Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O som da bancada

Rui Gomes, em 19.05.13

 

Os dois extremos de opinião oriundos da bancada sportinguista:

 

"Jesualdo Ferreira é um treinador à beira da reforma e se sem quaisquer ambições. Foi contratado por Godinho Lopes, o coveiro do Sporting, para outras funções e acabou por ir parar a treinador. Está desde Janeiro no Sporting e continuamos com a mesma miséria técnico-tática. Praticamente todas as nossas jgadas de bola parada são desperdiçadas. Já as dos adversários são sempre um Deus nos acuda na nossa área. Nos lançamentos de linha lateral perdem logo a bola pois esperam até todos estarem cobertos. Ao menos com o Sá Pinto tínhamos os lançamentos mais rápidos da Liga. A maior parte dos jovens não foi ele quem os lançou. Nos jogos em casa é sempre com medo, mesmo contra o cascalheira. Vitórias, quando é, só tangenciais e nos descontos. E acaba por falhar a Europa. Bruno de Carvalho sabe..."

 

* Adepto: Deus com pés de barro

 

"Jesualdo Ferreira é um sábio na área do futebol. Era o homem certo para corrigir a rota tortuosa do Sporting Clube de Portugal. Os dirigentes do passado cometeram erros enormes por falta de visão estratégica, mas os actuais parece não tirarem os ensinamentos necessários para fazerem melhor. Na próxima época o Sporting se não descer de divisão ficará nos últimos lugares da classificação da I Liga."

 

* Adepto: Montenegro

 

Conclusão: A «nação» sportinguista está dividida e muito indica que assim vai continuar.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 10:37

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


28 comentários

Sem imagem de perfil

De Petinga a 19.05.2013 às 13:49

Concordo. Mas a divisao nao é de hoje. Só terminará quando os resultados positivos aparecerem - e mesmo aí, o adepto sportinguista é pródigo em bipolaridades e insatisfacoes crónicas.

Assim, de repente, na última década recordo-me de uniao digna desse nome na cavalgada para o título de Inácio em 2000; na época fabulosa de Boloni em 2002; no build-up para o falhanco total com Peseiro em 2005; a meio do "tetra-vice-campeonato" de Bento (mas antes das humilhacoes com o Bayern Munique).

Lembro como cada um desses períodos de uniao terminou: em grande instabilidade apesar de em quase todos eles o Sporting, desportivamente, vir de resultados no mínimo bons.

É também por isso que, para mim, a questao do novo treinador é importante mas secundária: o fulcral será ter uma política e uma estratégia capaz de conseguir resistir (e minorar!) à fatal e inexorável "pressao de Alvalade". Tenho para mim que, se assim tivesse sido no passado recente, poderíamos estar hoje a terminar a temporada 2012-13 ainda com Domingos ao leme e numa situacao desportiva bem mais meritória.

Saudacoes Leoninas
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 19.05.2013 às 14:15

Genericamente, não discordo da sua apreciação. É uma questão cultural também, mas na minha vida como sportinguista, com os muitos altos e baixos, nunca vivi uma divisão tão vincada como de há três anos a esta parte. Nem sequer evoco falanges militantes que hoje em dia estão em voga, mas não me revejo, minimamente, em adeptos que assobiam a sua equipa ao mais pequeno pretexto. Nunca me passaria pela mente fazer isso, indiferente do que ocorre dentro das quatro linhas. Este tipo de conduta tem-se alargado para fora do relvado, precipitando um clima de guerra constante. E nós, que não contribuimos para isso, não vamos facilmente esquecer quem o fez, resultados desportivos agradáveis ou não, no futuro.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 19.05.2013 às 17:23

Caro Rui

"Adeptos que assobiam a sua equipa ao mais pequeno pretexto"? Isso é coisa que sempre existiu! Lembro-me dos adeptos que assobiavam a equipa no tempo de Peseiro, lembro-me de jogos (nao um, nem dois, nem tres!) em Alvalade em que o Nani (claramente, a última transferencia realmente bem negociada do Sporting!) mal tocava na bola era imediatamente assobiado (com um miúdo à minha frente que nao se cansava de dizer jogo após jogo "Oh Pai, o Nani é mesmo uma porcaria a jogar!").
A equipa do Paulo Bento assim que demorava mais de 45 minutos a marcar um golo em Alvalade era assobiadíssima!... No jogo que perdemos em casa com a famosa mao de Ronny do Pacos de Ferreira, em que jogámos bastante bem (e que nos custou um título contra o Porto.. de Jesualdo), os adeptos assobiaram a equipa mais de uma vez durante a partida.
Lamento, mas se acha que isso só vem de há 3 anos talvez esteja a iludir-se...

Saudacoes Leoninas
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 19.05.2013 às 21:12

A minha memória não é assim tão fraca, claro que recordo outras ocasiões, mas bem sabemos que nestes últimos três anos existiu um enfâse adicional e não vale a pena pretender que não houve.

Ou também vamos ignorar o clima de guerra que tem existido dentro e na periferia de Alvalade que muito contribuiu para tudo isto ?

SL
Sem imagem de perfil

De 400 milhões de prejuízo a 19.05.2013 às 21:58

Nestes 18 anos de Projecto Roquette, até sabermos os resultados do R&C deste campeonato, o Sporting acumulou -400 milhões de prejuízos...

Venceu apenas 2 campeonatos e o jejum actual vai em 11 temporadas e deverá prolongar-se por pelo menos mais uma...

Nos 18 anos anteriores, apenas vencemos 2 campeonatos também.

De 1959–60 a 1976–77, ganhámos apenas 4 campeonatos.

De 1941–42 a 1958–59, 18 temporadas, 9 primeiros lugares. 7 em 8 épocas, como é bem sabido.

De 1968-69 a 1985-86, ultimo ano na presidência de João Rocha, ganhámos apenas 4 campeonatos, três dos quais durante o seu consulado. Aliás, 1973 foi um ano estranho, pois o clube teve apenas 4 presidentes!

Temos um passado com muito brilho, mas muito distante no tempo, pois são várias as décadas em que o Sporting não é líder em termos de campeonatos ganhos. Aliás, nas últimas três décadas, desde 1983–84, apenas temos 2 campeonatos ganhos...

De 1973–74 a 1982–83, João Rocha viu o Sporting ser campeão por 3 vezes, menos duas vezes que o Benfica, mais uma que o FC Porto.

De 1963–64 a 1972–73, duas vezes campeão, numa situação semelhante à actual vivida pelo Benfica.

De 1953–54 a 1962–63, três vezes campeão, menos duas vezes que o Benfica, mais uma que o FC Porto.

Aquele período de 1940–41 a 1953–54 em que o Sporting é campeão por nove vezes, contra uma do Belenenses e quatro do Benfica, mostraram uma hegemonia nunca mais repetida e na memória dos mais velhos, continua a pesar essa memória, sem que o clube jamais tenha feito o suficiente para reeditar tal feito.

Passam anos, décadas, e todavia a memória emocional dos sportinguistas é sempre muito curta e temos esta vertigem pelo sofrimento e pela derrota. A lógica da psicologia das multidões no nosso clube não é muito compreensível e isso expressa-se em situações como as narradas pelo Petinga ou outras, como a famosa conferência de imprensa de Luís Duque para anunciar o despedimento de Augusto Inácio e a contratação de José Mourinho, ficando-se pela primeira medida, ao ser confrontado pelos sócios na sala de imprensa...

Como nem com vitórias a coisa lá vai, porque vitórias no actual enquadramento do futebol nacional, com hegemonia do FC Porto e tentativa de desafio do Benfica, resta a BdC sujar as mãos e seguir as pisadas de PdC, adaptando o roteiro de 1976 em diante...
Sem imagem de perfil

De Lionheart a 20.05.2013 às 14:04

Friamente, a minha apreciação o mais "desligada" possível é a seguinte. O Sporting está de rastos. Tem de demonstrar que ainda é um grande no futebol profissional, pois a distância para os rivais há anos que não pára de aumentar, dado que desde 2007 não discute um título na segunda volta e esta época é a pior de sempre. O processo de recuperação é incerto e duvidoso, devido às dúvidas sobre a capacidade de gestão e apoios financeiros da nova direcção e ao empenhamento dos sócios em torno do clube. Não é com 30 mil sócios com as quotas em dia que se levanta o clube. Um bom treinador ajuda, mas falta reforçar o peso institucional do clube no futebol para que as arbitragens "cirúrgicas" não minem o seu trabalho.

O Benfica passa por um processo de sportinguização, estando agora para o Porto como o Sporting estava para o Benfica há 30 anos. O Porto está numa fase em que ganha até por inércia, sendo os dois últimos campeonatos disso exemplo. Mesmo tendo plantéis menos vistosos que o Benfica, mesmo jogando menos, mesmo tendo um treinador inferior ao do Benfica, mesmo tendo menos apoio nas bancadas e nos media, ganha porque tem uma estrutura mais estável e porque não está tão pressionado a ganhar, pois ganhou muito nos últimos anos. O Benfica, ao contrário, cada ano que não ganha fica mais ansioso, o peso do passado e a pressão dos adeptos aumenta proporcionalmente, criando um ambiente que não é propício à concentração exigida para se obter resultados.

Há factores que podem baralhar este cenário, desde logo a sucessão de Pinto da Costa. Mas, na mesma medida, o Benfica parece muito dependente de um treinador, o qual não foi capaz de vencer dois campeonatos que estavam ao seu alcance, numa altura em que o Porto claramente estava mais fraco que nos anos anteriores. Se os andrades conseguirem subir de nível outra vez, encontrando jogadores ao nível de um Hulk ou de um Falcão, juntando a estabilidade interna que dispõem e a movimentação nos bastidores do futebol, serão muito mais difíceis de bater.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 20.05.2013 às 14:24

Excelente e certeira análise Lionheart.
Sem imagem de perfil

De Lionheart a 20.05.2013 às 14:17

Só ainda para reforçar a minha expressão sobre a "sportinguização" do Benfica, a própria atitude dos adeptos perante os dois últimos resultados é em tudo semelhante àquela que tiveram os sportinguistas durante anos, porque não tinham escolha. Tal atitude por parte dos benfiquistas há 20 anos seria impensável. Mas a realidade é que o nível do futebol do Benfica baixou tanto nas duas últimas décadas, que só com Jorge Jesus se aproximaram minimamente da dimensão futebolística do que já chegou a ser norma na Luz. Daí o medo de mudar, pois é certo que foi apenas com Jesus que os encarnados se bateram até final com o Porto em dois campeonatos seguidos. A última vez que tal aconteceu foi no início dos anos 90. E se quisermos mais comparações, sem saber ler nem escrever, o Porto faz novo tri, enquanto o Benfica desde 1984 que não faz sequer um bi. Sinais dos tempos...
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 20.05.2013 às 14:22

Um domínio absoluto do Norte.
Sem imagem de perfil

De haja luz a 19.05.2013 às 15:11

\" A Sporting, SAD comunicou à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) ter alienado 50 por cento dos direitos económicos de Elias e Rick van Wolfswinkel à empresa Quality Football Ireland Limited.

As duas operações foram concretizadas pelos montantes de 3.850.000 e 2.537.500 de euros, que correspondem a metade do valor pago pelos leões aquando da aquisição dos passes do médio brasileiro ao Atlético Madrid e do avançado holandês ao FC Utrecht, respectivamente.

No caso de Van Wolfswinkel, a SAD leonina informou, ainda, ter renegociado com o FC Utrecht o contrato que «tem por objecto a aquisição dos direitos desportivos e cem por cento dos direitos económicos, passando a ser de 5.075.000 de euros o montante global devido por conta dos referidos direitos, mantendo-se os demais termos e condições informados ao mercado em 03 de Junho de 2011\"
Sem imagem de perfil

De Petinga a 19.05.2013 às 17:53

"A Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD, vem informar ter chegado a acordo com o Clube Atlético de Madrid, SAD, para a aquisição dos direitos desportivos e económicos do jogador Elias Trindade pelo montante de 8.850.000 euros"

http://web3.cmvm.pt/sdi2004/emitentes/docs/FR35335.pdf

Foi comunicado à CMVM...

Na minha calculadora, metade de 8.850 nao é 3.850.

Saudacoes Leoninas
Sem imagem de perfil

De haja luz a 19.05.2013 às 16:10

Rui

Se me permite coloco aqui mais um comentário nojento de um elemento da seita, para um sportinguista

\" O que eu te pergunto é: Com os teus amigos fora do Sporting, sem o mágico professor, sem toda a trampa que tu gostas,vale a pena continuares a ser do Sporting?\"
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 19.05.2013 às 16:16

Lamentavelmente há muito disto por parte de uns quantos que só provocam uma maior divisão entre sportiguistas.
Sem imagem de perfil

De Lionheart a 19.05.2013 às 18:39

Ignorem essa porcaria. Isso provém de um "def" que nem sabe o que diz.
Sem imagem de perfil

De Haja Paciência a 19.05.2013 às 22:01

Haja paciência para tanto disparate...
Sem imagem de perfil

De haja luz a 19.05.2013 às 19:00

Sim reparei nisso, ou o valor foi renegociado, ou não corresponde a metade, mas a questão nem é tanto por aí.
Se venderam 50% é porque precisavam de dinheiro, e essa talvez tenha sido a única ou melhor oferta, segundo os jogadores valorizam e desvalorizam.
Se for metade não perderam dinheiro, se for menos 1 milhão, não esquecer que ainda temos metade do passe, e eventualmente pode render mais do que a outra metade.
Mas nada de espantar, são situações que acontecem, quando não se vai á Champions, e se precisa de dinheiro, é uma situação corrente de gestão.
Para mim quem pega nisso, é com segundas intenções.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 19.05.2013 às 22:14

Sobre o Ricky, em Janeiro de 2012 vendeu 15% do seu passe ao Sporting Portugal Fund por 975 mil euros, ficando, portanto, com 35%. A parte que recebeu pela sua transferência para o Norwich.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 19.05.2013 às 23:56

Hajaluz

Desculpa o que vou dizer, mas quem tem "segundas intencoes" aqui és tu...

O anúncio da contratacao por 8850 M€ é feito a 30 de Agosto de 2011.

http://web3.cmvm.pt/sdi2004/emitentes/docs/FR35335.pdf

O anúncio da venda dos 50% é feito a 15 de Setembro de 2011!

http://web3.cmvm.pt/sdi2004/emitentes/docs/FR35572.pdf

Ou seja, em 15 dias, o Elias deixou de valer 575 k€? Grande desvalorizacao, à velocidade da luz!

Isto é gestao danosa. DANOSA. O que a mim me incomoda é que, enquanto estas coisas sucedem, o Sporting ficou a arder em 575 mil euros que foram certamente cair nos bolsos de boa gente que já nao estará no clube! 575 mil euros. Quase que dava para pagar a manutencao do adorado Joaozinho no plantel do Sporting. E enquanto estes roubos a céu aberto sucedem, tu andas por aqui preocupadíssimo a criticar o Bruno de Carvalho por coisas que ele ainda nao fez, e a ver se o Jesualdo sempre ataca a Direccao e faz um discurso inflamadíssimo em que diga que (a) o BdC e o Inácio sao uns facínoras e gente sem escrúpulos, (b) o trataram mal, (c) envenenaram tudo contra ele e (d) o empurraram contra a porta de saída.
Vai uma aposta que nada disto vai suceder?

Saudacoes Leoninas
Sem imagem de perfil

De haja luz a 19.05.2013 às 22:21

\" Nestes 18 anos de Projecto Roquette, até sabermos os resultados do R&C deste campeonato, o Sporting acumulou -400 milhões de prejuízos...\"

400 milhões?humm
Isso pode colar em muitos lados, principalmente em seitas,
em mim não cola.
Já que atiras esses números, é que te julgas convencido que possuis um grande argumento, queres explicá-los?
Sem imagem de perfil

De 400 milhões de prejuízo a 20.05.2013 às 01:58

20 de Fevereiro de 2010, Correio da Manhã:
Passivo Galopante
http://www.cmjornal.xl.pt/noticia.aspx?contentid=031CEF68-DB93-4636-A6E8-91DD94265244&channelid=00000214-0000-0000-0000-000000000214

“Em 1995, o Sporting tinha um passivo de seis milhões de contos (30 milhões de euros), mas só em activos imobiliários (terrenos) tinha cerca de 70 milhões de euros.

“Visto que os activos imobiliários eram_propriedade_do Sporting Clube de Portugal, qual foi a assembleia geral e em que data é que permitiu a alienação da totalidade do património que existia em 1995?” - Tomás Aires, vice-presidente do Sporting entre 1989 e 1995.

+40 milhões de euros, fazendo as contas por baixo.

O mesmo artigo refere que à data, o passivo do Sporting era de quase -300 milhões de euros.

Quando Bruno de Carvalho foi eleito presidente, o mesmo jornal fala de um passivo de -430 milhões de euros:
http://m.publico.pt/Detail/1588913
http://www.ionline.pt/artigos/desporto/bruno-carvalho-sem-tempo-festejar

De +40 milhões de euros para -430 milhões de euros, dá -390 milhões de euros. Mas parece que este número é uma estimativa do próprio, enquanto candidato. Já Vicente Caldeira Pires aventa -480 milhões de euros:

http://www.publico.pt/desporto/noticia/houve-muita-promiscuidade-no-sporting-nos-ultimos-anos-1588255

O jornal Público, a 2 de Fevereiro de 2012, noticia:
Passivo do Sporting ascende a 375 milhões de euros
http://www.publico.pt/noticia/contas-do-sporting-podem-obrigar-o-clube-a-perder-a-maioria-da-sad-1531915

Se juntarmos o Relatório Anual aprovado em Assembleia Geral de 28 de Setembro de 2012, para o exercício de 2011/2012, podemos acrescentar quase 46 milhões de euros, só da SAD.

Ficamos portanto com -420 milhões de euros, mais milhão, menos milhão. Tendo em conta que durante os dois primeiros exercícios de Godinho Lopes, a SAD acumulou passivos acima dos 40 milhões de euros, no final desta temporada não é difícil de especular que teremos um exercício com um resultado líquido semelhante e como tal, o actual número dos -400 milhões de prejuízo peca por escasso.

Mas sobre isto, devemos esperar pelo próximo R&C da SAD e quem sabe, que as contas do Grupo Sporting se tornem mais transparentes e conhecidas.
Sem imagem de perfil

De haja luz a 20.05.2013 às 12:56

\" O Elias foi comprado pelo Atlético de Madrid em Dezembro de 2010 por 7 milhões por 50% do passe. é uma questão de fazer as contas. Portanto, 7M€ + 7M€ = a 14 milhões!!! Certo?

Ora bem, o Sporting Clube de Portugal, acaba de adquirir, o passe do internacional brasileiro (100%), por 8,85 milhões.

-Elias, é internacional A brasileiro; -tinha uma clausula de rescisão no Atlético de Madrid de 30 milhões; - desde 2008 a 2010 fez 160 jogos pelo corinthians e marcou 58 golos; - desde Dezembro de 2010 em Madrid, fez 17 jogos e marcou 4 golos; - joga nas posições, 6, 8 e 10 com enorme qualidade; - pode jogar a lateral direito; -em 2010 foi considerado Craque do Brasileirão - segundo volante bola de prata.\"

Coloco aqui uma parte do comentário que já tinha feito, não acrescentaste nada de relevante.

Se venderam 50% é porque precisavam de dinheiro, e essa talvez tenha sido a única ou melhor oferta,
segundo os jogadores valorizam e desvalorizam. Se for metade não perderam dinheiro, se for menos 1 milhão, não esquecer que ainda temos metade do passe, e eventualmente pode render mais do que a outra metade.
Mas nada de espantar, são situações que acontecem, quando não se vai á Champions, e se precisa de dinheiro, é uma situação corrente de gestão.
Acrescento ainda o esforço da direcção em reforçar a equipa, mesmo em dificuldades.
O que tu tentas fazer é show off para tentar impressionar, os impressionáveis.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 20.05.2013 às 16:10

Hajaluz

Já percebi que nao tens argumentos. Nao me interessa o que o Atlético de Madrid pagou por quem quer que seja, interessa-me o que o Sporting Clube de Portugal ficou a perder. E isso está aqui claramente explicado abaixo.

Pensando bem, como poderias ter argumentos para rebater isto? É matemática simples e gestao danosa. Faltam ali 575 mil euros. Estas coisas podem dar cadeia, se forem investigadas.

Nao tem nada a ver com idas à Champions, nem com esforcos de direccoes em reforcar a equipa em dificuldades ("viver à medida das possibilidades" é algo que compreendes?) ou com show off para impressionar ninguém.

Acho até estranho que o Rui Gomes te permita fazer copy-paste daquilo que escreveste 3 vezes quando nao adiantas nada para a discussao nem consegues argumentar...

Se nao achas isto sério, entao nao me preocuparei mais em responder-te.

-------

"O anúncio da contratacao por 8850 M€ é feito a 30 de Agosto de 2011.

http://web3.cmvm.pt/sdi2004/emitentes/docs/FR35335.pdf

O anúncio da venda dos 50% é feito a 15 de Setembro de 2011!

http://web3.cmvm.pt/sdi2004/emitentes/docs/FR35572.pdf

Ou seja, em 15 dias, o Elias deixou de valer 575 k€? Grande desvalorizacao, à velocidade da luz!

Isto é gestao danosa. DANOSA. O que a mim me incomoda é que, enquanto estas coisas sucedem, o Sporting ficou a arder em 575 mil euros que foram certamente cair nos bolsos de boa gente que já nao estará no clube! 575 mil euros."

------

Saudacoes Leoninas
Sem imagem de perfil

De haja luz a 20.05.2013 às 13:08

Como previsto não explicas-te nada.
Os argumentos que têm alguma validade, não da maneira que os colocas-te, são as construções.
Mas o que é que tu querias?
Era ter um estádio e uma academia de borla?
Sem imagem de perfil

De haja luz a 20.05.2013 às 18:02

\" Nao me interessa o que o Atlético de Madrid pagou por quem quer que seja\"

Já percebi que não, á muito, só vos interessa é criticar, e tentar deitar abaixo, por isso é que nem perdi tempo com muitos argumentos, porque isto é uma coisa tão normal, que quem pega nisto, é porque tem segundas intenções, ou \"aterrou agora no planeta futebol\".
Eles perderam 2,5 milhões, nós ainda podemos lucrar com a compra.


Quando temos orçamentos mais baixos, criticam as direcções, porque não temos equipa, não jogam nada, só contratam é \"cepos\", somos humilhados, e mais porcarias que dizem.
Se as direcções se esforçam para dar uma equipa mais competitiva, e utilizam certas engenharias financeiras, criticam na mesma, pois, gastam mais do que o que podem, andam a prejudicar o clube, só contratam é toscos(dizem sempre isto sejam bons, sejam menos bons), vivem acima das possibilidades, e demais palermices.
Vocês parecem crianças mimadas, mal educadas que nunca estão contentes com nada.
Visto que não tens argumentos, nem podias ter, porque não há nada onde possas pegar, penso que este tema está encerrado.



Sem imagem de perfil

De Petinga a 24.05.2013 às 00:35

Hajaluz

És primário. Nao há outra forma de dizer. O que eu escrevi é a verdade, suportada por factos. Tu nao os consegues rebater. Nem sequer tentas. Limitas-te a ser mais um dos 3 ou 4 leitores que aqui vem acéfalamente dizer "amen" a tudo o que se escreve criticando o incriticável (porque ainda nao aconteceu).

Contigo nao perco mais tempo.

Saudacoes Leoninas
Sem imagem de perfil

De haja luz a 20.05.2013 às 18:15

Lion

\" Se os andrades conseguirem subir de nível outra vez, encontrando jogadores ao nível de um Hulk ou de um Falcão\"

Penso que eles têm mais jogadores acima da média que os outros, falta-lhes é um ou dois jogadores, como frisaste, que façam a diferença na frente mais regularmente.
Acho que eles até ao meio campo são \"bastante\" superiores aos outros.
Acho que o campeonato demonstrou isso, apesar de todas as ajudas, e foram MUITAS, não conseguiram vencer.
Sem imagem de perfil

De Lionheart a 20.05.2013 às 20:54

Haja luz, olha que em termos de ajudas os andrades e os lampiões ficaram ela-por-ela. Basta ver a arbitragem em Paços de Ferreira. A grande penalidade não existe, portanto não haveria o 0-1 e o Paços de Ferreira não ficaria reduzido a 10 aos vinte e tal minutos.
Sem imagem de perfil

De haja luz a 20.05.2013 às 22:18

Lion

Eles ainda detêm poder, mas já não são os donos do sistema, os outros foram levados ao colo.
Mas até achei piada, porque eles queriam ganhar o campeonato á custa da corrupção, e acabaram por no ultimo jogo, perderem a possibilidade do título, com as mesmas vigarices, que fizeram aos outros.
Há um ditado que diz, ladrão que rouba ladrão, tem ..

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo