Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



 

60.jpg

 

A SIC revelou as primeiras imagens do que aconteceu à porta dos balneários entre Bruno de Carvalho e Carlos Pinho - presidente do Arouca - e, mesmo sem som, dá para perceber que foi este que se dirigiu ao presidente do Sporting de forma agressiva, despoletando uma discussão acesa e até agressão a um segurança que interviu para acalmar os ânimos, confirmando, portanto, a versão do Sporting, que afirmou ter apenas reagido às provocações de Carlos Pinho.

 

Apenas um breve comentário nesta altura, sobre a divulgação de imagens que, segundo consta, estão/estavam perante o Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, sob deliberação em um inquérito ao incidente. Como é que a SIC teve acesso às imagens ?

 

Pouco me interessa comentar a deplorável conduta do presidente do Arouca, mas continuo a questionar a presença do presidente do Sporting naquela área do Estádio. O jogo já tinha terminado há algum tempo e a equipa estava no balneário. Que mais tinha Bruno de Carvalho para fazer àquela hora, naquele local ? Acho que é pertinente.

 

Ainda apresentamos um outro vídeo da autoria do Jornal de Notícias em que é alegado que Bruno de Carvalho cuspiu na cara do presidente do Arouca. Deixamos ao critério do leitor:

 

 

Já o disse em comentário e reitero aqui. A evidência está à vista nas imagens apresentadas pela SIC. Se há mais algumas, não são do nosso conhecimento. Enquanto não refutamos qualquer cenário, alertamos para o facto de ser necessário ter cuidado em apurar conclusões através de algumas outras imagens que estão a surgir (gifs, etc.), porque estas podem ser facilmente adulteradas.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:46

Mais uma ideia "genial" de Blatter

Rui Gomes, em 09.09.14
 

 

Já há muito que Joseph Blatter devia ter disponibilizado o "trono" da FIFA e permitir que o organismo que superintende o futebol mundial fosse liderado por alguém com um pouco mais de integridade - e não me refiro a Michel Platini - e, sobretudo, com uma real visão do que deve ser o futuro da modalidade. Lamentavelmente, já consta que se vai recandidatar e até é de admitir que com os "favores" acumulados ao longo dos anos, venha a ser reeleito.

 

Entretanto, no âmbito do congresso "Soccerex", revelou mais uma das suas ideias que, para mim, é uma autêntica absurdidade. Já propôs ou vai propor, que os treinadores tenham acesso a imagens televisivas para poderem contestar as decisões dos árbitros durante os jogos, "mas apenas quando o jogo estiver interrompido".

 

Estou já a imaginar o cenário: cada vez que o jogo for interrompido - não foi explicado, mas presume-se por lesão - iremos ter, muito provavelmente, não um, mas os dois treinadores em campo, a contestar um qualquer lance que que não lhes agradou, com o potencial para a paragem ser ainda mais morosa do que é usual. Ainda mais, treinadores inovadores como José Mourinho, não hesitarão em enviar recado para dentro do terreno, para que um dos seus jogadores simule lesão, de modo a permitir-lhe rever um lance do seu desagrado. Quantas vezes por jogo será esta revisão permitida ?

 

Segundo informações, o sistema poderá entrar em vigor já em 2015, no Mundial de Sub-20 a realizar-se na Nova Zelândia.

 

Para que conste, eu sou contra a introdução de tecnoclogia no jogo, para alegadamente facilitar o trabalho da arbitragem, salvo a que já está a ser utilizada em relação à linha de golo.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:52

"Clássico" em imagens

Rui Gomes, em 30.12.13

 

 

Leonardo Jardim: "Reduzimos o FC Porto"

 

Adrien: "Faltou o golo"

 

Cédric: "Estivemos sempre à procura do golo"

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:06

O golo de Marcos Rojo

Rui Gomes, em 30.04.13
 
Como a imagem do lance ilustra, esclarecidamente, no momento em que Bruma centra, Rojo está linha com o último defesa do Nacional, portanto em posição regular. Já com o esférico no ar ele dá um paço em frente e depois de ler melhor a trajéctoria da bola, recua para se enquadrar para o cabeaçamento. Dito tudo isto, para sermos justos, até será possível que visto à lupa, e somente à lupa, se verifique que ele terá um pé milimétricamente atrás do defesa. Em resumo, uma decisão correcta do árbitro que, se teve alguma dúvida, beneficiou o avançado de acordo com que as regras exigem e algo que nem sempre acontece.
 
Quaisquer comparações com o escândalo que decorreu no «derby» da Luz, é pura e simplesmente um monumental disparate que só lampiões insensatos e facciosos apregoarão.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:13

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds