Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O que dizem eles

Rui Gomes, em 19.10.15

 

JoseManuelMeirim2.jpg

 

“Não é apenas o valor que está em causa. Primeiro, é preciso que as ofertas não sejam consideradas simbólicas ou de cortesia. O segundo aspecto é que as ofertas sejam acompanhadas de solicitação a árbitro ou dirigente de arbitragem para que venha a falsear resultado. E, ainda mais, é necessário que na prática venha a verificar-se.

 

Há diversas possibilidades, mas o que está em cima da mesa e para onde estão apontados os holofotes é a descida de divisão. Não acredito nela. O que deu o mote à intervenção da FPF e do Ministério Público foram as declarações do presidente do Sporting. Ele saberá que um processo disciplinar deste tipo precisa de um tempo muito mais alargado."

 

José Manuel Meirim, especialista em Direito Desportivo, em declarações à CMTV.

 

 

Com o devido respeito pelo nosso Amigo, opiniões sobre este polémico caso abundam, mas o que me parece claro é que o Ministério Público - se decidir perseguir a questão - terá de conduzir uma investigação muito mais profunda para poder determinar o curso de acção. Depois do que se passou com os processos dos "Apitos", um cínico diria que tudo será em vão e que as suspeitas que agora poluam o ar persistirão por tempo indefinido.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:45

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


23 comentários

Sem imagem de perfil

De MaxMartins a 19.10.2015 às 08:51

Todos sabemos que "a montanha...vai parir um rato"...
Para já...é extremamente dificil provar crimes de corrupção e depois, no caso...quem estará interessado em condenar o benfica, mesmo se ele for culpado...? (Eu estou...!)...

Agora não nos iludamos, não vou dizer que da parte do benfica haja uma ideia "directa" de corromper árbitros, observadores, etc...

Mas uma coisa facilmente se concluirá...:

Não vou dizer que assim em "situações facilmente visiveis" os receptores das ofertas, tentassem beneficiar o benfica...
Mas não tenho dúvidas que alguns o fariam, nas "jogadas duvidosas"...
Eu explico melhor...:

Há situações em que as pessoas "são levadas a serem simpáticas" para quem o é para elas...

Esta pode muito bem ser a "situação de enquadramento" das "simpatias" benfiquistas...

Não tenho muitas duvidas acerca da "prática" dessas situações "simpáticas", por exemplo naqueles "colinhos" der que tanto se falou na época passada...

E aqui "cabe" a interrogação...: porque que é que jogadas "iguais"...ou situações "parecidas"...
Tiveram no caso do Benfica uma "resolução simpática" (chamemos-lhe "coloinho")...
e por exemplo no caso do Sporting...não "tiveram" o mesmo "tratamento"...?

Não vou dizer que tenha sido por uma situação de corrupção...
Mas pode muito bem ter-se tratado...de uma "actuação simpática" da parte de que,m deveria ter julgado imparcilmente...

E é assim que também se pode "fabricar" um campião...e até na situação em análise, não "choca" que seja aplicado o velho ditado de que "grão a grão...enche a 'galinha' o papo"...

Mas pronto..."está tudo bem" e não se passa nada...!!

SL
Sem imagem de perfil

De juliuscoelho a 19.10.2015 às 11:57

Mas eu já expliquei aqui , nao se trata de uma ideia directa de corromper os arbitros e delegados mas sim de um veneno que actua lentamente e subtilmente no sub-consciente dos arbitros , dando-lhes uma sensaçao de comodidade , de simpatia , quase familiar.
Depois nos momentos de decisão , aquelas decisões mais díficeis o sub-consciente actua e inclina essas decisões.
É disto que se trata.
Sem imagem de perfil

De MaxMartins a 19.10.2015 às 12:04

E "só não vê"...quem não quer (ou tenha ido também almoçar...)

SL
Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 19.10.2015 às 09:24

A "descida de divisão" no meu entendimento terá sido a resposta à propaganda Lãmpia acerca do caso PPC onde ja "berravam" descida de divisão para o SCP.

BdC nunca falou em corrupção mas que o "Kit cortesia" deveria ser avaliado por quem de direito e que se pronunciassem sobre a ilegalidade ou não de tal oferta.

SL,
Sem imagem de perfil

De Carlos Pentes a 19.10.2015 às 17:09

Isso é tão falso, mas tão falso. Nunca um dirigente do Benfica pediu descidas de divisão por causa desse caso. Nem tão pouco me recordo de alguma vez terem comentado o caso, quanto mais.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 19.10.2015 às 17:17

Não foi referido pelo Guerra no Prolongamento ?
Sem imagem de perfil

De Carlos Pentes a 19.10.2015 às 17:59

E esse Guerra é o quê mesmo? Vamos agora ligar a um bardamerdas qualquer e dar o crédito como se fosse porta voz do clube? Não há ninguém que ligue a esse lixo, pessoas do clube incluídas. Só mesmo aqui é que se dá valor ao personagem. E essa conversa só surgiu da parte dele aquando das acusações do Sporting. Até aqui ninguém andou a pedir cabeças. E quando falo de ninguém são pessoas com crédito suficiente e não adeptos de TV. Quando o Guerra é levado a sério então algo vai muito mal e não é só no clube. E para terminar, quando estas questões são apresentadas com a intenção de limpar o futebol português até tenho náuseas com tanta hipocrisia porque para isso não sobrava nenhum dirigente. Infelizmente não há melhor nem pior são todos iguais.

Outra questão importante e já abordada por mim várias vezes e sempre sem resposta. O que achas do Sporting ter oferecido uma pintura a óleo a um arbitro em final de carreira? Isso é que é limpeza? Por acaso sabem quanto pode custar uma pintura daquelas? Será que quando estão em final de carreira se pode descarregar o dinheiro na conta deles sem que isso apresente um ataque à moralidade do futebol nacional? Será que essa oferta não constitui um atropelo à transparência uma vez que o mesmo agora é dirigente máximo e chegou lá com o apoio do Sporting numa espécie de golpe de estado na liga de clubes? Como é que os outros clubes vão ver estas situações? No dia que conseguirem ver tudo em perspectiva vão perceber que estas coisas não se resolvem com ataques mútuos mas com criação de leis que impeçam esta gente de usar a lei a seu favor porque não têm moral para perceber que há coisas que embora não sejam contra a lei são moralmente reprováveis. Para os adeptos apenas peço menos hipocrisia, muito menos.
Sem imagem de perfil

De juliuscoelho a 19.10.2015 às 20:05

Vamos lá com calma nao se excite tanto caro Carlos Pentes , Pedro Guerra Director dos conteúdos da Benfica TV nao è , então , porta voz do Benfica. É só um "badamerdas" que por ali pasta conforme o caro o designa.
Quem afinal o meteu na Benfica TV e porque motivo foi lá metido? Punto!!

É obvio que oferecer quadros de pintura a oléo a árbitros seja ou não em final de carreira não é de todo uma atitude correcta e livre de sensura ou de crítica em nome da transparencia total no desporto, neste caso o futebol.
Nunca ouvi antes tal coisa , tem como provar?
Sendo verdade serei o primeiro a criticar fortemente doa a quem doer.
Mas essa "oferta" que delata e muito bem, apaga ou diminui, ou ainda torna menos limpo o facto de se pagar jantaradas a arbitros? Clube a disputar as mesmas provas com outros que paga jantaradas aos juízes que decidem os lances dos jogos entre eles, é tambem correcto?
Uma coisa está clara pode-se provar com facilidade as jantaradas mas nao creio que se possa provar essa oferta a óleo da pintura dos Leonardos do DA ViNCE.
Não será assim?
Sem imagem de perfil

De Carlos Pentes a 19.10.2015 às 21:13

"Nunca ouvi antes tal coisa , tem como provar? "

Está a gozar comigo? Não sabe da pintura a óleo com um Leão oferecida ao Pedro Proença pelo BdC depois de um farto jantar de homenagem, é isso? Fotografias não faltam.

Também não deve ter sentido nenhum "aperto" à verdade desportiva quando ainda esta época o Sporting foi apitado pelos fornecedor dos seus equipamentos. E este é mesmo o problema, quando é connosco está tudo bem, tão bem que ninguém repara no mal, e é a isto que chamo de hipocrisia.

Uma coisa eu sei, cada clube trata de pensar primeiro em si e quem disser o contrário está a mentir ou está completamente alienado da realidade.

Lutar pela limpeza do futebol português...pfff
Sem imagem de perfil

De juliuscoelho a 19.10.2015 às 21:25

Tenha lá calma mas quem lhe disse que é assim? Voce segue nas acusaçôes , " os outros" e os "outros" e sempre os "outros" mas quem disse que o que os "outros" fazem nao possa tambem estar errado? E o seu clube está afinal isento? não respondeu ao caso das jantaradas , vamos lá a ser coerentes, Os "outros " fazem errado e os seu clube faz o correcto é isso que pretende dizer?

Não reparou , que ainda nao tinham acusado o seu clube? O seu clube através dos seus dirigentes é que fez uma tremenda campanha que despoletou o apito dourado , O Benfica era a branca de neve , os purinhos da Fonseca, os americanos dos filmes de Wollywood , sempre os salomónicos.
Afinal parece que tambem nao assim , pois é!!!
Então em que ficamos?
Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 19.10.2015 às 19:48

Rui Gomes da Silva e Pedro Berra são o que !?
Sem imagem de perfil

De Fernando Albuquerque a 19.10.2015 às 10:04

Prezado Rui Gomes

Ao ler este post estive vários segundos a rir sozinho e que eu saiba ainda não estou maluco. Esta minha atitude deve-se ao primeiro paragrafo que contraria toda a minha vivência de 75 anos neste País, ou seja quando se fala em corrupção ou as pessoas são ingénuas ou então estão a fazer dos outros parvos. Comecei a trabalhar em 1952 num escritório de advogados durante 5 anos. Aí fiz o meu primeiro licenciamento e tinha várias disciplinas sendo uma delas o favorecimento, ou seja quando o meu patrão precisava de um documento (escritura, procuração especial etc. etc. ) no mesmo dia ou no seguinte, tudo isso era possível através de uma nota, que dependia do valor em relação ao "favor" pretendido e o assunto era resolvido, o que não acontecia com as pessoas que tinham de esperar vários dias pela marcação do dia para o acto pretendido. Os subornos nos tribunais também existiam, embora nunca tenha sabido de qualquer Juiz e muitos funcionários serem visados por este mal que nunca foi combatido.

Nos anos 60/70 era "normal " as empresas no Natal comprarem "prendas" simbólicas, para oferecerem aos seus clientes (alguns), pois dependia do valor da facturação . Na mesma época já era corrente perguntar ao chefe de compras do cliente se precisava de algum eletrodoméstico , ou de mudar de viatura, tudo isto sem pensar em subornar ninguém. Meu Deus o que eu poderia contar sobre este assunto.

Nos anos 90/2000 as prendas eram raras, mas a forma do suborno, mudou completamente, pois as garrafas de vinho ou de whisky já não contentava os
prevaricadores e então as viagens , o dinheiro era muito mais apreciado.

Hoje, que estamos no século dos milhões, em que tudo custa uma fortuna, a maior parte das pessoas não se admira se num negócio de 1 milhão desaparecerem 1% desse valor , pois é uma importância tão pouco significativa, que não merece qualquer condenação. , pois poucos foram julgados.

Em relação ao caso tão badalado na Comunicação Social . o valor em questão não está em causa, pois interessa é branquear que os almoços não existiram e que a camisola em questão é uma cortesia do clube visado.

Termino dizendo que 183 euros , que na moeda antiga eram 36.688$20 , para quem ganha 500 euros por mês seria uma boa ajuda para sobreviver, mas esses coitados não têm acesso aos grandes negócios, que penso eu , alteram o sistema nervoso de qualquer cidadão que era honrado até ao dia em que recebe uma proposta de suborno com valores que transformam toda a sua conta de poupanças, que nunca existem na maioria das pessoas sérias e honradas.

O que eu gostei foi da frase " as ofertas sejam acompanhadas de solicitação a árbitros para que venham a falsear os resultados e que isso tenha acontecido". A pergunta que eu ponho é se a mesma , tem que ser por escrito ou basta verbalmente ? Não brinquem com coisas sérias, pois existem muitos milhões de pessoas que nunca prevaricaram e que o seu carácter choca com tudo isto que se passa ao nosso redor.

Boa semana para si Fernando Albuquerque


Sem imagem de perfil

De Paulo a 19.10.2015 às 10:46

Um bom texto. Toda a gente se recorda das prendas por simpatia, fosse ao Sr. Doutor lá da terra, à Sra. Professora da escola, ou até a pessoas com simples cargos administrativos nas Finanças, Centros de Saúde, Câmaras Municipais, com algum poder de decisão sobre "o quê/quem entra primeiro". Não tinha de ser um chefe, basta quem controla as entradas, ou quem tenha acesso aos processos para pegar numa folha do fundo da pilha e colocar no topo. A verdade é que era tão comum, tão natural, que ninguém questionava a legalidade.

E apenas para acrescentar que a "prática" de prendas pelo Natal (geralmente garrafas) ainda existe pontualmente, pelo menos no mercado de distribuição. É uma "gracinha", obviamente que não vai corromper alguém de forma direta, mas a simpatia do ato fica registada no subconsciente e pode fazer a diferença na altura certa. Negar isso é simplesmente deitar areia para os olhos.
Sem imagem de perfil

De Fight for your Right a 19.10.2015 às 10:15

ora bem ponho a seguinte questão:
tenho um carro e 2 colegas meus pedem boleia dos quais 1 me paga diariamente o almoço.

a quem dou boleia ?
Sem imagem de perfil

De #NaoVales1Euro a 19.10.2015 às 11:08

à colega

O que está em causa não são os árbitros. Mais importante do que os árbitros, são os delegados e os observadores. O sistema de observação e classificação é que permite decidir se um árbitro progride ou não na carreira, se chega ao escalão máximo e se passa a internacional, saltando no final da carreira para cargos na UEFA, etc. é assim que se controla o sistema, não com fruta e jantares

Sem que isso entre em contradição com a frase anterior, o kit e as ofertas são um sinal de apreciação, de simpatia, de reconhecimento. quem recebe, acima de tudo os tais delegados e observadores, tenderá, sempre, a retribuir. é da vida. o kit é imoral e antidesportivo. os jantares são imorais. estes agradinhos são imorais.

nunca se provou corrupção em Portugal, pelo que não é agora que vai provar. levar o assunto para o lado criminal é má fé dos autores do acto e ingenuidade ou igual má fé de quem se deixar levar para aí. se acham que não, deixo-vos uma pergunta: o que achariam de o clube de São Domingos de Benfica entregar os mesmos kits aos procuradores do MP que investigarem? e aos responsáveis da Liga e Federação? Parece-vos bem e adequado? é só uma gentileza...
SL
Sem imagem de perfil

De juliuscoelho a 19.10.2015 às 13:26

Mas ..... corruptos a castigar corruptos? Sería um guião para um excelente filme.
Sem imagem de perfil

De juliuscoelho a 19.10.2015 às 11:59

a que tiver mamas maiores.
Sem imagem de perfil

De Fight for your Right a 19.10.2015 às 12:10

então é ao travesti lol
Sem imagem de perfil

De juliuscoelho a 19.10.2015 às 13:16

Lol
Imagem de perfil

De Profeta a 19.10.2015 às 10:46

Essas prendas que incluem refeições de luxo, só por si, não compra um árbitro. Quanto muito, são um complemento, uma oferta simbólica... Assim como a fruta, o rebuçado, e o café com leite, também eram um complemento, das verdadeiras tacticas de viciar resultados.

Tudo se passa no polvo da FPF, em que os seus dirigentes não estão ao serviço do futebol português, mas ao serviço dos clubes que os metem lá. Através do conselho de arbitragem pode-se dar boas notas a árbitros, fazer nomeações, promover árbitros, etc etc. Como pode o João Capela, ter sido salvo erro, o 4º melhor árbitro da temporada passada, quando por exemplo, deu a vitória do Benfica contra o Gil Vicente com um fora de jogo de 3 metros, e do Rui Vitória lhe ter dito que nunca mais na vida lhe dirigia a palavra???
Como pode o Marco Ferreira, ter arbitrado a final da Taça de Portugal, e ter sido despromovido?? Terá sido despromovido por ter estado em duas das três derrotas do Benfica na época passada??? Estas praticas de uma forma legal, são impossíveis de dizer que são corrupção.

Portanto, o que é preciso é reformar o futebol português, algo que ninguém está ou esteve interessado verdadeiramente, há excepção do Sporting.
Sem imagem de perfil

De MaxMartins a 19.10.2015 às 11:52

Em resumo...

"Colocar" a questão nos "placards" da opinião...foi uma jogada de "mestre"...!

Não há corrupção...?

Mas há favorecimento... que acabará (tudo somado) por dar no mesmo...!!

É a verdade é que eu "não acredito em bruxas"...mas há sempre uns "teimosos" que acabam a dizer que as há...!

Olhem...:

"Quem não uqer ser lobo...não lhe vista a pele..!!

SL"
Sem imagem de perfil

De #NaoVales1Euro a 19.10.2015 às 12:20

Plenamente de acordo. No entanto, cabe aos Sportinguistas e a todos os defensores do desporto limpo e da ética, não deixar o assunto cair em saco roto ou que a suposta investigação pelo MP suverta a questão. Nunca se irá provar qualquer corrupção, a menos que os próprios envolvidos confessassem (corruptor e corrompidos). Nunca vi a instituição Sporting Clube de Portugal a fazer uma acusação de corrupção.
A questão que se coloca é: é ético? deve ser feito? pode-se aceitar?
A resposta só pode ser "não".
Nesse caso, a "justiça" desportiva tem de agir. Como está controlada e não vai agir, os consumidores deste desporto (nós que pagamos, de uma forma ou de outra) temos de nos fazer ouvir e apoiar quem não se calar. Goste-se do estilo ou não, goste-se do porta-voz ou não.
Quem quiser um futebol limpo, até porque o Sporting não pode pactuar com um futebol sujo, não tem alternativa. Esta é uma causa do desporto, da ética e do Sporting.
SL
Sem imagem de perfil

De Petinga a 19.10.2015 às 13:19

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D




Cristiano Ronaldo