Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

8592f3e430720d324d7cfd7ecd1de521 (2).jpg

 

Com ou sem fundamento, anda a ser circulado na praça pública que Jorge Jesus terá ficado bastante desagradado com o insucesso no recrutamento de reforços durante esta abertura do mercado, e que terá exigido a Bruno de Carvalho a contratação de um director desportivo com conhecimentos e experiência nessa área.

 

Haverá, aqui, alguma divergência entre os dois, dado que a preferência do presidente do Sporting é Augusto Inácio, pessoa com quem Jorge Jesus não quer trabalhar. Aliás, Inácio saiu dessa função no início da época precisamente por imposição do treinador.

 

Jorge Jesus está por dentro das negociações falhadas por Danilo, Cervi e Mitroglou durante o Verão e, mais recente, por Suk, Marega e José Sá, entre outros. A totalidade dos reais contornos destes casos só eles têm conhecimento, mas o que se torna óbvio é que com pouco mais de um dia para o fecho do mercado, aquilo que o treinador desejava - além do defesa central (Sebastián Coates) - ainda não foi concretizado, nomeadamente a garantia de um outro avançado.

 

Foi noticiado este sábado que o Sporting recusou uma proposta por Fredy Montero e as negociações para a saída de Gutiérrez aparentam continuar num impasse. A contratação do muito promissor lituano Lukas Spalvis, que parecia estar muito bem encaminhada, foi entretanto remetida ao silêncio.

 

Poderá até não existir braço de ferro algum entre os principais responsáveis pelo futebol leonino, mas uma coisa é certa: se o objectivo durante este mês de Janeiro era reforçar e afinar a "máquina" para a recta final até ao título, muito pouco tem decorrido ao agrado, pelo menos do treinador. Não é de esperar, logicamente, que ele venha a público dar quaisquer indicações da sua eventual insatisfação.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:02

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


9 comentários

Imagem de perfil

De Profeta a 30.01.2016 às 17:57

Eu no lugar do Jesus também não queria alguém que recentemente foi cúmplice de cerca 30 ou 40 contratações de cepos.

Sem imagem de perfil

De Fernando Pais a 30.01.2016 às 18:30

Em vez de nos mobilizarmos, porque temos um jogo importante dentro de momentos, continuamos a dar tiros no pé. Será por tudo o que se tem passado esta semana ainda não perceberam que nos querem fazer a «folha». Todos seremos poucos. Todos a Alvalade para apoiar a equipa.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.01.2016 às 18:33

O facto de estarmos aqui no blogue a debater assuntos diversos sobre o Sporting, em nada detrai do nosso apoio à equipa, hoje e sempre.
Sem imagem de perfil

De PSousa a 30.01.2016 às 18:37

Rui,
Acho que não devemos estar a tentar "achar" mais problemas no SCP dos que já existem! Sobre as contratações, muitas falham pelos jogadores e não pelos clubes. A exemplo do SUK que disse que só jogaria no FCP!
Alguns nomes que menciona tem a haver com a negociação com os Presidentes dos clubes que não gostam do SPORTING.
Lembra-se do presidente do Nacional, desta vez é o do Marítimo... e nada tem a haver se é BdC ou não, é mesmo o SPORTING!
SL
Sem imagem de perfil

De Angelo Pereira a 30.01.2016 às 19:06

Uma coisa é certa no programa que a SIC tem ao Domingo com a presença de Inacio
ele tem defendido Jorge Jesus até a exaustão e li que tiveram um almoço
com o presidente em que o problema que tiveram ficou sanado.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.01.2016 às 19:08

Sim... mas não significa que Jorge Jesus esteja disposto a trabalhar com ele. Veremos...

No programa. tem de ser esse o papel dele.
Sem imagem de perfil

De SMCM a 30.01.2016 às 20:47

A questão não é director desportivo, nem sequer é dinheiro, visto que o sporting até tem oferecido mais cash ns transferencias e salários. A questão é sucesso. O SCP tem de ganhar urgentemente o campeonato e ganhar títulos com regularidade. Quando assim fo, qualquer jogador quer vir para o SCP..
Sem imagem de perfil

De A Verdade a 31.01.2016 às 02:07

Se me permite acrescentar algo, gostaria de observar um melhoramento de recursos humanos mais profissionalizados. Não creio que, por exemplo, Octávio nem Inácio, com todo o respeito, acrescentem mais valias algumas.
Criou-se um género de "gang" de gente vivida, que não lhes identifico cultura para equilibrar defeitos ainda residentes no clube.
No fundo, as pessoas podem ter uma grande vontade de ajudar o clube, mas o futebol precisa de pessoas novas (não necessariamente jovens), competentes, que acrescentem qualidade.
Sem imagem de perfil

De A Verdade a 31.01.2016 às 02:12

Acrescentando apenas uma coisa mais. Tenho mais receio daqueles que lá estão contrariados e daquilo que ainda lá possam andar a prejudicar, do que propriamente aqueles que podem vir no futuro.
Existe um género de ingratidão na sociedade moderna, principalmente nesta geração de jogadores muito ligados ao próprio umbigo, assim como mal aconselhados.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo