Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A indefinição da SAD

Rui Gomes, em 02.04.13

 

É por de mais evidente que a evolução que se verifica na equipa se deve quase exclusivamente ao trabalho do prof. Jesualdo Ferreira e ao facto dos jogadores terem assimilado o seu treinamento e as suas ideias. Indiferente dos eventuais resultados nos últimos seis jogos da época, assim se vai manter até ao final.

 

Quanto à nova época, o caso é bem diferente. Ainda não se percebe se já existe algum plano e estratégia definidos e os cargos dos novos dirigentes da SAD continuam sem especificação. Como já citei num outro escrito, Virgílio Lopes e Augusto vão ser «directores», assim como o tal misterioso terceiro elemento que suponho ser Abel Ferreira. Ontem surgiu Luís Freitas Lobo a comentar que após a reunião que teve com Bruno de Carvalho e Virgílio Lopes, ficou acordado que haveria nova conversa depois das eleições para definir que posição assumirá no Clube, algo que, segundo ele, ainda não está claro. À parte de não compreender o que é pretendido com a inclusão de Freitas Lobo, a situação é preocupante porque não se pode arriscar uma nova pré-época desastrosa, em termos de organização, como o que se viu o ano passado. Esperamos que tudo seja definido o mais breve possível.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:38

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


6 comentários

Sem imagem de perfil

De Lionheart a 02.04.2013 às 13:54

Só sei uma coisa. Com GL, no dia a seguir a ter vencido as eleições já estavam Duque e Freitas a trabalhar no Sporting. Bem ou mal, já lá estava a estrutura. A actual direcção continua a apalpar.

E digo outra coisa. Se você fosse Jesualdo Ferreira, depois de ter salvo o Sporting da descida de divisão (se ele não tem agarrado os jogadores era para aí que caminhávamos, tal o estado em que estava o balneário do Sporting...), num período crítico em que a carvalhada pôs inclusive em causa a sua HONRA, depois de meses a levar com todo o caos em que se instalou no clube (para o qual o actual presidente também contribuiu), ficaria no Sporting para ficar da dependência de um Inácio que não tem metade do currículo dele (já para não falar no Carvalho, que já se percebeu que ele não grama, como se viu com a sua reacção fria à ida do outro para o banco)? A resposta está implícita na pergunta.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.04.2013 às 14:10

Caro Lionheart,

Precisamente por isso, dou destaque à indefinição do momento, que já vem da campanha eleitoral e faço destaque ao trabalho de Jesualdo Ferreira.

Também já escrevi que eu penso que ele quererá poderes alargados para continuar e está para ver se isso será um impedimento para a sua continuidade.

Poucos são os treinadores que gostam da presença de um presidente no balneário ou no banco. Duvido que Jesualdo Ferreira seja a excepção à regra.

Este estado da SAD ainda vai dar muito que falar.

Cumprimentos
Sem imagem de perfil

De Lionheart a 02.04.2013 às 14:22

Caro Rui, é tão só amadorismo. Pode a garotada toda falar que as críticas são azia (vai ser a cassete oficial durante algum tempo), mas não há memória de em algum período pós-eleitoral (muito menos desde que existe a SAD) o responsável máximo do futebol do Sporting (nem sabemos se Inácio o será, o que ainda é pior) estar a trabalhar a tempo inteiro noutro clube (por sinal, um clube de quarta linha, ou pior) enquanto "trata" dos assuntos do futebol do Sporting.

Essa coisa do outro ir para o banco é para a garotada ver. E de caminho, para salvar a pele, vai dizendo que agora temos é de falar nos resultados desportivos (quais?) e deixar de falar na gestão. Pudera, para que não se fale na sua, quando antes ele e os seus estavam sempre em cima do que os outros faziam. Agora já não pode haver exigência, escrutínio? Olha os espertalhocos!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.04.2013 às 14:44

Muito do que está a ocorrer é à conveniência do momento, aproveitando a onda de entusiamo que advém das eleições. Resultados como o de ontem ajudam imenso nesse sentido, mas sem resolver os problemas à raiz.

A situação de Inácio é, no mínimo, estranha e invulgar, e comentei a situação logo que ele aceitou treinar o Moreirense com eleições no Sporting à vista.

Claro que tem de haver exigência e escrutínio, mas devem ser construtivos e não nos moldes que eles próprios fizeram. Caso contrário, é o Sporting que vai continuar a sofrer as consequências.

Cumprimentos
Sem imagem de perfil

De Lionheart a 02.04.2013 às 14:51

As consequências não será tão graves como se pensa, porque felizmente que as coisas estão preparadas para um cenário em que a actual direcção não consiga resolver os problemas. Mal seria se estivesse tudo à espera que resolvesse. O Sporting sairá mais forte e esclarecido desta fase. Aguardemos.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.04.2013 às 15:26

Bem, nesse sentido alude a questões que me ultrapassam. Não partilho, necessariamente, desse optimismo mas, como diz, aguardemos.

SL

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo