Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




De regresso ao trabalho

Rui Gomes, em 28.12.12

O treinador Franky Vercauteren, já a liderar os treinos após as mini férias de Natal, indicou que o planeamento do Sporting para a abertura do mercado de janeiro já foi devidamento elaborado, em conjunto com Jesualdo Ferreira e Godinho Lopes, e que os reforços pretendidos já estão identificados. Disse Vercauteren nesse sentido: «O treinador dá conselhos e expressa a sua opinião, mas há assuntos que dizem respeito ao Clube. Teremos de esperar até final de janeiro para responder correctamente a essa questão. No futebol, e não apenas no Sporting, tudo pode acontecer. Há jogadores que entram e outros que poderão sair. O importante agora é chegar aos alvos que pretendemos e ver o que será possível fazer.»

 

Pela reconhecida situação financeira e também pela incerteza quantos aos jogadores de saída, não é de esperar, em princípio, que o Sporting se movimente no mercado logo nos primeiros dias do ano, muito embora se admita, por razões óbvias, que esse seria o cenário ideal. Muito dá para perceber que Izmailov e Elias estarão no topo das preferências para saída, mas não se prevê solução fácil pelas circunstâncias dos jogadores. Um que é um reconhecido talento mas que pouco tem jogado, supostantemente pelas recorrentes lesões, e que provocará preocupação nesse sentido a quem o pretender. O jogador brasileiro porque não tem justificado o investimento nele feito e tem demonstrado má forma, quase toda a época. Pelo seu preço de compra e elevado salário, não deverá ser alvo muito apetecível no mercado.

Sem conhecimento de causa é missão complicada tentar antecipar o que a estrutura do futebol pretende, mas muito dá para perceber que as desejadas entradas - um avançado, um médio construtor de jogo e mais um defesa central, talvez - estarão dependentes das saídas e, sendo esse o caso, o Sporting não poderá reforçar a equipa logo no inicio do mês. Além disso, uma decisão terá de ser feita quanto a Xandão, já que a opção de compra - 3 milhões de euros - termina no fim do mês, Mesmo para um adepto mais conhecedor, é um caso conflituoso. É jovem, tem virtudes e possível margem de progressão, mas até ao momento não se pode afirmar que tem demonstrado ser daqueles que fazem a diferença. Neste contexto, o parecer do treinador é imprescendível. Outro caso muito em dúvida, é o possível regresso de Onyewu, pela forma como foi dispensado e pelos termos do seu empréstimo ao Málaga, que poderão ou não prever movimento em Janeiro. Esperar para ver...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:18

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo