Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



 

4063_639b5acf9728906f9ea69783ab4e4fdc.png

 

Esta é a capa do Correio da Manhã deste domingo, em que, como está à vista, Bruno de Carvalho é notícia de destaque. Alega o jornal - bem conhecido pelas suas notícias "negras" e até falsas, no que ao Sporting diz respeito - que a Autoridade Tributária arrestou duas lojas e um apartamento a Bruno de Carvalho e reclama o pagamento de mais de 613 mil euros.

 

Em princípio, não é nossa intenção comentar esta alegada ocorrência, uma vez que, até provas em contrário, tem a ver exclusivamente com a vida pessoal de Bruno de Carvalho e não com a sua esfera de actividade como presidente do Sporting Clube de Portugal.

 

No entanto, esta nossa posição poderá vir a alterar-se, se for entretanto confirmado que a acção da Autoridade Tributária é factual e que Bruno de Carvalho, numa jogada finória de antecipação, fez alusão à mesma, através desta sua afirmação na gala Rugidos de Leão: "Nos próximos tempos assistiremos a uma campanha para nos denegrir na praça pública", associando a sua vida pessoal à presidência do Sporting.

 

P.S.: Os benfiquistas que aparecerem neste post a querer "deitar gasolina na fogueira" estão a perder o seu tempo e energia.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:51

 

85.jpg

 

Não há nada melhor do que dar termo ao dia de publicações com um post que reflecte uma boa dose da verdade e, sendo nua e crua, ainda melhor.

 

Por norma, não leio o muito "encarnado" Correio da Manhã, mas, ocasionalmente, vem-me parar às mãos quase por acidente, como foi o caso esta terça-feira. Acabei por reparar numa nota editorial "Penálties da Conspiração" que, em abono da verdade, até se prestava lindamente para dar nome ao próximo filme de Tom Cruise:

 

«Após um ano livre de penálties, o Benfica viu um árbitro assinalar a marca dos onze metros no jogo frente ao Sp. Braga. O lance aconteceu nos instantes finais do jogo, quando o resultado estava em 5-0. Por via disto, não faltou quem logo tivesse avançado com a teoria de que a marcar-se um penálti contra o Benfica, teria de ser neste contexto, o de um jogo resolvido. Importa então dizer que este penálti é tão pouco claro como tantas outras faltas não assinaladas na área do Benfica no último ano. Conspirações à parte obviamente».

 

E, com esta nota da "verdade", acentuadamente nua e crua, desejo a todos uma muito boa noite.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:23

 

Na conferência de imprensa de antevisão ao jogo de amanhã em Coimbra, frente à Académica, Jorge Jesus não deixou de abordar o afastamento da Liga dos Campeões, considerando a arbitragem o principal factor que "relegou" o Sporting para a Liga Europa:

ng93FE24F5-715E-42F0-AA36-3B8D69C24BDD.jpg

O presidente tem uma opinião como o treinador teve depois do jogo. Todas as pessoas que viram o jogo sabem que saímos desta competição (Liga dos Campeões) por termos sido nitidamente prejudicados. Houve algum erro a favor do Sporting ? Todos colocam a cabeça à volta (com a pergunta). Contra o Sporting houve duas grandes penalidades, um golo com a mão, um fora-de-jogo limpinho... Foram factos que até um cego vê, com todo o respeito. Portanto, é natural que tanto o presidente, a equipa e o seu treinador não tenham ficado satisfeitos após o jogo com o que aconteceu.

 

 

Foi publicado um artigo no Correio da Manhã, intitulado "Jesus irritado com silêncio de Bruno", da autoria do jornalista António Martins Pereira, que nós optámos por não comentar, até agora, porque este jornal, na nossa opinião, carece de credibilidade no que ao Sporting diz respeito.

 

Confesso, no entanto, que as declarações de Jorge Jesus obrigaram-nos a reflectir sobre o que o jornalista descreve no seu artigo, nomeadamente que o treinador do Sporting lamentou a falta de apoio do presidente logo após o jogo com o CSKA: "No meu ex-clube, o presidente já teria dado a cara para defender os jogadores e o treinador. Desculpe lá, mas é nestes momentos que o presidente deve sair em defesa do grupo". Esta, a alegada afirmação de Jorge Jesus directamente a Bruno de Carvalho.

 

O que é alegado neste artigo é que Jorge Jesus esperava uma reacção do presidente logo a seguir ao jogo e que as suas palavras, no Facebook, no dia seguinte, pecaram por tardias.

 

Reitero que a credibilidade do Correio da Manhã, no que ao Sporting diz respeito, é muito suspeita, no entanto, também não deixei de notar as repetidas referências de Jorge Jesus a Bruno de Carvalho, na sua oratória de hoje, que podemos considerar invulgares e algo fora de contexto no que é usual no discurso de um treinador.

 

Será que estamos a ser indevidamente influenciados pelo escrito de António Martins Pereira ?... É muito possível.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:41

In extremis...

Rui Gomes, em 19.08.15

 

18031868_VV8uf.png

 

... será o termo que melhor posiciona os representantes "encarnados" no painel denominado Lugar Cativo, que semanalmente comenta incidências várias do futebol português. Se Pedro Guerra já era uma "boa prenda", Leonor Pinhão não é melhor.

 

Uma das questões que foi apresentada também a Francisco José Viegas (FC Porto) e Paulo Andrade (Sporting):

 

Sporting mostrou atributos para ser campeão na primeira jornada ?

 

Leonor Pinhão

 

«Não houve um único atributo para ser campeão que o Sporting não mostrasse com o Tondela. Em primeiro lugar porque ganhou o jogo. Em segundo lugar porque para o ganhar beneficiou de uma desatenção do bandeirinha. Já se vê o dedo de Pedro Proença.»

 

 

Francisco José Viegas

 

«Na primeira jornada ninguém mostra atributos para isso. Após um jogo de grande ritmo, na Supertaça, esperava-se ver um Sporting demolidor que deixasse poucas dúvidas. Não foi o que aconteceu, mas ainda é cedo para ver como Jorge Jesus cilindra a equipa.»

 

 

Paulo Andrade

 

«Comparando a exibição do Sporting com a dos rivais é natural que considere que é um sério candidato ao título. Há uma nova dinâmica no futebol do Sporting que só não resulta em resultados mais volumosos por falhas na finalização das oportunidades.»

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:40

Opiniões e Opiniões

Rui Gomes, em 23.12.14

 

17819751_PEMqW.png

 

Ultimamente, tenho-me deixado seduzir pelo painel do Lugar Cativo do Correio da Manhã, para mais que não seja, para rir im pouco com a clarividência "inclinada" dos intervenientes.

 

Em relação à pergunta se o Benfica foi "beneficiado" pela arbitragem de João Capela - semelhante a perguntar se o sol nasce no Oriente - o incontornável fanático "lampião" Pedro Guerra, considera que o fora de jogo de Maxi Pereira é um "offside de televisão", a primeira vez que me constou a expressão:

 

«Existe uma irregularidade no lance que dá origem ao golo. Maxi Pereira está em fora de jogo, mas é um lance difícil de avaliar. É o chamado "offside" de televisão. Troco os dois pontos a mais do jogo com o Gil Vicente pelos três sonegados ao Benfica, em Braga, por erros clamorosos da arbitragem.»

 

A isto, Paulo Andrade (Sporting) respondeu que nunca houve um campeonato com uma equipa tão beneficiada:

 

«Após 14 jornadas, existiram erros em todos os jogos (do Benfica) com excepção da 1.ª e 13.ª rondas. Oito pontos graças a esses erros. O Pai Natal não larga a Luz.»

 

Em relação à pergunta se as declarações de Bruno de Carvalho uniram o plantel do Sporting, Paulo Andrade optou por ser evasivo e não explana a sua opinião, Pedro Guerra opina que "o líder é o principal foco de instabilidade interna, mas a resposta mais "engraçada" foi a do portista Francisco José Viegas:

 

«Quando um elefante entra numa loja de porcelana não me parece que o resultado seja muito favorável à porcelana. Claro que os jogadores não são vidrinhos no balneário, mas é injusto para Marco Silva estar sujeito à pressão de um chefe de claque sentado no banco. Não é a melhor maneira de unir o plantel.» 

 

Por vezes, a brincar, diz-se a verdade.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:30

Abastecer o humor

Rui Gomes, em 02.12.14

 

ImagemDefaultCM_757_426.jpg

 

Por várias razões, não sou fã deste jornal e muito menos ainda leitor assíduo, mas, uma vez por outra, gosto de abastecer o meu humor e visito a sua coluna desportiva denominada "Lugar Cativo", em que figura um painel de três adeptos de futebol, cada um a representar um dos "grandes" de Portugal. Diria que esta coluna não serve como exemplo de opinião objectiva e desportivismo, com cada um dos comentadores a recorrer a extremos para "puxar a brasa à sua sardinha".

 

Entre as usuais três perguntas do quadro, esta semana surgiu esta, cujas respostas me divertiram:

 

FC Porto foi beneficiado pela arbitragem no jogo perante o Rio Ave ?

 

PEDRO GUERRA (Benfica)

 

«Foi uma arbitragem catastrófica. É difícil encontrar um jogo com tantos erros a beneficiar sempre a mesma equipa - dois penálties por assinalar, duas expulsões perdoadas (Alex Sandro e Brahimi) e o primeiro golo do FCP precedido de falta. Já para não falar no jogo violento de Casemiro, punido apenas com amarelo !»

 

* Já na pergunta anterior, Pedro Guerra tinha feito referência ao primeiro golo do Sporting ter sido precedido de um lance irregular, que "deverá dar azo à repetição do jogo."

 

FRANCISCO JOSÉ VIEGAS (FC Porto)

 

«É que nem sei do que estão  falar: julgava que me iam perguntar sobre o golo de Luisão... Suponho que os "benefícios" dados ao FC Porto num jogo que termina com cinco golos de vantagem sejam coisas escandalosas - golos com a mão, bárbaras agressões ao guarda-redes, degolar adversários. Foi Isso ?»

 

PAULO ANDRADE (Sporting)

 

«Numa época em que, jornada após jornada, vimos o Benfica a ser beneficiado com erros grosseiros, já só faltava que o mesmo começasse também a acontecer com o FC Porto. Foram muitos os erros cometidos pelo árbitro, tendo os mais graves prejudicado fortemente o Rio Ave. Uma arbitragem para recordar.»

 

Como não assisti aos jogos dos nossos adversários, reservo comentário, mas, por qualquer motivo, não me sinto objectivamente informado pelos acima referidos pareceres. Por outras palavras, tudo "normal" no futebol português. Nem outra coisa seria de esperar.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:19

A notória "verdade desportiva"

Rui Gomes, em 12.11.14

 

15958447_2uDIl.jpg

 

A "verdade desportiva" que salta à vista pela objectiva encarnada de Carnide, que após uma das exibições mais pobres da época, no passado fim de semana, acabou por ganhar 7 pontos:

 

Benfica foi beneficiado pela arbitragem no jogo frente ao Nacional ?

 

«O Benfica foi beneficiado pelos seus fiéis adeptos e pelo facto de ter um grupo de jogadores solidários com as suas funções específicas. O grande espírito de sacrifício reinante no grupo de trabalho é manifesto. Quem acusa de favores de arbitragem está a ser injusto. O Benfica lidera porque é o melhor.»

 

Pedro Guerra a propagar a irrisória tese, no inevitável Correio da Manhã. É caso para dizer que com esta versão da verdade, não há espaço para a mentira, tão confrangente que é.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:48

CM à maneira

Rui Gomes, em 25.09.13

 

 

No que ao Sporting concerne, o diário Correio da Manhã é o órgão noticioso menos credível do planeta. Precisamente por isso, decidi dar destaque a este seu artigo intitulado Bruno Carvalho arrasa Leonardo Jardim, que até teve direito a espaço privilegiado na capa do jornal.

 

Citando as proverbiais fontes anónimas, o autor, António Pereira, escreve que o presidente do Sporting não gostou que o técnico tivesse falado das arbitragens após o jogo com o Rio Ave em Alvalade e que lhe fez ver - depreende-se que em termos não muito melodiosos - que a obrigação do treinador é treinar a equipa e não falar de arbitragens.

 

Como era inevitável, a publicação provocou reacção entre adeptos com um leque de comentários, entre os quais este que, supostamente, foi o "mais votado":

 

«Este presidente gosta é de protagonismo, agora todas as semanas quer aparecer nos jornais e TV, ele assume o lugar que devia ser do treinador ! E além do mais só vê o Sporting à frente o que é mau para um líder».

 

*** A outra notícia de semelhante profundidade intelectual é sobre a Miss Bumbum que surge a afirmar que "sabe a verdade e o Ronaldo também."

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:28

A "Silly Season" no seu melhor !

Rui Gomes, em 17.06.13

 

É de lamentar que clubes se vejam obrigados a emitir comunicados pars desmentir as falsidades sensacionalistas a que a comunicação social recorre, impunemente, para vender papel. O comunicado do Benfica:

 

"Pelo segundo dia consecutivo o Correio da Manhã insiste em contactos do SL Benfica pelo guarda-redes do Sporting Rui Patrício. Ou as fontes do jornal fumam substâncias proíbidas ou, então, é o jornalista que assina a peça. Não há, nem houve contactos por Rui Patricio. A notícia é falsa, mas as substâncias proíbidas devem ser boas, dado a insistência do referido jornal diário na falsidade."

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:16

 

Não tem grande importância, mas achei piada a uma breve reportagem do Correio da Manhã em que conjectura sobre a possível saída de Boulahrouz e que inclui o seguinte comentário:

 

«O Correio da Manhã apurou ainda que o Sporting está no mercado para a contratação de um defesa central experiente, um pouco na linha de André Cruz, um dos pilares da equipa campeã nacional de Inácio em 1999/2000. A ideia passa por ter Ilori, Dier, provavelmente Nuno Reis (que esteve emprestado ao Olhanense) e o referido reforço para o eixo defensivo.»

 

É uma total não notícia, apenas e tão só umas linhas para preencherem espaço, mas gostaria que o autor Nuno Miguel Simas explicasse o exacto significado de "um pouco na linha de André Cruz". Para já, um pouco na linha" pode muito bem implicar "quilómetros" de diferença e, segundo, mencionar um dos melhores defesas centrais que já passou pelo Sporting e pela Europa, tem muito que se lhe diga. Por fim, para o jornalista, Marcos Rojo não conta no "baralho de cartas". Como já referi, uma total não notícia com humor não intencionado. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:15

O que dizem eles

Rui Gomes, em 09.04.13

 

A muito discutida reportagem do jornal Correio da Manhã - «Sporting pede 80 milhões à Banca» - pode ser lida aqui, na íntegra, pela gentileza do nosso leitor Lionheart, que se deu ao trabalho de a transcrever no Camarote Leonino.

 

Os nossos sinceros agradecimentos.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:07

Ponte de ligação aos leitores

Rui Gomes, em 09.04.13

 

«O CM existe para vender jornais e não para fazer jornalismo. É por isso que o título na capa é o que é. os 80M referem-se ao valor para o «hair-cut» proposto aos bancos contra os 45M propostos por Godinho Lopes. É perfeitamente normal e desejável que o presidente do Sporting comece com uma base negocial elevada para ter margem de manobra. Quanto aos investidores, naturalmente que estão prontos mas só entram com o dinheiro após o processo de renegociação estar feito. Coisa que só não percebe quem não percebe nada de nada. Vá, não se excitem tanto.»

 

* Leitor: Desconhecido

 

Nota: Fico grato por saber que o «Desconhecido» leitor, além de se sentir mais confortável no anonimato, percebe «tudo sobre tudo». É um nível de sapiência que, lamentavelmente, não posso reclamar. Nem todos nós somos ingénuos ao ponto de não termos plena consciência do que consta a função elementar do jornal Correio da Manhã e da restante comunicação social, especialmente no que ao Sporting concerne. Dito isto, considerando que Bruno de Cavalho e os seus associados têm vindo a usar este meio para a divulgação da sua propaganda, quase diariamente, também agora podem e devem surgir a desmentir o que foi noticiado, especialmente se não corresponde à verdade. Por fim, não deixa de ser curioso que, hoje em dia, só os apoiantes de Bruno de Carvalho são conhecedores das realidades do Mundo, todos os outros andam de olhos tapados. Até admito que esta área de discussão não é a do meu maior conhecimento mas, de certo, que  surgirá quem mais percebe da matéria, a separar o joio do trigo.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:23

O famoso «programa» é este ???

Rui Gomes, em 09.04.13

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:37

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds