Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O desnorte total de Eduardo Barroso

Rui Gomes, em 21.12.12

Numa acção no mínimo espantosa e descomunal, o presidente da Mesa da Assembeia Geral do Sporting esteve reunido com as entidades bancárias parceiras e credoras do Sporting (BES e BCP), fundamentalmente para saber se estas estão disponíveis para trabalhar com outro presidente. Quando questionado sobre as informações que lhe foram dadas, limitou-se a responder: «Fiquei informado. Os meus sentimentos pessoais não contam». Não é necessário ser génio para raciocinar que lhe terá sido participado que nenhum presidente do Clube tem exclusividade na banca e que esta está disponível para trabalhar com qualquer um, desde que seja de reconhecida credibilidade. De igual modo, não é de esperar que as referidas entidades tenham manifestado agradabilidade perante um cenário de eleições antecipadas, pela imprevisibilidade dos resultados quanto à qualidade das pessoas que potencialmente podem surgir dessas conturbadas circunstâncias. Uma averiguação totalmente desnecessária de Eduardo Barroso e, pior do que isso, mais uma demonstração que não tem condições algumas para exercer o cargo que assumiu pelo último acto eleitoral. Em 106 anos de história, é por de mais evidente que o Sporting nunca teve um PMAG de tão baixo nível e que no seu clamado amor ao Clube, só lhe causa danos e dissabores, repetida e frequentemente. 

 

Não querendo ficar por aqui, ainda se disponibilizou para prestar declarações à comunicação social, que apenas serviram para o ridicularizar, ainda mais:

 

- Sobre a capacidade de Vercauteren: «A minha opinião sobre Vercauteren é a análise que faço aos resultados da equipa. Agora, só espero que a contratação de Jesualdo Ferreira não afecte o treinador actual, que tenham sido bem explicadas as funções de cada um deles».

 

- Sobre a contratação de Jesualdo Ferreira: «Não me pronuncio sobre ela.»

 

- Confrontado com as suas declarações da passada segunda-feira sobre ter sido «mais uma solução de recurso», respondeu: «O que disse é que era fundamental ter alguém na SAD que percebesse de futebol. E recuso discutir o nome de Jesualdo.»

 

- Sobre o cenário de eleições antecipadas: «Vou continuar a ouvir os sócios, quer a nível individual, quer organizado. É inevitável e inexorável dar a palavra aos sócios.»

 

- Sobre as críticas que só anda a destabilizar o Clube: Nunca ouvi nenhuma acusação dessas por parte de Godinho Lopes. Ele sabe que tem contado com a solidariedade da Mesa da AG.»

 

- Sobre a sua própria demissão: «Os meus sentimentos pessoais não contam.»

 

- Sobre o movimento «Dar rumo ao Sporting»: «Os sócios têm uma palavra a dizer e eu sou o seu representante. Acho que é importante e inevitável dar-lhes a palavra.»

 

Ver (ler) para acreditar. Este homem dá o dito por não dito. O que era verdade ontem, já hoje não é. Tem andado sistematicamente a criticar o presidente Godinho Lopes e o Conselho Directivo à vista do «mundo» e surge agora a clamar «solidariedade». Criticou a contratação de Jesualdo Ferreira, mesmo antes de este ser apresentado, agora diz que se recusa a comentar e só espera «que seja muito feliz no Sporting». Disse também que Godinho Lopes teria o seu voto se os bancos dissessem que «ou é este ou não há dinheiro». Absolutamente incrível, o desplante, a ingenuidade, o desnorte de Eduardo Barroso, tudo no sentido de abrir caminho ao aventureirismo e sede de poder de uma inconsequente figura por nome de Bruno de Carvalho. Quando se pensa que já se viu e ouviu tudo, o presidente da Mesa da Assembleia Geral do Sporting encarrega-se de inventar algo ainda mais absurdo. E...estamos longe de deixar de o ouvir, salvo deixar de ler jornais, ver televisão ou visitar a Internet. Está à vista, pelo seu total desnorte, que se vê em circunstâncias que se tornaram um «beco sem saída» e o seu único curso é mais do indecoroso mesmo. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:19

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo