Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



 

QCM36.jpg

 

Depois de Alex Merlim ou Cavinato, os leões ambicionam continuar a fazer contrações sonantes para o plantel de Nuno Dias e fazer do Sporting um dos clubes mais potentes do futsal europeu.

 

A acreditar em recém-notícias, os dirigentes leoninos estão interessados em contratar Ferrão, pivô do Barcelona, para a próxima temporada.

 

Em final de contrato - termina a Junho de 2018 –, o jogador brasileiro poderia ingressar no emblema de Alvalade a custo zero, solução esta que é vista com bons olhos por parte do Clube, obviamente.

 

No entanto, não será uma tarefa fácil, uma vez que o Sporting não está sozinho na corrida pelo atleta canarinho, também o Pantera de Chapecó e o Inter Movistar, de Ricardinho, estão interessados nas valências de Ferrão. Para além disso, os próprios blaugranas desejam renovar o vínculo do jogador.

 

Esta época, o pivô já soma nada menos do que 17 remates certeiros em 17 jogos disputados ao serviço do Barça.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:24

Interesse genuino em saber...

Rui Gomes, em 06.12.17

 

20171205_162255.jpg

(Foto do leitor PSousa)

 

 

... Se os mais de 3000 adeptos leoninos que assistiram ao jogo em Camp Nou se sentiram defraudados, não pela derrota, mas sim pela exibição do Sporting.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:51

 

main.jpg

 

Para ser sincero, nem me apetece comentar este jogo. Aceito perder, hoje e sempre, mas com os nossos melhores em campo a dar o tudo por tudo, e não com uma equipa significativamente condicionada pelas estratégias de teóricos - e até temos alguns aqui no blogue.

 

A ideia, se a compreendo correctamente, era de desgastar a equipa do Barcelona e, então, fazer entrar as "armas secretas" na segunda parte, para dar o "golpe de misericórdia". Entretanto, abdicou-se deliberadamente de 45 minutos da partida - só por milagre teríamos conseguido marcar um golo - com o agravante adicional de que jogámos com dez unidades em campo. Nem vale a pena nomear quem esteve dentro das quatro linhas apenas como mero corpo presente. Outra ideia genial de Jorge Jesus!

 

O Sporting alinhou de início com Rui Patrício, Piccini, Coates, Mathieu, Ristovski, William Carvalho, Battaglia, Acuña, Bruno César, Bruno Fernandes e Alan Ruiz.

 

Suplentes: Romain Salin, Fábio Coentrão, André Pinto, Palhinha, Gelson, Bas Dost e Podence. Ficaram de fora Pedro Silva, Tobias Figueiredo, Petrovic, Mattheus Oliveira, Iuri Medeiros e Rafael Leão.

 

Barcelona: Cilessen, Semedo, Vermaelen, Piqué, Denis Suárez, Aleix Vidal, André Gomes, Rakitic, Digne, Paco Alcácer e Luis Suárez.

 

Suplentes:  Ter Stegen, Busquets, Lionel Messi, Paulinho, Deulofeu, Jordi Alba e Sergi Roberto.

 

Segundo a tese acima referida, entraram Gelson Martins e Bas Dost logo a seguir ao intervalo. Tudo bem... passado uns quantos minutos Ernesto Valverde responde a Jorge Jesus com Lionel Messi e Sergio Busquets. Como ficamos ?

 

A realidade é que salvo a grande oportunidade de Bas Dost, com defesa à "queima roupa" de Jasper Cilessen, e de mais uma ou outra jogada de algum perigo, o Sporting nunca verdadeiramente se encontrou, em termos de construção de jogo e de eficácia no último terço do terreno, e com diversos jogadores a acusarem o desgaste. A entrada de Fábio Coentrão nada resolveu.

 

Bruno Fernandes foi de longe o melhor "leão" em campo. Nem sei onde encontrou energia para tanto, mas o cansaço era por de mais evidente.

 

Para o caso, não interessa que uma vitória em Camp Nou teria sido em vão, uma vez que a Juventus, como se esperava, aliás, foi a Atenas vencer o Olympiacos por 2-0. Venha a Liga Europa !

 

Nota: Quando publiquei o post, não comentei mais uma grande exibição de Rui Patrício, sem culpas algumas nos golos sofridos e deixando um registo de excelentes intervenções. Dito isto, fico logo com a sensação de causa perdida sempre que vejo um jogo com ele a pontapear frequentemente a bola.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:21

A culpa não é do jogador !

Rui Gomes, em 06.12.17

 

K6OZUV33.jpg

 

Exceptuando a parte de "honra ser feita" a Jorge Jesus, gostei deste comentário de Lídia Paralta Gomes, jornal Expresso (não, não é parente minha), sobre a performance, se é que se pode chamar isso, de Alan Ruiz:

 

"Quando quase tudo está perdido, mais vale mudar para tentar pelo menos baralhar as probabilidades. Terá pensado assim Jorge Jesus quando apostou em Alan Ruiz no onze titular do Sporting para o jogo desta terça-feira em Barcelona, onde tinha de ganhar e esperar ainda por boas notícias de Atenas. Perdeu por 2-0, com dois erros pouco comuns, e não houve boas notícias de Atenas. O Sporting muito dificilmente continuaria na Champions e o milagre não aconteceu, apesar de Jesus, honra lhe seja feita, tenha tentado de tudo, de todas as maneiras e feitios.

 

Olhando para o início da época, pode até entender-se a opção de Jorge Jesus por Ruiz. O técnico leonino quis fazer do argentino uma espécie de Doumbia, estratégia que tão bem resultou frente ao Olympiacos. Só que Alan Ruiz não é Doumbia. Não tem a sua rapidez, a sua destreza, a sua inteligência a ler lances. E o que não se entende é que Jesus não tenha percebido que por estes dias Bas Dost, que chegou a Alvalade como um grande avançado, mas sem grandes pezinhos, já é muito mais parecido com Doumbia do que Ruiz, que não ganhou um lance que fosse em velocidade, em altura, em desmarcação. Não jogou, nem fez jogar. E por isso, nos primeiros 45 minutos, o Sporting foi inofensivo no ataque".

 

O nosso bem conhecido Rogério Casanova, na sua análise humorística à performance dos jogadores do Sporting, quando chegou a vez de Alan Ruiz, publicou isto:

 

"[Nota do Editor: Esta secção do texto originalmente enviado pelo autor, além de conter uma sucessão inexplicável de caracteres em maiúsculas, pontos de exclamação, e hieróglifos avulsos, encerrava também algumas afirmações peremptórias sobre Alan Ruiz, nomeadamente ao nível das suas faculdades cognitivas, aparelho reprodutor, e odor corporal, às quais não foi possível fazer fact-checking até ao fecho da edição. Aos leitores, as nossas desculpas]".

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:20

 

img_770x433$2017_12_05_23_26_52_1341521.jpg

 

Ernesto Valverde, treinador do Barcelona, com um breve comentário sobre o jogo desta terça-feira diante do Sporting, mostrando-se surpreendido com a equipa inicial que Jorge Jesus apresentou:

 

"A nossa ideia é dominar os jogos e criar situações de golo, ao mesmo tempo que não deixamos o adversário fazê-lo. Tentamos fazer o melhor que conseguimos. Por vezes somos mais ou menos brilhantes.

É verdade que fizeram alterações. É uma equipa que vinha a jogar mais ou menos com os mesmos. Jesus conhece melhor do que ninguém o seu plantel. Não vou negar que esperávamos outra equipa, mas ele entendeu ser assim. Dou muito valor ao Sporting e no primeiro jogo demonstraram-no. Em Lisboa foi um jogo muito complicado.
 
Hoje era um encontro com uma conotação diferente, porque eles não dependiam de si e nós já estávamos qualificados. A partir de agora nenhum adversário será fácil, mas também já não o foram na fase de grupos. Os erros pagam-se caro."
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:18

 

 

O Sporting empatou 1-1 na visita ao Barcelona em jogo da sexta e última jornada do Grupo D da Youth League, roubando os primeiros pontos aos catalães, que somavam cinco vitórias.

 

Numa partida que opôs duas equipas com o destino já traçado na competição que replica a Liga dos Campeões, Edgar Fernandez inaugurou o marcador para os catalães aos 56 minutos, tendo Rafael Leão empatado para a formação leonina ao minuto 90. O Barcelona averbou o primeiro empate e sofreu o primeiro golo nos seis encontros.

 

Os catalães seguem assim para os oitavos de final, enquanto os leões, que somaram nove pontos, vão disputar um play-off de acesso, com um adversário a sortear na próxima segunda-feira.

 

Já sem hipótese de marcar presença nos oitavos de final da competição, os italianos da Juventus, terceiros do grupo, visitam ainda hoje os gregos do Olympiacos, últimos classificados.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:25

 

845655864_0.jpg

 

Ernesto Valverde, treinador do Barcelona, com um discurso "politicamente correcto" na conferência de imprensa de antevisão ao embate com o Sporting para a Liga dos Campeões. Dito isto, não significa, necessariamente, que não tenha sido sincero com a sua avaliação do jogo e do adversário:

 

"O jogo não afecta a nossa qualificação, porque já atingimos o objetivo de ser primeiro, mas sabemos que o nosso rival joga muito. Espero um Sporting mais ofensivo do que em Lisboa, quando apostou no contra-ataque e na rapidez de Gelson Martins e Acuña.

 

Apesar de o Sporting ter todas as possibilidades de ganhar em Camp Nou, até porque, como já referi, não queria o Sporting no sorteio por saber do potencial que têm, o FC Barcelona vai tentar ser a mesma equipa, moldando-se às situações que o rival apresentar.

 

Admito poder fazer algumas alterações ao 'onze' base e espero que a equipa continue a série de jogos sem perder, dada a importância de ganhar sempre, porque todas as competições são importantes. Confio que os jogadores que escolher vão jogar bem. Há momentos difíceis durante a temporada, com lesões e outras baixas, e o plantel tem de estar a postos para solucionar esses problemas.

 

Lionel Messi só será avaliado no dia. Compreendo que o treinador do Sporting respeita muito Messi porque sabe o que ele pode fazer em campo. Entendo-o, mas nós tentamos jogar como um bloco, sabendo que há individualidades que são determinantes, como Messi, que faz a diferença para nós ou qualquer equipa.

 

O Sporting está a jogar muito, tem possibilidade de se qualificar, e vai ser certamente um jogo muito complicado em que vão dar 100%".

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:36

Convocatória para o Barcelona

Rui Gomes, em 04.12.17

 

ng8956970.jpg

 

O Sporting treinou esta segunda-feira antes da partida para Barcelona, onde amanhã, no Camp Nou, vai disputar a sexta e última jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões.

 

Duas novidades no treino: o regresso de Doumbia, após lesão, e a integração do jovem Rafael Leão. Este acabou por também integrar a lista de convocados, uma vez que o avançado costa-marfinense ainda não está em condições de jogo, tendo estado afastado dos relvados durante três semanas.

 

O segredo mais bem conhecido é que o Sporting precisa de conquistar os três pontos na deslocação a Barcelona e ainda esperar que a Juventus não leve a melhor sobre o Olympiacos, em Atenas, para poder seguir para os oitavos da prova.

 

Convocatória:

 

Guarda-redes: Rui Patrício, Romain Salin e Pedro Silva;

 

Defesas: Mathieu, Tobias Figueiredo, Fábio Coentrão, André Pinto, Piccini, Ristovski e Coates;

 

Médios: Mattheus Oliveira, Bruno Fernandes, William Carvalho, Bruno César, João Palhinha, Battaglia, Petrovic e Marcus Acuña;

 

Avançados: Gelson Martins, Iuri Medeiros, Bas Dost, Rafael Leão, Alan Ruiz e Daniel Podence.

 

Surpreendente a presença de Iuri Medeiros, depois de estar afastado das preferências de Jorge Jesus já há algum tempo. No entanto, com 24 jogadores convocados, é muito provável que vá assistir ao jogo na bancada.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:14

Foto do Dia

Rui Gomes, em 04.12.17

 

1M09DC2T.jpg

São esperados cerca de 3000 "leões" em Camp Nou

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:56

 

img_FanaticaBig$2017_09_27_22_16_37_1317245.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:00

 

image.jpg

 

"Sabíamos que tínhamos de sofrer para ganhar. O ambiente era forte. Entrámos com determinação e dominámos a primeira parte. Nos últimos 10, 15 minutos, apertaram-nos muitos e tivemos perdidas que geraram insegurança. Pudemos sentenciar o jogo, mas a Liga dos Campeões é assim.

Para que haja autogolos (já são quatro esta época) temos de chegar à área. Já sabemos como são essas jogadas. As bolas que para perto da baliza, qualquer um pode desviá-las, um avançado ou um defesa. Esta foi uma vitória crucial. No sorteio não queria que nos calhasse o Sporting porque sei que é uma grande equipa.

 

Claro que o Sporting pode chegar ao segundo lugar. Pensamos no Sporting como um rival directo para passar esta ronda, que ainda agora começou. Agora chegam confrontos directos e não está tudo resolvido. Gosto do plantel do Sporting que está bem dirigido. Tem jogadores como Gelson, William e, hoje, Mathieu esteve muito bem".

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:55

O melhor de Piccini

Rui Gomes, em 28.09.17

 

img_757x498$2017_09_27_20_57_46_671564.jpg

A sua melhor exibição de "leão ao peito"

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:54

 

20660271_V9jts.jpg

 

O jogo terminou há instantes e eu não sei bem por onde iniciar esta crónica. Talvez, afirmando, antes do mais, que o Sporting realizou uma excelente exibição frente a uma das melhores equipas do Mundo e, havendo justiça, não merecia sair derrotado de Alvalade, ainda por cima, através de um muito infeliz autogolo.

 

O Sporting alinhou de início com Rui Patrício, Piccini, Coates, Mathieu, Fábio Coentrão, William, Battaglia, Bruno Fernandes, Marcus Acuña, Gelson Martins e Doumbia.

 

Suplentes: Romain Salin, Jonathan Silva, Alan Ruiz, Bruno César, Petrovic, Tobias e Bas Dost.

 

O Barcelona: Ter Stegen, Semedo, Piqué, Umtiti, Jordi Alba, Busquets, Rakitic, Iniesta, Sergi Roberto, Lionel Messi e Suárez.

 

 Suplentes: Cillessen, Denis Suárez, Mascherano, Paulinho, Digne, André Gomes e Vidal.

 

605600_png.jpg

 

Este é daqueles jogos em que prevaleceu o colectivo, com praticamente todos os jogadores a distinguirem-se pela excelência do seu desempenho. Enquanto que sentiram alguma dificuldade na construção ofensiva, não inesperada, diga-se, defensivamente foram nada menos do que soberbos. Mathieu com uma exibição espectacular, Piccini, que tanto temos criticado, fez o seu melhor jogo de "leão ao peito", deixando nada por apontar. E muito embora não pretenda individualizar - que já estou a fazer - Battaglia excedeu-se de forma magnífica e fez com que Lionel Messi não tivesse sido um factor predominante.

 

Neste jogo, Jorge Jesus também esteve muito bem, tanto no que diz respeito às suas opções como em termos tácticos. Entrou com o onze que fazia mais sentido e preparou a equipa como compete para um adversário do nível da equipa catalã. Recorreu ao banco apenas quando alguns dos titulares já davam sinais evidentes de exaustão.

 

C80GNI3T.jpg

 

Contra uma equipa que tem um orçamento cinco vezes superior e diante de alguns dos melhores jogadores do Mundo, não se pode exigir muito mais, salvo a "senhora" sorte que nos abandonou em alguns momentos do jogo, com pernas a travar remates potentes e a conceder um autogolo que veio do inferno.

 

Não vou perder tempo a comentar o árbitro romeno e os seus critérios "inclinados". Seis cartões amarelos para o Sporting, salvo erro, alguns deles ridículos. A Champions merece melhor qualidade de arbitragem, especialmente do tipo que não influencia resultados.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:42

Ganhou a equipa que marcou, nada mais

Rui Gomes, em 27.09.17

 

image.jpg

 

Em jogo da segunda jornada da UEFA Youth League, o Barcelona derrotou o Sporting, por 1-0, num golo da autoria de Sergio Gomez, aos 61 minutos.

 

Uma partida muito equilibrada sem nenhuma das equipas a assumir controlo do jogo nem a exercer superioridade notável. Muito da partida disputada no centro do terreno, com um bom número de cartões amarelos, nomeadamente para os catalães, profundidade ofensiva mínima e escassos remates à baliza. Há muito que se esperava que o primeiro golo resolveria o marcador e assim aconteceu.

 

A equipa de sub-19 do Sporting alinhou de início com Luís Maximiano; Thierry Correia, Goulart Silva, Tiago Djaló e Abdu Conté; Tomás Silva, Daniel Bragança, Miguel Luís e Pedro Ferreira; Elves Baldé e Rafael Leão.

 

Suplentes:  Filipe Rodrigues, João Ricciulli, João Oliveira, Sithole, Diogo Brás, Leandro Tipote e Pedro Mendes.

 

Barcelona: Peña; Morey, Brandariz, Cuenca Barreno e Miranda; Monchu, Collado e Ricard Puig; Sergio Gómez, Ruiz e Carles Pérez.

 

Suplentes: Santaella, Vila García, Juan Fernández, Comas, Kabashi, Edgar Fernández e Espinach.

 

img_770x433$2017_09_27_16_25_22_1317103.jpg

 

Os "leões" melhoraram um pouco na segunda parte, eventualmente pela necessidade de marcar e pelas substituições que permitiram exercer maior pressão sobre o Barcelona, mas as oportunidades criadas foram mínimas. Com tudo isto, o resultado mais certo teria sido o empate.

 

Há uma questão, ou melhor, um jogador, que me intriga imenso, e que eu gostaria que o treinador Tiago Fernandes me esclarecesse. Aliás, já fiz um reparo semelhante no primeiro jogo desta prova frente ao Olympiacos.

 

Há uma questão, ou melhor, um jogador, que me intriga imenso nesta equipa do Sporting, e que eu gostaria que o treinador Tiago Fernandes esclarecesse. Aliás, já fiz este reparo no primeiro jogo desta prova, frente ao Olympiacos.

 

Rafael Leão, jovem talentoso que alinha a ponta de lança, demonstra uma indiferença total ao jogo, mesmo apatia. A sua postura competitiva é, para mim, um mistério autêntico. Raramente corre, nunca exerce pressão alta sobre os centrais ou sobre o guarda-redes, nunca vai atrás contribuir com algum apoio defensivo, quando perde uma bola, nunca se esforça para a recuperar e, em geral, se a bola vai ao seu encontro tenta fazer algo, caso contrário nunca a procura. Um caso absolutamente inadmissível e se o treinador não corrige o jogador, alguém devia fazer uma chamada de atenção.

 

Em tempos de outrora, já teria telefonado ao Manuel Fernandes, pai de Tiago, para pedir uma explicação, mas agora não me dou a essas iniciativas, não vale a pena.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:53

A convocatória para o Barcelona

Rui Gomes, em 27.09.17

 

22089243_10154744688666555_73100578235745823_n.png

 

O Sporting revelou a lista de 19 jogadores convocados por Jorge Jesus para o embate desta noite com o Barcelona. Destaque para as ausências de Iuri Medeiros, Mattheus Oliveira, André Silva e Stefan Ristovski. Já não sei se vale a pena referir o jovem Gelson Dala.

 

Volto a repetir que, na minha opinião, Jesus vai fazer alinhar de início Rui Patrício; Piccini, Coates, Mathieu e Fábio Coentrão; William Carvalho, Rodrigo Battaglia e Bruno Fernandes: Gelson Martin, Marcus Acuña e Doumbia.

 

O treinador afirmou ontem que iria com o avançado que lhe oferece maiores garantias defensivamente, por irónico que pareça. A minha aposta recairia sempre sobre Bas Dost, mas creio que ele irá favorecer a velocidade de Doumbia.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:07

Uma simples pergunta...

Rui Gomes, em 27.09.17

 

HTICSE6W.jpg

 

Acha que é possível o Sporting vencer o Barcelona ?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:42

"Sporting é muito rápido no ataque"

Rui Gomes, em 27.09.17

 

7A8PKBRE.jpg

 

O discurso de Ernesto Valverde - treinador do Barcelona - relativamente à equipa do Sporting, que mesmo com algum grau de sinceridade é, fundamentalmente, politicamente correcto, tendo em consideração que nenhum técnico sensato vai desafiar o seu próximo adversário na praça pública:

 

"São uma equipa muito forte, estão a fazer uma grande temporada e tiveram agora o seu primeiro empate na liga. No jogo com o Olympiacos - primeira jornada do grupo - fizeram um jogo muito bom, muito rápidos no ataque e temos que ter cuidado com os seus jogadores da frente. Temos que estar atentos.

 

Temos em conta o Gelson, o Acuña e o Bruno Fernandes com os seus remates de fora de área e que faz golos impressionantes. É uma equipa que joga com bloco organizado, mantêm a ordem no meio campo com o William Carvalho e a defesa não varia muito. Depois têm o Doumbia que é rápido e o Bas Dost é um jogador altíssimo".

 

Alguma ansiedade em saber o 'onze' que Jorge Jesus vai lançar nesta noite europeia. A defesa será constituída por Piccini, Coates, Mathieu e Fábio Coentrão. Com William Carvalho garantido no meio-campo "6",  parece-me lógico posicionar Battaglia à sua frente, como "8", possivelmente com a missão de prestar alguma atenção extra a Lionel Messi.

 

Poucas ou nenhumas dúvidas sobre Gelson Martins e Marcus Acuña nas alas, com Bruno Fernandes a "10", no apoio ao ponta de lança, se a equipa alinhar no 4x2x4 que é frequentemente favorecido por Jesus.

 

Para ser sincero, preferia ver Bas Dost como ponta de lança, mas suspeito que a aposta vai recair sobre a velocidade de Doumbia.

 

Não quero acreditar que mesmo o casmurro Jorge Jesus ousará integrar Alan Ruiz no 'onze' de hoje.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:41

 

52769150.jpg

 

O Barcelona viaja até Lisboa com uma comitiva composta por 20 jogadores, sendo que Ernesto Valverde deixou de fora três nomes que não têm sido opção esta temporada.

 

Paco Alcácer, Arda Turan e Thomas Vermaelen não estão nos convocados para o jogo frente ao Sporting, marcado para quarta-feira, mas a decisão não surpreende. Apesar de estarem a 100 por cento fisicamente, este trio não conta para Valverde e fica em Barcelona.

 

Eis a lista dos 20 jogadores convocados:

 

Guarda-redes: Ter Stegen, Cillessen e Adrián Ortolá.

 

Defesas: Nelson Semedo, Piqué, Mascherano, Jordi Alba, Digne, Aleix Vidal e Umtiti.

 

Médios: Rakitic, Sergio Busquets, Denis Suárez, Iniesta, Paulinho, Sergi Roberto e André Gomes.

 

Avançados: Lionel Messi, Luis Suárez e Deulofeu.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:45

 

21617797_10154730881526555_2050776084436035665_n.j

 

Já não há bilhetes para o Sporting-Barcelona, da segunda jornada da Liga dos Campeões. O Sporting confirmou no seu site oficial que forma vendidos todos os bilhetes o duelo com os catalães, agendado para o dia 27 de Setembro, próxima terça-feira, no Estádio de Alvalade.

 

Quem quiser ver Messi e companhia e não tenha comprado bilhete, vai ter de se contentar com o jogo na TV.

 

Sendo este um jogo de risco elevado, o Sporting aproveitou para deixar alguns conselhos para quem vai ver o jogo.

 

  1. as portas do Estádio abrem às 17h45 (duas horas antes do apito inicial)
  2. aconselhamos a entrada cedo evitando as filas em cima da hora de jogo
  3. deverão ser privilegiados os transportes públicos para chegar ao Estádio
  4. proibida a entrada a menores de 3 anos
  5. todos os espectadores terão de possuir título válido (Gamebox ou bilhete)
  6. aos Sócios do Sporting CP será requerida a quota de agosto de 2017


De recordar que na primeira ronda o Sporting venceu o Olympiacos por 3-2 fora de casa, enquanto o Barcelona bateu a Juventus por 3-0 no Camp Nou.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:05

Vem aí o Barça !

Rui Gomes, em 21.09.17

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:02

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D




Cristiano Ronaldo