Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Leonardo Jardim apresentado

Rui Gomes, em 20.05.13

 

Leonardo Jardim foi hoje apresentado como o novo treinador do Sporting e em género de inaugurar o seu novo palco de trabalho, afirmou que "vem para rentabilizar a equipa do Sporting com o objectivo de vencer". Mesmo perante a insistência dos jornalitas, recusou-se, e bem, a adiantar quaisquer promessas "sou de poucos sonhos e promessas. Vou trabalhar no limite das minhas capacidades em prol dos objectivos do clube e dos adeptos". Confessou que era "um sonho de criança" orientar o clube de que gosta e, a exemplo de outros treinadores antes dele, sublinhou que "é preciso união em volta do clube e ter toda a estrutura envolvida para colocar a equipa no patamar da dimensão do clube.."

 

Leonardo Jardim já era um técnico de provas dadas antes de chegar ao Sporting e nada altera essa disposição. O passar do tempo esclarecerá se vai ter a matéria para fazer o seu melhor, tanto em termos de jogadores como em relação a uma estrutura de futebol que tem ainda tudo por provar. Neste momento é difícil prever o grau de união em volta do clube pela profunda divisão existente, no entanto, é por de mais evidente que vai poder trabalhar em um clima de relativa paz e tranquilidade, sem oposição ou tentativas de destabilização, já que o principal opositor e destabilizador no passado recente é agora o presidente do clube. Desejamos-lhe todo o sucesso!... A sua realização representa a prosperidade do nosso Clube, desportiva e financeiramente.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:36

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Lionheart a 20.05.2013 às 22:49

Assino por baixo, caro Rui Gomes. Mais do que divisão, neste momento haverá cepticismo e descrença, porque não é fácil mobilizar um clube grande depois de tantos anos de desaires. Mas é preciso confrontar os sportinguistas com a realidade como ela é. Se querem que o futebol do Sporting volte a ser grande, a massa adepta tem de investir mais no clube. Apenas trinta mil sócios efectivos com as quotas em dia não chegam para nada.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 20.05.2013 às 23:06

Em inglês temos por hábito dizer "put your money where your mouth is". Concordo caro Lionheart.

Como bem sabemos, indiferente das melhores intenções no presente, muito vai depender das mudanças no plantel e mais adiante dos resultados desportivos. O ADN do Sporting não disponibiliza muita paciência e tolerância, em alguns casos, com consequências desastrosas.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo