Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



 

693337408.jpg

 

Bas Dost lesionou-se no treino da selecção holandesa e acabou por ter de abandonar a sessão de trabalho. Muito embora ainda se conheça a gravidade da lesão, o incidente já é divulgado pela imprensa holandesa.

 

O avançado do Sporting foi chamado para os desafios com a Bielorrússia e a Suécia, a contar para a fase de apuramento do Mundial 2018.

 

Depois de Doumbia - o avançado camaronês lesionou-se com o Barcelona e enfrenta um período de três semanas de paragem -, o Sporting poderá ter mais uma dor de cabeça na frente do ataque, se algo de grave se confirmar.

 

Além de Doumbia e Bas Dost, as outras soluções para a frente do ataque são o jovem Gelson Dala - e nem sequer se sabe se Jorge Jesus conta com ele -, Daniel Podence e, porventura, Alan Ruiz.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:15

 

mac_150817_15242986ed2c_base.jpg

 

Bas Dost tem sido pouco utilizado na selecção holandesa e manifesta saturação por ser visto como um jogador destinado a participar apenas em partidas com determinadas características. Olhado como um "pinheiro", o ponta-de-lança do Sporting considera que é "ridículo" pensar que tem qualidade para jogar uns jogos e outros não. Até agora regista 15 internacionalizações em representação da selecção holandesa.

 

"Fico muito feliz por representar o meu país e é óbvio que deixo a decisão nas mãos do seleccionador, mas estou talhado para todos os tipos de jogos e acho que deveria jogar mais na selecção".

 

A Holanda está em dificuldades na fase de apuramento para o Mundial 2018, mas ainda tem possibilidades de garantir o passaporte para a Rússia. A equipa treinada por Dick Advocaat visita a Bielorrúsia, última classificada do Grupo A, e finaliza a qualificação, em casa, diante da Suécia. A França lidera o grupo, com 17 pontos, a Suécia está no segundo posto, com 16, e a Holanda surge em terceiro lugar, com 13.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:31

 

 

Pedimos desculpa, mas devido a um problema técnico ainda por identificar, este post desapareceu. Vamos tentar corrigir, mas sem a certeza de o conseguir. Obrigado.

 

Continuamos a tentar identificar o problema técnico, mas, entretanto, voltamos a publicar o vídeo do lance em disputa, no jogo entre o Vitesse e o Feyenoord.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:45

 

gedson1dr.jpg

 

Portugal venceu a Holanda na meia-final do Campeonato da Europa de sub-19, por 1-0, e espera agora o vencedor do embate entre a Inglaterra e a República Checa, para conhecer o seu adversário na final da competição, jogo agendado para o próximo sábado às 17h00 (Portugal).

 

Muito bom jogo da equipa portuguesa, que se apresentou muito bem organizada, com uma defesa sólida e apenas a faltar melhor aproveitamento em algumas das oportunidades criadas. A justiça do resultado não está em dúvida, mas, ironicamente, o golo vitorioso surgiu por intermédio de Gedson Fernandes, aos 24', num lance em que o guarda-redes holandês não ficou bem na fotografia.

 

Portugal perdeu duas finais do Europeu sub-19, frente a Itália (2003) e Alemanha (2014), mas, antes de 2002, venceu o torneio europeu de juniores (1961) e o Europeu de sub-18 (1994 e 1999), somando ainda mais cinco finais perdidas.

 

P.S.: Portugal já conhece o adversário para a final do Europeu de Sub-19. Será a Inglatera. Os britânicos carimbaram a passagem à final frente à República Checa com um golo marcado ao cair do pano (93m).

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:00

 

diogo_jota_sub_21_portugal_grecia_foto_jose_coelho

 

Os sub-21 de Portugal empataram a um golo diante da Holanda, esta terça-feira, num jogo de preparação para o Europeu 2017 a realizar-se na Polónia.

 

O "leão" Iuri Medeiros inaugurou o marcador, ao apontar de livre aos 30 minutos da 1ª parte. Os holandeses chegaram ao empate através de uma grande penalidade, aos 35’, cobrada por Zivkovic, após falta cometida por Edgar Ié.

 

A selecção das quinas iniciou a partida com algumas novidades, como já tinha confirmado de véspera Rui Jorge, na conferência de imprensa de antevisão, mas só após algumas alterações conseguiu ser mais perigosa e estar mais perto da vitória, o que acabou por não suceder.

 

O onze inicial:

 

Joel Pereira, Fernando Fonseca, Edgar Ié, Pedro Rebocho, Rúben Semedo, Rúben Neves, Bruno Fernandes, João Carvalho, Gonçalo Guedes, Iuri Medeiros e Diogo Jota.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:00

 

holanda_foto_epa4930c989_base.jpg

 

Holanda e Bélgica empataram (1-1), esta quarta-feira, num clássico entre vizinhos, que assumiu a forma de encontro de carácter particular mas, igualmente, de preparação para a fase de apuramento para o Mundial 2018.

 

Klaasen, aos 38' da primeira parte, adiantou a "laranja mecânica" no marcador. Na recta final da etapa complementar, já com os holandeses a contarem com o sportinguista Bas Dost em campo - substituiu Janssen, do Tottenham - Ferreira Carrasco fixou o resultado final (82').

 

Outro atleta do Sporting, Marvin Zeegelaar, que se estreou em convocatórias da selecção da Holanda, não saiu do banco de suplentes.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:36

 

image.jpg

 

As apreciações de nós adeptos relativamente a Marvin Zeegelaar têm sido muito pouco generosas, mas, pelos vistos, há quem esteja impressionado com o seu desempenho até este ponto da época.

 

Tanto assim é que o defesa do Sporting é a grande novidade da convocatória da selecção holandesa para os jogos com a Bélgica (particular) e o Luxemburgo (qualificação para o Mundial 2018), a sua estreia absoluta pela Holanda. Vai ter a companhia do também "leão" Bas Dost, presença habitual na selecção.

  

O seleccionador holandês, Danny Blind, comentou esta sexta-feira a chamada de Marvin Zeegelaar à selecção principal da Holanda e não poupou elogios ao actual momento de forma do jovem lateral, nomeadamente frente ao Real Madrid e Borussia Dortmund:

 

«Conheço-o do Ajax, passou pela formação quando estive no clube a trabalhar nas camadas jovens. Sei que esteve noutros países, nesta altura está a jogar em Portugal e chegou ao Sporting. No início não era titular mas acabou por se fixar e estabilizar na equipa e, nas últimas semanas, tem jogado muito bem. Foi assim com o Dortmund e com o Real Madrid, na Liga dos Campeões. É um jogador com qualidade a atacar pelos flancos».

 

Para ser justo, até acho que por vezes perdemos de vista que Zeegelaar é um extremo de raiz e não defesa, como aliás Mário Jorge sublinhou no seu comentário publicado aqui ontem. É muito possível que este voto de confiança pelo seleccionador holandês venha a dispor dividendos no futuro, tanto para o jogador como para o Sporting.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:44

 

 

O jogo entre Feyenoord e Den Haag (3-1), do campeonato holandês, ficou marcado por um momento que tem tanto de invulgar como de exemplar. Os adeptos do Den Haag, equipa visitante, informados que a formação da casa tinha convidado crianças internadas no "Sophia Children's Hospital" a assistir ao encontro, compraram peluches.

 

Estando na bancada acima daquela onde se encontravam as crianças, tiveram um gesto que corre Mundo.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:23

 

70258.jpg

 

O judo do Sporting alcançou este sábado, na Holanda, um feito histórico, com a conquista do bronze na Liga dos Campeões masculina.

 

Sob a batuta de Pedro Soares e o incansável apoio de João Pina, a equipa leonina liderada por Jorge Fonseca e Sergiu Oleinic derrotou a equipa do Sagajedo Tiblissi da Geórgia.

 

O ex-judoca João Pina, que acompanhou a equipa na Holanda, afirmou que "este resultado representa muito para o Sporting e para o judo português. É fruto de muito trabalho de uma pessoa que tem dado toda a sua dedicação, o Pedro Soares. Tive muita vontade de entrar para ajudar os meus colegas."

 

Com este resultado, o Sporting vai integrar no próximo ano a Golden League, competição criada este ano e que reuniu os oito melhores classificados em 2013.

 

Parabéns "Leões" !!!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:02

Vitória merecida dos Sub-21

Rui Gomes, em 09.10.14

 

mane1.jpg

 

Acabei de assistir ao encontro da primeira mão do "play-off" do apuramento para o Europeu de 2015, com Portugal a vencer a Holanda, por 2-0, em jogo realizado em Alkamaar. Muito bom jogo com vitória merecida para os jovens portugueses.

 

Uma equipa portuguesa muito bem organizada, com personalidade, que foi quase sempre superior à Holanda, embora esta tenha criado algumas oportunidades de perigo. Pecou a finalização lusa para um resultado mais dilatado. Sérgio Oliveira inaugurou o marcador, aos 45'+1, convertendo uma grande penalidade, e o segundo golo, num lance de grande qualidade por Carlos Mané, aos 82', que passou por três defesas e mandou a bola em arco à volta do guarda-redes holandês, para o canto da baliza.

 

Paulo Oliveira e Ricardo Esgaio no onze inicial e a jogar, bem, os 90' +4; Carlos Mané entrou aos 60' em substituição de Cavaleiro - porventura o elemento menos produtivo da equipa; e Iuri Medeiros substituiu Rafa aos 72'.

 

Tobias Figueiredo ficou de fora, por lesão, e João Mário, usual titular, encontra-se com a equipa principal.

 

Salvo uma queda monumental de Portugal, a eliminatória está quase assegurada, com o jogo da 2.ª mão agendado para a próxima terça-feira, dia 14 de Outubro, em Paços de Ferreira.

 

Pode ver os golos aqui.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:49

 

2067799_w2.jpg

 

O encontro desta quinta-feira entre as selecções de sub-21 de Portugal e Holanda - "play-off" do Campeonato da Europa - é o sexto na história da prova. Nos cinco prévios desafios, cada selecção venceu uma partida e as restantes quatro terminaram empatadas.

 

A vitória de Portugal, por 3-0, ocorreu no dia 27 de Março de 2001, com golos de Miguel e Paulo Costa (2).

 

A vitória da Holanda, por 2-1, ocorreu no dia 13 de Junho de 2007. Miguel Veloso marcou o golo luso.

 

Portugal venceu o Grupo 8, com 8 vitórias - 22 golos marcados - 6 golos sofridos - 24 pontos.

 

Holanda 2.ª classificada do Grupo 3, com 5 vitórias - 1 empate - 2 derrotas - 22 golos marcados - 6 golos sofridos - 16 pontos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:43

Utrecht 0 Sporting 3

Rui Gomes, em 27.07.14

 

 

 

Em jogo disputado no "Sportcomplex Zoudenbalch", o Sporting venceu o Utrecht, merecidamente, por 3-0, com golos de André Martins (21'), Cédric Soares (33') e Junya Tanaka aos 74 minutos.

 

Mais um jogo de pré-época que não exige muito comentário. Verificou-se jogo de transição do Sporting muito bom, com também bons pormenores individuais por alguns jogadores. Cédric Soares esteve particularmente em evidência, complementando frequentemente as manobras ofensivas e até marcando um golo. Salvo em um ou outro lance, a defesa continua a exibir a sua usual solidez desta pré-epoca, com Marcelo Boeck a intervir, quando necessário, com qualidade e até a defender uma grande penalidade (muito mal marcada).

 

Dois aspectos do jogo que me incomodaram: o primeiro, a estratégia do Sporting (se é que foi mesmo estratégia) de deixar o Utrecht circular a bola a seu belo prazer na zona mais recuada e sem se impor significativamente no meio campo e levar o seu jogo ao adversário. A segunda questão, porventura a mais preocupante, relaciona-se com a terrível crise de confiança de Fredy Montero que, mesmo isolado perante o guarda-redes, tentou o passe em vez do remate. Em uma segunda ocasião flagrante, bem enquadrado com a baliza, rematou muito por cima. Nota-se, pela sua expressão, que esta prolongada situação está a causar danos psicológicos.

 

E... mais uma vez que não consegui ver o jovem Ryan Gauld. Dizem que paciência é uma virtude, mas já estou a ficar exasperado.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:11

Das bicicletas para o campo de jogo

Rui Gomes, em 24.07.14
 

 

No primeiro particular realizado esta quarta-feira em território holandês - designadamente no Sportpark De Heikart, em Groesbeek - o Sporting venceu a equipa da segunda divisão holandesa - Achilles 29 - por 5-2, com um "hat-trick" de Junya Tanaka e um golo cada de Tobias Figueiredo e Heldon.

 

O próximo encontro integrado no estágio terá lugar no sábado, dia 26, frente ao Utrecht, 10.º classificado da primeira divisão na época passada.

 

Um breve resumo do jogo pode ser visto aqui.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:46

Os "Bs" na Holanda

Rui Gomes, em 23.07.14

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:08

 

 

Já estavam previstos três jogos particulares durante o estágio na Holanda e, até hoje, apenas um, com o Twente, estava confirmado. Sabemos agora dos outros dois:

 

Dia 23 - com o Achilles - clube histórico da Holanda, actualmente na segunda divisão. O jogo será disputado no "Sportpark De Heikart", em Groesbeek.

 

Dia 26 - com o Utrecht - a realizar-se no "Sportcomplex Zoudenbalch", em Utrecht.

 

Dia 28 - com o Twente - a realizar-se no complexo "Schout Doddestraat", em Vriezenveen.

 

O Sporting regressa a Portugal no dia 29.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:19

A caminho de Doorwerth, Holanda

Rui Gomes, em 22.07.14

 

 
Como já é de conhecimento geral, Marco Silva convocou 30 jogadores para o estágio em Doorwerth, Holanda, que decorrerá entre 22 e 29 de Julho. Já referimos em outros posts que estão previstos três jogos particulares durante este período, embora nesta data, que seja do meu conhecimento, apenas o encontro com o Twente, no dia 28, está agendado. Eis a lista dos jogadores:
 
Rui Patrício, Marcelo Boeck, Luís Ribeiro e Vladimir Stjokovic; Cédric Soares, Maurício, Eric Dier, Tobias Figueiredo, Paulo Oliveira, André Geraldes e Jefferson; William Carvalho, Oriol Rossell, Adrien Silva, André Martins, João Mário, Slavchev, Ryan Gauld e Shikabala; Diego Capel, Carrillo, Heldon, Carlos Mané, Wallyson, Iuri Medeiros, Ricardo Esgaio e Chaby; Fredy Montero, Islam Slimani e Junya Tanaka.
 
Apenas alguns breves reparos:
 
- Não compreendo a necessidade de levar 4 guarda-redes, obviamente em detrimento de outros jogadores da equipa B que não viajaram;
 
- Nada há a questionar sobre os jogadores da equipa principal, estão todos excepto Marcos Rojo, que ainda goza as suas férias;
 
- A escolha entre o lote da B é inteiramente ao critério do treinador, mas esperava ver Dramé neste grupo, assim como Zezinho, que entretanto foi cedido ao AEL Limassol do Chipre;
 
- A exclusão de Valentin Viola não surpreende, dado que sempre foi o objectivo da SAD transferi-lo, ou por empréstimo ou a título definitivo. Ele só regressou da Argentina porque o Racing não tem os meios para exercer a opção de compra;
 
- A exclusão de Salim Cissé e Vítor Silva será uma forte indicação que não fazem parte dos planos para esta época. Surgiram rumores sobre o possível regresso de Cissé a Coimbra e Vítor também poderá voltar ao Paços de Ferreira;
 
- Já a exclusão de Mica é difícil de compreender. Primeiro, porque já jogou contra o Belenenses e até não esteve mal. Segundo, porque seria a única alternativa a Jefferson neste lote de 30. Aqui está... menos um guarda-redes e Mica poderia ter sido integrado, tal como Dramé, aliás.
 
- O caso de Rúben Semedo não pode ser analisado à distância. É uma situação algo complexa que apenas compete a quem trabalha com ele.
 
Salvo pelo aproveitamento dos três particulares a realizar, não vejo grande benefício de um estágio de sensivelmente seis dias. Nada que não fosse possível fazer na Academia, embora reconheça que poderá contribuir de algum modo para a união do grupo. Haverá também uma agenda que não apenas desportiva.
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:07

 

 

Quase que me apetece dizer que correram mais no fim para celebrar a vitória do que durante o jogo. Venceu quem mais sorte teve na lotaria das grandes penalidades, dando termo a uma partida monótona, desinteressante mesmo, com duas equipas bem organizadas defensivamente a não querer arriscar o suficiente para assegurar a vitória durante os 120 minutos de jogo.

 

Não obstante reconhecer que num só jogo tudo pode acontecer e que o futebol é tudo menos lógico, não vejo esta Argentina vencer uma Alemanha que, em princípio, não vai ter uma postura tão passiva como a Holanda teve nesta quarta-feira.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:02

 

 

As fotos do lance polémico em que Pedro Proença assinalou a falta

para grande penalidade que acabou for eliminar o México do Mundial 2014.

 

O seleccionador do México, Miguel Herrera, acusou Pedro Proença de ter errado na decisão e além de o responsabilizar pelo afastamento mexicano da competição, exige que a FIFA não permita mais actuações suas no Brasil.  Arjen Robben, o avançado holandês, admitiu depois do jogo que mergulhou em uma ocasião durante a primeira parte, mas que a eventual e fatal última decisão do árbitro português foi legítima. Certo ou errado, não era de esperar outra coisa.

 

Para não haver más interpretações, esclareço desde já que assisti ao jogo como adepto de futebol completamente imparcial, dado que não torci por nenhuma das equipas. Vejo Robben jogar há muitos anos e conheço bem as suas características, e assim que ele entrou na área mexicana, fiquei logo na expectativa de ver uma queda, voluntária ou involuntária. Tive ocasião de rever o lance uma dúzia de vezes - só não publico o vídeo porque será retirado passado pouco tempo, por uma questão de direitos - e, na minha opinião, o defesa estaca o pé no relvado exactamente como se vê na foto e Robben prontamente salta em mergulho. No vídeo, tal como na foto, não se verifica qualquer contacto. Pedro Proença está situado em posição frontal ao lance, ligeiramente dentro da área. A ausência de contacto é verificável pelo ângulo lateral e terá sido o ângulo frontal que induziu o árbitro a assinalar a falta.

 

Com tudo isto, é de esperar perspectivas diferentes por parte da audiência.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:45

Quem diria ?

Rui Gomes, em 13.06.14
 

 

O jogo que muitos consideravam uma final antecipada, acabou por se tornar numa muito inesperada goleada, com a Holanda a marcar 5 golos à Espanha e a reduzir os Campeões do Mundo, em título, quase ao insignificante, uma autêntica humilhação.

 

Não obstante o resultado, a arbitragem esteve novamente em destaque - embora não tanto como no jogo do Brasil e no do México - Camarões - com uma grande penalidade assinalada por uma muito discutível falta sobre e Diego Costa e, já na segunda parte, salvo erro no terceiro golo holandês, terá havido carga ilegal sobre Casillas.

 

Com um falhanço colectivo desta dimensão - nomeadamente nos segundos 45 minutos - não será justo apontar o dedo a Casillas, mas cada vez mais se verifica que ele já não é guarda-redes que foi e, a exemplo do que acontece no seu clube - não justificará a titularidade.

 

Os homens do jogo, na minha opinião: Robin van Persie com dois golos, o primeiro dos quais um golaço à ponta de lança, e o inevitável Arjen Robben, que também bisou e esteve muito activo no jogo.

 

Com tudo isto, é apenas um jogo e com todo o talento disponível, não se deve menosprezar os espanhóis.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:38

Curiosidades

Rui Gomes, em 31.05.14
 

 

Não é que seja um caso inédito, mas até é de estranhar num país com raízes muito fortes no futebol como a Holanda. Entre os 23 convocados de Louis Van Gal para o Mundial do Brasil encontra-se um português, ou melhor, um luso-holandês natural do Barreiro com ascendência guineense, que até já conta com 14 internacionalizações "A" pela Holanda.

 

Bruno Martins Indi - nº 4 na foto - de 22 anos, fez uma boa parte da sua formação no Feyenoord e salvo uma época passada no Excelcior de Roterdão, é no actual segundo classificado do campeonato holandês onde tem feito carreira. Já representou as selecções de sub-17, sub-19 e sub-21 da Holanda, onde regista 27 internacionalizações.

 

Joga como defesa central ou lateral esquerdo e é titular indiscutível do Feyenoord, com participação em 31 jogos, com dois golos marcados em 2013/14.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:06

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds