Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

As palavras são de Agostinho Abade - antigo presidente do Conselho Fiscal do Sporting - em entrevista a Bola Branca da Rádio Renascença. Não disse mais do que já era óbvio a todos os sportinguistas, mas também concordo com o seu raciocínio - já aqui referi por diversas vezes - que a chave é a  entrada directa para a Liga dos Campeões, ou seja, para a fase de grupos, pelos respectivos milhões de prémio. Para isso, o Sporting terá de se qualificar pelo menos em 2.º lugar na Liga, já que o terceiro obrigará a disputa de uma pré-eliminatória que, à partida, não oferece garantias.

 

Relativamente às recém-declarações de Bruno de Carvalho sobre o débil estado da reestruturação financeira, Agostinho Abade entende que visam ser uma alerta para o universo leonino: «Não há saneamento possível sem o apoio dos sócios e adeptos. A situação era caótica e as despesas tinham de diminuir. Isso foi conseguido e agora há que aumentar as receitas. A equipa de futebol está a dar-nos motivos para ir ao estádio e temos de ajudar mais, mesmo neste contexto de crise económica.

O Sporting estava à beira da falência. Foram tomadas medidas de redução de custos e isso tem de continuar a acontecer. O que se pede agora é que as receitas aumentem. Os bons resultados da equipa de futebol podem estar a "camuflar" um pouco os problemas financeiros mas o Sporting está no bom caminho.»

 

Agostinho Abade saberá melhor do que muitos de que o mero aumento de receitas de bilheteira é insuficiente para as responsabilidades que enfrentam o Sporting, assim como a captação de novos sócios. Creio que tal como ocorreu no Verão com Bruma e Tiago Ilori, veremos a venda de alguns activos em Janeiro e, nos casos de Labyad e Jeffrén, empréstimos com algum retorno e redução da carga salarial. Se o cenário se vai estender a algum jogador agora considerado essencial, teremos de esperar para ver.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:42

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Lionheart a 29.12.2013 às 13:03

A captação de sócios é sempre muito útil, em especial para as modalidades, se for em número significativo. Além disso, dá ao Sporting maior poder negocial para lidar com os patrocinadores, porque quanto mais sócios e adeptos tiver, demonstra a sua força social, logo comercial. Se os adeptos estiverem à espera que o clube ganhe títulos para se envolverem mais, então fica mais difícil para o Sporting chegar lá. Quando se ganha não é preciso nada.

Achei esta página do Flamengo muito engraçada sobre como a sua "torcida" pode ajudar o seu clube. Não fazia mal nenhum o Sporting ter algo de parecido para tentar sensibilizar os adeptos a participarem mais com o que puderem. Nem que seja, no mínimo, a assumirem o seu sportinguismo em redes sociais, para os que participam nessas cenas.

Mas concordo que é preciso mais e como a reconstrução do nosso futebol vai precisar de tempo, mais um motivo para alertar os adeptos que o seu envolvimento tem de ser constante, e não apenas quando se ganha. Senão não vamos lá.

http://www.flamengo.com.br/site/conteudo/detalhe/870/10-motivos


Imagem de perfil

De Rui Gomes a 29.12.2013 às 13:43

Caro Lionheart, concordo com o que diz mas a referência a captação de sócios foi no contexto de receitas.

Os números anunciados sobre as modalidades surpreenderam-me. Gostaria de saber a razão de serem tão baixos, salvo ser somente a crise económica.

O Sporting tem página de Facebook que eu não acompanho e por isso não sei se tem algum sucesso. Já o "site" é muito pobre, especialmente ao que concerne a plataforma. Para encontrar certas informações é necessário fazer pesquisa por todo o lado e invariavelmente não se chega lá. A sua modernização foi anunciada o ano passado, mas decerto que com a redução de despesas, tudo ficou sem efeito.

Por muitas voltas que se dê, redução de custos tem um efeito específico e, neste caso do Sporting, necessário, mas não produz receitas, seja nas equipas, merchandising, jornal, etc.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo