Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Morder a mão que dá o comer

Naçao Valente, em 19.05.17

 

20437645_C1YPG.jpg

Bruno Azevedo de Carvalho não para de me surpreender. Já me tinha habituado às suas diatribes contra os que o criticavam; antigos presidentes, sócios contestatários, a nível interno, ou adversários a nível externo. São inúmeras as guerras que comprou e não pagou; com funcionários do clube, com agentes desportivos, com instituições. Da sua trincheira nas redes sociais partiram os ataques mais virulentos. Todos pasmamos com a descabelada crítica pública no Facebook, à equipa que acabara de perder um jogo em Guimarães. O mais preocupante é que este comportamento tornou-se recorrente, com reflexos negativos na moralização do balneário, e nos resultados, como aconteceu durante esta época. Mas o conteúdo da última comunicação nem lembra ao diabo.


Quando há dias surgiu a notícia que ia deixar de comunicar pelo Facebook, estive tentado a acreditar, embora com reservas, dada a personalidade narcisista do presidente. Como justificação apresenta a interferência na sua vida pessoal. Mas quem mistura a sua privacidade com a actividade da colectividade não é o próprio Bruno?

 

Ao ler, porém, o extenso comunicado justificativo perdi todas as ilusões. Não há ali qualquer intenção de moderar o verbo, antes pelo contrário. O que lá está é mais do mesmo, um sacudir a água do capote das responsabilidades. Com excepção da sua pessoa nada escapa ao crivo da sua crítica. A novidade é que desta vez nem os seus colaboradores directos e os seus acólitos escapam à sua verborreia. A culpa estende-se aos técnicos, às modalidades e pasme-se, aos próprios adeptos que ousam apoiar os “meninos” que recusam crescer. O homem contra o mundo. O curioso é que não vi ainda nenhuma manifestação de repúdio por parte dos 86 por cento que lhe deram a reeleição. A surpresa estende-se, portanto, à apatia de quem o sustenta no poder.


Ultrapassada a reeleição, Bruno de Carvalho parece fazer jus ao ditado que diz que “morde a mão que lhe dá de comer”. Fazendo inversão do ónus do poder, não compreende ou não quer compreender, que a soberania do clube a que preside, pertence aos seus associados, e que o lugar que ocupa é transitório. Considera, cada vez mais, o Sporting como uma coutada sua. Veja-se o infeliz mudança da gala de aniversário para coincidir com o seu casamento, o que não deixa de ser um acto de abuso de poder. Noutras circunstâncias já vi ilustres sportinguistas iniciar um processo de destituição de um presidente. Por onde andarão?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:00

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


42 comentários

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 19.05.2017 às 23:36

O problema, na minha opinião, é que dois negativos não fazem um positivo, em contexto.
Sem imagem de perfil

De juliuscoelho a 20.05.2017 às 00:07

Ele vai tentar ser mais. ..neutrons veremos se consegue.

A proxima epoca é de uma enorme responsabilidade para o Sporting e para esta Direçao .Será de uma pressăo medonha e que ja começou.
Com a agravante de já haver video arbitro tanto proclamado pelo Sporting.
Um novo desaire poderão despoletar consequencias imprevisiveis para o futuro do clube.
Sem imagem de perfil

De juliuscoelho a 20.05.2017 às 00:08

Quis escrever "neutro"

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo