Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Gosta de carros ?

Rui Gomes, em 19.08.17

 

2019-Aston-Martin-DBX.jpg

 Um dos carros mais caros do Mundo

Aston Martin DBX - para sair em 2019 por 300 mil dólares

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:00

 

guimaraes_sporting.png

 

... E quem falou melhor e mais alto foi Bruno Fernandes com uma soberba exibição, coroada por dois golaços, o primeiro dos quais logo aos 3' (que vale a pena rever), que teve o duplo efeito de dar uma injecção de calma e confiança à equipa leonina e, em simultâneo, uma boa dose de intranquilidade ao Vitória de Guimarães. O "bis" de Bas Dost, aos 21' e 24', simplesmente reforçou o estado de coisas naquela altura do jogo.

 

 

 

O Sporting alinhou de início com Rui Patrício, Piccini, Coates, Mathieu, Fábio Coentrão, Battaglia, Adrien Silva, Bruno Fernandes, Gelson Martins, Marcus Acuña e Bas Dost.

 

Suplentes:  Salin, Jonathan Silva, André Pinto, Alan Ruiz, Bruno César, Iuri Medeiros e Doumbia. 

 

Fora do lote dos 18 ficaram Petrovic e, grande surpresa, Daniel Podence. Veremos que explicação Jorge Jesus vai dar sobre esta ausência, se foi por opção sua ou devido a qualquer impedimento físico.

 

A defesa leonina esteve sólida e mais uma vez sem sofrer golos - não obstante o "brinde" de Piccini na segunda-parte que Rui Patrício resolveu - com um pouco do "velho" Fábio Coentrão bem em evidência.

 

O melhor jogo da época dos médios leoninos, com Battaglia e Adrien Silva em muito bom plano, porventura o melhor jogo do "capitão". O elemento menos convincente do onze inicial terá sido Marcus Acuña, que apesar do bom centro para o primeiro golo de Bas Dost, ainda não repetiu o afinamento que nos mostrou no seu jogo inaugural.

 

Excelente exibição dos "leões" com uma inesperada goleada, indubitavelmente catapultada pelo primeiro golaço de Bruno Fernandes. Esperamos que este jogo venha a dar o nível de confiança que vai ser necessário na próxima quarta-feira na Roménia, frente ao Steaua Bucareste.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:58

 

jonathansilva_2.jpg

 

Após o impasse negocial entre Sporting e Sevilha relativamente a Marvin Zeegelaar, é agora reportado que o emblema espanhol virou-se então para Jonathan Silva.

 

Existem duas versões diferentes sobre o fracasso da contratação do defesa holandês: uma, que o Sporting exigiu a cláusula anti-rivais, que o Sevilha rejeitou; outra, que os dirigentes andaluzes reagiram perante a constestação dos adeptos nas redes sociais. De uma forma ou outra, a realidade é que os espanhóis continuam desesperadamente à procura de um lateral esquerdo, daí a aparente tentativa a Jonathan Silva.

 

Desconhece-se se houve uma proposta formal por Jonathan, mas é indicado que o Sporting referiu o valor da cláusula de rescisão que se centra em 45 milhões de euros, a pronto pagamento. Porventura, uma via para fazer ver que não há disponibilidade neste momento para vender o jogador, salvo por valores irrecusáveis, dado que é a única alternativa no plantel a Fábio Coentrão, cuja disponibilidade física, como bem sabemos, não oferece garantias algumas.

 

Recorde-se que Jonathan Silva renovou recentemente com o Sporting, prolongando o seu vínculo até 2022.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:41

Rumores do mercado: Wallace

Rui Gomes, em 19.08.17

 

 

Wallace Souza Silva, médio-defensivo brasileiro de 22 anos que actua no Hamburgo. Chegou ao emblema alemão em Janeiro de 2017, proveniente do Grémio de Porto Alegre, a um custo de 9,2 milhões de euros.

 

Tem contrato válido até Junho de 2021 e o seu passe neste momento está avaliado em 8 milhões de euros.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 12:00

Leoas são elas

Rui Gomes, em 19.08.17

 

DianaTeixeira_374_RevistaJ_4.jpg

Diana Teixeira

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:34

 

20953405_10154652138836555_3774211492805674901_n.j

 

A lista de 20 jogadores convocados por Jorge Jesus para o embate deste sábado em Guimarães. Deste grupo, dois terão de ir para a bancada e creio que os mais lógicos candidatos são Petrovic e Alan Ruiz.

 

Ficaram de fora Tobias Figueiredo, Mattheus Oliveira, João Palhinha e Gelson Dala. Já referi em outros posts, que se estes últimos dois jovens não forem emprestados, vão passar a época a "ver navios".

 

Continua o "mistério" em torno de William Carvalho, em que não se sabe ao certo se a sua ausência se deve a uma lesão, o que me parece muito suspeito, se simplesmente o estão a proteger face às negociações em curso com o West Ham. Ficou de fora contra o Vitória de Setúbal, por opção, cumpriu castigo no jogo com o Steaua Bucareste e salvo Jorge Jesus tirar outro coelho da cartola - tipo Fábio Coentrão - também vai falhar este. Não deixa a ideia de ser a gestão ideal para o jogador e para o Sporting, mas ninguém melhor que o treinador e o presidente para decidir estas questões (?).

 

Eis, ainda, considerações de Jorge Jesus na conferência de imprensa de antevisão ao jogo:

 

Algum dos reforços rende mais do que esperava?: "Estamos a trabalhar há oito semanas e alguns jogadores chegaram aqui novos. Se compararmos com os nossos rivais, os nossos rivais têm uma equipa que está há oito anos a jogar junta. Dentro dessas oito semanas andamos numa fase de aprendizagem e a conhecer melhor os jogadores. Há jogadores que, mesmo estando aqui há pouco tempo, já fazem uma comparação em termos de valorização individual, no setor defensivo, é melhor em relação ao ano passado. No último jogo falei do Mathieu, falei do Piccini, porque estamos a falar de um sector que não sofre golos".

 

Se pudesse pedir um reforço, quem era?: "Estou um bocado sujeito a saber quem pode sair. Desde a primeira hora que sabemos que temos vários jogadores no mercado, com muita qualidade e que de um momento para o outro podem sair. Se me dissessem que não sai ninguém e se gostava de ter mais um jogador para um sector, gostava de ter um jogador com características ofensivas".

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:25

 

img_770x433$2017_08_18_21_25_18_1303122.jpg

 

Os juniores do Sporting iniciaram a defesa do título com uma vitória, por 2-0, na deslocação ao reduto do Alcanenense, em jogo antecipado da jornada inaugural do Campeonato Nacional.

 

Os jovens "leões" começaram por beneficiar de um autogolo já na segunda parte do encontro, com o derradeiro golo a surgir por intermédio de Douglas Aurélio.

 

Deste modo, contra uma equipa que ascendeu esta época à mais importante divisão da competição, o Sporting garantiu os primeiros três pontos da temporada, no início de uma campanha rumo ao desejado bicampeonato.

 

No sábado, dia 28 de Agosto, a Naval 1.º de Maio é o próximo adversário. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:24

 

mw-860.jpg

 

A Supertaça feminina de futebol, entre Sporting e Sporting de Braga, vai disputar-se no Estádio Cidade de Coimbra, em 03 de Setembro, anunciou na quinta-feira a Federação Portuguesa de Futebol.

 

Em Coimbra, vão estar frente a frente as duas equipas que dominaram o futebol feminino português na última temporada, com o Sporting, campeão e vencedor da Taça, a encontrar o Sporting de Braga, segundo do campeonato e finalista da Taça.

 

De acordo com a FPF, o horário do encontro será definido oportunamente.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:23

Gosta de carros ?

Rui Gomes, em 18.08.17

 

slr_300_1955_cb.jpg

Um dos carros mais caros do Mundo

1955 Mercedes-Benz 300 SLR - 43,5 milhões de dólares

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:00

 

 

Fábio Coentrão, lateral esquerdo do Sporting, foi titular e jogou 86 minutos da partida entre o Sporting e o Steaua de Bucareste a contar para a 1ª mão do play-off da Liga dos Campeões. Inicialmente o jogador tinha ficado de fora da lista de convocados e Jorge Jesus tinha dito que a ausência do português se tratava de uma opção técnica. O comentador da SIC, Rui Santos, gostava de ver este caso melhor explicado.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:26

 

sporting_lisbon_logo_88270.jpg

 

Enquanto o futuro de alguns jogadores já foi definido, no que à próxima temporada diz respeito, existem vários à espera de uma resolução. Depois, ainda temos aqueles que integraram o plantel principal na época passada e que não fazem agora parte dos planos do treinador. Casos que terão de ser resolvidos em breve dado que o mercado fecha no dia 31 de Agosto.

 

Jogadores já emprestados:

 

- Jefferson (SC Braga)

- Lukas Spalvis (Kaiserslautern)

- Domingos Duarte (Chaves)

- Mama Baldé (Desportivo das Aves)

- Carlos Mané (Estugarda)

- Ryan Gauld (Desportivo das Aves)

- Leonardo Ruiz (Boavista)

- Matheus Pereira (Chaves)

- Francisco Geraldes (Rio Ave)

- Paulo Lima (Sparta de Roterdão, à experiência)

- Luc Castaignos (Vitesse)

- André Geraldes (Belenenses)

 

Jogadores cujo empréstimo está a ser equacionado/negociado:

 

- Pedro Silva (Não foi inscrito para a Champions, mas poderá integrar a lista B)

- Gelson Dala (continua a treinar com a equipa principal e está inscrito para a Champions)

- Cristian Ponde (está na equipa B de momento)

- Azbe Jug (por definir - não foi inscrito para a Champions)

- Federico Ruiz (por definir - não tem lugar em nenhuma equipa do Sporting)

- João Palhinha (continua com a equipa principal, mas empréstimo é uma possibilidade)

 

Jogadores considerados "excedentários" que procuram colocação:

 

- Bryan Ruiz (negociações com o Standard Liège, mas nada de concreto)

- Ezequiel Schelotto (depois do Brighton, Nice, Sampdoria e Chievo, surge agora o Alavés)

- Douglas (nada consta)

- Marvin Zeegelaar (suposto impasse nas negociações com o Sevilha)

- Oriol Rosell (nada consta)

- Ary Papel (está na equipa B de momento)

- Heldon (nada consta)

- Fabrice Fokobo (nada consta)

- Sambinha (nada consta)

- Simeon Slavchev (CSKA Sófia negoceia empréstimo, mas nada concreto)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:00

 

06TU0ESX.jpg

 

Não é novidade alguma surgirem notícias sem qualquer fundamento sobre o Sporting, nomeadamente no que diz respeito ao mercado de Verão. Precisamente por este estado de coisas, não queremos acreditar que haja o mínimo de verdade no que está a ser noticiado sobre as negociações com o Sevilha relativamente a Marvin Zeegelaar.

 

Recém-reportagens surgem a indicar que a transferência do jogador holandês para o Sevilha estava praticamente fechada, com o Sporting em vias de encaixar três milhões de euros no imediato, mais 500 mil euros em objectivos, mas o negócio caiu por terra. Isto, supostamente, porque a SAD exigiu colocar no contrato a cláusula anti-rivais que os andaluzes rejeitaram.

 

Além do mais, já havia sido noticiado esta quinta-feira pela imprensa espanhola que o negócio tinha abortado na sequência das inúmeras críticas dos adeptos nas redes sociais e nos canais oficiais do clube espanhol.

 

Esta segunda notícia até é plausível, mas a primeira parece-me pura e simplemente fantasista, tendo em conta que se trata de um jogador que tem sido severamente criticado enquanto no Sporting pela sua diminuta qualidade, ao ponto de nem sequer estar autorizado a treinar com a equipa, apesar de ter contrato com o Clube até 2020, e que custou apenas 400 mil euros.

 

Com tudo isto sobre a mesa e um potencial lucro superior a três milhões de euros, não dá para imaginar que o presidente e restantes dirigentes da SAD estejam preocupados com a cláusula anti-rival, que, na minha opinião, até nem devia ser permitida.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:30

O conto de fadas que chega ao fim

Ricardo Leão, em 18.08.17

 

20595206_zL1PC.jpg

  

Para um presidente que se arroga de ter saneado as contas do clube o qual, afirma repetidamente, vive uma fantástica saúde financeira, a revelação do incumprimento do pagamento da dívida para com o Sporting Clube de Braga, de quase 2 milhões de euros, já confirmada, aliás, foi o desmascarar (mais um...) do conto de fadas com que Azevedo de Carvalho tem tentado (até agora com parcial sucesso) enredar os associados do clube.

 

São estes episódios, todavia (é verdade, já pagaram à Doyen?), que contribuem para revelar a verdadeira face do "gestor de sucesso" de Alvalade, habituado que está em empurrar com a barriga tudo o que são as inúmeras dívidas contraídas durante o seu consulado.

 

Desde a desastrosa gestão da pré-época (uma vez mais...), até aos episódios de desvalorização de jogadores do plantel, passando pela absurda tentativa de inclusão de cláusulas anti-rivais em contratos de jogadores que quer vender (se não os quer por Alvalade porque não são bons qual é o problema de eles irem parar aos rivais, ficam melhores!?), desta forma inviabilizando negócios, o mandato de Carvalho não deixará, quando acabar, de ser analisado em sede, também, de uma administração que lesou gravemente os interesses desportivos e financeiros do Sporting. Por isso, e por muito mais, Bruno terá e irá responder.

 

Isto já para não falar dos números de outro tipo de ilusionismo que tem protagonizado. O da saída do banco então é de "bradar aos céus". Para quem não tenha ainda entendido o que se passou, aqui vai uma explicação: Bruno estava farto do banco e, fundamentalmente, o banco estava farto dele e disso recebeu inúmeros testemunhos por muito que Jesus afirme o contrário. O casamento, com a necessidade familiar de o ter por perto e a comodidade da tribuna, onde toda a família se pode reunir, fizeram o resto. De permeio convinha que fosse, diplomaticamente, é certo, marcando distância em relação a Jesus o que facilitará o despedimento se e quando ele surgir em breve, momento em que, aliás, o deveria de imediato acompanhar. Depois foi só arranjar uma explicação absurda para "tótós" que "o ramalhete já estava composto".

 

Para terminar aguarda-se o pedido de desculpas aos sócios pela atitude que tomou no tristíssimo e lamentável incidente com o presidente do Arouca. Bruno era o anfitrião e como "dono de espaço" (não é ele que em Alvalade é Deus?) estava sobremaneira obrigado a ter uma postura diferente e não responder da mesma forma grosseira do adversário. Não o teve e foi o se viu. Foi castigado e foi-o bem. Só que, em vez de ter prometido aos sportinguistas que igual atitude não se repetiria, que era o mínimo que se esperava de alguém que se diz "diferente", veio com balelas de honra lesada, promessa de recursos, etc, etc. A mesma cantiga de sempre, no fundo, de quem no seu íntimo sabe que não tem qualquer razão.

 

Bruno Azevedo de Carvalho, vê se cresces. Já tens idade para isso!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:25

Cartoon do dia

Rui Gomes, em 18.08.17

 

FBW99HK7.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 12:20

Lá fora o vento uiva

Rui Gomes, em 18.08.17

 

Na Luz, no Dragão e em Alvalade (menos) é fácil serem ferozes e implacáveis, mas a Liga decide-se ao relento.

 

19668301_GZJst.jpg

Assim fica difícil adivinhar o campeão nacional à segunda jornada. FC Porto e Benfica, por esta ordem, experimentaram os jogos fora dos seus coliseus cheios de energia patrícia e ficaram a conhecer a dura realidade da vida em Tondela e em Chaves. O Sporting conheceu-a em casa, onde em 2016/17 já fraquejara mais vezes do que os adversários.

 

Rui Vitória reivindicou melhor futebol do que diz um resultado tão demorado (93") como o de ontem, mas há duas verdades paralelas. O Benfica até foi, dos candidatos, o que mais pontos fez fora de casa na época passada, mas também marcou menos golos (23) do que FC Porto (27) ou Sporting (31), apesar da reputação de máquina trituradora e do facto, indesmentível, de ter os melhores e mais eficazes especialistas no ataque. Vinte e três golos a dividir por 17 jogos dá pouco mais de um (1,35) por cada noventa minutos, ou seja, em Chaves viu-se a aplicação da regra Rui Vitória, que já em 2015/16 tivera o melhor ataque em casa mas não fora, e até pontuara menos do que o Sporting.

 

As arenas deste título serão as alheias, em que quanto mais distantes na geografia, mais potencialmente influenciadoras da classificação. Não foi por acaso que Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, marcou uma diferença para o seu antecessor, que insistia na ideia de que o Dragão tinha de ser inexpugnável. Conceição acrescentou o que faltava: têm de ser inexpugnáveis o Dragão e a outra metade dos jogos também. Fica a minha previsão: 2017/18 não será para campeões de chinelos e sala de estar.

 

 

José Manuel Ribeiro, jornal O Jogo

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:29

 

i.jpg

 

Leonardo Jardim e José Mourinho estão entre os 12 candidatos a melhor treinador do ano da FIFA. Para o treinador do Manchester United não é uma grande novidade estar neste tipo de distinções, mas para Jardim é uma estreia.

 

O título conquistado em França, perante a concorrência do PSG, e grande campanha na Liga dos Campeões, são motivos suficientes para justificar esta nomeação.

 

Os prémios "The Best", atribuídos pela FIFA, distinguem os melhores do ano. Zidane, treinador do Real Madrid, campeão europeu e espanhol, é o principal candidato.

 

O vencedor será encontrado através de uma votação que envolve os seleccionadores nacionais, os capitães das selecções, imprensa especializada e os adeptos, que poderão fazer a sua escolha no site da FIFA, entre 21 de Agosto e 7 de Setembro. Em meados de Setembro, a FIFA anuncia o nome dos três finalistas.

 

O vencedor será conhecido a 23 de Outubro, em Londres, na cerimónia de entrega dos prémios "The Best". Ranieri venceu a primeira edição, no ano passado, batendo Fernando Santos e Zidane. Ronaldo foi eleito o melhor jogador.

 

A FIFA ainda não divulgou a lista de atletas candidatos, mas o nome  Cristiano Ronaldo estará, certamente, presente e o internacional português é apontado como o mais forte candidato ao prémio.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:27

Gosta de carros ?

Rui Gomes, em 17.08.17

 

2020-Aston-Martin-Lagonda-SUV.jpg

 Um dos carros mais caros do Mundo

Aston Martin Lagonda SUV - para sair em 2020 por 500 mil dólares

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:00

Adeptos reagem a Adrien Silva

Rui Gomes, em 17.08.17

 

image.jpg

 

Sempre muito activo nas redes sociais, Adrien Silva publicou uma foto na sua conta do Instagram após o jogo com o Steaua Bucareste, que precipitou um misto de reacções dos adeptos, porventura, algumas, que ele não esperava e que terão desagradado:

 

"És enorme, já provaste isso mas pareces desmotivado. Enquanto estiveres no grande Sporting faz o que melhor sabes e serás recompensado".

 

"Pena que andas sem vontade de jogar no Sporting!! Esqueceste de quem te deu a mão !! Gosto muito de te ver jogar!! Pena que penses mais no dinheiro que no clube ! Espero que saias rápido assim o Sporting pode voltar a jogar a bola e a dar alegrias aos adeptos !!".

 

"Esforça-te que assim não dá!".

 

"A memória de certas pessoas é sempre muito curta!!! És feito de SPORTING, já me proporcionaste momentos de grande futebol...É por jogadores como tu que continuo a gostar de futebol. Capitão não desistas, porque tudo é possível."

 

"Trocar o Sporting mas não por qualquer clube do meio da tabela de Inglaterra".

 

"É obrigatório ganhar em Bucareste, vamos capitão, mostrem o que valem!".

 

"Mostra algum orgulho pela camisola que vestes. Um verdadeiro Leão por mais que quisesse sair, adicionando o facto de ser capitão, nunca iria dizer tantas vezes que queria sair. Se queres ir, vai de uma vez. Se queres ficar, começa a demonstrar todo o teu futebol. E nunca te esqueças de uma coisa, acima de tudo estamos nós, o SPORTING CLUBE DE PORTUGAL!".

 

"Capitão tens que voltar ao que eras, o antigo Adrien que todos nós conhecemos esforçava se mais. E ontem se tivesses sido o antigo Adrien que eras podíamos ter marcado golos, não estou a dizer que a culpa de não termos marcado golos é só tua apenas queríamos que voltasses a ser o Adrien que eras vais ser sempre titular tens é sempre de te esforçar. Por isso vou falar por todos agora, por favor capitão esforça te imenso para provares ao treinador e ao presidente que ainda podem contar contigo e podemos ser campeões. Forçaaaaa capitão Adrien nós acreditamos em ti!".

 

"Sempre gostei muito de ti mas agora já me apercebi que queres sair, então vai já não fazes falta no SCP".

 

"És e serás sempre o nosso capitão !!! Nós verdadeiros , sabemos que tu amas e suas a camisola como ninguém , não podemos estar sempre bem e perfeitos , mas tu és feito de SPORTING , por isso em Guimarães e em Bucareste vamos dar a devida resposta !! Espero que não saias , mas é compreensível se um dia acontecer , a vida é mesmo assim é tu para além de jogador tens família por isso é normal !!! A quente ninguém percebe mas a seu tempo vão te dar o valor !!"

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:24

 

nicolau-santos-opiniao-73be.jpg

Os primeiros jogos oficiais do Sporting saldaram-se por duas vitórias e um empate e mostraram uma equipa sólida defensivamente mas com grandes problemas em criar oportunidades de golo – e em concretizar as poucas que tem criado. Seguramente que Jorge Jesus já identificou o que tem de mudar. Ou seja, Seydou Doumbia e Bruno Fernandes, nesta altura da época, têm de estar no onze inicial. De outra forma, arriscamo-nos a ter dissabores, porque os jogos não se ganham só com boas defesas – exigem também que se marquem alguns golos. Até agora sofremos zero golos e marcámos três, à média de um por jogo. Um campeão só o é com uma defesa de betão e a marcar, por jogo, uma média de 2,5 a 3 golos.

 

Contra o Desportivo das Aves fora fizemos um jogo enfadonho, mas seguro. O Aves não teve nenhuma oportunidade, quase não passou do seu meio-campo e quando o 0-1 se ameaçava arrastar até ao final, deixando sempre a dúvida se num lance fortuito não poderia surgir o empate, um mau alívio da defesa avense colocou a bola em Gelson Martins que não perdoou. Uma vitória justíssima, sem discussão, mas sem brilho.

 

Seguiu-se o jogo com o Setúbal e mais uma vez se constatou a solidez defensiva da equipa. O Setúbal não criou nenhuma oportunidade e passou sempre a ideia que a sua única ambição era sair de Alvalade com um ponto. Bruno Paixão, que já tinha perdoado um empate aos sadinos por uma falta na sua área sobre Coates, teve a coragem de assinalar um penálti indiscutível aos 87 minutos, que Bas Dost converteu. Ganhámos justamente por 1-0 mas ficou claramente a ideia de que estamos a ter enormes dificuldades em criar oportunidades de golo e, mais ainda em concretizá-las.

 

O jogo com o Steaua de Bucareste era um teste de maior exigência, mas mesmo assim desta vez, pensávamos nós, os deuses do futebol estavam connosco, tendo afastado da nossa frente, por uma incrível conjugação astral, as equipas mais fortes no play-off da Champions. Pois o jogo de terça à noite em Alvalade provou que temos um osso muito duro para roer se queremos entrar mesmo na Champions. E sim, como disse Jesus, é bom não ter sofrido golos. Mas é péssimo não os termos marcado. Sim, lá podemos marcar um. Mas se eles marcam dois, a jogar perante o seu público, que lhes dará um apoio fanático?

 

mw-680.jpg

 

O que este último jogo confirmou foi que:

 

1) Piccini não é defesa direito para o Sporting. Esperemos que o Stefan Ristovski seja bem melhor. Mas já agora, não haverá na equipa B ninguém melhorzinho para o lugar do que o Piccini?! É que o Piccini, valha-nos Deus!;

 

2) o centro da defesa parece estar a tornar-se de betão e Mathieu é um grande, um enorme reforço. Corta, desarma, não inventa, vai à frente, puxa pela equipa e tenta mesmo o remate. Dou a mão à palmatória de novo: Mathieu é um excelente reforço;

 

3) do lado esquerdo, não se percebeu a aposta em Coentrão para o jogo com o Steaua. Se não estava em condições nem tinha sido convocado como é que aparece a jogar? E o certo é que mostrou que não estava em condições: não houve piques, centros de jeito, remates e foi pelo seu lado que os romenos podiam ter chegado ao golo numa bola que saiu juntinho ao poste direito de Patrício. Neste momento, Jonathan Silva está melhor que Coentrão e dá mais garantias;

 

4) no meio-campo, enquanto não sabemos se William fica ou não, sabemos seguramente que Adrien não está em forma ou então está com a cabeça noutro lugar. Longe da exuberância e da assertividade que já mostrou em épocas anteriores, Adrien está, neste momento, claramente abaixo da forma de Bruno Fernandes, que tenta mais e melhor o golo e que faz passes bem mais perigosos.

 

5) Finalmente, no ataque, eu gosto muito de Podence, mas até agora a sua eficácia em matéria de golos foi nula. Com Doumbia em campo, a defesa da equipa adversária está sempre mais em causa.

 

Por tudo isto, e por o Sporting estar num ciclo de jogos importantes (e o da Champions é decisivo) espero eu e todos os sportinguistas que Jesus não invente contra o Guimarães nem contra o Steaua em Bucareste. A equipa inicial tem de ser esta: Patrício; Piccini (que remédio…), Coates, Mathieu e Jonathan; Battaglia, Bruno Fernandes, Acuña e Gelson; Doumbia e Bas Dost. É o melhor onze que temos neste momento, o mais perigoso, o que pode causar mais estragos ao adversário, o que marcará golos sem qualquer dúvida. De outra forma, arriscamo-nos a começar a perder pontos em Guimarães e a dizer adeus à Champions mais uma vez. Bom, e se o William não for vendido, claro que entra de caras para o lugar de Battaglia e a música passa logo a ser outra.

 

Vamos repetir todos juntos para Jorge Jesus ouvir: sem Bruno Fernandes nem Doumbia não vamos lá!

 

 

Nicolau Santos, jornal Expresso

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:30

 

William-Carvalho-801223.jpg

 

O West Ham continua a negociar a transferência de William Carvalho com o Sporting. Os dois emblemas ainda não chegaram a acordo já que o Sporting não quer libertar o médio a qualquer preço.

 

Este é um negócio que tem sido tratado ao mais alto nível, pelos dois presidentes, como relatou o vice-presidente do West Ham, Karren Brady, no programa The Debate, da Sky Sports:

 

«Bem, o meu presidente, David Sullivan, trata de todas as transferências e negociações e ele está a trabalhar arduamente na de William Carvalho. Uma pessoa pensa que é só tomar de decisão de comprar um jogador e acontece, mas é bem mais complicado, existem muitas questões a ter em conta, muitas condicionantes, e concretizar um negócio no tempo que gostaríamos nem sempre é possível».

 

Os ´Hummers` terão visto o Sporting recusar 32 milhões de euros pelo médio. Neste momento, estão a tentar vender alguns jogadores que não contam para o treinador Bilic, de modo a ter mais margem de negociação com o Sporting. O Sporting pede 38 milhões, mais objectivos, pelo internacional português.

 

Uma das consequências óbvias deste impasse em curso é que a disponibilidade de William continua em dúvida. Não alinhou contra o Vitória de Setúbal, por opção, cumpriu um jogo de castigo pela visita do Steaua Bucareste, e em breve veremos se irá defrontar o Vitória de Guimarães e novamente o Steaua, na Roménia.

 

O que se tenta ganhar através das negociações de transferência, pode sair caro por outras vias.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:13

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.

Pág. 1/8





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds