Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Será possível ?

Rui Gomes, em 24.03.13

Não, o título do post não se refere à muito provável para breve confirmação que Bruno de Carvalho será o 42.º presidente do Sporting, mas sim, se com o passar dos dias, irei começar a sentir o mesmo que me levou a virar as costas à equipa desportiva que cheguei a idolatrar tanto como o Sporting, durante mais de 40 anos. O «Toronto Maple Leafs» é um clube histórico do hóquei no gelo, o mais rico de todos na «National Hockey League» (NHL), com um valor acima de dois mil milhões de dólares americanos, excluindo património e afins. Aqui não existem dívidas, passivo ou qualquer tipo de impedimentos materiais, é somente chegar ao fim da época e confirmar o número exacto do lucro, em milhões. Dito isto, já não ganha o tíltulo desde 1967, meros 46 anos e até já há três ou quatro consecutivos que nem sequer chega à fase dos «play-offs». A minha devoção era de tal formada profunda, que passados tantos anos ainda consigo citar, de memória, quase todos os elementos da equipa campeã de 1967. Perante toda esta ingrata realidade, comecei a notar os meus sentimentos pelo clube a desaparecer gradualmente, até à exaustão completa. Abdiquei dos meus lugares de época - custam muitos milhares de dólares - e, actualmente, existe uma lista de espera de 20 anos, repito, 20 anos. A lotação do estádio - cerca de 22 mil lugares, mais camarotes - está sempre esgotada, jogo após jogo, época após época. Quem desejar assistir a um desafio, terá de recorrer ao super inflacionado mercado negro ou ter uma amizade que tenha a gentileza de disponibilizar o seu lugar. Não me recordo do último jogo que vi do Maple Leafs, ao vivo ou na televisão - não há um único jogo que não seja transmitido - tantos anos já passaram.

 

Tudo isto a propósito do resultado eleitoral do Sporting, em que uma maioria decidiu entregar o comando a uma pessoa que não é digno dele e que eu nunca conseguirei respeitar, pela sua indecorosa conduta ao longo destes últimos dois anos e por ser, para mim, sem carácter e credibilidade. Nunca considerei José Couceiro a escolha ideal, mas sim a melhor entre as três disponíveis. No entanto, considero-o uma pessoa de carácter, com dignidade e competência suficiente para merecer o meu respeito e uma oportunidade para demonstrar a sua mais-valia em prol do Sporting. Aparentemente, um número suficientemente grande de sportinguistas não entendeu assim e espero, para o futuro do Sporting, que tenham razão.

 

Por outro lado, sinto imensas dúvidas que o clima de guerra em torno do Sporting irá deparecer milagrosamente, só porque o seu principal guerreador, com o seu objectivo fulcral realizado, vai deixar de guerrear de fora para dentro. Isto, sem evocar os seus associados da Mesa da Assembleia Geral e outros. Continuará a existir muita insatisfação no universo leonino e, como sempre, muito dependerá dos resultados desportivos. Continuo a não ter uma pequena visão da futura estrutura da SAD e do futebol, sob a liderança das pessoas que se conhecem. Resta saber se Jesualdo Ferreira aceitará trabalhar com a nova Direcção, mas nada me surpreenderá ver Augusto Inácio no comando técnico da equipa. Muito mais há para dizer, mas por agora ficamos assim.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:09

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


11 comentários

Sem imagem de perfil

De Lionheart a 24.03.2013 às 00:41

Deixou de haver hora para apresentar os resultados. Deve haver "caldeirada". Será que a idoneidade do voto por correspondência foi posta em causa?

Caro Rui, vamos ver no que vai dar. Se o Carvalho ganhar e fizer um bom trabalho, melhor para o Sporting. Se for mau, será mau para todos, mas pelos menos intragáveis apoiantes dele vão meter a viola no saco. Aí é que vai haver grande sarilho. Agora é tudo muito bonito. Falam em liberdade e por aí fora. Vamos ver se o Ricciardi mantém com o Carvalho a disponibilidade que tinha "garantido" ao Couceiro. Deve, deve. Na minha opinião, até final do ano o clube vai perder o controlo do futebol.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 24.03.2013 às 00:52

Há muitas incertezas no ar relativamente a BdC, futebolísticas e financeiras. O BES não vai querer arriscar o seu investimento para as medidas que estarão dispostos a assumer têm limites.

Acima de tudo, quer ver a arrogância de BdC com a responsabilidade aos ombros. Eu até admito que ele é capaz de tudo, por interesse próprio. Espero estar errado.

P.S. Não sei se me fiz compreender com a história do Maple Leafs. Já lá vão uns bons anos.

Passe bem, caro Amigo.
Sem imagem de perfil

De Lionheart a 24.03.2013 às 01:01

Conheço os Maple Leafs. Não ganha a Stanley Cup há mais de 40 anos mas continua a set o clube mais valioso da NHL. Está quase para o Canadá como o Barcelona para a Catalunha, não é? Os Canadiens têm mais títulos mas estão muito conotados com o Quebec e os francófonos.

A vossa é uma realidade completamente diferente. Esses clubes (NFL, MLB, NBA e também alguns da NHL) são brutais, porque as ligas profissionais são indústrias e os clubes empresas enormes. Têm uma base de apoio a SÉRIO e por consequência receitas que nós nunca vamos "cheirar" sequer. Então somos grandes e só 32 mil têm quotas em dia? Brincadeira.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 24.03.2013 às 01:14

Dou-lhe os meus parabéns, por estar tão bem informado. É verdade, a «nossa» realidade é completamente diferente. «Nossa», entre aspas, porque muito embora a minha sede principal seja Toronto, ao longo dos anos tenho estado em diversas partes do mundo.

O Maple Leafs e o Canadiens são as duas mais históricas equipas, dos tempos, ainda, quando a Liga era os grandes 6. A qualidade do apoio é ao nível ou supera o exemplo que citou do Barça. A equipa de reservas tem o mesmo apoio e único motive que não há uma segunda equipa da NHL em Toronto, a exemplo de Nova Iorque, é porque o Maple Leafs exerce todoo seu poder para não permitir.

Imagina uma lista de espera de 20 anos e, depois, ainda pagar uma pequena fortuna pelo privilégio ?

Já conversei com amigos vários essa dos 32 mil. É lamentável, de facto.



Sem imagem de perfil

De Lionheart a 24.03.2013 às 01:24

É, gosto muito dos desportos da América do Norte. Especialmente da NFL e da MLB.

A nossa realidade, enfim. Este exemplo é inacreditável. No Benfica há sócios que se chateiam com o clube e deixam de pagar quotas, como no Sporting. Só que em vez de pagar as quotas em atraso, fazem nova inscrição. E então há sócios que têm mais do que um número e cartão de sócio pois o clube não dá baixa, dado que assim consegue manter o número de sócios artificialmente alto. Incrível.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 24.03.2013 às 01:28

É evidente que gosta. A minha equipa da NFL é o Dallas Cowboys. Não sabia essa sobre o Benfica.

Li agora no DN que Jesualdo Ferreira vai por o lugar à disposição amanhã e que uma equipa de reportagem televisiva for agredida, em directo, em Alvalde. E, ainda, que a contagem dos votos electrónicos só agora foi iniciada. Como é isso possível ?

Sem imagem de perfil

De Lionheart a 24.03.2013 às 01:32

Eu sou dos Green Bay Packers.

Sinceramente, tenho pena do José Couceiro. Não merece isto. Nestas condições assumir o poder é mais uma maldição que outra coisa. Que vá para lá o Bruno de Carvalho...

PS - Esta MAG... é até ao último dia a aparvalhar.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 24.03.2013 às 01:57

O todo da situação é muito confuse. Estive agora ligado à RTP Informação e esperam, esperam pelo surgimento da MAG. de resto, não levantaram outras questões duvidosas.

Penso que ninguém de for a sabe ao certo o que se passa.

Claro que também lament a posição em que JC se encontra, mas teremos de aguardar a contagem oficial. Para já, vão surgir dúvidas quanto à veracidade dos resultados.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 24.03.2013 às 00:56

Recebi agora outra SMS lá de dentro. «Parece que há alguma luz no fim do túnel».

Veremos...
Sem imagem de perfil

De Tiago a 24.03.2013 às 02:27

http://bit.ly/Y7hHxK
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 24.03.2013 às 02:34

Só para o informar que ando há muitíssimos anos a contribuir para o Sporting, por diversos meios, algo que de certo lhe é completamente alheio. O seu apoio não psassa disto que se verifica neste seu comentário, menos do que zero.

Estou triste, não por mim, mas pelo Sporting, porque este v/líder, que nunca será o meu, tem muito que provar e poucas condições para o fazer. Agora já não lhe vai valer guerras, msnobras finórias, demagogias e fanatismos do seu género, Terá de assumir a responsabilidade e responder pelos seus actos.

Poderá não falhar, mas se falhar, quero ver o apoio que «sportinguistas» como o leitor lhe vão dar. Falar e escrever comentários na blogosfera é fácil, tudo o resto é uma «conversa» muito diferente.

Cá estaremos para ver e apreciar.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo