Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Rumores do mercado

Rui Gomes, em 25.07.13

 

- O lateral direito Welder que é suposto chegar do Palmeiras por empréstimo já estará em Lisboa e cumpriu ontem os exames médicos.

 

- O Sporting estará a negociar o médio brasileiro Gerson Magrão, 28 anos, que já passou pelo Cruzeiro, Feyenord, Flamengo, Ipatinga, Santos, Dynamo de Kyev e Figueirense.

 

- Outra negociação noticiada envolve o médio/lateral direito de 22 anos, Luiz António do Flamengo. Cedência por empréstimo com opção de compra.

 

- O PSV estará a ponderar apresentar uma proposta por Tiago Ilori e, para o efeito, formará uma parceria com a Doyen Sports, o fundo de investimento que já detém 35 por cento do passe de Labyad e 75 por cento do de Marcos Rojo.

 

Vale o que vale, mas dá para pensar, a alegada procura de mais médios, salvo um 10 de qualidade que, em princípio, o Sporting não terá condições para contratar neste momento.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:14

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


8 comentários

Sem imagem de perfil

De Fredy a 25.07.2013 às 13:26

Espero que sejam falsas estas noticias destes brasileiros.
Parece-me algo de muito grave e deixa-me bastante apreensivo com esta direcção que eu não escondo que foi a que recolheu os meus votos.
Vamos aguardar.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 25.07.2013 às 15:19

Caro Fredy,

Confirmando-se, não faz grande sentido, especialmente considerando os talento que aguardam oportunidade na equipa B.

Teremos de esperar mais algum tempo para então avaliar. Mas uma consideração me parece óbvia, que é o intuito de adquirir activos "low-cost" para substituir outros que, porventura, não satisfaçam essa definição, com a expectativa de que o talento dos primeiros supere o dos segundos.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 25.07.2013 às 14:41

1. A questao do lateral-direito é uma necessidade evidente e penso que o recurso a um empréstimo faz algum sentido. Veremos se a escolha propalada pela Imprensa terá fundamento (e qualidade...).

2. Haverá entre as demais negociacoes avancadas (Gerson Grandao, Luiz Antonio) certamente muito do típico "lixo" que a imprensa todos os dias coloca nas bancas. Quantos jogadores foram já dados como certos no Sporting até agora?...

3. Provavelmente nunca obterei resposta, mas continuo sem conseguir perceber como é que o Sporting nao detém 100% dos direitos do Labyad, se o próprio veio a custo zero.

4. A frase " (...) salvo um 10 de qualidade que, em princípio, o Sporting não terá condições para contratar neste momento" deixa pressupor que só jogadores que custem muito dinheiro é que poderao ser "de qualidade". O passado do Sporting é fértil em casos de jogadores "baratos" que se revelaram excelentes e jogadores caríssimos que foram verdadeiros flops (alguns dos quais estamos ainda hoje a tentar despachar).
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 25.07.2013 às 15:40

Caro Petinga,

Não se se deve aos ares aí para os lado de Essen ou somente à sua incondicional devoção a esta Direcção, mas eu sinto sempre dificuldades em dialogar consigo porque, em primeiro lugar; entre tantos comentários, ainda não apontou uma "vírgula" que seja fora do sítio em relação às decisões e acções desta Direcção, e segundo; porque pela sua acima referida devoção tende sempre apresentar argumentos generalizados para combater o que é lógico, pela evidência à vista do que é o desporto chamado futebol.

1. O lateral direito é uma necessidade porque os dois que, em princípio, seriam titulares tanto na equipa A (Miguel Lopes) como na B (Arias), foram cedidos. Resultado: só temos um na A (Cédric) e nenhum na B. Ricardo Esgaio que é um talento desperdiçado nessa posição, foi forçado ali jogar na Taça de Honra, e até este bem, mas não é onde ele rende mais.

2. Já tinha obrigação de compreender por tanto que foi publicado sobre este jogador: Labyad veio a "custo zero" ao que concerne pagamento ao clube onde jogou, mas ele chegou com o seu próprio passe na mão e, de acordo, teria sempre de ser compensado. Os direitos econónimos dele foram alienados (65%), 35% ao Doyen Sports e o balanção ou todo ao Sporting Portugal Fund ou parte a este fundo e outra parte à Holdimo, fundamentalmente pelos mesmos motivos que tantos outros passes foram alienados: assegurar "cash-flow" onde este não existia. Se foi boa gestão ou não é discutível, mas é aparente que foi isto que ocorreu.

3. Aqui, mais uma vez, o seu argumento é ideológico e não lógico. A contratação de activos é sempre um risco, mais para clubes como o Sporting cuja margem de erro é minima pelos condicionantes financeiros. A lógica do futebol indica que salvo a tal rara excepção à regra (um Deco, por exemplo), não se vai encontrar um jogador com a capacidade para fazer a diferença barato, especialmente em certas posições: PL e 10 serão as principais. É possível encontrar um bom 10 barato ? Tudo é possível neste nosso mundo, mas improvável. Mesmo quando se compra um jogador já com currículo de relevo, pode falhar, o caso de Fernando Torres serve de exemplo, excepcional que seja.

Podia contnuar o meu argumento, mas vou ficar por aqui.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 25.07.2013 às 18:53

Caro Rui

Agora, que até escrevo de Lisboa, aproveito para o recordar, assim como evento mais recente, o facto de que também critiquei as palavras ambíguas do Presidente em relacao à contratacao de Montero. Essa história de nao eu apontar uma "vírgula" é para enganar quem?

1. Parece-me que o Rui ainda nao percebeu que o Sporting precisa de reduzir despesas. Tinha dois laterais-direitos que auferiam vencimentos considerados excessivos para o seu rendimento desportivo (Arias 600k brutos; Lopes acima de 1M brutos). Encontrou oportunidades de negócio e reduziu a carga salarial. Estrategicamente pretende apostar em Cédric e espera que se possa assumir como titular na equipa. Encontrar um suplente para essa posicao, que aufira menos do que qualquer dos que saíram, faz sentido. E o Rui é mais do que suficientemente inteligente para compreender isto.

2. Obrigado pela explicacao.

3. Compreendo que persista no seu ponto de vista. Mas nao me pode censurar por nao abdicar do meu. Para uma equipa cujo objectivo será uma performance entre o 4o e o 3o lugar nao me parece ser necessário desembolsar grandes somas. É preciso é fazer bons trabalhos de prospeccao, sendo que os jogadores contratados terao sempre margem alargada para cometer erros e para se adaptarem (e para cobrirem eventuais falhas dos jovens da formacao, de quem se espera poderem surpreender numa ou noutra posicao). Nao vamos jogar com obrigacao de vencer a Taca de Portugal, a da Liga (apesar de o Sporting ser sempre candidato) nem uma qualquer Liga Europa (em que nem participaremos). Os encontros de grau mais elevado que teremos este ano sao 2 com o FCPorto, 2 com o SLBenfica (e 2 com o Braga, num patamar inferior) mais eventuais encontros com estas equipas nas Tacas.

A minha devocao é ao Sporting. A diferenca entre nós, como já escrevi várias vezes, é simples: onde eu dou o benefício da dúvida, o Rui assume incompetencia e falta de preparacao. Só o futuro permitirá avaliar as coisas correctamente.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 25.07.2013 às 20:36

Meu caro,

Escrevi uma extensa resposta e rasureia-a inadvertidamente. Tentarei agora repetir a essência da mesma.

Eu percebo melhor do que muitos trabalhar no futebol com orçamentos diversos. Compreendo perfeitamente as actuais necessidades do Sporting, que não são da autoria da actual liderança, mas são agravadas por terem assumido o poder de bolsos vazios, cash-flow e investimento. Sei identificar a eliminação de excessos, apurar estruturas, definir cursos, mas não concordo com a estratégia em evidência. Mesmo fazendo as tais "poupanças" é necessário investir na competitividade da equipa pois sem esta não haverão receitas e sem receitas nada mais há. Tudo vai depender dos resultados, porque contrário ao que se pretende, a tolerância sportinguista não perdurará por muito tempo. Tem de assumir um certo risco mas, para isso, é preciso ter coragem e competência, que eu não acredito que esta liderança tenha, até provas em contrário.

Além do desrespeito que me merece por tudo quanto fez ao longo de três anos, este presidente teria mais apoio se exibisse menos arrogância e pomposidade e mais humildade, perante um desafio que lhe é totalmente alheio. Com esta postura sua continua a dividir a nação sportinguista, só ele não reconhece isso porque não quer saber, embriagado que anda a cultivar a sua imagem populista.

Eu sempre fui e sempre serei do Sporting e não em prol ou contra um qualquer presidente que passa pelo clube temporariamente. Admito que a minha tolerância para com este não é elevada, mas nem por isso deixo de tentar a objectividade possível, mesmo na crítica. Será esta a nossa maior diferença. Não tenho problema em debater factos e circunstâncias, algumas muito subjectivas, mas detesto viver sob um teto de demagogia e ideologia. É contra os meus princípios e maneira de ser e estar. Quando erro e me é apontado, admito e corrijo, mas enquanto pensar ter razão persisto.

Bem, vou ficar por aqui. A resposta original era melhor.

Sem imagem de perfil

De MM a 25.07.2013 às 17:00

Caro Rui Gomes, tal como refere o 1º comentário, espero que as entradas desses 2 jogadores não se confirmem. Mais importante, que a saída de Tiago Ilori não esteja em cima da mesa.

Um abraço.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 25.07.2013 às 17:25

Caro MM, o próprio Leonardo Jardim afirmou hoje que ainda há muito por definir quanto ao plantel, portanto tudo é possível, embora o que é hoje noticiado não passe de rumores, por agora.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo