elemento de qualidade, decerto que não o recusará.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:44

Foto do Dia

Rui Gomes, em 27.07.15

 

bryanruiz2.jpg

 

Bryan Ruiz chegou a Lisboa este domingo, mas acho que devia ter gozado mais uns dias de férias. Assisti a três jogos da Costa Rica na Gold Cup e o desgaste do novo médio do Sporting era bastante evidente.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:39

Sabe sempre bem ganhar...

Rui Gomes, em 26.07.15

 

B15GZCR2782-602x385.jpg

 

O Sporting conquistou a primeira edição da "Cape Town Cup", vencendo na final o Crystal Palace, por 2-0, dois golos de Fredy Montero.

 

É verdade que sabe sempre bem ganhar, mas nestes encontros de preparação de pré-época, existem outras considerações também muito importantes. A equipa leonina melhorou em alguns aspectos, mas é por de mais evidente que ainda se encontra muito longe do nível de performance necessário. Hoje, frente a um emblema inglês pouco artístico e muito faltoso - que mesmo assim rematou mais e criou um maior número de oportunidades - verificou-se um meio campo muito confuso e uma frente de ataque quase não existente, em termos de criatividade, salvo pela jogada de Slimani a servir Montero para o segundo golo da partida.

 

Eleito o homem do jogo e, indiscutivelmente, o "leão" do torneio, Rui Patrício surgiu mais uma vez com diversas intervenções espectaculares, a salvar este Sporting ainda muito permeável. As duas exibições do guarda-redes leonino na África do Sul terão servido, entre outras considerações, para calar uma ou duas más línguas que por aqui navegam e que não se cansam de o menosprezar. É caso para dizer que se presunção fosse uma virtude, haveriam muitos virtuosos no Mundo.

 

Naldo surgiu este domingo no onze inicial, no lugar de Tobias Figueiredo. Já mostrou mais das suas capacidades, mas duvido muito que seja o "patrão" da defesa que o Sporting procurava. Quanto muito, será uma alternativa adequada para o lesionado Ewerton. Ruben Semedo na posição "6" não é um caso inesperado e lamenta-se que tivesse de sair prematuramente, devido a lesão.

 

Do meio campo para a frente, Jorge Jesus tem ainda uma enorme tarefa entre mãos. Viu-se hoje um Gelson Martins muito apagado e André Carrillo a surgir frequentemente no corredor central, instrução clara do treinador. Contudo, salvo como já referi no segundo golo de Montero, não me recordo de um  único remate ameaçador de jogada livre, ou, até, jogadas de perigo eminente.

 

O Sporting regressa agora a casa e, neste momento, o único outro jogo agendado é a apresentação da equipa frente à Roma, salvo erro, no dia 1 de Agosto.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:32

 

600.gif18553266_fZ5Tz.jpgC6U4OQPB.jpg

 

Claramente frustrado e a dar chama à sua animosidade para com Luís Duque, Bruno de Carvalho reagiu impetuosa e irracionalmente a culpar o presidente da Liga de Clubes pela decisão da Assembleia Geral da FPF, ao chumbar o sorteio dos árbitros em competições oficiais. Recorde-se que 53 delegados votaram contra a medida, 17 a favor e houve uma abstenção:

A decisão é sobretudo um golpe para os clubes depois de uma decisão largamente maioria ficamos a perceber que Luís Duque e os seus pares não foram capazes de defender os nossos interesses. Estamos no Cabo da Boa Esperança, onde se falava de monstros e onde muitas pessoas morreram, mas um dia um português passou e mudou tudo. Estamos envoltos num Mundo de incompetência e de hipocrisia, verificámos existirem uns delegados que não faziam ideia do que se estava a falar e não houve capacidade da Liga em informá-los sobre as virtudes do sorteio e o regulamento com as alterações pensadas. Vamos ter de continuar nesta luta, mas fica a impressão que a FPF continua de costas voltas para os clubes e os clubes não têm pessoas que as defendam devidamente. É bom que os clubes entendam o que significa este chumbo. Isto não é um revés para o Sporting, mas para o futebol.

 

É preciso ter um presidente da Liga que nos defenda, que não se deixe ser eliminado numas votações depois de os clubes terem decidido outra coisa. (...) Temos de continuar a pugnar por um futebol diferente e os clubes têm de tentar fazer ouvir a sua voz. Se não houver clubes não há futebol, nem selecções, nem negócio. Temos de ser serenos, perceber o que é o futebol, os interesses que estão à volta e lutar todos juntos por votar num presidente da Liga que não tenha medo de defender os clubes.

 

 

À margem de um jogo de preparação entre o Atlético e Olhanense, Luís Duque reagiu às declarações de Bruno de Carvalho:

 

 

Quem esteve lá viu que é falso. Defendi sempre a vontade dos clubes no sentido do que foi decidido na AG da Liga. Publicamente sempre defendi a vontade desses clubes, independente daquilo que possa ou não pensar. Ficou na evidência de todos os que ouviram as minhas declarações que a posição da Liga foi uma e de forma inequívoca, inclusivamente recorrendo a pareceres para suportar a posição dos clubes. Se a proposta não teve acolhimento, pelo menos ficou a mensagem dos clubes de que as coisas não estão bem e têm de ser mudadas. A Liga tem apenas um voto. Nem faço comentários, é de alguém que não acompanhou, ou está completamente desfasado da realidade e não tem a mínima noção do que está a dizer. Se a própria proposta do Sporting foi admitida na AG, foi porque eu disse que todas tinham de ser ouvidas. É um perfeito disparate de alguém que é um perfeito ignorante nesta matéria e que não tem o mínimo de experiência nestas questões.

 

 

Além do ataque directo a Luís Duque, fica-se com a sensação de que o discurso do presidente do Sporting foi um de campanha eleitoral em prol de Pedro Proença. Curiosamente, Bruno de Carvalho não se incomodou a estar presente nas duas sessões da Assembleia Geral da Liga, em que a proposta do Sporting foi debatida e eventualmente aprovada pelos clubes.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:04

 

 

Pensava eu que a Supertaça Cândido de Oliveira era para ser disputada entre o Sporting e Benfica. Pelos vistos, de acordo com o vídeo promo da RTP, é Jorge Jesus I contra Jorge Jesus II.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:03

Pizarro: novo reforço referenciado

Rui Gomes, em 26.07.15

 

4139_d48f75651a36b27ddedd687a6d251406.png

Guido Pizarro é notícia este domingo por, alegadamente, estar a ser negociado pelo Sporting. Natural de Buenos Aires, Argentina, de 25 anos, médio, jogou pelo Lanús de 2009 a 2013, sendo então transferido para o Tigres UANL - por 3 milhões de euros - da Liga MX (primeira divisão mexicana).

 

Na época passada, pelo Tigres, participou em 42 jogos como titular e 7 como suplente utilizado - em todas as competições - acumulando 3733 minutos de jogo (41,4 jogos), com um golo marcado.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:02

"Adversários poderosos" ?

Rui Gomes, em 26.07.15

 

ng4486313.bmp

 

Suíça - Hungria - Ilhas Faroé - Letónia - Andorra

 

Naturalmente poderíamos ter um grupo mais difícil, mas temos adversários poderosos no Grupo B.

 

                                                                                                                   Fernando Santos

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:01

Diego Rubio é mais um "mal amado" ?

Rui Gomes, em 25.07.15

 

ng5D50BC30-BA73-4046-9C2F-DC56418A40D8.jpg

O avançado chileno regressou a Alvalade pela abertura da janela de transferências de Janeiro 2015 e foi prontamente integrado no lote dos comandos de João de Deus, onde viria a dar uma contribuição significativa para a recuperação competitiva e pontual dos "Bês" do Sporting. Participou em 21 jogos, sempre como titular, acumulando 1810 minutos de jogo (20,1 jogos) e marcando 14 golos, uma média de 0,64 golos/jogo.

 

Sempre foi o meu pensamento - e, creio, de muitos outros sportinguistas - que Diego Rubio seria um dos convidados para a pré-época da equipa principal, de modo a poder ser observado directa e pessoalmente por Jorge Jesus. Não aconteceu. Pelos vistos, uma qualquer decisão já tinha sido tomada a seu respeito e foi-lhe negada a oportunidade de mostrar a sua evolução.

 

Considero esta decisão injusta e, sobretudo, ilógica, sabendo nós que o Sporting andava no mercado à procura de um avançado. Teo Gutiérrez acabou por ser a opção, depois de semanas de negociações e alguns milhões de investimento, tanto com o seu passe como com o seu elevado salário. Esperamos que esta aposta venha a dar dividendos desportivos ao Sporting e enquanto não pretendemos comparar avançados, sendo Rubio ainda muito jovem, com 22 anos, entendemos que justificava uma outra abordagem técnica.

 

Consta agora que deverá ser novamente emprestado, muito provavelmente a um clube da I Liga, com o SC Braga, V. Guimarães e Belenenses a serem noticiados como partes interessadas. O empréstimo é a decisão correcta, nas circunstâncias, uma vez que o seu desenvolvimento não será concretizado continuando na equipa B. Um outro factor a não perder de vista é que o seu contrato com o Sporting termina a 30 de Junho de 2016. Será que a renovação é objectivo da SAD ?... O óbvio risco em não renovar é de o perder, a custo zero, em Janeiro de 2016.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:38

Não é surpresa alguma !

Rui Gomes, em 25.07.15

 

18553266_fZ5Tz.jpg

 

A Assembleia Geral extraordinária da Federação Portuguesa de Futebol não ratificou a proposta da Liga de Clubes de regressar ao sorteio dos árbitros para as competições oficiais.

 

Os delegados presentes deixaram uma ideia clara da sua oposição à medida, com 53 votos contra, 17 a favor e uma abstenção.

 

Tive ocasião de escrever neste espaço que o sorteio não passaria de um penso rápido, ignorando a causa à raiz do problema. Teria, a curto prazo, providenciado uma ilusão de melhoria, mas enquanto as estruturas, e as pessoas que nelas navegam, não forem alteradas, o problema será sempre o mesmo.

 

Na realidade, o futebol português tem o "sistema" que merece, apenas e tão só porque a vasta maioria de clubes e seus dirigentes recusam enfrentar e corrigir o que está mal. Por essa perversa óptica, é melhor, portanto, andar a competir sob uma ordem nebulosa, vir a público constantemente arejar as já tradicionais queixas e desculpas para tentar justificar as insuficiências competitivas e deixar tudo na mesma. Seja bem vindo a Portugal !

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:39

Leoas são elas

Rui Gomes, em 25.07.15

 

ng859C0CED-09B8-4031-830A-C7DF20BAFEFC.jpgng859C0CED-09B8-4031-830A-C7DF20BAFEFC.jpg

 

Patrícia Cardoso

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:45

Foto do Dia

Rui Gomes, em 25.07.15

 

ngA80EF314-9F86-49CA-8893-B322CEFF9005.jpg

 

Rui Patrício não só foi a figura do jogo, como também demonstrou

o seu profissionalismo e grande espírito de equipa, ao ceder

a braçadeira de «capitão» a Adrien Silva

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:43

 

CapeTownCup_300.jpg

 

Salvo algumas breves observações, deixamos este espaço para debate livre sobre o primeiro jogo do Sporting, na "Cape Town Cup 2015" na África do Sul, vencido apenas nas grandes penalidades.

 

Na generalidade, não se viu nada radicalmente diferente, pela positiva, deste Sporting sob Jorge Jesus. Duas partes distintas, com o primeiro onze leonino a mostrar muito mais rotina e entrosamento, e muito embora Rui Patrício tenha sido chamado a fazer duas intervenções cruciais durante o período, o marcador só não funcionou mais graças a um Slimani muito perdulário na finalização.

 

Com  as múltiplas substituições no segundo tempo, o jogo perdeu qualidade, assim como a equipa do Sporting, que evidenciou pouca eficácia no último terço do terreno e, defensivamente, com os dois novos centrais com intervenções directas nos dois golos sofridos.

 

Este encontro, na minha opinião, não dá para verdadeiramente apreciar os reforços. É evidente que Ciani e Naldo não impressionaram, Gutiérrez fez um bom remate e tentou algumas combinações com Montero, mas muito pouco para mais comentário. Ruben Semedo agradou, e não só pelo golo de belo efeito, durante o pouco tempo que esteve em jogo. Gelson Martins, na primeira parte, também com alguns excelentes pormenores.

 

O Sporting irá agora defrontar o Crystal Palace na final do torneio, no domingo, tendo este derrotado o Super Sport United, por 4-0.

 

 

P.S. Jorge Jesus fez a vontade ao "menino" e este evidenciou-se no banco, evitando, assim, uma qualquer "birra" de última hora.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:42

Cartoon do Dia

Rui Gomes, em 25.07.15

 

ZP4627BO.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 07:41

 

A contratação de Teófilo Gutiérrez suscitou um grande entusiasmo em inúmeros sportinguistas. Se há quem recorde experiências mal sucedidas noutras paragens, muitos leões acreditam que com Téo estaremos sempre mais próximos da baliza adversária e da iminência do golo redentor.

 

18661907_hZN3v.jpg

Teófilo Gutiérrez é um futebolista polivalente que se movimenta com grande perigo no eixo do ataque, desempenhando as funções de ponta de lança ou de segundo avançado e, ainda, de ala direito. Conhece a especificidade de diferentes sistemas tácticos (4-4-2, 4-3-3 ou 4-2-3-1) e de como se integrar e agir em qualquer um deles. É um goleador com invulgar capacidade técnica, muito agressivo na execução no meio campo adversário, repentino no “ataque” à bola nas proximidades da baliza, perspicaz na movimentação no limite do fora de jogo e criterioso na tomada de decisões.

 

Se Jorge Jesus optar por avançado centro clássico (Slimani ou Mitroglou?) terá no jogador colombiano um falso número 10 capaz de proporcionar passes mortíferos, criando oportunidades de golo a partir de quase nada. Para além disso, Téo construirá espaços para os companheiros pois é competente a aguentar a bola, para além de ser eficaz na construção de oportunidades para alguém marcar o golo.  

 

Mas, o colombiano também pode jogar a ponta de lança, pisando terrenos próximos dos que seriam do número 9, pois é um finalizador muito rápido a executar e, para além disso, bastante móvel. Possui excelente sentido de oportunidade e um bom remate, arriscando por vezes ainda antes de chegar à grande área. Imagino que é capaz de fazer uma dupla mortífera com Montero, Mané ou, quem sabe, Ruiz.

 

Sendo um jogador rápido na execução e móvel na movimentação, agressivo na disputa da bola e oportuno no remate ou no passe, Teófilo Gutiérrez complica constantemente as marcações adversárias e aproxima a equipa da baliza adversária. Um jogador assim, por certo, atrairá muitos sportinguistas aos jogos no Estádio de Alvalade.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:43

O "Mister" faz anos hoje...

Rui Gomes, em 24.07.15

 

parabens JJ.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:38

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds