Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



 

1503642875_030555_1503643344_noticia_normal.jpg

 

O Sporting enviou para a UEFA a lista actualizada de jogadores que vão disputar a Liga Europa. Três dos reforços de Janeiro foram excluídos: Wendel e Lumor por opção técnica de Jorge Jesus; Misic por já ter sido utilizado na prova pelo Rijeka, estando portanto proibido de representar outro clube na mesma época.

 

Em sentido contrário, três nomes foram acrescentados: Rúben Ribeiro, Fredy Montero e Bryan Ruiz, este último que ainda não tinha sido inscrito nas provas europeias.

Os 22 jogadores inscritos:

Guarda-redes: Rui Patrício e Romain Salin

Defesas:
Sebastián Coates, Fábio Coentrão, André Pinto, Stefan Ristovski, Jérémy Mathieu e Cristiano Piccini.

Médios:
William Carvalho, Bruno Fernandes, Bruno César, Rodrigo Battaglia, Radosav Petrovic, João Palhinha, Bryan Ruiz e Rúben Ribeiro,

 

Avançados: Gelson Martins, Daniel Podence, Marcus Acuña, Bas Dost, Fredy Montero e Seydou Doumbia.

O Sporting vai disputar os 16 avos-de-final da Liga Europa diante do Astana. A primeira mão realiza-se no Cazaquistão, dia 15 deste mês, às 16h00; a segunda será disputada em Alvalade dia 22, às 18h00.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:55

 

maxresdefault.jpg

 

Alguns dos futebolistas mais notáveis que durante as suas carreiras como profissionais representaram apena um clube:

 

Tony Adams - Arsenal (1983-2002)

 

Jamie Carragher - Liverpool (1996-2013)

 

Rogério Ceni - São Paulo (1992-2015)

 

Steven Gerrard - Liverpool (1998-2015)

 

Ryan Giggs - Manchester United (1990-2014)

 

Paolo Maldini - AC Milan (1985-2009)

 

Carles Puyol - Barcelona (1999-2014)

 

Paul Scholes - Manchester United (1993-2013)

 

Francesco Totti - Roma (1992-2017)

 

Não será mera coincidência que dos acima referidos nove futebolistas, cinco disputaram a English Premier League.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:58

Os jogadores mais bem pagos do Mundo

Rui Gomes, em 29.11.17

 

naom_584664d0ca803.jpg

 

Após um longo período de indefinição, Lionel Messi colocou, por fim, o preto no branco, ao rubricar um novo contrato com o Barcelona, até 2021. O novo vínculo do internacional argentino conta com um aumento significativo no que ao vencimento diz respeito, passando a auferir cerca de 43 milhões de euros por ano.

 

Neymar, obviamente, beneficiou da transferência para o Paris Saint-Germain, mas mesmo assim não conseguiu ultrapassar Carlos Tévez, que recebe cerca de 38 milhões de euros por ano, a jogar para o clube chinês Shanghai Shensua.

 

Estas alterações no enquadramento Mundial baixaram Cristiano Ronaldo para o quarto lugar, com cerca de 34 milhões de euros anuais. A acreditar nas reportagens noticiosas em dias recentes, o capitão da 'equipa das quinas' não exigiu ao Real Madrid actualização do seu vencimento.

 

Sem ser surpresa, cinco dos dez primeiros jogadores encontram-se em clubes chineses. Um país emergente, no que ao futebol diz respeito, que aparenta estar disponível para despender uma autêntica fortuna para elevar a qualidade de jogo praticado pelo emblemas de topo e, mais a médio ou longo prazo, tirar proveito deste seu investimento.

 

1.º - Lionel Messi (Barcelona) - 43 milhões de euros por ano

2.º - Carlos Tévez (Shanghai Shenhua) - 38 milhões de euros

3.º - Neymar (Paris Saint-Germain) - 36 milhões de euros

4.º - Cristiano Ronaldo (Real Madrid) - 34 milhões de euros

5.º - Oscar (Shanghai SIPG) - 24 milhões de euros

6.º - Gareth Bale (Real Madrid) - 23 milhões de euros

7.º - Ezequiel Lavezzi (Hebei China Fortune) - 22 milhões de euros

8.º - Hulk (Shanghai SIPG) - 20 milhões de euros

9.º - Paul Pogba (Manchester United) - 17 milhões de euros

10.º - Graziano Pellè (Shandong Luneng) - 15 milhões de euros

 

Em boa consciência, não posso deixar de concluir este breve post sem dar destaque ao escandaloso desperdício do Real Madrid com Gareth Bale - muito além dos cerca de 100 milhões de euros do seu passe - um jogador que passa mais tempo lesionado do que a jogar.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:16

Foto do Dia

Rui Gomes, em 18.10.17

 

img_FanaticaBig$2017_10_17_14_42_29_1324177.jpg

(Boa disposição dos "rapazes")

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:43

 

centre-sportif-colovray1-mp_large.jpg

Centre Sportif de Colovray, Nyon

 

 

Para o estágio na Suíça, a comitiva do Sporting, aparentemente, vai ficar hospedada numa unidade hoteleira em Genebra e os treinos terão lugar no Centre Sportif de Colovray, em Nyon, a cerca de 25 quilómetros.

 

No site oficial verifica-se a lista de 30 jogadores que Jorge Jesus escolheu para participar no estágio. Eis os nomes e os respectivos números de camisola:

 

3 - Jonathan Silva / 4 - Sebastián Coates / 5 - Fábio Coentrão / 6 - André Pinto / 8 - Bruno Fernandes / 10 - Alan Ruiz / 11 - Bruno César / 15 - Paulo Oliveira / 16 - Rodrigo Battaglia / 17 - Daniel Podence / 18 - Francisco Geraldes / 20 - André Geraldes / 21 - Mattheus Oliveira / 22 - Jérémy Mathieu / 24 - Domingos Duarte / 25 - Radosav Petrovic / 26 - Azbe Jug / 27 - Ryan Gauld / 28 - Bas Dost / 30 - Vladimir Stojkovic / 45 - Iuri Medeiros / 55 - Tobias Figueiredo / 57 - Gelson Dala / 66 - João Palhinha / 73 - Matheus Pereira / 82 - Pedro Silva / 88 - Seydou Doumbia / 90 - Leonardo Ruiz / 92 - Cristiano Piccini e 97 - Jovane Cabral.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:39

 

img_infografias$2017_03_28_13_01_53_1243388.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:10

Os futebolistas mais bem pagos

Rui Gomes, em 01.01.17

 

img_infografias$2016_12_30_08_27_49_1201903.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:23

 

Logo-blanc-sur-fond-bleu_eng_20131122111850.jpg

 

Segundo um ranking elaborado pelo Observatório do Futebol (CIES), o Sporting não foi o clube português que mais jogadores cedeu a selecções AA durante o ano de 2016, mas foi o que mais se destacou no que toca aos minutos efectivos de utilização desses internacionais cedidos ao longo do ano. Por outras palavras, os que mais desgaste sofreram.

 

Foram 10 os jogadores sportinguistas convocados e, num total de 81 jogos que disputaram, rodaram 5734 minutos (23.º emblema à escala mundial), quase mais 1200 minutos em relação ao segundo clube português a surgir na lista: o FC Porto (41.º) teve 11 convocados, que disputaram 63 jogos, num total de 4578" acumulados.

 

Mais abaixo, ainda dentro dos 100 primeiros, surge o Benfica, também com 11 convocados, distribuídos por 58 jogos de selecções e totalizando 3966 minutos de utilização efectiva.

 

Alargando a geografia, no topo desta tabela divulgada pelo CIES aparece a Juventus, adversária dos dragões nos oitavos de final da Liga dos Campeões. Com 21 jogadores utilizados, 157 jogos disputados e 12 454 minutos acumulados nas pernas durante o ano.

 

No pódio estão ainda Tottenham e Barcelona, por esta ordem. Os ingleses cederam 19 jogadores para 155 jogos e um total de 12 009". Já o Barça, que teve 20 internacionais ao longo de 2016, os minutos efectivamente jogados foram 10 802, distribuídos por 20 atletas.

 

No Top 10 aparecem ainda Arsenal (4.º lugar - 10 034"), Real Madrid (5.º - 9989"), Manchester United (6.º - 9833), Bayern Munique (7.º - 9750"), Manchester City (8.º - 8771"), Chelsea (9.º - 7925") e Southampton (10.º - 7565").

 

No Top 100 elaborado pelo CIES aparecem clubes de 42 associações de futebol. O Muang Thong United, da Tailândia, é o primeiro fora da zona europeia a surgir na tabela, com 10 internacionais e 6611 minutos divididos por 84 jogos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:05

A última ceia

Ricardo Leão, em 21.12.16

 

20136281_rDNbA.jpg

 Ou a interpretação da linguagem corporal dos jogadores

 

 

1 – Bruno Azevedo de Carvalho “oferece” a mão para cumprimentar Rúben Semedo, mostrando disponibilidade e abertura evidenciada por uma palma da mão aberta e exposta.

 

2 - O jogador lança um olhar de superioridade, com algum desdém, não estabelecendo qualquer contacto ocular ao cumprimentar Azevedo de Carvalho, o que denota algum afastamento do acto ou da pessoa.

 

3 - A falta de compromisso também é notória na fraca tensão que coloca na mão na altura do cumprimento.

 

4 – Adrien Silva parece corroborar do mesmo estado emocional de Rúben Semedo, com um olhar de superioridade, cabeça puxada para trás denotando afastamento sobre o acontecimento.

 

5 – Mantém os braços cruzados o que pode significar pouca abertura ou disponibilidade para o contacto com Azevedo de Carvalho.

 

6 – William Carvalho não foge ao ambiente vivido naquela mesa com a presença de Azevedo de Carvalho, um olhar indirecto acontece quando não nos vinculamos à pessoa, acompanhado por uma testa franzida, muito característica de emoções negativa ou de maior tensão.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:00

 

image30.jpg

 

Antes de explicar o que me vai na alma e me motivou a escrever este artigo - na realidade, já é um debate com cabelos brancos - passo a citar Claude Ranieri, treinador do Leicester City:

 

«Quem está disponível? Todos os jogadores que viajaram comigo estão disponíveis. Alguns ficaram lá porque não estão em boas condições. Slimani, Schmeichel, Huth, Vardy, Mahrez e King não estão disponíveis.

 

Se tivéssemos de ganhar, talvez todos estivessem cá. Mas temos de pensar também no campeonato. Tenho de escolher. Sempre disse que temos muito boa equipa. Fizemos boas coisas juntos. Alguns não jogaram, mas merecem mostrar agora o seu potencial.

 

Certamente vai ser um jogo fantástico contra uma muito boa equipa. Quando estava em Montecarlo [Mónaco] o Ricardo Carvalho sempre me disse que o FC Porto era fantástico, um clube muito organizado, muito forte em campo e a querer sempre ganhar. Neste caso precisa de ganhar para ir connosco para os oitavos de final, mas tenho bons jogadores. Queremos fazer bem.»

 

Devo começar por esclarecer que o argumento que segue nada tem a ver com o FC Porto. Não duvido que diria o mesmo se fosse o Sporting nesta situação, até porque o que está em causa não são os clubes, mas sim o que eu considero as regras de fair-play.

 

O Leicester City já é vencedor do Grupo F, com 13 pontos. Segue o FC Porto, com 8 (GM 4 / GS 3), e em terceiro lugar o Copenhaga, com 6 (GM 5 / GS 2). A necessidade de vencer, para ambos, é óbvia.

 

A equipa portista tem pela frente o adversário que os dinamarqueses já defrontaram duas vezes numa situação de igualdade, devido aos pontos então ainda em disputa. Em princípio, o FC Porto tem a vida muito facilitada considerando o número de jogadores de topo do Leicester que não viajaram com a equipa.

 

As regras permitem Ranieri fazer precisamente o que ele indicou, e até não é nada de novo. Exactamente por não ser novidade, é que indigna que a UEFA não tenha corrigido esta aberração há longo. Não irei explanar quaisquer sugestões remediais neste momento (daria pano para mangas), mas é uma necessidade óbvia pela injustiça que é permitida, negando o espírito de fair-play no futebol.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:17

 

800.jpg

 

O Sporting é o clube português que mais dinheiro recebe da UEFA graças à campanha da selecção portuguesa no Euro, devido ao número de jogadores que cedeu à equipa das quinas: 1,1 milhões de euros.

 

Rui Patrício, William Carvalho, Adrien Silva e João Mário são os "leões" cedidos à equipa campeã europeia. O Benfica recebe 487 mil euros por ter cedido Eliseu e Renato Sanches, enquanto FC Porto e Sporting de Braga recebem 279,5 mil euros cada, pelas cedências de Danilo Pereira e Rafa Silva, respectivamente.

 

A caminhada rumo ao título europeu rendeu 6,4 milhões de euros aos clubes que cederam jogadores à selecção portuguesa. Desse valor, 2,1 milhões são para clubes portugueses, que cederam sete dos 23 jogadores convocados de Fernando Santos. O valor restante irá para os clubes estrangeiros que tinham contrato com os jogadores lusos em questão durante o Euro 2016.

 

O Benfica e o FC Porto irão ainda receber um valor adicional devido às participações de Victor Lindelof (Suécia) e Iker Casillas (Espanha).

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:54

Distinções para "leões"

Rui Gomes, em 10.05.16

 

13103415_10153463201026555_3006193166924835923_n.j

 

O jornal italiano Gazetta dello Sport elegeu Gelson Martins e Bryan Ruiz para a equipa da semana, face às exibições dos dois "leões" diante do Vitória de Setúbal na recém-jornada da I Liga.

 

Os dois jogadores do Sporting associam-se ao nome de 'pesos pesados' do futebol europeu, como Gerard Piqué, do Barcelona, ou Edinson Cavani, do Paris Saint-Germain.

 

Eis a lista completa do que é, para a publicação italiana, o melhor onze da semana:

 

Guarda-redes: Jurjus (De Graafschap)

Defesas: Rafinha (Barcelona), Yanga-Mbiwa (Lyon), Piqué (Barcelona) e Nordtveit (Borussia Monchengladbach);

Médios: Gelson Martins (Sporting), Davis (Southampton) e Bryan Ruiz (Sporting);

Avançados: Lacazette (Lyon), Cavani (PSG) e De Jong (PSV).

 

Em notícia separada, Slimani foi eleito o melhor jogador africano do mês, reconhendo 68 por cento dos votos, tendo suplantado o marroquino Sofiane Boufal (27 por cento), do Lille, e o congolês Cédric Bakambu (5 por cento), do Villarreal.

 

Ainda, Bryan Ruiz foi eleito pelo jornal espanhol AS para o onze de jogadores latino-americanos a jogar na Europa. O jogador do Sporting esteve em destaque esta semana ao apontar dois golos no triunfo sobre o Vitória de Setúbal por 5-0.

 

«Grande temporada para Bryan Ruiz, que soma 6 golos e 12 assistências na competição doméstica», escreve o diário AS sobre o jogador do Sporting.

 

Onze da semana:

 

Gerónimo Rulli (Real Sociedad), Miguel Layún (FC Porto), Javier Mascherano (Barcelona), Héctor Moreno (PSV Eindhoven), Tomás Rincón (Génova), Luiz Gustavo (Wolfsburgo), Ángel Di María (Paris Saint-Germain), Bryan Ruiz (Sporting), Edinson Cavani (Paris Saint-Germain), Gonzalo Higuaín (Nápoles) e Luis Suárez (Barcelona).

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:19

 

19455097_p3pdF.jpg

 

(...) Os gastos que nesta época se fizeram, com salários e prémios, são também incomportáveis a longo prazo, portanto a direção liderada por Bruno de Carvalho poderá mesmo ter de vender alguns jogadores de forma a manter a estabilidade financeira. De acordo com o jornal Record, poderão mesmo sair duas 'pérolas' do actual plantel, de forma a encaixar cerca de 40 milhões de euros, nunca um valor abaixo deste.(...) Além destas possíveis vendas, os salários também poderão ser revistos. Casos como os de Naldo, Ewerton ou Aquilani, por exemplo, auferem um ordenado elevado e isto será alvo de revisão por parte da direção do emblema de Alvalade."

 

...Afinal Bruno reconhece que as coisas não andam bem com as contas. Pagou de mais. Fez o que não podia. Agora quer meter a "marcha atrás". Uma "excelente" decisão esta a de assinar com os jogadores uma verba X e agora lhes dizer que apenas vão ganhar a verba Y. E caso estes recusem já conhecemos a "receita": RUA com eles! Imagino como o ambiente no balneário será bom no início da época.

É caso para perguntar quem foi que, afinal, negociou os ordenados dos jogadores. Ah, já sei, foi o malandro do Godinho! Bandido...!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:26

Os rostos da incompetência

Ricardo Leão, em 12.04.16

 

19446830_AtlJ6.png

 

Milhões debaratados em compras, ordenados e em comissões para agentes relativas a jogadores que praticamente não jogaram.

 

Eis algumas das caras elucidativas da incompetência de Bruno Azevedo de Carvalho/Jorge Jesus na gestão do plantel:

 

Gérson Magrão
Shikabala
Salim Cissé
Héldon
Ousmane Dramé
Ramy Rabia
Hadi Sacko
Simeon Slavchev 
Ryan Gauld
Bruno Paulista
Hernán Barcos

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:39

Carta aberta aos adeptos

Rui Gomes, em 21.02.16

 

sporting_golooo16919dc2_large.jpg

 

Em vésperas da recepção ao Boavista, a contar para a 23ª jornada da I Liga, os jogadores da equipa principal do Sporting "escreveram" uma ‘carta aberta’ aos adeptos do clube:

 

Leia aqui, na íntegra, o texto publicado no site oficial do Sporting:

 

«1 - Nós (também) acreditamos em vocês ! O caminho é estarmos Todos unidos, com muita garra e muita paixão na defesa do Sporting Clube de Portugal ! Só acreditando em toda a equipa como nós acreditamos em todos os Sportinguistas estaremos sempre mais próximos da vitória !

 

2 - Nós (também) acreditamos em vocês ! O apoio tem sido fantástico mas não duvidamos que vai ser ainda maior, a toda a equipa sem excepção, pois este é o caminho para o título de campeão !

 

3 - Nós (também) acreditamos em vocês ! Os nossos golos e vitórias são para todos festejarem, o fortíssimo apoio que nos dão tem de ser para o Sporting Clube de Portugal, para todos sem excepção, porque todos juntos estaremos mais próximos do grande objectivo !

 

4 - Nós (também) acreditamos em vocês ! Com os vossos cânticos, garra, paixão e apoio para toda a equipa, nada nem ninguém nos vai parar !

 

5 - Nós (também) acreditamos em vocês ! Melhores Adeptos da Europa ! Melhor Equipa de Portugal ! Seguimos juntos até ao final !

 

6 - Nós (também) acreditamos em vocês ! A Onda Verde de apoio a toda a equipa é a nossa maior força! Contem e acreditem em todos os jogadores, que de tudo vamos fazer para vos orgulhar e levar o Sporting Clube de Portugal à Glória ! Segunda-feira às 20h00 todos a Alvalade !»

 

Não vou criticar esta iniciativa, porque é fundamentalmente boa. No entanto, deixa-me com a sensação de que é uma indicação por parte da liderança que subestimou as consequências colaterais não da derrota de quinta-feira, por si, mas sim da abordagem à competição, disposição que foi ainda mais agravada pelas declarações de Jorge Jesus pós-jogo. Admito poder estar equivocado, mas é esta a minha leitura da situação.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:13

 

img_FanaticaBig$2016_02_13_22_36_34_1064159.jpg

Alegria no regresso a Lisboa...

 

Curiosamente... um cada português, argelino, costa-riquenho, uruguaio,colombiano

e italo-argentino e... dois brasileiros. Nações Unidas em peso !

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:48

 

Logo-blanc-sur-fond-bleu_eng_20131122111850.jpg

 

Os clubes ingleses são os que mais jogadores dos seus planteis cedem às selecções nacionais dos respectivos países de origem com a devida correspondência na utilização dos atletas convocados. Esta é a conclusão inequívoca do estudo do CIES – Observatório do Futebol numa análise que mede a quantidade de jogos realizados pelo número de futebolistas internacionais de cada equipa das cinco principais ligas europeias: as «big-5».
 
Os números referem-se ao ano de 2015, mas limitando a contagem às composições actuais dos planteis. Nesta análise, o campeonato inglês e as suas equipas têm um peso inigualável começando logo por serem inglesas as três equipas que mais presenças têm em jogos de selecções pela representação dos seus atletas.

A significativa excepção ao domínio inglês é feita pelo Real Madrid, pois o clube de Cristiano Ronaldo é o que mais jogadores cedeu às selecções neste ano: 19. O CIES destaca também que, do «top 10», apenas três clubes não estão qualificados para os oitavos de final da Liga dos Campeões: Manchester United, Tottenham e Inter.

O Manchester United é, porém, o líder desta tabela com 18 jogadores internacionais de dez nacionalidades – notando o Observatório que o guarda-redes Sergio Romero fez mais jogos pela Argentina (13) do que pelos «red devils» (4). 

O domínio dos clubes ingleses na frente da lista é tal que, além dos três lugares do pódio, ocupam mais dois lugares entre os dez primeiros – onde não está qualquer clube alemão. E, nos primeiros 30 da tabela (onde a regra é ter dois dígitos de presenças), a Inglaterra volta a ter metade dos emblemas presentes.

Um dado curioso é que o Real Madrid é o clube que cede mais internacionais em Espanha, mas os seus jogadores são menos utilizados do que o Barcelona. As equipas espanholas estão mais presentes na segunda metade da tabela e só At. Madrid e Sevilha conseguem também estar nos primeiros 49. No campeonato francês nota-se um fosso ainda maior entre o quinto classificado PSG e o próximo clube gaulês: o 43º Bordéus. 

A partir do estudo do CIES foi efectuada uma análise aos jogos da selecção portuguesa em 2015 e a todos os jogadores utilizados que representavam nesse momento um clube nacional. O resultado mostra bem o peso do Sporting quanto aos jogadores da Liga que foram representando a equipa nacional portuguesa:
 
 
1.º Sporting - 25 jogos - 7 jogadores
 
2.º Benfica - 13 jogos - 5 jogadores  /  FC Porto - 13 jogos - 5  jogadores

4.º SC Braga - 4 jogos - 3 jogadores
 
5.º Marítimo - 2 jogos - 1 jogador
 
5.º Vitória de Guimarães - 1 jogo - 1 jogador
 
6.º Rio Ave - 1 jogo - 1 jogador
 
 
 
Agência Lusa
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:22

Os jogadores mais rápidos do Mundo

Rui Gomes, em 29.03.15

 

Real-Madrid-Striker-Gareth-Bale-says-he-is-happy-a

 

O clube mexicano Pachuca, em colaboração com a FIFA, elaborou um estudo para determinar quais os jogadores mais rápidos no Mundo com a bola nos pés. Eis os resultados apurados:

 

1.º Gareth Bale - 36.9 km/h

2.º Jurgen Damm - 35.23 km/h

3.º Antonio Valencia - 35.1 km/h

4. Aaron Lennon - 33.8 k/h

5.º Cristiano Ronaldo - 33.6 km/h

6.º Theo Walcott - 32.7 km/h

7.º Lionel Messi - 32.5 km/h

8.º Wayne Rooney - 31.2 km/h

9.º Franck Ribéry - 30.07 km/h

10.º Sergio Ramos -30.6 km/h

 

Os parâmetros do estudo não foram revelados e seria interessante saber a distância percorrida para o efeito. Partindo do princípio que a análise aplica-se ao presente, não surpreende verificar Gareth Bale a liderar a lista, embora, pese a minha parcialidade, não sei se teria superado Cristiano Ronaldo, com a mesma idade (25 anos). Por outro lado, não esperava ver Sergio Ramos neste grupo.

 

Para clarificação sobre alguns nomes, Jurgen Damm joga precisamente no Pachuca, Antonio Valencia é do Manchester United, Aaron Lennon é do Everton e Theo Walcott do Arsenal.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:50

Regulamentos da Taça da Liga

Rui Gomes, em 17.12.14

 

TAA-DA~1.JPG

 

Artigo 11.º

Obrigatoriedade de participação de jogadores

 

1. Durante a competição, com excepção das 1.ª e 2.ª fases, os clubes são obrigados a fazer participar nas suas equipas em cada jogo pelo menos cinco jogadores que tenham sido incluídos na ficha técnica (efectivos ou suplentes) em um dos dois jogos oficiais imediatamente anteriores da época em curso, salvo caso de força maior, comunicado à Liga com a antecedência mínima de cinco dias da realização do respectivo jogo e, desde que os motivos invocados sejam considerados pela Liga como justificados.

 

2. Os clubes são também obrigados a incluir na ficha técnica como efectivos, em cada jogo disputado, pelo menos dois jogadores formados localmente, cuja definição decorre no artigo 57.º do Regulamento das Competições.

 

3. Os jogadores incluídos na ficha técnica nos termos do número anterior têm obrigatoriamente que ser utilizados em pelo menos 45 minutos do jogo, salvo em caso de força maior.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:48

 

Paulo-bento.jpg

 

«Isso é algo que não me incomoda nada. A partir do momento em que abandonei a Selecção apenas desejo que as coisas corram da melhor maneira possível. Todos os treinadores devem ter a liberdade de escolher aqueles que entendem e Fernando Santos tem a legitimidade para fazer as suas escolhas.»

 

Bem dito Paulo Bento, mesmo quando algumas dessas escolhas não fazem sentido algum ! 

 

O antigo seleccionador nacional, em entrevista à TVI24, quando questionado sobre o regresso de alguns jogadores (Ricardo Carvalho, Tiago, Danny e Bosingwa).

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:14

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D




Cristiano Ronaldo