Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ponte de ligação aos leitores

Rui Gomes, em 13.08.13

 

 

«Este "estado de guerra" permanente com tudo e com todos, esta persecução dos fins sem olhar a meios e total ausência de valores, não faz parte da matriz identitária do "meu" Sporting. Não foi assim que o Sporting cresceu e se tornou em algo muito maior que um mero clube desportivo.

 

Aos poucos, anos após ano, decisão após decisão vai-se destruindo a identidade do Sporting, pelo que começa a ser difícil manter o mesmo tipo de laços que me uniam ao "meu" Sporting, que me faziam não querer perder um único jogo que fosse, que me punham deprimido com as derrotas (especialmente contra os nossos rivais de sempre) mas que me deixavam quase que inebriado com as vitórias.

 

Este, o da actualidade, não sei que Sporting é!»

 

Leitor: Rui Barros

 

Nota: É expectável que o comentário do nosso estimado leitor não será bem recebido por todos, mas mantendo-me fiel à minha consciência, não posso se não reiterar que identifico-me perfeitamente com o seu estado de espirito e compartilho dos seus sentimentos, na certeza porém que contrário ao que alguns nos quererão fazer crer, nem o leitor nem eu nos sentimos menos sportinguistas por isso.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:01

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


12 comentários

Sem imagem de perfil

De Petinga a 13.08.2013 às 06:33

Ponto 1.
Nao é por discordar da opiniao deste leitor que somos mais ou menos sportinguistas. Como também nao será por concordar com ela que o seremos.

Ponto 2.
Passo a citar
"(...) vai-se destruindo a identidade do Sporting, pelo que começa a ser difícil manter o mesmo tipo de laços que me uniam ao "meu" Sporting, que me faziam não querer perder um único jogo que fosse, que me punham deprimido com as derrotas (especialmente contra os nossos rivais de sempre) mas que me deixavam quase que inebriado com as vitórias."

Apesar de ser bastante criticável e a despropósito, aquilo que o Presidente fez após a derrota com o West Ham (que eu prontamente critiquei, tal como foi feito aqui no blogue) foi precisamente uma manifestacao exterior de insatisfacao e revolta com uma derrota. Mesmo num jogo amigável.
Olhando para estas declaracoes, ainda assim prefiro aquilo que BdC fez (de forma irreflectida e que espero nao se repita em público) do que uma saída em que abracasse os jogadores e lhes desse apertos de mao com sorrisos. Como tem sido feito nas últimas décadas pelo Sporting e pelas suas Direccoes, naquele espírito de "eh pá, perdemos, nao faz mal, nao é nada". Como Soares Franco, que após a derrota crucial na Luz com golo de Luisao disse que tinha sido um golo limpo, e que 1 ou 2 anos mais tarde era Presidente do Sporting Clube de Portugal.

Para este leitor, nao teria dúvidas em afirmar-lhe: O "seu" Sporting está de volta, meu caro. Aquele que nao admite outro resultado que nao seja a vitória, seja a sério, seja a feijoes.

Cumprimentos
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 13.08.2013 às 09:59

O leitor e eu é que fomos acusados dessa forma pela publicação original do comentário, além de alguns bastante ofensivos que não foram publicados.

O leitor não se está a referir só a esse incidente no jogo com o West Ham .

Tão ou mais importante do que saber perder é também saber ganhar e só admitir a vitória tem muito que se lhe diga, mediante os meios a que se recorre. Mas até não é isto que está em questão.

Não sei a idade do Petinga , mas garanto-lhe que o "meu" Sporting não está de volta nem nunca mais voltará, nesse contexto. Os tempos mudaram e algumas coisas são irrecuperáveis.
Sem imagem de perfil

De haja luz a 13.08.2013 às 08:30

Comentario que diz muito!
A assistencia tem sido reveladora do distanciamento dos adetpos.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 13.08.2013 às 10:02

Também tem a ver com a ausência de jogadores de referência. Os adeptos necessitam de ter atletas que possam admirar para os levar mais ao Estádio. A situação poderá melhorar mediante os resultados e considerando que temos o Benfica à 3.ª jornada.
Sem imagem de perfil

De altaia a 13.08.2013 às 09:30

Junte a esse comentário mais uns largos milhares companheiro e terá aí o resultado daquilo que estão a fazer ao SPORTING é que ser sportinguista é uma coisa ser brunista godinhista e outros istas é outra coisa.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 13.08.2013 às 10:00

É precisamente isso que muitos não compreendem ou recusam compreender.
Sem imagem de perfil

De Miguel a 13.08.2013 às 15:24

Concordo inteiramente,também.
Mas,devo confessar que não me tenho apercebido de nenhum movimento de idolatria em torno de Godinho Lopes.
Logo,godinhismo é coisa que me parece que só existe no discurso de alguns porque dá jeito e não tem qualquer correspondência real.
Admito que posso estar enganado e seja algum movimento hermético,longe do conhecimento público.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 13.08.2013 às 16:03

Caro Miguel,

Não há e nunca houve idolatria por Godinho Lopes. Como sempre, nestas situações, houve quem acreditasse nele e outros que não. Eu, por exemplo, que nem sequer o conhecia salvo saber dele pelo sua prévia passagem pelo Sporting, não fiquei impressionado com a sua campanha em 2011 e decidi dar o benefício da dúvida a BdC, tipo aposta de olhos tapados, na esperança que algo de bom surgisse. Em quem eu mais depositava confiança então, foi quem mais me desapontou: Pedro Baltazar.

Este chamado "godinhismo" é um mito que nasceu pela "declaração de guerra" enunciada por Bruno e seus apoiantes logo após essas eleições e, daí, usado à conveniência pela campanha populista e demagógica que decorreu durante quase três anos.

Com o passar do tempo, aprendi a respeitar GL pela sinceridade do seu empenho em prol do Sporting. Nem tudo foi negativo. Ele arriscou (exageradamente) na aposta no futebol e foi traído pela gestão desportiva de Duque e Freitas.

Esta é a minha leitura das coisas que acompanhei muito ao perto.
Sem imagem de perfil

De Miguel a 13.08.2013 às 18:18

Nada a acrescentar.
Coincidimos inteiramente na análise.
Cumprimentos.
Sem imagem de perfil

De Rui Barros a 13.08.2013 às 22:52

Caro Rui,

Os meus agradecimentos pelo destaque dado ao meu comentário bem como os seus comentários posteriores.

Muito rapidamente, o meu Sportinguismo não está em perigo, pode apenas ser mais ou menos intenso conforme as circunstâncias.

...e que se continue a discutir o Sporting de forma profícua e civilizada!

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 13.08.2013 às 23:17

Mereceu o destaque meu caro. Nunca pensei que estivesse em perigo, não obstante opiniões em contrário.

Cumprimentos.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo