Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



 

braga_sporting_set_2017.jpg

 

Gosto muito de ver a nossa equipa feminina jogar, pura e simplesmente porque pratica muito bom futebol. É uma equipa muito orientada e com um bom número de jogadoras de grande qualidade, entre elas, Ana Borges, que eu considero uma soberba futebolista. Em termos de entretenimento desportivo, é um espectáculo que se recomenda, pouco ou nada inferior a um jogo da equipa principal e até superior ao que a equipa B oferece.

 

Em jogo a 3.ª jornada da Liga Allianz, as "leoas" foram a Braga vencer o gran de rival, por 2-1, em jogo realizado no Estádio 1.º de Maio. Diana Silva inaugurou o marcador um pouco antes do intervalo, com o empate bracarense a surgir por intermédio de Jana, aos 51 minutos.

 

Depois deu-se o "efeito Ana Capeta". A jogadora alentejana que já decidira a final da Taça de Portugal e a Supertaça Feminina Allianz entrou aos 73 minutos e aos 88 estabeleceu o resultado final.

 

A primeira parte foi muito equilibrada, mas já o mesmo não se pode dizer da segundo, com o Sporting a controlar o jogo por completo. Tardou a superar-se no marcador, mas uma vitória justa e merecida.

 

Com este resultado, a equipa leonina fica a liderar o campeonato. Noutro jogo de cartaz desta 3.ª jornada, o Estoril visitou e venceu o Boavista por 3-0, igualando as axadrezadas com seis pontos, tantos quantos União Ferreirense, Prozis/Vilaverdense e SC Braga.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:06

 

FPF1610.jpg

 

Num jogo com a terceira edição da Supertaça de futebol feminino Allianz em disputa, realizado no Estádio Cidade de Coimbra, a equipa leonina sofreu desnecessariamente até bem perto do apito final para chegar ao empate no marcador, para então vencer o SC Braga, no prolongamento, por 3-1.

 

Este encontro reuniu o campeão da Liga de futebol femino Allianz, a formação leonina, e o finalista vencido da Taça de Portugal Allianz, a equipa bracarense.

 

O Sporting controlou uma boa parte da partida, desperdiçando várias oportunidade de golo pelo caminho, mas foi o SC Braga que inaugurou o marcador, na sequência de um pontapé de canto, aos 12 minutos, por intermédio de Pauleta.

 

O empate surgiu já nos descontos, aos 90+2', através de Ana Capeta, que acabaria por ser a figura da partida com um hat-trick. Como sempre, a incontornável Ana Borges em grande destaque, a futebolista que eu mais aprecio nesta equipa do Sporting.

 

Ficha de jogo

 

Supertaça de futebol feminino Allianz
Estádio Cidade de Coimbra

 

Árbitra: Catarina Campos 
Árbitras assistentes: Cátia Tavares e Sophia Rosa
4.ª árbitra: Ana Cláudia Ribeiro


Sporting: Patrícia Morais, Carlyn Baldwin, Mariana Azevedo, Joana Marchão, Ana Borges, Tatiana Pinto, Fátima Pinto - cap., Carole Costa, Ana Leite, Diana Silva e Matilde Fidalgo


Suplentes: Inês Pereira, Rita Fontemanha, Ana Capeta, Carolina Venegas, Solange Carvalhas, Nadine Cordeiro e Matilde Figueiras

 

SC Braga: Rute Costa, Sílvia Rebelo - cap., Regina Pereira, Vanessa Marques, Andreia Norton, Mélissa Antunes, Dolores Silva, Adriana Gomes, Diana Gomes, Pauleta e Jana


Suplentes: Ana Rita Oliveira, Ágata, Queiroga, Edite Fernandes, Guita, Francisca Cardoso e Laura Luís

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:56

 

A equipa principal de futebol de praia do Sporting deixou cair este domingo a conquista do bicampeonato nacional ao perder, nos penáltis (3-2), frente ao SC Braga, aós o empate no tempo regulamentar e no prolongamento a quatro bolas.

 

A equipa que entrou melhor no jogo foi a dos minhotos, que fizeram o 1-0 no primeiro tempo, mas com os leões a reagir de imediato e a virarem o marcador ainda antes do fim do primeiro período, por Ozu e Nelito, respectivamente. A equipa verde e branca manteve-se a bom nível e, não satisfeitos com a vantagem mínima, prosseguiram na procura de mais golos, que chegaram por Duarte Vivo e por António, chegando mesmo ao 4-1.

 

 

h29b1931.jpg

 

Já numa altura em que se perspectivava a vitória leonina, o SC Braga não desistiu e conseguiu a igualdade no tempo regulamentar, o que forçou a ida para o prolongamento. Com nada alterado nesse período, o título foi decidido na marca de grandes penalidades, com a equipa bracarense a sair vitoriosa por 3-2.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:00

Lembram-se dele ?

Rui Gomes, em 21.08.17

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:23

Sporting goleia Braga

Rui Gomes, em 25.06.17

 

image.jpg

 

O Sporting voltou a colocar-se na frente na final do play-off do Campeonato Nacional de futsal, ao golear, este sábado, o Braga, por 6-1, no jogo 3.

 

Em Odivelas, a formação verde e branca adiantou-se à passagem do minuto nove. Alex Merlim abriu o marcador, com Diogo e Dieguinho, aos 17' e 19', a ampliarem. No segundo tempo, Diogo bisou e fez o 4-0, aos 21 minutos, com Eli a reduzir, aos 27. Contudo, Merlim e Pedro Cary, aos 28' e 30', fixaram o resultado final.

 

Com este resultado, o Sporting está agora a vencer por 2-1 no conjunto dos três jogos. O próximo encontro está marcado para terça-feira, em Braga. Em caso de vitória, os leões sagrar-se-ão campeões nacionais.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:42

"Hat-trick" de Bas Dost resolve

Rui Gomes, em 30.04.17

 

image.jpg

 

Bom jogo em Braga, nomeadamente no segundo período, entre duas equipas que na realidade não têm muito em disputa no campeonato neste momento. O Sporting está para ficar no terceiro lugar e o "Arsenal do Minho" apenas se preocupa em preservar o quinto lugar, onde se situa com 8 pontos de atraso do Vitória de Guimarães e 4 à frente do sexto classificado Marítimo.

 

Não houve surpresas no onze inicial do Sporting, embora Jorge Jesus cedo tenha sido obrigado a mexer na equipa pela lesão de Alan Ruiz (esperamos que não seja grave), dando oportunidade ao jovem Daniel Podence, que, como sempre, dá uma dinâmica interessante ao jogo com a sua velocidade e criatividade.

 

Já era a minha opinião no último jogo que nas circunstâncias devia ser Bas Dost a marcar as grandes penalidades. Jorge Jesus tem outras ideias e tinha a ironia do destino que Adrien Silva viesse a falhar o castigo máximo. Na segunda oportunidade da marca de onze metros, surgiu então Bas Dost a empatar a partida, com o primeiro dos seus três golos do dia.

 

Agora com 31 golos na I Liga, o avançado holandês situa-se em segundo lugar na corrida à Bota de Ouro para o melhor marcador europeu, com 62 pontos, 4 atrás de Lionel Messi que soma 33 golos e 66 pontos. Para completar o pódio temos Robert Lewandowski, do Bayern Munique, já campeão da Alemanha, com 28 golos e 56 pontos.

 

Na próxima jornada, a 31.ª da época, o Sporting recebe o Belenenses, num jogo, recorde-se, com o início marcado para as 11h45.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:14

O problema do lugar...

Rui Gomes, em 17.04.17

 

AI4IS2SE.jpg

 

Num comunicado publicado no sítio oficial, o SC Braga diz "interpretar o comportamento do presidente do FC Porto, ao ausentar-se do lugar que havia assumido na primeira parte, como uma desconsideração para com o clube, a sua Direcção e o seu presidente.

 

À margem dos estados de humor e dos resultados desportivos estão os emblemas e as relações institucionais, que o Sporting de Braga e a sua Direcção sempre estimaram e respeitaram, pugnando, como tal, por idênticas posturas das suas congéneres.

 

O Sporting de Braga reserva o direito de convidar para aquele espaço as entidades e personalidades que bem entenda, ainda que impondo às mesmas uma conduta assente no respeito e na sobriedade".

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:25

Juniores reforçam liderança

Rui Gomes, em 15.04.17

 

Os juniores do Sporting somaram esta sexta-feira a terceira vitória consecutiva na fase final do Campeonato Nacional ao baterem o SC Braga por 3-0, em jogo da oitava jornada. Um resultado que não deixa margem para dúvidas quanto à superioridade dos leões, que conseguiram manter a liderança da competição fruto de um auto-golo de João Queiróz e golos de Miguel Luís e Rafael Leão.

 

img_FanaticaBig$2017_04_14_12_35_04_1251331.jpg

 

Os leões adiantaram-se no marcador aos 20 minutos, na sequência de um pontapé de canto de Jovane e um desvio infeliz de João Queirós. O segundo chegou logo a seguir, mais uma vez na sequência de um canto, desta vez marcado por Abdu Conté, com finalização de Miguel Luís nas alturas.

 

Ainda antes do intervalo, o Sp. Braga teve uma oportunidade para reduzir a diferença, na marcação de uma grande penalidade, mas João Queirós desperdiçou e, logo a abrir a segunda parte, Rafael Leão fez o 3-0.

 

Com este triunfo, o Sporting aumenta a vantagem no topo da classificação para mais cinco pontos do que o segundo classificado, o V. Guimarães que, no sábado, defronta a Académica em Coimbra.

 

Classificação: Sporting, 19 pontos (mais um jogo); V. Guimarães, 14; Belenenses, 13; Rio Ave e FC Porto, 9; Académica e Benfica, 7; Sp. Braga, 6 (mais um jogo).

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:41

 

image.jpg

 

O Estádio José Alvalade foi o palco para o embate entre os dois líderes da Liga Allianz, com o Sporting a arrancar uma vitória já nos descontos, quando Solange Carvalhas converteu uma grande penalidade, justamente assinalada, diga-se.

 

O empate talvez fosse o resultado mais justo, mas no futebol esta lógica nem sempre prevalece. As minhotas mais em evidência na primeira parte, com as "leoas" a elevarem o seu jogo no segundo tempo e a criar duas ou três boas oportunidades para inaugurar o marcador. Quando já se dava o empate como certo, surgiu o lance do penálti, pela penetração ofensiva da equipa leonina.

 

O SC Braga lidera a Liga com 81 golos marcados, contra apenas 3 sofridos, enquanto o Sporting regista 76 golos contra 9. Apesar deste registo ofensivo, o encontro em Alvalade evidenciou-se pelo jogo defensivo das duas equipas.

 

Com este resultado e com oito jornada por disputar, o Sporting é o líder isolado com 50 pontos, mais três do que o SC Braga e a 11 pontos do terceiro classificado Valadares Gaia, que tem um jogo a menos.

 

Um  pouco mais de 9 mil espectadores em Alvalade, uma excelente marca para o futebol feminino.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:51

 

15894698_10154053352126555_3465474082424037430_n.j

 

O Sporting venceu, esta sexta-feira, o SC Braga por 5-2, em jogo da 14ª jornada do campeonato de futsal, e reforçou a sua liderança do Campeonato Nacional de futsal.

Os golos leoninos foram marcados por Merlim, (bis em 20 segundos aos 13'), Deo (19') e Pedro Cary (25' e 36').

Classificação:

1. Sporting 14 Jogos/ 38 Pontos - 2. Benfica 13/ 32 - 3. Sporting de Braga 14/ 30 - 4. Belenenses 13/ 26 - 5. Modicus 13/ 25 - 6. Fundão 13/ 16 - 7. Futsal Azeméis 13/ 14 - 8. Leões de Porto Salvo 13/ 14 - 9. Burinhosa 13/ 13 - 10. Quinta dos Lombos 13/ 13 - 11. Rio Ave 13/ 13 - 12. Pinheirense 13/ 10 - 13. São João 13/ 9 - 14. Os Vinhais 12/ 9.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:54

 

brunodecarvalhojesus2.jpg

 

Uma frase "politicamente correcta" de Jorge Jesus mas, na realidade, com pouco ou nenhum significado. A sua declaração que a exigência dos adeptos do Sporting "colocou alguns jogadores ansiosos" é de bradar aos céus.

 

Como escrevi no post sobre o jogo, esta equipa leonina não mostra evolução alguma, pelo contrário, e a insistência do treinador em recorrer sensivelmente aos mesmos 14/15 jogadores até este ponto da época, tem muitos a acusar o desgaste, com as inevitáveis consequências à vista.

 

Eis o que Jorge Jesus teve para dizer na conferência de imprensa:

 

Em primeiro lugar, jogámos contra uma das melhores equipas do nosso campeonato. Durante os 90 minutos, mas principalmente durante a 1.ª parte, a equipa do Sporting esteve ansiosa, a querer fazer tudo depressa. A exigência dos adeptos do Sporting colocou alguns jogadores ansiosos e a equipa não teve argumentos para chegar à vitória. 

 

Não fizemos um jogo bom e, por isso, temos de dar mérito ao Sp. Braga, que preparou este jogo de uma forma diferente, poupando seis jogadores na Taça da Portugal. Estavam mais frescos do que nós. Tivemos algumas situações de golo durante os 90 minutos, mas nunca encontrámos o caminho. Também teve a sorte jogo. Marcou na 2.ª parte quando até foi melhor do que nós apenas na primeira. Fez o golo a 20 minutos do fim e soube defender o resultado, enquanto nós tentámos fazer um jogo mais directo. Nunca conseguimos entrar.

Não estamos habituados a perder, sentimos a derrota, os adeptos estão tristes e os jogadores também. Mas estamos juntos nas horas tristes e nas horas felizes. Temos de assumir responsabilidades na hora da derrota e eu sou o primeiro a assumir a responsabilidade por este resultado.

Sobre a classificação não faço contas nenhumas; faço contas jogo a jogo».

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:39

 

futebol-sporting-braga.png

 

Ou seja, uma equipa mal formada, que tem crescido muito pouco, que não dá bom "fruto" e que não progride. E este já era o meu pensamento muito antes do golo do SC Braga.

 

Jorge Jesus isto, Jorge Jesus aquilo, Jorge Jesus o melhor treinador do Planeta e arredores, etc., etc., mas a realidade é que esta equipa não mostra evolução alguma, aliás, até pode ser argumentado que está a regredir.

 

Mais um jogo com posse de bola, com controlo superior, muitos ataques, mas, como quase sempre, poucos remates, pouca penetração pelo miolo, muita dificuldade no último passe, e, em algumas (poucas) situações, finalização deficiente. A equipa até melhorou na segunda parte, mas a primeira deixou muito a desejar.

 

Dos 14 jogadores utilizados aproveitam-se 3/4, nomeadamente Gelson Martins e Coates, com os restantes longe do seu melhor. As causas desta disposição são discutíveis, mas o excesso de jogos fundamentalmente com os mesmos, será uma.

 

Rui Patrício não foi muito feliz no lance do golo, não obstante o potente remate de Wilson Eduardo. Parece que o irmão do João Mário marca quase sempre contra o seu antigo clube.

 

Bem, não vale a pena adiantar muito mais. Tudo indica que o Sporting poderá passar o Natal em 4.º lugar, o que não promete muito para 2017. Nem sei se quero ouvir as explicações do treinador.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:35

 

img_770x433$2016_09_01_22_46_23_1151290.jpg

 

... Quem o diz é Alexandre Pereira, empresário do jovem futebolista do Sporting:

«O Matheus esteve com um pé no SC Braga, até ao último minuto da janela de transferências. O jogador iria por empréstimo, mas nós, juntamente com o presidente, decidimos manter o jogador no Sporting. O miúdo é uma aposta do presidente e está focado em fazer uma boa época».

 

Até me parece que teria sido a melhor solução, tanto para o jovem como para o próprio Sporting. Por muito optimista que se possa ser, Matheus vai ter muita dificuldade em assegurar tempo de jogo na equipa principal esta época. Se já existiam algumas dúvidas sobre isto, a chegada dos vários reforços arrumou com o assunto.

 

Consequentemente - como aliás chegámos a sugerir em outros posts - um empréstimo para um clube onde poderia jogar com regularidade e dar continuidade ao seu desenvolvimento teria sido o ideal. Desconheço as condições do empréstimo que não chegou a ser concretizado, mas a tomada de decisão não foi sensata.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:12

 

img_1366x670$2016_06_05_13_33_04_1110271.jpg

 

Sporting está na final do nacional de futsal e vai discutir o título com o rival Benfica, após vitoria sobre o SC Braga, por 5-3, já no prolongamento.

 

Uma partida muito intensa, imprópria para cardíacos, especialmente sportinguistas, que viram a equipa minhota avançar no marcador com dois golos, praticamente nas únicas duas ocasiões que foram à baliza leonina até esse ponto do jogo e sob enorme pressão do Sporting.

 

A partir deste ponto assistiu-se a um domínio completo verde-e-branco, embora com alguma falta de criatividade ofensiva e ineficácia de finalização, pese uma mão cheia de boas defesas pelo guarda-redes bracarense, com a sua equipa a jogar exclusivamente à defesa.

 

Lamentável falta de "fair-play" por parte do Braga, tanto no que diz respeito a cenas carnavalescas no banco de suplentes como às inúmeras paragens de jogo que provocaram, nomeadamente pelo guarda-redes, com a incompreensível anuência do árbitro, que só perto do final da partida lhe mostrou o cartão amarelo.

 

No final do tempo regulamentar, os remates à baliza favoreciam o Sporting por uma margem de 80-22, estatística que não deixa dúvidas quanto ao mérito total da vitória.

 

Parabéns a Nuno Dias e aos seus pupilos. Terão de apurar a pontaria para derrotar o eterno rival na final desta época.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:36

 

9e3775b04beef545ac9cf607098fb2eb_XL.jpg

 

Poderá ou não ser o início da nova edição da Silly Season, mas, de qualquer modo, o jornal O Jogo reporta esta sexta-feira que o Sporting está a ultimar negociações com o SC Braga que poderá ver a transferência de Nikola Vukcevic para Alvalade a um suposto custo de cerca de 4 milhões de euros.

 

O versátil médio internacional por Montenegro, de 24 anos, chegou a Braga em 2013, proveniente do FK Buducnost, alternando entre as formações principal e B dos minhotos. Contudo, na época ainda em curso, na qual o camisola 35 ainda pode vencer a Taça de Portugal, Vukcevic afirmou-se na equipa treinada por Paulo Fonseca, realizando até ao momento 36 partidas em todas as competições, 31 como titular, com dois golos marcados. Na I Liga, a participação foi limitada 18 jogos, 15 dos quais como titular. Na época de 2014/15, regista 26 jogos na II Liga.

 

Pelos vistos, Vukcevic só não fez mais em virtude de problemas físicos. Ainda que não se trate de um quadro grave, o montenegrino foi rasteirado pelo infortúnio e sofreu uma lesão muscular no gémeo da perna esquerda, da qual ainda se encontra a recuperar. Apesar deste contratempo, o jogador  foi chamado pela selecção de Montenegro, que irá defrontar a Turquia, a 29 deste mês, em Antália.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:04

 

imgS620I174857T20160514220957.png

 

Apesar das expectativas em torno desta última jornada, por razões de registo, a visita do Sporting a Braga acaba por não ter grande história, tal a superioridade da equipa leonina, desde o primeiro minuto de jogo.

 

Teo Gutiérrez inaugurou o marcador, aos 20', a passe "de morte" de Bryan Ruiz, e o inevitável Islam Slimani foi o autor do segundo golo, aos 32' - o seu 27.º da Liga - a excelente cruzamento de Bruno César.

 

Pelo meio, tivemos a expulsão do jogador bracarense Arghus - numa decisão correctíssima do árbitro auxiliar - e, curiosamente, até se fica com a ideia que a vantagem numérica não beneficiou em muito o Sporting, porque o SC Braga passou a jogar em linhas mais baixas e com menor aspiração ofensiva, porventura reconciliado com o marcador e a evidente superioridade do Sporting.

 

Desconhecemos se os jogadores leoninos foram informados do resultado do jogo da Luz ao intervalo - até é possível que não - mas o certo é que o segundo tempo baixou de intensidade, embora com controlo quase total por parte do Sporting. O terceiro golo da partida surgiu aos 71', por intermédio de Bryan Ruiz - o seu 7.º da Liga - a passe de Slimani. O costa-riquenho acabou por "bisar" dez minutos mais tarde, a elevar o marcador para 4-0.

 

ng6774570.jpg

 

O Sporting termina, lamentavelmente, em 2.º lugar, num campeonato que deixou fugir para o eterno rival, com 86 pontos, provenientes de 27 vitórias e 5 empates, com 79 golos marcados e 21 sofridos.

 

Haverá muito tempo e oportunidade para dissecar a época de 2015/16 e os quês e porquês do Sporting não ter conseguido conquistar o tão desejado, e, diga-se, muito merecido título.

 

Nota para a substituição de Sebastián Coates por Paulo Oliveira, aos 17', por lesão. Esperamos que não seja grave, até porque o jogador está convocado para a Copa América.

 

Uma palavra final para os enormes adeptos leoninos que apoiaram incansavelmente a equipa do primeiro ao último jogo. Este domingo, em Braga, muitos milhares em evidência, ainda na esperança do improvável acontecer. Em abono da verdade, os adeptos, mais do que ninguém, merecem saborear o título de campeão português.

 

William Carvalho comentou o momento:

 

«Nós tínhamos que fazer a nossa tarefa, que era ganhar. Fizemos o nosso trabalho. É injusto não termos ganho o campeonato porque fomos a melhor equipa durante toda a época, mas saímos de cabeça erguida. Não vale a pena citar o que falhou, só quero enaltecer o trabalho da equipa durante a época e dizer que, injustamente, não ganhou a melhor equipa.

Quanto ao futuro, não sei o dia de amanhã, mas agora é tempo de ir descansar».

 

 

Jorge Jesus, entre outras coisas, teve isto para dizer:

 

«Nem sempre o melhor ganha e neste campeonato não foi o melhor que ganhou. O melhor foi o Sporting. O futebol é ingrato, principalmente quando jogámos contra o nosso rival. Não fomos premiados pela conquista do título, mas demonstrámos que somos melhores.

 

É verdade que, num jogo, o futebol foi cruel. Empatar já era mau, e acabámos por perder (0-1 frente ao Benfica). É esse o jogo que define o campeonato. Bastava empatar e continuávamos em primeiro. Mas isso já passou e já não conta.

 

O Sporting está no caminho certo. No primeiro ano lutou contra o poder e contra decisões erradas que muitas vezes têm influência naquilo que é o jogo. Mas a força das equipas vê-se em campo e aí o Sporting fez a diferença».

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:47

O exemplo do Sporting de Braga

City Lion, em 25.02.16

 

transferir.png

 

Ontem o Sporting de Braga ia ficando pelo caminho depois do Sion fazer a eles o que espero que o Sporting faça hoje em Leverkusen. Mas lá passaram e a verdade é que ainda continuam em todas as competições e no campeonato estão na posição que a qualidade da sua equipa indiciaria no inicio da época.

 

Fica confirmado que seria mesmo possível fazer mais e melhor do que estamos a fazer esta época, daí a minha grande desilusão se formos hoje eliminados (e alegria se passarmos),  especialmente com a sensação amarga de não termos dado o nosso melhor, pelo menos na 1ª mão.

 

Sei que muitos sportinguistas andam como que anestesiados com a perspectiva de sermos campeões esta época mas esquecem-se da alegria que nos deu a Taça o ano passado e de grandes vitórias recentes nas competições europeias como contra o Manchester City que marcam a nossa história.

 

Que hoje possamos voltar a fazer história !

 

P.S.: Não vou comentar a capa de hoje do Correio da Manhã. Sinceramente só espero que seja tudo mentira, como foi por exemplo terem-nos dito no inicio da época que iríamos lutar pela vitória em todas as competições e que tínhamos um "plantel para a Champions".

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:54

Se é que haviam dúvidas...

Rui Gomes, em 13.01.16

 

SCP Penalty.png

 

Imagem em 3D do lance da grande penalidade assinalada contra o SC  Braga, no domingo passado, apresentada no programa Tempo Extra da SIC Notícias, esta terça-feira.

 

 

/Obra da ilustradora oficial do Camarote Leonino/

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:58

SC Braga em plena campanha

Rui Gomes, em 11.01.16

 

 

O SC Braga recorreu às redes sociais para denunciar três lances do jogo com o Sporting, os quais, no entendimento do clube, deveriam ter sido sancionados pela equipa de arbitragem liderada por Jorge Sousa.

Intitulado "Para quem não viu (ou não quis ver)", o vídeo publicado na página oficial do clube no Facebook começa por expor duas entradas ríspidas de João Pereira e João Mário sobre Rafa, enquanto o terceiro lance tem Slimani e Vukcevic como protagonistas.

 

Como já indiquei num outro post, o futebol português é isto, em que os intervenientes, com mais ou menos razão, recorrem constantemente a decisões de arbitagem para tentar justificar resultados desagradáveis.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:37

Reviravolta à campeão !

Rui Gomes, em 10.01.16

 

sporting-vs-sc-braga.jpg

 

Que alívio !... Já me estava a preparar para escrever "quem não marca sofre", mas os nossos grandes "leões" entenderam, e muito bem, que essa disposição não assentava bem e decidiram levar o "barco a bom porto", com três golos na segunda parte deste importante desafio.

 

img_FanaticaBig$2016_01_10_16_54_49_1048870.jpg

Até se verificar a magnífica recuperação, é bem verdade que a combinação de pobre finalização, com um pouco de infelicidade à mistura, e também alguma displicência por parte da defesa do Sporting, quase que ditava um final de jogo muito desagradável.

 

Jorge Jesus fez alinhar o onze expectável e com destacada superioridade sobre o SC Braga, os dois golos minhotos - aos 41'45' - praticamente nas únicas duas oportunidades dos primeiros 45 minutos, foram um balde de água fria por cima da chuva intensa que se fez sentir em Alvalade.

 

Numa bela jogada, aos 15', o guarda-redes bracarense levou a melhor sobre João Mário, que lhe apareceu na cara; aos 28', Slimani isolado falhou a tentativa de "chapéu" e Paulo Oliveira, aos 38', foi infeliz com um cabeceamento que foi ao poste e que ainda bateu no corpo do guarda-redes.

 

2GBMYWH7.jpg

Jorge Sousa poderá ser questionado em algumas decisões ao longo do jogo, mas creio que a falta para grande penalidade, assinalada aos 57', não deixa margem para críticas. Adrien Silva converteu o castigo máximo e deu assim o início à recuperação do Sporting.

 

Bruno César deu lugar a Fredy Montero, aos 59', e confesso que pensei na altura que devia ter sido Matheus Pereira e não o colombiano a entrar no jogo. O seu golo de bela execução aos 76', anulou esta minha consideração.

 

Por fim - e dá-me enorme prazer em dar relevo a este excelente jogador - Bryan Ruiz com um soberbo cruzamento para a cabeça de Slimani, ao cair do pano, para assegurar a vitória e os preciosos três pontos para o Sporting. O avançado argelino mais uma vez letal, no ar, e decisivo.

 

Ainda temos um longo e complicado percurso pela frente, mas não há dúvida alguma que se o moral e a confiança já estavam em alta, esta vitória e a forma como foi conseguida, dará um significativo acréscimo de crença sobre as possibilidades de conquistar o título.

 

 

P.S.: A atitude de Wilson Eduardo ao não celebrar o seu golo, é louvável. Destaque, ainda, para os 42.148 espectadores em Alvalade.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:26

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo