Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Estrelinha de campeão

Rui Gomes, em 30.11.15

 

prog_scp_belem.jpg

 

Apenas assisti à parte final da partida em Alvalade, mas foi o suficiente para me aperceber que terá sido uma noite algo desinspirada do Sporting, apesar da sua superioridade sobre o Belenenses.

 

Também assisti ao lance da grande penalidade - indiscutível, na minha opinião - e lamento que o causador tenha sido Tonel, um jogador que eu sempre apreciei. Pela sua experiência, a abordagem ao lance surpreende.

 

4DR0EYSI.jpg

Aceito que me corrigem, mas fiquei com a ideia que Slimani ficou desgostoso por não lhe ter sido permitido a execução do castigo máximo. Confirmando-se, dou-lhe toda a razão, lembrando que o próprio Jorge Jesus revelou não há muito tempo a lista dos marcadores quando Adrien não está em campo.

 

Fiquei surpreendido por ver Tanaka no relvado. Ele ter equipado já é uma novidade e maior o meu lamento pela falta de disponibilidade para assistir ao jogo completo.

 

Não será exagero algum adiantar que a "prenda" de Tonel nos descontos, quando já se dava o empate como certo, é uma clara indicação da "estrelinha de campeão" que aparenta acompanhar Jorge Jesus e o Sporting esta época.

 

 

Nota: Esta bela jogada de Bryan Ruiz merece destaque.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:12

A milésima entrevista

City Lion, em 30.11.15

 

ngEBD51D8E-DE9F-498E-8444-8F574BF602F4.jpg

  

Fiz um esforço para ler a última entrevista (mais uma !) do Bruno Carvalho e deixo aqui algumas notas que queria destacar:

 

1. A obsessão com o Benfica

 

Quase metade da entrevista foi à volta deste tema. O Bruno Carvalho insiste em falar dum tema que é tudo menos prioritário para os sportinguistas que querem acima de tudo novidades sobre o seu clube.

 

2. A possibilidade de saídas fundamentais em Janeiro

 

Fiquei muito pouco descansado com a situação do William Carvalho e do Adrien. A explicação adiantada para a não renovação destes contratos e para a renovação doutros “ renovámos com os que estavam a ficar emocionalmente afectados com a não-renovação” é demasiado básica. O jurar a pés juntos que não sai ninguém: “Janeiro zero saídas” só faz levantar mais a duvida vindo de quem diz num dia o mesmo e o seu contrário.

 

3. A insistência em novas contratações e os erros nas “contratações cirúrgicas”

 

Parece que Schelotto “é uma mais valia” ao contrário da esmagadora maioria das mais de 40 contratações da era Carvalho que em Janeiro ainda vão aumentar. Será que podemos acreditar? Em Janeiro vamos emprestar algumas das “contratações cirurgicas” que há muito andavam a perder tempo no Sporting e a fazer-nos perder dinheiro. O mais grave aqui é vermos o principal responsável por muitos erros e dinheiro desperdiçado a este nível não se arrepender e desculpar a contratação de "Slavchevs" com a anterior incapacidade financeira do Sporting. Não houve aqui o mínimo “mea culpa”.

 

4. A não aposta na Liga Europa e o papel de Jorge Jesus

 

Comparar o jogo do berlinde com a Liga Europa é muito triste e diz muito da falta de cultura leonina. Dizer que o Jorge Jesus “é a cereja no topo do bolo” da estrutura é de rir e imagino não cairá muito bem no próprio. Depois tentou compensar este disparate com muitos elogios, situação que a certa altura ficou quase confrangedora tal o nível de "graxa".

 

5. Sempre em campanha eleitoral

 

A necessidade de se elogiar e criticar quem o antecedeu já é um clássico, imagine-se agora com o Sporting em 1º lugar e com os “resultados magníficos que temos feito” onde andará aquele ego ? Ficámos por exemplo a saber que Slimani passou a ser importante para a equipa e a ter um comportamento exemplar depois de “chamado à pedra” pelo Bruno Carvalho. Isto é que é liderança !

 

Deixo para o fim a frase que mais retive: “já mostrei aos sportinguistas que há poucos impossíveis”. Sim, como ter alguém com este perfil “lampiónico” como Presidente do Sporting.

 

 

Nota: A entrevista completa está disponível no blogue dos nossos amigos do A Norte de Alvalade.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:41

O inesquecível André Cruz

Rui Gomes, em 30.11.15

 

f58790bedb17f3cebcb5bac8c4a2eed8.jpg

 

Quando leio o nome André Cruz ou vejo uma foto sua, o adjectivo que me surge prontamente é «classe», tal o nível extraordinário deste jogador que tivemos a felicidade de ver jogar de "leão ao peito". A uma determinada altura, em uma qualquer entrevista, ele disse que chegou ao Sporting dez anos muito tarde. Nem dá para imaginar o que teria sido, caso tivesse envergado a camisola verde-e-branca uns anos mais cedo. Em Lisboa, neste momento, eis o que ele teve para dizer sobre o Sporting da actualidade:

A equipa tem vindo a apresentar bons resultados e é um dos mais fortes candidatos ao título português. Há uma comunhão entre todos. Um treinador, por muito bom que seja, sem bons jogadores não consegue resultados. A Direcção conseguiu dar ao treinador os instrumentos e a tranquilidade necessárias para que o treinador faça um bom trabalho. Jorge Jesus consegue tirar o máximo dos jogadores e, assim, alcançar bons resultados, que é o mais importante.

 

Há muito trabalho pela frente e é preciso manter a cabeça focada no que aí vem. O campeonato é longo e, hoje, vou estar presente em Alvalade para assistir ao jogo com o Belenenses. É um «derby» sempre complicado, o Sá Pinto prepara muito bem as suas equipas. Na actual situação, o Sporting é favorito mas será um jogo muito difícil.

 

Subscrevo, na íntegra, as considerações de André Cruz, e sublinho o que entendo ser o mais importante: "A Direcção conseguiu dar ao treinador os instrumentos e a tranquilidade necessárias para que o treinador faça um bom trabalho." É também meritória a sua apreciação sobre o aproveitamento dos jogadores por parte de Jorge Jesus, mas que sem bons jogadores, um treinador, por muito bom que seja, não consegue resultados.

 

Apenas disse a verdade !

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:45

Sara Moreira vence em Famalicão

Rui Gomes, em 30.11.15

 

mmf_35_jpg_470x0_q95_crop_upscale.jpg

 

O dia amanheceu frio e na altura da partida para a prova os termómetros estavam bem abaixo dos dez graus, mas depois a temperatura subiu de forma sensível e no final havia um dia de verdadeira Primavera para se desfrutar em Famalicão. Sara Moreira, o ano passado a madrinha do evento, foi desta feita convidada a participar na corrida em ritmo de treino, e foi neste registo, sem forçar, que a agora sportinguista se impôs com clareza, cumprindo os 21,095 quilómetros do percurso em 1:16.35 horas, para suceder à etíope Marta Tigabea Mekonnen, vencedora da primeira edição. Completaram o pódio Mónica Silva (Benfica), com 1:20.18, e Patrícia Pereira (Salgueiros), com 1:21.15. 

 

mmf_73_jpg_470x0_q95_crop_upscale.jpg

Depois de ter sido quarta na recente maratona de Nova Iorque, Sara irá gerir o seu final de ano com a participação em corrida populares de impacto e relembra-se que ela está escalada como a cabeça de cartaz da São Silvestre do Porto, que terá lugar a 27 de Dezembro, para se lançar depois num ano olímpico em que o grande objectivo será a maratona dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

 

Nos homens, o benfiquista Rui Pedro Silva confirmou o seu favoritismo ao vencer em 1:05.21 horas, derrotando José Moreira (Sporting), que obteve o mesmo tempo, e Carlos Costa (Salvador do Campo), que fez 1:08.51.

 

Completaram a prova 1.260 concorrentes.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:56

Diego Carlos no Sporting ?

Rui Gomes, em 30.11.15

 

282816_med_fc_porto_v_estoril_praia_liga_nos_j3_20

 

A acreditar no Diário de Notícias - o que não é fácil no que ao Sporting diz respeito - o quarto reforço de Janeiro já estará praticamente assegurado.

 

Reporta o jornal, que depois de Marvin Zeegelaar, Ezequiel Schelotto e Bruno César. Diego Carlos, central brasileiro do Estoril, de 22 anos, vai integrar o plantel leonino na reabertura do mercado e assinar um contrato de longa duração.

 

O DN garante que as negociações estão (praticamente) concluídas entre o Sporting e a Traffic, empresa que gere o futebol profissional do Estoril-Praia e detentora de 55% do passe do futebolista que já esteve ao serviço do FC Porto, na condição de emprestado, na passada temporada, tendo apenas representado a equipa B dos dragões.

 

Esta época, Diego Carlos participou em 12 jogos, na condição de titular, pelo Estoril Praia, acumulando 1075 minutos de jogo (11,9 jogos). Em 2014/15 esteve emprestado ao FC Porto B, registando 19 jogos na II Liga, 17 como titular, com 1422 minutos de jogo (15,7 jogos).

 

Ficamos com alguma dúvida se este suposto reforço é para a equipa principal ou para a B.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:38

O que dizem eles

Rui Gomes, em 30.11.15

 

paulofonseca5.jpg 

Não me parece que o Benfica esteja tão debilitado e fraco, é um exagero essa análise. Só porque perdeu dois jogadores importantes, o Maxi e o Lima? Para o lugar do primeiro já tem um internacional A, o Nélson Semedo, e contratou dois avançados de grande qualidade, pelo que me parece injusto dizer que, por isso, o Benfica esteja menos forte.

 

Houve uma mudança, saiu um treinador que esteve seis anos (no Benfica), treinador que por onde passa deixa marca, e as coias não acontecem de um momento para o outro, é preciso tempo e, se calhar, mais tempo é necessário dada a mudança que houve no Benfica.

 

A minha maior preocupação é prepararmo-nos para defrontar um adversário de grande qualidade, que vem aqui com o intuito de vencer. Uma equipa em crise não conseguiria de forma tão clara, a uma jornada do fim, o apuramento para a fase seguinte da Liga dos Campeões. No campeonato está mais longe, mas estamos ainda no começo, falta muito para acabar.

 

Parece-me que é uma preocupação legítima das pessoas do Braga relativamente ao que está a acontecer em relação à «guerra» que existe em Lisboa, e não queremos ser apanhados no meio. Mas temos um árbitro de qualidade para o jogo e estou descansado.

 

 

Além do facto que o SC Braga é uma equipa a praticar bom futebol e que o Sporting terá de defrontar ainda por pelo menos três vezes esta época, a primeira das quais já no dia 16 de Dezembro para a Taça de Portugal, parece-me uma questão pertinente com que Paulo Fonseca foi confrontado na conferência de imprensa de antevisão ao jogo de segunda-feira diante o clube da Luz, não obstante a sua expectável "politicamente correcta" resposta:

 

O Benfica está mais "debilitado e fraco" esta época ?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:48

 

ng5296318.jpg

O Olympiacos, sob o comando de Marco Silva, venceu este domingo o Asteras Tripolis, por 3-1, em jogo da 12.ª jornada do campeonato, protagonizando assim o melhor arranque de sempre da Liga grega e igualando o recorde de onze vitórias consecutivas, recorde este que data da época de 1966/67 e já pertencia ao clube de Pireu.

 

O Olympiacos mantém a liderança do campeonato, com 33 pontos, mais 10 do que o AEK, que é segundo, tendo ainda menos um jogo do que a equipa de Atenas.

 

O jogo da 11.ª jornada, que opunha o Olympiakos ao Panathinaikos, no fim de semana passado, não chegou a realizar-se devido a confrontos entre adeptos do «Pana» e a polícia.

 

É caso para dizer que o "infiltrado" de outrora infiltrou-se muito bem no futebol grego.

 

 

Adenda: O Panathinaikos foi esta segunda-feira penalizado com a perda de três pontos, na sequência dos incidentes no «derby» com o Olympiacos, a 21 de novembro, que obrigou ao adiamento do jogo ainda antes do seu início.O clube foi também multado em 190.000 euros e punido com quatro jogos em casa à porta fechada e uma derrota por 3-0 no jogo em causa, fazendo com que passe a ocupar o quinto lugar no campeonato, a 17 pontos do líder Olympiacos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:47

Acompanhando os nossos

Rui Gomes, em 30.11.15

 

294735_med__jpg.jpg

 

Iuri Medeiros está a provar ser um homem de grandes momentos, denotando maior maturidade e entrega de jogo, ao serviço do Moreirense. A equipa de Moreira de Cónegos foi a Vila do Conde vencer o Rio Ave este domingo, por 1-0, com o golo da autoria do jovem do Sporting que está emprestado esta época.

 

Nas três competições que o Moreirense disputa esta temporada, Iuri participou em 11 jogos, 10 como titular, registando 4 golos.

 

Um jogador que ainda poderá vir a ter uma palavra importante em Alvalade, de "leão ao peito".

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:46

Cartoon do Dia

Rui Gomes, em 30.11.15

 

436ILD65.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 03:44

Regresso de Carrillo iminente ?

Rui Gomes, em 29.11.15

 

carrillo5.jpg

 

A ser verdade o que tem vindo a ser noticiado este fim de semana, o iminente regresso de André Carrilo aparenta ser uma forte possibilidade.

 

As reportagens disponíveis indicam que o avançado peruano vai renovar contrato com o Sporting, quando Bruno de Carvalho regressar da China, e poderá fazer parte das escolhas de Jorge Jesus para o ciclo exigente de Dezembro, em que a equipa leonina disputa seis jogos, além de ainda para o «clássico» com o FC Porto a 2 de Janeiro.

 

André Carrillo e a Sporting SAD terão chegado a um princípio de entendimento para renovar o vínculo até 2020 que prevê a saída do jogador peruano em Janeiro por 12 milhões de euros ou no final da época por 15 milhões de euros. A questão salarial não é referida nesta altura, mas é de prever um aumento substancial, mesmo que a sua estada venha a ser de curta duração.

 

A provável assinatura de um novo contrato de Carrillo com o Sporting pressupõe a reintegração imediata do jogador que está a ser alvo de um processo disciplinar. Sendo assim, Jorge Jesus pode voltar a contar com Carrillo que tinha sido afastado das opções do técnico desde a vitória sobre o Rio Ave (2-1), no dia 13 de Setembro.

 

Confirmando-se, será uma alternativa agradável para as duas partes, dado que o jogador estar parado e sem renovação contratual assegurada, é uma disposição que não beneficia ninguém. Não obstante a complexidade deste caso, não deixamos de questionar o passar de tanto tempo para ultrapassar as inerentes dificuldades.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:28

Bruno na China

Rui Gomes, em 29.11.15

 

ngE4973565-A783-45F4-8A8E-39802947AB43.jpg

 

Bruno de Carvalho apresentou este domingo, em Pequim, a um conjunto de potenciais parceiros investidores, o projecto de criação de academias de futebol do clube na China, as primeiras das quais serão construídas precisamente na capital.

 

O presidente do Sporting discursou perante uma plateia onde se encontrava também o embaixador de Portugal na China, Jorge Torres Pereira, na unidade hoteleira em que se encontra hospedado, mostrando grande optimismo e satisfação.

 

A apresentação terminou cerca das 18 horas locais (10 horas em Lisboa). O regresso de Bruno de Carvalho a Portugal está marcado para este domingo - 21 horas locais (13 horas em Lisboa), com a chegada a acontecer já na segunda-feira, mas bem a tempo de poder assistir ao Sporting-Belenenses.

 

Para quem marcou presença em terras chinesas durante mais de década e meia, sinto-me à vontade para afirmar que apesar da sua enorme população, a China não oferece as mesmas condições no que a estruturas diz respeito, no todo do seu vasto território.

 

Não tenho acesso aos planos concretos do Sporting, mas suspeito que a intenção da liderança é mais de assegurar uma posição naquela sociedade de forma a poder vir a colher benefícios muito além de meras Academias, cujo proveito, por o que sei relativamente a semelhantes parcerias em outros países, é muito relativo.

 

Será prudente esperar para ver qualquer divulgação por parte do Sporting no que à especificidade de acções concerne e, com o passar de mais algum tempo, os resultados daí provenientes. Uma coisa é certa, e se Bruno de Carvalho ainda não sabe, rapidamente verificará que operar naquela sociedade e lidar com os seus cidadãos, muito em especial em um enquadramento empresarial, é muito diferente, e mais complexo, do resto do Mundo.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:32

O Estatuto do Jogador do Sporting (1950)

Leão Zargo, em 29.11.15

 

O futebol emergiu em Portugal na segunda metade da década de 1940 como um extraordinário movimento de cultura de massas, nomeadamente nos principais centros urbanos. O poder da cultura popular, o ímpeto da ligação emocional e a força da estética desportiva tornaram-no num fenómeno surpreendente para muitos. Surpreendente porque, naquele tempo ainda determinado pela 2ª Guerra Mundial, andavam quase todos demasiado ocupados com os aspectos sérios e racionais da vida, considerando-se socialmente secundários os que decorriam da emoção e do divertimento.

 

O Sporting é, desde a sua origem, um Clube com um fortíssimo sentido de “lugar” e de “identidade”. Talvez por isso, verifica-se que numa época de profunda transformação do futebol competitivo em que depois da introdução do semi-profissionalismo já se começava a falar do inevitável profissionalismo, a Direcção decidiu elaborar o “Estatuto do Jogador” assumindo a necessidade de definir e estabelecer a ética do cidadão e do desportista inerente à instituição leonina. O Estatuto foi publicado no jornal Sporting, em Setembro de 1950.

19051559_mSEna.jpg

“Homem e artista, jogador e atleta, homem acima de tudo, o jogador de futebol do Sporting, por este diploma que é o seu estatuto, sabe quais são os seus direitos e deveres e os benefícios que dele colhe, sendo honesto e desportista. E ser desportista é ser camarada, leal e generoso, lutando até à exaustão pela camisola que enverga, correspondendo com amor e desvanecimento à prova de confiança de quem lhe deu o lugar em qualquer das turmas representativas do seu Clube. Que assim seja sempre, para grandeza e prestígio do Sporting Clube de Portugal.”

 

O Estatuto constitui um documento de excepcional valor sociológico na medida em permite reflectir sobre a filosofia do jogador de futebol do Sporting e a linguagem específica utilizada nessa abordagem conceptual. Por outro lado, revela como a lealdade e a identificação com os valores do Clube implicavam um fortíssimo sentimento de pertença, de solidariedade e de sociabilidade. É, ainda, interessante constatar o esbatimento de dicotomias então socialmente ainda dominantes: espírito e corpo, seriedade e prazer.

 

 

Nota: Imagem do primeiro número do Boletim do Sporting Clube de Portugal, o jornal de clube desportivo mais antigo do mundo.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:34

O que dizem eles

Rui Gomes, em 29.11.15

 

antoniomarques.jpg

António Marques - presidente da Assembleia Geral da SAD do SC Braga - teceu algumas considerações em entrevista à Rádio Renascença sobre o jogo de segunda-feira entre o clube minhoto e o Benfica, não esquecendo que tem pela frente o Sporting para a Taça de Portugal:

Espero que a quezília que envolve Benfica e Sporting não prejudique o desenrolar do jogo de segunda-feira. O árbitro Hugo Miguel, que foi nomeado para apitar o encontro, tem dado provas de grande seriedade e tem-se mostrado um adepto da verdade desportiva. Em Braga só se pensa na vitória, apesar de o adversário ser uma excelente equipa e que merece respeito. O Braga está a praticar um futebol de excelência e que se não existirem casos, vai vencer e cimentar o terceiro lugar.

 

Sobre a Taça de Portugal, o jogo com o Sporting é para ganhar. O Braga está disponível para ir em frente em todas as competições que disputa.

 

Sinto orgulho pelo trajecto do Braga na Liga Europa, ao conseguir o apuramento para os 16 avos-de-final da prova. É uma forma do clube se afirmar no país e no estrangeiro, não esquecendo que este desempenho desportivo significa, simultaneamente, uma mais-valia financeira.

 

 

Acho que a sua consideração sobre influência indevida da arbitragem é válida. Tendo em conta tudo o que se passa, no lugar dele pensaria o mesmo. É de admitir que o encontro de segunda-feira com o Benfica servirá para indicar o que o Sporting pode esperar no jogo da Taça de Portugal. Isto, não obstante o reconhecimento que todos os jogos são diferentes.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:22

O futebol tem destas coisas

Rui Gomes, em 29.11.15

 

1408471605756_Image_galleryImage_Jamie_Vardy_of_Le

 

É bem verdade que o futebol oferece-nos coisas interessantes e até fascinantes, e a história de Jamie Vardy é uma delas. Quem ?... Pergunta o leitor, decerto. Passamos a explicar...

 

Foi preciso um jogador que ainda há pouco tempo jogava no terceiro escalão do futebol inglês para bater o recorde da Premier League, ao marcar pela 11.ª jornada consecutiva, na recepção ao Manchester United. Depois de na ronda anterior ter igualado o recorde do holandês Ruud van Nistelrooy (marcou em 10 jogos seguidos do United, entre 2002/03 e 2003/04), Vardy superou esse registo com um golo aos 24 minutos do embate deste sábado, o seu 14.º em 14 jogos.

 
Natural de Sheffield, Jamie Vardy, de 28 anos, marca consecutivamente na Premier League desde 29 de Agosto, dia em que selou o empate do Leicester em Bournemouth, aos 86 minutos, de grande penalidade.
 
Desde esse jogo, o avançado que o Leicester City foi buscar ao desconhecido Fleetwood - terceiro escalão do futebol inglês - por um milhão de libras, nunca passou um jogo em branco, marcando ao Aston Villa, Stoke City, Arsenal (2), Norwich, Southampton (2), Crystal Palace, West Bromwich, Watford, Newcastle e, agora, ao Manchester United.

Na época em curso da Premier League, o jogador que também já alinhou em clubes como o Stocksbridge Park Steels e o Halifax, estreou-se com um golo (4-2 ao Sunderland), tendo falhado apenas face ao West Ham (terceira jornada) e Tottenham (quarta jornada).
 
Com o 14.º golo na prova, Vardy lidera destacado os melhores marcadores, sendo seguido pelo internacional belga Romelu Lukaku, do Everton, que apontou também este sábado o seu 10.º, na casa do Bournemouth.
 
Pela primeira vez, em 2015, na sua até recente modesta carreira, foi chamado à selecção inglesa, registando quatro jogos até esta data.
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:22

 

11987163_10153000988631555_2900371255220464587_n.pnew-england-revolution.gif

 

O Sporting anunciou esta semana que vai receber jogadores e dirigentes da equipa norte-americana New England Revolution, ao abrigo de uma parceria entre os dois clubes.

 

Os jogadores Zachary Herivaux, Sean Okoli e Donnie Smith, bem como o director geral do clube, Michael Burns, e o treinador principal do conjunto, Jay Heaps, vão estar três semanas no Sporting, com a chegada da comitiva prevista para este domingo.

 

"O Sporting é conhecido pela sua capacidade de desenvolver novos talentos e sentimos que estes três jogadores vão realmente beneficiar desta oportunidade de poderem treinar ao mais alto nível durante o período sem competição", salientou Michael Burns.

 

Em Outubro de 2014, o Sporting e o New England Revolution estabeleceram uma parceria estratégica centrada na colaboração a nível de treino e desenvolvimento de métodos de trabalho na equipa principal e na formação, que prevê também a partilha de recursos a nível de «scouting» e a oportunidade de jogadores e técnicos poderem fazer estágios nos dois clubes.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:20

 

ngC83AA013-C709-495A-8528-2361CDF68E7A.jpg

 

O defesa Seejou King lesionou-se este sábado com aparente gravidade - suspeita-se que fracturou a perna - no embate entre Gil Vicente e Sporting B, a contar para a 17.ª jornada da II Liga.

 

O lance em questão foi violento (foto) e ocorreu já bem perto do intervalo. O jogador gilista foi expulso e Seejou King foi transportado para o hospital mais próximo para os respectivos cuidados médicos.

 

O jogo em si acabou com um empate, 1-1, com Ryan Gauld a apontar o tento leonino.

 

Com este resultado, o Sporting situa-se provisoriamente em 2.º lugar, com 29 pontos em 17 jogos, menos sete do que o líder FC Porto B, que tem menos um jogo, e mais um ponto do que o terceiro classificado Portimonense, também com 17 jogos realizados.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:14

 

KVV+Quick+1920+v+FC+Southampton+Friendly+Match+k1S

 

Cédric Soares deixou o Sporting em Junho último assinando um contrato de 4 anos com o Southampton. Uma decisão que o lateral direito admite que não foi fácil, mas que contou com o apoio do ex-companheiro de equipa, Marcos Rojo, desde 2014 no Manchester United.

Não foi uma escolha fácil vir para Inglaterra. O Sporting é um grande clube, que luta sempre pelo título. Mas acho que tomei a decisão certa. A Premier League é dura, é um outro nível. Falei com o Marcos Rojo, ele disse-me que estava sempre frio. Pior ainda, em Manchester. Antes de assinar quis saber se eu era uma escolha do treinador Ronald Koeman e falei com ele ao telefone, e ele disse que era uma resolução conjunta, que era o que eu queria ouvir, a minha decisão tornou-se natural.

 

Eu já conhecia o Nathaniel Clyne. Foi um jogador fantástico para o Southampton e todos gostavam dele aqui. Eu também já sou um jogador experiente e tenho o meu próprio estilo. Para ter sucesso, cada jogador tem de acreditar em si próprio.

 

 

2EDCAC5E00000578-0-image-m-9_1448659904234.jpg

Declarações de Cédric em entrevista ao jornal inglês Daily Mail, este sábado. Está no início no que promete ser uma boa carreira na English Premier League. A adaptação e integração nesta fase inicial não tem sido fácil, mas mesmo tendo sofrido alguns "acidentes" (visível na cara) tem jogado com regularidade pelo Southampton. Regista 13 jogos como titular, com 1057 minutos de jogo (11,7 jogos).

 

Nathaniel Clyne é o lateral direito, de 24 anos, que Cédric foi substituir no Southampton, após a transferência deste para o Liverpool por cerca de 18 milhões de euros, ou seja, mais do triplo do que foi pago por Cédric. Consta que em breve o Sporting receberá mais 250 mil euros relativamente ao número de jogos como titular que Cédric realizará no emblema inglês.

 

Uma saída do Sporting que se lamenta, mas não vale a pena massacrar o tema, fica para a história.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:06

Ponte ligação aos leitores

Rui Gomes, em 28.11.15

 

18547267_Zq5hz.jpg

 

«O Sr. Presidente BdC é a luz que irradia o futebol português. Estas pérolas de determinação e frescura linguística, traduzindo a sua determinação implacável, cunhadas nestas frases lapidares - fortes, intensas, profundas, densas - que desbravam um caminho novo a quem o quiser seguir:

 

"Todos eles autênticas tentações para que nos desviemos do caminho.


E o que nos mantém ? Os princípios que nos norteiem.


E o que nos guia ? A luz da razão."


Obrigado Sr. Presidente ! Um muito bem-haja ! Obrigado por existir ! Gratos por estas palavras !»

 

 

Leitor JOSÉ LOPES

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:45

Leoas são elas

Rui Gomes, em 28.11.15

 

0003D77DF53091.jpgAna lucia 6.jpg

 

Ana Lúcia Matos

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:23

"Salsichada" disciplinar !

Rui Gomes, em 28.11.15

 

ng5284785.jpg

 

Por consequência das queixas apresentadas pelo Benfica e posteriormente pelo Sporting, alegando conduta violenta por parte dos jogadores dentro das quatro linhas, foi instaurado um processo de averiguação na secção não-profissional do Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol.

 
O clube da Luz denunciou Slimani, queixando-se de uma agressão a Samaris. O Sporting, que apresentou imagens televisivas, apontou o dedo a Samaris, Eliseu, Jardel, Talisca e Sílvio. Isto não apenas no «derby» da Taça de Portugal, mas também no que toca ao jogo do Estádio da Luz, para o campeonato, sendo que aqui a queixa vai ser investigada pela Comissão de Instrução e Inquéritos da Liga.

 
Sugeri esta acção de contra-acusação por parte do Sporting na data em que veio a público a queixa do Benfica contra Slimani, por conseguinte, acho que foi uma boa decisão, muito embora tivesse então em mente apenas os incidentes que se verificaram no jogo da Taça de Portugal. Surpreende-me, até, que os Regulamentos permitam um qualquer processo relativamente a um jogo que foi realizado já há cerca de um mês (25 de Outubro).
 
 
Com bem sabemos, é impossível prever as decisões dos órgãos federativos, especialmente em matéria disciplinar, mas face ao imbróglio processual que o Sporting precipitou com a contra-acusação, não me surpreenderá ver tudo ficar em "águas de bacalhau".
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:22

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.

Pág. 1/11





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds