Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

maxresdefault.jpg

 

Não é que o Sporting nos tenha deslumbrado com um espectáculo de futebol ofensivo, mas perante um adversário que chama a si um bom número de talentos excepcionais, não será exagero algum afirmar que a equipa leonina lutou muito e bem e fez por merecer um resultado que não a derrota, especialmente ao cair do pano.

 

Jorge Jesus não surpreendeu com o onze inicial e foi precisamente essa unidade que esteve em campo até perto dos minutos finais da partida, com Rui Patrício; Piccini, Coates, Mathieu e Fábio Coentrão; Gelson Martins, Bataglia, William Carvalho e Acuña; Bruno Fernandes e Bas Dost.

 

Suplentes: Romain Salin, Jonathan Silva, André Pinto, João Palhinha, Bruno César, Daniel Podence e Doumbia.

 

O Sporting sentiu mais dificuldades no primeiro período do jogo, nomeadamente em tentar impor-se perante a linha média da Juventus. Daí, que os italianos tenham tido um maior pronúncio nessa fase, embora sem criar muitas oportunidades de golo. Alguns ajustamentos ao intervalo fizeram com que a segunda parte fosse muito mais equilibrada, com quase idêntica posse de bola e diferença mínima nos ataques e remates.

 

img_FanaticaBig$2017_10_18_20_27_09_1324710.jpg

 

Este foi um jogo sem nenhum jogador a destacar-se de forma espectacular, mas todos a trabalhar a um nível elevado, num sentido de missão única. Em termos defensivos, praticamente impecáveis do primeiro ao último apito.

 

Não duvido que as substituições de Jorge Jesus serão alvo de discussão. A entrada de João Palhinha visou reforçar o meio campo, embora se tenha abdicado de um arma ofensiva em Gelson Martins. À distância é impossível saber até que ponto o desgaste físico do avançado leonino foi um factor preponderante na decisão. A saída de Fábio Coentrão é mais perplexa. O lateral esteve muito bem até esse ponto e apesar da queda aparatosa que sofreu, deu indicações que estava apto para continuar em jogo. Aliás, a sua reacção à decisão de Jesus deixa a ideia de ter sido apanhado de surpresa. Logo por azar, foi o homem da responsabilidade de Jonathan Silva que marcou o golo da vitória.

 

Por fim, temos Doumbia. Compreende-se que o timing deve-se ao marcador, mas após reflexão talvez seja justo clamar que devia ter entrado mais cedo. Teve o golo do empate na ponta de bota e falhou por milímetros.

 

Tudo isto não obstante, uma derrota é sempre desagradável, mas a exibição do Sporting no campo do adversário promete muito para quando se encontrarem novamente, em Alvalade, no dia 31 de Outubro.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:39

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


48 comentários

Sem imagem de perfil

De Chico Zé a 18.10.2017 às 22:25

Jjesus falha sempre nos momentos decisivos e ja habitual ate monta bem as equipas mas falha na finalizacao e como o dumbia tipo bryan ruiz vitoria morais estamos fartos a terminar o lateral esquerdo argentino que ate estava armar em esquisito em ficar no sporting mais valia ter ficado na argentina
Sem imagem de perfil

De Pastor a 18.10.2017 às 22:26

O falhanço do Doumbia até o Buffon levou as mãos á cara. Foi pena o lance do livre que resulta no primeiro golo da Juve. A defesa foi muito imprudente no primeiro tempo.
Pode ser só impressão minha mas o golo anulado ao SCP não foi mal anulado e e a ser falta não era a favor do SCP?
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.10.2017 às 22:29

Não considero que tenha sido um "falhanço" no sentido que usualmente se aplica o termo. Simplesmente não conseguiu chegar à bola. Aliás, acho que ainda tocou nela.
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 18.10.2017 às 22:29

Rui,

Pode pintar o jogo como queira..Nao existem vitórias por meritócracia!!
O jogo é um todo e num todo o Sporting falhou estrondosamente.

É um atentado ao bom senso por um Battaglia a trinco(6) e sacrificar o melhor de todos a medio-box to box (8)
É um atentado ao bom senso jogar com tres trincos. LOOOOOOOOOLL!!
Estas táticas só lembra ao mestre da tática. Ca brutus !!

P.S.... Nao batam no Johnattan Silva.
1- A Bola vinha de um cruzamento perfeito, muito perfeito, dificilissimo de defender. Eu sei que ainda assim muitos o cruxificarao!!
2- A zona ficou livre sem Gelson e o Allegri viu e meteu-lhe o Douglas e este só teve que fazer o que melhor sabe.. Sózinho, cruzar com olhos.
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 18.10.2017 às 22:33

Escrevi eu : -"Deixem de sonhar!!!.."-

e depois em resposta escrevi: -"Mas, sou realista.. Com este Jesus terrenal, não acardito em milagres."-

Pronto, está tudo dito--
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.10.2017 às 22:34

Carlos,

Eu não "pinto" seja o que for. Descrevo o que vi e o que sinto. Dito isto, a crítica exagerada do Carlos não é novidade alguma.
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 18.10.2017 às 22:45

Sem maldade nenhuma. Por isso pus o Emoji
Pintar= suavizar
O Rui fez uma critica bastante suave a qual eu nao estou de acordo.

Critica exagerada??!!!!
Entao, o JJ mete os pés pelas maos e ......
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.10.2017 às 23:17

Carlos,

Um jogo como o de hoje, apesar da derrota, não tem só negativos. E não estou a falar de vitória moral, nunca acreditei nisso.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 18.10.2017 às 22:36

O Jonathan deveria como lateral saber colocar o corpo e impedir o Mandzukic de chegar aquela bola.... vê-se claramente o croata antes do cruzamento a começar a colocar-se à frente do Jonathan, ele não pode deixar que isso aconteça, isto é básico para um lateral.... é essencial cobrir a frente porque é ai que está a baliza...

Se reparares contra o Olympiacos, o Jonathan cometeu exactamente o mesmo erro na falta de cobertura ao Pardo após um centro....
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 18.10.2017 às 22:51

Tótó para aqui ou para acolá....
O cruzamento vem afastando-se da baliza. Ao Mandzukic dou valor, nao ao resto. Foi excelente na abordagem ao lance. o J. Silva ou qualquer outo defesa, só tem a perder num cruzamento com aquela classe.
OK... Tótó .
Dá tudo igual ... Culpa o JJ , ninguém mais!!

Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 18.10.2017 às 23:16

O Jonathan é um azelha na marcação...

OK, o Mandzukic é um bom jogador e teve a capacidade para se antecipar... agora não me digas que o Jonathan não deveria ter feito mais...

Ja nao te lembras do jogo do Olympiacos apos a saida do Coentrao?!? Ou vais dizer que Pardo também é top?!
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 19.10.2017 às 01:05

Schmeichel,

Azelha foi o JJ..
Meteu três trincos e abandonou o Piccini a sua sorte..
O Allegri deu graças a todos os céus e meteu o Douglas Costa aos 84 min. se não me engano..
Ele só teve que fazer o cruzamento perfeito..
Culpa só tem um, o JJ

Se os Sportinguistas não querem ver isso e se concentram num possível erro de um jogador.. pedido por JJ.

Schmeichel,
Se a mesma jogada fosse no campeonato português, estariamos agora aqui a discutir uma possível falta do Mandzukic.. De certeza absoluta!
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 18.10.2017 às 22:30

O Sporting tinha o jogo relativamente controlado.... o tótó do Jonathan é que foi comido num lance em que deveria ter estado mais atento, nunca o Mandzukic podia ganhar aquela bola...

Temos um azar do catano.... perdemos sempre por um golo contra adversários de topo europeu.... falta sempre qualquer coisinha!

Gostei do B.Fernandes, do Piccini (p.ex este nunca seria comido no lance do golo do Mandzukic), e dos centrais..... de resto exibições nada de especial....

O Gelson esteve desastrado o jogo todo, o Dost e Acuña muito apagados...
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.10.2017 às 22:37

Acho que o Bas Dost fez um trabalho notável, sem praticamente ser servido. No entanto, lutou por todas as bolas do princípio ao fim.

Não jogámos contra o Oleiros...
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 18.10.2017 às 22:42

Ok.... eu não contrario que ele lutou... mas para este tipo de jogos, é muito lento e não consegue pressionar, nem consegue dar velocidade para o contra ataque... tal como o Slimani fazia...
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.10.2017 às 23:19

Ninguém gosta mais do Slimani do que eu, mas o que que ganhámos com ele, salvo dinheiro na transferência ?

Nem um nem o outro são milagreiros. De uma forma ou outra necessitam de ser servidos.
Imagem de perfil

De Sérgio Ambrósio a 18.10.2017 às 22:44

Isto não está fácil para as equipas portuguesas na Champions League. Ainda pensei que o Sporting conseguisse, pelo menos, o empate, mas não deu. Pode ser que em Alvalade consiga ter melhores argumentos.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 18.10.2017 às 23:22

Na realidade, já se sabia que não iria ser fácil. A Juventus a jogar em casa é muito potente, veremos o que fará em Alvalade. O problema, agora, é que o Sporting é obrigado a ganhar o segundo jogo para ter hipótese de chegar ao segundo lugar.
Imagem de perfil

De Sérgio Ambrósio a 18.10.2017 às 23:27

Sim, agora está mais pressionado. Mas jogando em casa, com o apoio do público pode transcender-se e ter uma noite de glória europeia. O futebol português precisa muito que as nossas equipas sejam competitivas na Europa.
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 18.10.2017 às 23:32

BA AAAHH! !!

Tudo sempre muito bonito mas no fim eles ganham sempre.

Excelente primeiros 25mt e depois apagâo instantaneo ,o que falta ao Sporting para conseguir melhores resultados contra os colossos é deixar-se destes apagôes ,destes colapsos prolongados, descer do 80 ao 8.
Tem que crescer na mentalidade de esforço e manter maior equilibrio durante os 90 mt.
Na 2 parte recuperou a personalidade do seu jogo voltando a encarar de igual com os italianos e de novo o.apagâo logo apos aquela confusao com a nao lesao do Coentrao que tirou à concentraçao à equipa quando estava por cima e com maior fresca fisica.

Reparos:
Jorge Jesus excelente a montar estrategias mas deficiente a ler depois o jogo nunca o sabe matar e espalha-se sempre nas substituiçoes.
Na entrada do Palhinha foi exigir ao adversario vir para cima do Sporting ficamos sem creativo na frente e que seguro um pouco mais à bola.

Bas Dost nao é o tipo de jogador que necessitamos nestes tipos de jogos, esforça-se mas incapaz de segurar uma bola e quase sempre devolve a bola com criterio errado e isso mata os colegas que correm para ganhar espaços.

Gelson perdeu fulgor, perdeu confiança nos duelos e capacidade de atacar as diagonais.

Battaglia com 1-0 a favor nunca se comete aquela falta desnecessaria naquela zona frontal e nestes pormonores que se destacam os grandes jogadores e Battaglia tem que aprender.

Doumbia tinha que acreditar naquela bola e ataca-la de carrinho.

Por fim o arbitro que passou naquele lance na area da Juventus marcou o quê contra o Sporting?
O lance é limpo e é penalti clarissimo com desvio da bola com a mao.

Por ultimo escutem os comentarios de fim de jogo na luz do novo "acionista" da Sad do Benfica, José Mourinho.

Boa noite
Sem imagem de perfil

De Vasco uk a 19.10.2017 às 00:11

Oh amigos sportinguistas.... Nós não jogamos contra essa potência do futebol mundial chamado Basileia.... Nós não levamos 5-0.... Tenho orgulho de ser sportinguista..... Vi o jogo com um grande amigo italiano e fā da Juventus que acabou por dizer que o resultado justo seria o empate.... Deixamos boa imagem... E não fomos humilhados como o Benfica foi em Basileia... Entao ? As coisas não se fazem de um dia para o outro..... Ainda me lembro do tempo que levamos uns quinze do Bayern.... Vamos lá com calma rapaziada.... Juventus não é o oleiros
... Nem o basileia.... Somos os maiores e vamos ganhar o campeonato.... Com uma pontinha se sorte vamos ganhar á Juve em casa, empatar com o Barcelona lá e ganhar ao olympiacos cá.... É deixar o homem trabalhar... Eu sei que ele não sabe falar, mas quem vocês querem no lugar dele ???? Eu sinceramente não estou a ver ninguém
... Saudações leoninas
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 19.10.2017 às 02:12

Mais uma vez perdemos um jogo que podiamos e deviamos ter feito bem melhor, mais uma vez 2 erros dão dois golos ao adversário, jogamos como nunca, perdemos como sempre.....
Não concordo com a análise do post em questão, o Sporting fez muito pouco para trazer outro resultado e só defender bem não chega, caiu-nos um golo do céu e não o soubemos guardar..... situações de perigo tivemos muito poucas a nosso favor.
Vejo aqui muitos comentários sobre o Bas Dost, pois bem meus caros é simples, o Bas Dost é um 9 puro, dentro da área e bem servido é letal, se o jogo lá não chega (por deficiente construção de jogo ofensivo) não se lhe podem pedir milagres.
Alguns jogadores muito apagados, Gelson foi sol de pouca dura, Acuna nem o vi....
Bataglia erro crasso no primeiro golo da Juve, cometer uma falta parva num sitio daqueles, enfim....
J. Silva mais uma borrada tal como fez contra o Olympiacos, dá a frente ao adversário, isso é a mesma coisa que oferecer um golo....
JJ desastrado no banco como sempre, matou o jogo do meio quando encosta Bruno Fernandes á direita, não percebi porque motivo tira Coentrão, nem sequer estava lesionado, são erros a mais.
O pior de tudo é que não vejo melhoras mesmo com esta paragem de campeonato, pelo contrário, aquela equipa que deslumbrava parece que se apagou.
A qualificação está muito dificil, mesmo que ganhemos á Juve em casa, espero que pelo menos fiquemos em 3º
Com Palhinha muito bem acho que está na hora de sentar Bataglia
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 19.10.2017 às 09:01

Nao querendo contrariar aqui nem o amigo Salcedas nem ninguem mas nao estou de acordo com o seu comentario acerca do Bas Dost ,de facto é um 9 puro mas nem todos os jogadores daquela posiçao têm pernas metalicas.
Existem outros tipo de 9 que sabem temporizar, Bas Dost nunca temporiza um passe , é devolvido imediatamente e a maior parte das vezes para o adversario.
Ele é muitas vezes um problema para a equipa é nao uma soluçao.
Os colegas ja evitam passar-lhe a bola só la passam em ultimo recurso

Vezes sem conta correm em vâo (e isso desgasta) porque Bas Dost destroi depois as jogadas que podiam ferir o adversario.
Alguns passes que lhe fazem sao até simples de recepcionar e Bas Dost acaba por complicar tudo nao temporizando .
Os adversarios ja sabem disso e procuram sempre fechar-lhe as linhas de passe ao Bas Dost porque sabem que se atrapalha.
Contra equipas como à Juventus que defendem bem e mais à frente todos os elementos dos nossos atacantes sao importantes na manobra de construçao e é ai que Bas Dost falha nao sabe tabelar nem com criterio nem temporizando.
É a minha opiniao.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 19.10.2017 às 10:38

É de facto espectacular... ficamos a saber agora pela óptica dos teóricos cá do burgo que o homem que marcou 34 golos na época passada afinal não presta para nada.

Não é culpa daqueles que não lhe entregam uma única bola decente, a culpa é dele por não saber fazer mais sozinho.

Estas duas frases, são de tal nível que nem tenho palavras para responder adequadamente:

"Ele é muitas vezes um problema para a equipa é não uma solução"

"Os colegas já evitam passar-lhe a bola e só a passam em último recurso"

Enfim... quando se pensa que já se viu tudo, surge sempre algo mais.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 19.10.2017 às 11:25

Rui ás vezes discordamos , é a sua opinião mas não é a minha.

Bas Dost é tosco com os pes quando é necessario o jogo de paciência na construção.
É o tipico 9 pinheirinho mesmo que ele deteste essa realidade.

Marcou de facto muitos golos numa época atípica como a do ano passado mas teve factores que favoreceram as suas melhores qualidades , Tivemos o verdadeiro Gelson , Alan Ruiz esteve melhor em muitos jogos em que lhe deu muitos passes a rasgar para o toque final letal e ainda o Bryan Ruiz o de maior capacidade a temporizar no meio dos adversários.

Na falta de capacidade da equipa dando profundidade aos laterias e sem ninguem a segurar a bola lá na frente , Bas Dost tem que participar no jogo de paciencia na procura de desiquilibrios no adversario e nesse tipo de jogo é fraco , quantas vezes o viu ontem levando as maos á cabeça depois da fazer asneira no passe? E muitas vezes até tinha espaço chegando primeiro á bola sem grande pressão?

A sua utilidade assenta essencialmente quando no jogo directo onde ganha de facto muitas bolas de cabeça e nos pontapes do Rui Patricio , mas contra equipas com a capacidade da Juventus que anula a profundidade do adversário e obriga-o a construir mais atras Bas Dost é quase nulo e nao é por acaso que Doumbia estando bem fisicamente faz melhor esse papel porque tem mais velocidade nas bolas metidas a rasgar.
E ainda vais gostar menos de ler se lhe disser que no jogo de ontem o Teo Gutierrez (bem fisicamente) era mais util á equipa no lugar do Bas Dost.

Mas como escrevi é a minha opinião.

Imagem de perfil

De juliuscoelho a 19.10.2017 às 11:25

O comentario acima é meu
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 19.10.2017 às 11:29

Se o Bas Dost é "tosco" com os pés, o que dizer de Slimani, que é aqui tão louvado ?

Uma das características do holandês que tem sido evocada desde que chegou a Alvalade, é mesmo os seus bons pés. Mas pelos vistos não é bem assim...
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 19.10.2017 às 11:57

Rui vamos separar as coisas , Slimani era mais guerreiro no contacto fisico e mais rapido que Bas Dost , quando chegou tinha muitos problemas em dominar a bola , e evoluiu bastante nesse capítulo , todos nós escrevemos sobre isso , inclusive ja conseguia algumas fintas curiosas mas tambem nao conseguia temporizar por isso o JJ gostava do Teo porque o sabia fazer bem .
Slimani era ainda mais forte no jogo de cabeça que Bas Dost por tudo isso Slimani foi superior ao que está a ser Bas Dost.

Contra equipas mais modestas Bas Dost é excelente , porque esses adversários nao conseguem imperdir-nos a profundidade , porque temos outras opções (soluções) á necessidade das constantes temporizações de paciencia na construção.
E por ultimo porque esses adversarios nao conseguem defender tanto á frente acabam empurrados para perto da sua area e aí as capacidades de Bas Dost são uteis e tornam-se mais visiveis.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 19.10.2017 às 03:04

Cheguei agora à conclusão que me enganei com o adversário do Sporting. Não foi a Juventus, cujos activos têm um valor dez vezes superior ao Sporting, mas sim o Oleiros com a sua equipa de amadores do Campeonato de Portugal.
Perfil Facebook

De Mike Portugal a 19.10.2017 às 06:52

O empate teria sido uma boa prenda, mas sejamos justos, a Juve jogou muito mais e teve oportunidades amplas para marcar, enquanto que nós não.

Jogo negativo de:
- Gelson: estou preocupado. Gelson mostra sinais de estar completamente estagnado na sua aprendizagem. Agora quando tem a bola já não vê os colegas e só corre desalmadamente, querendo rematar de todo o lado, estilo Quaresma. Se continuar assim vai terminar a carreira num qualquer Besiktas deste mundo. Perdeu imensas bolas no nosso ataque e estragou imensas jogadas, nem sequer acertando em nenhum centro. Pedia a substituição mais cedo, por Podence.

- Battaglia: nem ajudou a construir nem a destruir. Perdeu imensas bolas. Está na altura de dar lugar ao Palhinha

- J.Silva: é preciso dizer alguma coisa?

Jogo bom de:
- Coentrão
- Coates
- Piccini
- Mathieu
- William

Estes 5 jogadores fizeram o impossível. Seguraram a Juve o máximo que conseguiram. Se os tivermos de novo em Alvalade contra a Juve, bem fisicamente, eu acredito que conseguimos ganhar aos Italianos. E se conseguirmos ganhar aos Italianos ficamos com os mesmos pontos que eles têm agora, ou seja, 6.
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 19.10.2017 às 08:33

Tambem me preocupa-me o Gelson ,muito distante daquele Gelson que conhecemos nos jogos contra o Real Madrid. Qual a causa deste seu retrocesso ?
Muito preocupado com a falta de jogo na construçao de oportunidades de golo da equipa.
Consegue manter a bola no meio campo adversario em ataque continuado mas falta ali qualquer coisa mais, ninguem com capacidade de rasgar para desiquilibrar seriamente a sua ultima linha defensiva.
Creio que o jogo da equipa pede o Podense.
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 19.10.2017 às 09:25

Esse é que é o problema, já o apontei no jogo contra o Porto mas o amigo veio dizer "tanta coisa e pouco ou nada diz".... e atribuiu essa questão ao cansaço da equipa......
Pois é..... falta algo, e esse algo é o jogo entrar no último terço com qualidade
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 19.10.2017 às 10:07

Nesse jogo a disponibilisade fisica erà menor e tem clara influença mas é um facto que nao temos jogadores que rompam as ultimas linhas adversarias
Perfil Facebook

De Mike Portugal a 19.10.2017 às 09:57

Nem é só esse o problema. A diferença da qualidade de passe é gritante entre a maior parte dos jogadores da Juve e os nossos. E as movimentações no meio-campo entre eles eram muito dinâmicas, tinham sempre 2 ou 3 soluções de passe enquanto que os nossos ou se escondem nas linhas ou vêm dar um apoio frontal apenas. É muito pouco para a champions.
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 19.10.2017 às 11:46

Mike mas até conseguimos em alguns momentos do jogo fazer o mesmo que a Juventus , nos primeiros 25 mt e largamente na 2parte antes da saida do Coentrão , chegámos a obrigar a juventus a recuar a lugares aonde nao queria estar a defender .
Nessa parte de passe até nem estivemos tão mal , falta-nos sim é a creatividade a rasgar , nao passamos daquilo , falta genialidade para ultrapassar a ultima linha adversária , tivemos 2 oportunidades de golo em todo o jogo e mesmo a do golo foi azelhice do Gelson que acabou por ter sorte mas nao devia ter finalizado daquela forma estava de frente sosinho podia ter torneado o Buffon que ja estava em queda.

Um dos motivos que nao conseguimos rasgar porque é necessario mais cerebro, mais capacidade de espera com a bola nos pes em alguns momentos, todos a libertam rapidamente e nao á tempo para se procurarem melhores soluções de passe entre linhas.
As temporizações permitem primeiro: a chegada de mais jogadores , segundo: os colegas procurarem e indicarem melhores soluções de passe e terceiro a mais importante criar duvida no adversário para onde vai a bola .
Nos momentos de superioridade numerica quer-se velocidade no passe preciso mas ainda na construção á frente da ultima linha defensiva quer-se mais capacidade tecnica .

Comentar post


Pág. 1/2





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo