Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Como falir o Sporting em poucos anos

Drake Wilson, em 27.02.17

 

20280109_I4KZz.png

Análise Financeira por Bruno de Carvalho. A razão pela qual a RTP negou o Serviço Público...

 

 

Este é o verdadeiro projecto em curso no Sporting

 

Um documento-audio recentemente tornado público através das redes sociais, onde José Maria Ricciardi e Sikander Sattar – quais agentes administrativos da nossa SAD – refutam intenções de privatização/aquisição do Capital Social da SAD do Sporting, merece a devida reflexão por parte de todos os adeptos, em menor ou maior grau de familiaridade com a real situação económica do Clube. Trata-se de um dos maiores tabús leoninos – perder a maioria do Capital Social do Sporting para uma entidade privada. Um tema que conheço, sob o qual tenho já “assobiado” de soslaio em diversos textos pelo Camarote. Um dia estimado leitor, este será um tema obrigatório. Seja enquanto continuarmos nas mentiras presidencialistas que não revelam a verdade, seja quando acontecer a bancarrota voluntária/involuntária do Sporting, ou no dia em que estes dois senhores tomarem conta do nosso Clube – que ninguém duvide que existem pessoas a aguardar pelo momento certo para entrarem no Sporting. Bruno de Carvalho ainda não percebeu. E mesmo que tenha percebido, sabe que não tem arcaboiço para os dois anteriormente referidos. A “Restruturação” foi a pior coisa que poderia ter acontecido ao Sporting. Em Abril de 2016 mencionei algo a respeito. Ficámos à mercê.

 

O que valem as pessoas.

 

O Sporting está virtualmente erguido, mas estruturalmente de rastos. A minha modesta contribuição como redactor no Camarote, fundamentada com insistência em assuntos de ordem económica, intenciona o direito como sportinguista – de convicção e carácter – que me assiste, em alertar para o que se anda a passar de facto no Clube. Algumas reacções sensíveis à discussão destes temas, que aqui e além se foram manifestando embora engolidas pelo tempo, demonstram que infelizmente estamos pouco preparados para entender a verdade sobre algo inadiável. Para tal, muito contribui esta mentira que nos vendem todos os dias relativamente à “consagrada” salvação do Clube.

 

Conheço e acompanhei com consonante proximidade a ascensão de Sattar até à cerca de 10 anos. Um homem cuja remansada presença não revela a ubiquidade que detém em diversos quadrantes da nossa sociedade – a superior inquietação deste senhor foi desde sempre o poder da comunicação social, e per si, o desmantelamento ao abrigo da lei do que será a desresponsabilização de um "mero" auditor numa falência de milhões. Multiplique-se Sattar por 5, e obtemos a génese dos “donos disto tudo”, nesta nossa Nação tanto portuguesa, como sportinguista. Tudo isto começa quando o vazio se torna em heroísmo, ou quando o apedeuta se revê no mais talentoso dos seres.

 

Ontem mentira, hoje verdade. Amanhã ninguém se lembra.

 

Um exemplo em como a pouca-vergonha está instalada. O recente debate presidencial foi um lamentável exemplo do vazio no qual o nosso Clube se encontra, no que respeita a uma matéria humana crítica e conhecedora, capaz de impedir que o Sporting tenha os seus dias contados. Ignorando que outros detenham igual acesso ao conhecimento das reais contas do Clube como o próprio, Bruno de Carvalho teve a ousadia de – através da apresentação de prints feitos a mando ou pelo próprio – mentir em relação a números:

 

– “Redução do Passivo em 88 Milhões”, desconhecendo que o mesmo foi transformado em Valores Convertíveis e transportado para uma diferente secção do Relatório & Contas.

 

– “Melhoria dos Capitais Próprios em 90 Milhões”, quando na realidade se trata de uma consequência directa da medida acima descrita.

 

– “Resultados sempre acima de 3 Milhões…”, o que por redundante lapso, apenas acontece em 2015 (2014 foi positivo mas apenas nos €368 Mil, e não €3 Milhões), com um 2016 a terminar nos €31 Milhões negativos…

 

– “Resultados da SAD sempre positivos 2 anos”, assumindo posteriormente a versão correcta, sem se aperceber.

 

– “Direitos de TV em 2012 de €12,500 Milhões, 2013 de €11,5 Milhões, 2014 cerca de €15,300 Milhões, 2015 de €20,5 Milhões, 2016 de €26,218…”, extrapolando os números sob sua gestão – em 2015 foram €17,353 e 2016 foram €24,809 Milhões.

 

– “Passámos os patrocínios e publicidade de €9,5 Milhões para €12 Milhões”, quando na realidade o Sporting baixou de €10,181 Milhões de 2015 para €9,921 Milhões em 2016.

 

Que nos tenha passado ao lado por mero desconhecimento, considera-se aceitável. Mas vergonhoso foi, quando em pleno directo com 1h30 de debate, Bruno de Carvalho omite a brutal ascensão dos seus custos operacionais em Junho de 2016, através de um gráfico onde a linha dos custos se submete visualmente à referência dos proveitos, empolando a verbalização dos ganhos, encobrindo a mais do que duplicação de custos com imparidades de 2016 (€80,110 Milhões) em relação a 2014 (€31,081 Milhões). Se o leitor tiver interesse em fazer estas contas, facilmente percebe que Markovic, Elias e Meli são dispensados para evitar a apresentação de Custos com Pessoal em Junho de 2017, na ordem dos… €62,950 Milhões/estimativa, tendo como base os valores apresentados no último trimestre.

 

Existem Óscares para gestão financeira em Portugal?

 

Estamos a falar de um valor em ordenados que supera em 400% o Orçamento Anual desejado para o Futebol – temos de entender que só com Ofertas Públicas de Subscrição e Cash-Advance o Sporting pode ombrear com orçamentos de SL Benfica e FC Porto – por enquanto esta é a realidade que temos de aceitar, a bem ou a mal. Estamos a falar que só em vencimentos da estrutura do Futebol, os Rendimentos Operacionais são absorvidos em quase 93%. Qualquer aluno de Ensino Secundário, com razoável conhecimento de Matemática, sabe que isto é o mais aproximado a uma tragédia – fazer contas a transacções de atletas para desculpar esta alarvidade, é o caminho que Ricciardi e Sattar desejam que os adeptos façam.

 

Uma palavra para Pedro Madeira Rodrigues

 

Pedro Madeira Rodrigues, independentemente da apreciação que cada um de nós faça ao talento para o cargo a que se candidata, merece o respeito de todos os sportinguistas. Para lá de um homem calmo ou acutilante, diplomático ou acusador, está um ser humano que tem uma família e uma carreira, e que em prejuízo destes, tomou a decisão que tomou – arriscar por aquilo que acredita. Em 2 meses, Madeira Rodrigues estruturou uma equipa e uma campanha, viajou e reuniu. Seguramente que nem tudo lhe correu bem, mas de certeza que neste período, fez mais trabalho institucional que Bruno de Carvalho em 4 anos. E tudo isto, sempre de sorriso e olhar amigo, não por benefício pessoal, mas pelo Sporting.

 

Se ganhar, merece o apoio de todos. Se não vencer, todos lhe devemos uma palavra de amizade por aquilo que ofereceu, de livre vontade.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:00

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


69 comentários

Sem imagem de perfil

De Sá Leão a 27.02.2017 às 10:19

A máquina de propaganda está afinada e apesar do candidato bruninho não fazer mais nada do que mandar tiros nos pés, a vitória é mais que certa.

Não há sócios votantes suficientes, que não comam gelados com a testa, para derrotar estes terroristas.

Não consigo perceber como as pessoas não vêem para onde o Sporting caminha a passos largos. No fim dos abutres se banquetearem, não vai sobrar quase nada.

Tenho as minhas reservas no que diz respeito ao PMR, mas prefiro este ao pau mandado do Ricciardi e Sobrinho.

A forma como em seguida me vão apelidar logo de lampião ou croquete, só porque tenho uma visão diferente, é bastante elucidativa daquilo que o bruninho conseguiu fazer no clube.

Quanto a mim, vou ficar ligado à RTP memória. Pode ser que assim não me esqueça dos valores que o Sporting Clube de Portugal sempre defendeu e que o distinguia dos restantes, na vitória e na derrota.
Sem imagem de perfil

De General Store a 27.02.2017 às 14:25

Esse Sporting está a definhar. E caso ganhe o Bruno, mais quatro anos assim e não tenho qualquer problema em admitir que a minha opinião é que esse Sporting morre para sempre e dará lugar ao novo Sporting que tem vindo a aparecer. Um clube sem valores. Terá o mesmo símbolo, equipará de verde e branco e jogará no mesmo estádio mas esse sucedâneo de Sporting não é aquele que conhecemos em tempos.
Sem imagem de perfil

De Jorge Miguel a 27.02.2017 às 10:24

"– “Resultados sempre acima de 3 Milhões…”, o que por redundante lapso, apenas acontece em 2015 (2014 foi positivo mas apenas nos €368 Mil, e não €3 Milhões), com um 2016 a terminar nos €31 Milhões negativos…"

Acerca desses valores acima de 3M€ Bruno de Carvalho falava no Sporting clube e não na SAD.
Imagem de perfil

De Drake Wilson a 27.02.2017 às 10:51

Bom dia Jorge.

De facto o presidente referiu o Clube, mas temos de ser sérios – que fontes de financiamento tem Bruno de Carvalho para afirmar lucro no Clube superior a €3 Milhões, perante o número de funcionários e investimento feito anualmente?

Infelizmente as verbas das Quotizações estão omissas desde 2014 nos R&C's.
Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 27.02.2017 às 11:31

Caro Drake,

As quotizações entram diretamente para as contas do clube e não da SAD, essa é a sua maior fonte de financiamento para as modalidades.

SL,

Imagem de perfil

De Drake Wilson a 27.02.2017 às 11:43

Afirmativo Sérgio.

A minha questão é: porque desaparecem dos Relatório & Contas a partir de 2014, quando até então eram sempre apresentadas? Existe algum interesse para que não se saibam os valores exactos?
Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 27.02.2017 às 12:20

Caro Drake,

Curiosamente já me tinha antecipado :) pode ver no texto mais abaixo os montantes relativos a 2015 e 2016.

Link para o site do SCP com o documento referido:
http://cdn.sporting.digitaljump.xyz/sites/default/files/relatorio_e_contas_consolidado_sporting_clube_de_portugal_-_junho_2016.pdf

Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 27.02.2017 às 11:41

*Relatório e Contas Consolidado Exercício 2015/2016

Em junho 2016: 7,72M€
Em junho 2015: 6,54M€
Imagem de perfil

De Drake Wilson a 27.02.2017 às 12:39

Obrigado Sérgio!
Sem imagem de perfil

De Luiz Teixeira a 27.02.2017 às 10:47

A sensação e convencimento da derrota é tão grande, que já vale tudo para tentar minimizar os estragos e tirar desforço pela incapacidade demonstrada. Isto demonstra também a qualidade ética, a formação e o nível de quem se apresentou como alternativa. Onde estavam estes artistas há 4 anos, quando o Sporting mais precisava? Onde estava este redactor há 4 anos que ninguém o ouviu ou leu?
Sem imagem de perfil

De JM Ribas a 27.02.2017 às 11:31

Onde estava o sábio Luiz Teixeira há 4 anos e mais ??
Onde estava o ainda mais sábio Bruno de Carvalho desde há muitos anos para socorrer o Sporting dos mauzões?? Conversas de cartilha brunista que cansam o mais santo. No seu caso, pagam-lhe hambúrgueres ou com vouchers?
É que há tanto lampião a fazer-se de leão porque querem a continuação do Bozo na presidência.
Ao que o Sporting chegou!
Sem imagem de perfil

De Manuel Pedro Pinto a 27.02.2017 às 10:48

Como observador atento.. digo só que se a campanha eleitoral demorasse mais uma semana PMR venceria facilmente. Assim, creio que já não vai a tempo de tirar as rumelas, as palas a 1/3 dos que já decidiram em quem vão votar. A Máquina de Propaganda contra quem tem de lutar é muito forte, a começar pelo Grupo Cofina que para além de outros interesses obscuros, não quer perder a fonte, manancial inesgotável de noticias que BdC lhes proporciona.

É uma luta desigual a que PMR trava. Mas por favor não desista. No máximo, em Julho terá nova oportunidade de poder convencer os cépticos, os seguidistas empedernidos.

Como é possível por ex., os sportinguistas aceitarem ter um Treinador que sozinho ganha, aufere mais que os outros 17 todos juntos e nada ganha. Pior, nem futebol exibe.

Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 27.02.2017 às 11:36

O caríssimo como não sabe o que são eleições no seu clube vem para aqui debitar :).

Aproveite para aprender pode ser que um dia possa viver esta experiência de campanha no seu clube.

P.S: Lamento informá-lo mas não sendo sócio do SCP apenas simpatizante do FeCeP e não é elegível para estas eleições passe bem ... longe de preferência!
Sem imagem de perfil

De Manuel Pedro Pinto a 27.02.2017 às 11:52

Não venho para aqui para entrar em diálogo, nem medir pilinhas..

Mas, no meu clube, com muita honra há eleições e cada pessoa, casa sócio só tem direito a 1 voto. Não somos um clube com clero, nobreza e povo...

Mais... no meu clube ninguém aparece a candidatar-se contra PC, pois ele ainda tem
muito lastro, muito crédito de gratidão... ele até pode estar mais 2 anos sem nada ganhar que os portistas jamais o confrontarão.

São 22 Campeonatos Nacionais e 7 Títulos Internacionais..


Sem imagem de perfil

De Paulo a 27.02.2017 às 12:17

O que é realmente uma pena visto que não apareceu nenhum outro candidato, independentemente da sua capacidade ou problemas que dai adviessem, que representasse os adeptos Portistas, que os há, que não se revêem com os métodos utilizados para atingir determinados fins. Principalmente quando se explora a mais baixa condição humana para benefício próprio.
Sem imagem de perfil

De Manuel Pedro Pinto a 27.02.2017 às 14:17

Por muito que te doa, rapaz, no FCP não temos cadastrados... E isso é que vos incomoda, causa azia, inveja.

E temos o Estádio, o Museu, o Pavilhão pagos... e não temos VMOCs.

E sim, pagamos renda mensal à C M Gaia por um Centro de treinos que antes estava ao abandono, cheio de silvas e mato..
Sem imagem de perfil

De Paulo a 27.02.2017 às 14:53

Uma coisa é não terem cadastro outra é assobiar para o lado como nada tivesse acontecido. Eu estou totalmente a favor da defesa do FCP em relação às escutas. Estas não podem servir de prova sem aprovação de um juiz, senão isto não seria uma república democrática mas sim um estado à imagem do romance do Geroge Orwell onde tudo se vê, tudo se escuta, tudo se persegue... Apesar disso, da violação do segredo de justiça, é impossível fingir para um cidadão que preze os valores básicos dos direitos humanos, a exploração das mulheres para coação de árbitros e afins. Neste caso a corrupção foi sempre um problema menor. Será que para si a prostituição, associada a redes clandestinas de trafico e exploração de mulheres é totalmente indiferente?

Sem imagem de perfil

De Leila Coutinho a 27.02.2017 às 10:59

Olhando para este esclarecimento assusta pensar que como é tão fácil estes tubarões se servirem do clube e ainda por cima com a amén dos sócios.

Digno de um Hugo Chaves ou até mesmo José Sócrates.

Porreiro pá...continuem a votar neles e depois chorem.

SL.
Sem imagem de perfil

De Lion73 a 27.02.2017 às 11:01

Depois deste cenário fantasioso de DW, temos a realidade.

E PMR, que tem assentado a sua campanha no débito de uma verborreia que teve como foco o ataque muitas vezes baixo ao presidente do clube, mostrando desconhecimento e ignorância sobre questões estruturantes que nem a costela contorcionista política disfarçou, tem unido os Sportinguistas num sentimento de nojo para com um candidato à presidência como nunca houve.

Espanta-me que alguém eloquente e conhecedor como DW possa ter sequer a ilusão que PMR terá o apoio de todos no cenário apocalíptico de vitória e muito menos que o mereça.

Se não vencer, como vai acontecer, continuará a merecer o repúdio que já angariou por ter sido o rosto de uma oposição que não procurou informar e construir, antes fazer uma resenha de temas e episódios com o único intuito de atacar BdC.

Nunca vi uma coisa assim.
Imagem de perfil

De Drake Wilson a 27.02.2017 às 11:11

Uma análise independente não lhe pode fazer tanta confusão Lion73, mesmo que tal desalinhe a sua agenda. Ou que lhe coloque a profissão em risco. Está habituado a debater com base em recortes de jornais, o que não lhe permite adaptar-se a um tema desta natureza.

Tenho aguardado pelas suas participações, nomeadamente em campos nos quais você se considera irrebatível. Hoje infelizmente a sua contribuição não foi nesse sentido. Este seu comentário ficará guardado para memória futura, como exemplo.
Sem imagem de perfil

De Lion73 a 27.02.2017 às 11:27

DW

Para memória futura, uma eventual vitória de PMR que aconteceria sempre por números apertados, deixaria o clube em guerra civil e o que aconteceu no passado seria brincadeira de crianças comparado com o que viria aí.

Basta recolher as sensibilidades fora de círculos fechados e estar atento ao que se assiste nas redes sociais, estádio e pavilhões.

PMR teve o condão de fazer mudar de ideias a muitos que votariam em branco por protesto a BdC, principalmente por esta época, que votarão na Lista B e mesmo críticos acérrimos não patológicos não votarão em PMR e conheço vários.

O exercício de ontem, triste e enganador, definem um candidato bem falante, mas com nada de concreto a apresentar e que hipocritamente pratica tudo aquilo que critica em terceiros.
Sem imagem de perfil

De Jorge a 27.02.2017 às 14:15

Conclusão: se BdC ganhar temos que apoiar o clube, se PMR ganhar temos uma guerra civil.

De um Sportinguismo e cultura democrática assinalável estes apoiantes de BdC.

Sinceramente, consola-me pensar que comentadores destes possam ser os tais assalariados que se fala. A opção é demasiado triste.

Sem imagem de perfil

De J. a 27.02.2017 às 11:15

E assim perdemos todos, mas essencialmente perdemos nós os sportinguistas....

Estar constantemente a passar um atestado de pouca inteligência aos adeptos do sporting que decidem votar em BdC já começa a cansar.
Como se qualquer um de nós, fosse facilmente influenciavel por "banha da cobra" como muito gostam de chamar por aqui.
Nós que já apanhamos com os mandatos catastróficos de JEB e GL a todos os niveis, vemos aqui 4 anos de BdC e continuamos iludidos só porque sim. Porque no fim devemos gostar mais de BdC do que do próprio Sporting. Ridiculo!!!
Sem imagem de perfil

De José Santos a 27.02.2017 às 11:12

Caro Drake Wilson,

Um texto acutilante e extraordinário! Muitos parabéns!

Refere que um dia este tema será obrigatório. Não concordo. Este tema tem que ser obrigatório hoje, como deveria ter sido obrigatório ontem, e antes de ontem. Infelizmente a maioria dos sócios e simpatizantes só querem saber se a bola entra na baliza. Quem realmente manda, sabe disso, e deita areia para os olhos destes mesmos sportinguistas, estupidificando e enganando mentes frágeis e alienadas da realidade. Bruno de Carvalho é um miúdo gabarolas que, sedento de poder e com a necessidade de alimentar o seu ego, meteu-se com gente poderosa e sem escrúpulos. BdC é um pião de Ricciardi, Sikander Sattar e Alvaro Sobrinho. Mas o mais grave no meio disto tudo...são os Sportinguistas que apoiam esta gente, submissos a vontades que não percebem (nem querem perceber). Não me choca que haja miúdos que acreditem em BdC e Companhia. É natural. Discursos de ódio ao rival e de desresponsabilização perante os seus próprios erros são sempre um "must" para quem vive uma adolescência em que se procura afirmar perante tudo e todos. O que me choca é ver gente adulta e crescida a venerar tudo o que BdC diz e escreve.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 27.02.2017 às 11:16

Caro Drake,

A obra está à vista de todos.... Bruno de Carvalho foi eleito em 2013, estamos a analisar o mandato de BdC.... o que diz o Drake em relação à análise comparativa 2013/2017?!?

Era isso que esperava ler da sua parte.... análise ao mandato e não apenas à época 2016.... por exemplo as maiores vendas de sempre, a recuperação de passes de jogadores, etc.... não li nada sobre isso.... é importante manter mitos sobre a gestão de BdC, o seu titulo diz como falir o Sporting em poucos anos?!? mas o Sporting estava falido em 2013.... este post deve ser com toda a certeza sobre os mandatos Bettencourt/Godinho.... só pode!!

Você eleva PMR, e esquece-se das ideias mirabolantes de PMR?!?! por exemplo concorda em gastar 15M na Academia, quando pagamos um juro de 1%?!
Imagem de perfil

De Drake Wilson a 27.02.2017 às 11:40

Schmeichel, refiro o candidato Pedro Madeira Rodrigues numa nota final, não no sentido de elevar a sua candidatura, mas essencialmente pelo que, como homem independente, decidiu fazer por si. Isso merece o nosso respeito.

O mandato de Bruno de Carvalho fica manchado por diversos motivos. Posteriormente a uma redução assinalável de custos por estreitamento de vencimentos no Clube, tudo se inverte a partir de 2015. Chegamos a 2016 com um aumento em remunerações directas na ordem dos €19,4 Milhões (num total de €39,945 Milhões, com gastos gerais de €48, 865 Milhões), quando comparamos com 2014. Diz-se erradamente que tal foi sustentado, afirmando que também as receitas subiram. Mas infelizmente as receitas que subiram foram as variáveis, não as fixas – participação Champions e ganhos de Pool e Advertising adjacentes. Uma verba que no próximo ano, muito provavelmente, não iremos alcançar.

Depois, a importância de construir um pavilhão neste mandato é mais do que sentimental. Importante sem dúvida, no que respeita à orgânica que liga os adeptos às modalidades, assim como a um clima de profissionalização das mesmas. Porém, esta obra é de grande utilidade igualmente no que respeita a justificação de custos que o Fair-Play financeiro FIFA exige – o Clube pode dar prejuízo, se se comprovar investimento na formação ou infra-estruturas. Uma brecha nas recomendações, com interesses diversos.

A recuperação de passes de jogadores foi útil para os credores terem garantias reais, assim como para a conversão em títulos de SAD por Álvaro Sobrinho. Digamos que foi um frete que Ricciardi e Sattar tiveram de aceitar, na pretensão óbvia de tomarem conta da maior instituição desportiva portuguesa.

O Sporting está, como empresa cotada em Bolsa, a agir no sentido inverso do recomendável a uma empresa intervencionada. Isto até parece de propósito. E com a publicação do áudio, ainda mais faz sentido – estoirar o Sporting para comprar barato. Uma espécie de Banif....

1% de juro, no mundo financeiro, não é oferecido sem intenção.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 27.02.2017 às 12:07

Drake,

Vamos por partes....

1- Qualquer que seja o clube português, terá sempre de viver das receitas variáveis.... vendas de jogadores, Champions, etc.... nenhum clube português poderá viver só das receitas fixas.
Eu também critico o excesso de despesa, em particular este ano com o aumento do ordenado do JJ e na contratação de jogadores excessivamente caros para a produção em campo.... mas este aumento de despesa, foi em linha com o aumento de receita!

2- O Pavilhão é a correcção de um erro histórico.... prefiro despedir o JJ do que não ter um Pavilhão...

3- A recuperação dos passes foi uma das melhores obras de BdC.... alguém que me explique porque razão andámos a vender nas antigas direcções passes de jovens da Academia por tuta e meia?!?! quanto é que perdemos por exemplo na venda do João Mário só por causa disso?! a recuperação dos passes, é uma medida estrutural e de futuro...

4- "...estoirar o Sporting para comprar barato. " Essa era a teoria de 2013!!!! E por isso que eu defino isto como uma reinscrição da história.... Eu lembro-me de AG com sócios a chorar porque tinham receio da falência do nosso clube!
Hoje o Sporting vale mais, tem mais capacidade para pagar as suas dividas, e está nas nossas mãos que o clube fique com mais de 50% do capital.... repito, está nas nossas mãos!

SL
Imagem de perfil

De Drake Wilson a 27.02.2017 às 12:49

Schmeichel, não foi Bruno de Carvalho que recuperou os passes. Tal medida foi um convénio de Sobrinho com o Millenium e BES no sentido de libertação de garantias bancárias necessárias necessárias aos acordos de reestruturação. Bruno de Carvalho usou essa medida em abono da sua intervenção, mas tal não foi o caso.

O Sporting não vale mais. Hoje, vale menos. Tem um passivo superior e custos operacionais superiores. Tem mais receitas, mas as estáveis não cobrem os custos correntes. Está em falência técnica, com todos os contratos de exploração de imagem e publicidade fechados a negociação. E inclusivamente um plantel profissional de futebol que vale menos do que o anterior. Não aumentou o potencial competitivo da equipa de futebol sequer, em 2 anos.

É por diversas vezes se falar com ligeireza destas coisas, que elas aparentam estar melhor. O que não é verdade.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 27.02.2017 às 13:39

O Sporting em 2013 tinha um défice anual de 45M€, tinha 2 meses de ordenado em atraso.... qual era o valor do plantel?!.... tudo isto significa, que hoje o Sporting vale mais!

O Drake não pode simplesmente desconsiderar uma redução brutal do orçamento do Sporting, como uma redução do valor do Sporting, mas sim de uma correcção entre receitas e despesas, porque no fim de contas, o saldo do mandato de BdC é positivo.
Sem imagem de perfil

De Artur Hermenegildo a 27.02.2017 às 11:45

Schmeichel meu querido, conseguiste fazer um post sem falar do nosso rival. E quanto ao teor da tua verborreia, compreendo que não consigas fazer melhor. Os pagamentos estão atrasados e convém ir preparando o terreno não vá o teu "dono" não ganhar. És, como sempre, um cobarde que pensa que o grande SCP foi fundado por esta bosta que tu tanto gostas. Tem uma vida pá! Não sejas uma Maria vai com as outras. Vai lá para a Tasca que tu tanto gostas. Gajos como tu e da tua laia deviam ser enfiados num barco e no meio do Oceano ...
Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 27.02.2017 às 11:59

Intervenção de grande nível a insultar com toda a "elevação" o leitor Schemeichel mt bem.

Olhe que lendo a sua elevadíssima "verborreia" diria eu que a tasca será um mal de muitos e não de apenas alguns.

SL,
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 27.02.2017 às 12:10

Artur Hermenegildo,

"...conseguiste fazer um post sem falar do nosso rival."

Nosso?!?!? queres-te fazer passar por sportinguista não é?!?

Eu sei que és benfiquista.... é só pesquisar o teu nome, e verifica-se estás associado aos blogues dos lampiões....

Por isso vens defender PMR.... obrigado por comentares, só demonstra a táctica por detrás!
Sem imagem de perfil

De roc a 27.02.2017 às 11:32


Como se ainda houvessem dúvidas...CONTRA FACTOS NÃO HÁ ARGUMENTOS!!!

Como não têm argumentos, os brunistas tentam desviar a conversa dos estragos que tem feito e continuará a fazer o messias se por lá continuar apoiado pelos seus acólitos e focam-se em alguém que teve a OUSADIA de desafiar o "mundo da brunocracia", que deixou o emprego para se pôr ao serviço do Clube... enquanto o "outro" deixou há 4 anos o desemprego para se servir do Sporting e como se vê agora no vídeo, ser o lacaio-mor do Ricciardi & Cª.

Veem o Sporting a afundar-se, deviam por isso mesmo ter o cuidado de fazer uma análise profunda à gestão destes últimos 4 anos e o que é que eles fazem?
Atacam o PMR só porque se candidata, apelidando-o de mafioso!

É um nojo, esta gentinha sem escrúpulos.

Pobre Sporting!...
Sem imagem de perfil

De juliuscoelho a 27.02.2017 às 12:03

Bom dia caro Drake

Normalmente so comento futebol ô jogo em si e a estrutura do futebol do nosso clube.

Mas o Sporting nao estava já falido em 2013 ?
Podemos comparar o Sporting de hoje com o do ano 2013 ? Nao vislumbra melhorias ?
Ô titulo do seu post vem algo atrasado ,aplicava-se como uma luva ao JEB e GL que percebiam tanto como gerir um clube com à dimensao do Sporting como de lagares de azeite.
Sem imagem de perfil

De roc a 27.02.2017 às 12:33


E o juliscoelho sempre a dar na mesma tecla!

Comparar as gestões do JEB e do GL que foram péssimas, com a que tem sido feita nestes últimos 4 anos, só para quem não tem argumentos para defender a gestão actual.

- foram compradas carradas de jogadores e com que proveito?
- triplicou-se o orçamento e qual foi o lucro desportivo??
- paga-se milhões por ano a um treinador, que ganhou uma supertaça com a ajuda do tal maldito, que meses antes tinha ganho a taça de Portugal por mérito próprio.
São estas as melhorias que o satisfaz?

Só falta fazer dos adeptos e sócios do Sporting papalvos e fazê-los acreditar que sim senhor, fomos campeões nacionais de futebol...

Sem imagem de perfil

De juliuscoelho a 27.02.2017 às 12:56

Sabe quem é o culpado de tudo isto ? O jogador Bryan Ruiz nao metido a bola na baliza escancarada naquele jogo contra o Benfica em alvalade que nos daria o titulo e tudo se comentaria diferente.
Foram erros de facto mas podem ser reparados caso eles persistam entao aï sim algo tera que mudar.

O Sporting passou um tremendo periodo de transicao na consequencia das desastrosas gerencias de JEB e GL que escaldaram os adeptos e agora as mudanças ficaram mais dificeis.
Hoje temos um BdC por culpa de dessas ingerencias e sera preciso muito mais a um um candidato para consegui derrubá-lo.
Imagem de perfil

De Drake Wilson a 27.02.2017 às 13:05

Julius, concordo consigo.

Acho que por vezes faz-nos bem perder. Para que de modo lúcido e factual, consigamos perceber onde não estivemos suficientemente bem. Embora estejamos fartos de perder. E igualmente fartos de não-aprender com o passado.

Não sei se, ganhando ao Benfica nessa noite, o destino não se invertiria na jornada seguinte – Brian falhou, mas foi o excesso de confiança e alguma soberba que nos fizeram falhar noutros momentos.
Sem imagem de perfil

De roc a 27.02.2017 às 14:03

"Hoje temos um BdC por culpa de dessas ingerencias e sera preciso muito mais a um um candidato para consegui derrubá-lo."

Pois, mas ele não tem estofo moral e intelectual e muita falta de capacidade organizativa (concentrou tudo o que diga respeito ao futebol em seu poder) e de independência sobre Ricciardi & Cª., para tirar o Clube do marasmo em que tem vivido.
Estes últimos 4 anos dizem muito sobre a sua dependência do Ricciardi, que ele tanto atacou, mais o seu apoiante Daniel Sampaio em 2013.

E não falo da malcriadez, da arrogância e da prepotência com que tem dirigido o Sporting, esmagando sem vergonha princípios enraizados no Clube pelos seus fundadores.

Infelizmente o PMR é o único que se propôs ir a eleições, abandonando o emprego sem ter a certeza de nada, apenas confiança em si, sujeitando-se aos insultos vindos da BRUNOCRACIA. Felicito-o pela sua coragem, pois largou uma situação estável na sua vida profissional e arriscou-se a ser mal tratado com tem sido, só pelo amor que tem ao Sporting. Já do "outro" não se pode dizer o mesmo, que se tem servido do Clube como trampolim para sair da merda onde estava metido por culpa própria.
Imagem de perfil

De Drake Wilson a 27.02.2017 às 12:36

Bom dia estimado Julius.

Vejamos então.
1) Em 2013 assistimos a um Sporting em quebra acentuada de receitas, onde a diminuição de assistências e redução de prémios por participações europeias são evidentes. Por consequência, baixam os retornos de quotizações e publicidade. As receitas em 2013 eram de €32M, os custos eram de €66M.

2) No decorrer da legislatura de Bruno de Carvalho (2014/15), dá-se uma subida acentuada das receitas, sendo os direitos televisivos progressivos e aumento de assistências no estádio os mais acentuados. Nessa época, é realizado igualmente um valor muito interessante de proveitos pela participação Champions. O Sporting atinge um Resultado Líquido de €19 Milhões positivos (com transacções), a contrastar com os quase €44 Milhões negativos de 2013. Porém, nesses €19M, estava incluído o... não-pagamento à Doyen (valor em 2016 de €15 M). Assiste-se estranhamente a um aumento de custos de €10 Milhões em relação ao ano de 2014. As receitas em 2015 são de €58M, os custos cifram-se nos €52M.

3) Chegamos ao final do exercício de 2016, com os custos a ultrapassarem os €78 Milhões, com as receitas a quedarem-se nos €68M. Um ano em que todos os proveitos baixam, à exceção do valor renegociado de TV, que foi a bóia de salvação. Em 2016 temos um resultado líquido negativo de €31M.

Conclusão) Na ânsia de uma conquista, o Sporting está a proceder a um super-endividamento, onde recruta receitas futuras e de crédito, afim de sustentar o aumento drástico com custos operacionais. Só em gastos com pessoal, o Sporting hoje gasta um valor superior ao Resultado Anual Líquido de 2013... Este ano, os valores continuam a aumentar, com uma previsão de encargos anuais na ordem do €85/€90 Milhões...

Isto simplesmente vai estoirar o Sporting.
Sem imagem de perfil

De juliuscoelho a 27.02.2017 às 13:10

Mas nao vai vigorar o contrato com a NOS apartir de 2018 ?
Nao sera uma receita de peso que ira durante uma dezena de anos entrar nas contas e nos cofres do clube.
Nao ajudarâ a equilibrar as contas ?
Aparte que o plantel tem activos presentes com enorme cotaçao no mercado ,nao chocará venderem um jogador no final da epoca afinal os grandes clubes portugueses vivem disso faz parte da sua vida.
O Sporting a exemplo dos rivais é tambem uma excelente montra international. E o 3 lugar ainda nos da acesso ao plat off da champion
Tudo isto estará considerado certamente
Sem imagem de perfil

De roc a 27.02.2017 às 14:07


"Mas nao vai vigorar o contrato com a NOS apartir de 2018 ?
Nao sera uma receita de peso que ira durante uma dezena de anos entrar nas contas e nos cofres do clube"

Ele, o BdC disse depois da assinatura do contrato com a NOS, que o dinheiro não seria destinado para diminuir a dívida.

Sem imagem de perfil

De juliuscoelho a 27.02.2017 às 14:27

Mas ajudarâ certamente a equilibrar as contas
Sem imagem de perfil

De roc a 27.02.2017 às 14:36


Sim, estou de acordo, porque para o messias dívidas são coisas pequenas, para que não costuma olhar.

A dívida à Doyen é um exemplo flagrante.
Sem imagem de perfil

De juliuscoelho a 27.02.2017 às 14:51

Nao é tao grave dever à Doyen, será pago à outras coisas bem piores. Ate o glorioso deve à Doyen sabia ?
Sem imagem de perfil

De roc a 27.02.2017 às 19:51


Entre dever-se a alguém e não se querer pagar por sofisma. por se ser mau pagador, é muito diferente.

Comentar post


Pág. 1/2





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo