Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



 

steaua-bucuresti-sporting-cp_large.jpg

 

Muito satisfeito pelo resultado final e pela qualificação para a fase final da Liga dos Campeões, mas confesso que cheguei ao intervalo irritadíssimo com a equipa.

 

O Sporting entrou em campo a fazer precisamente o que era exigido; assumiu a iniciativa de jogo, colocou enorme pressão no Steaua e marcou o tão desejado golo. Até este ponto, uma exibição praticamente imaculada.

 

Com a vantagem no marcador, notou-se imediatamente a equipa baixar o ritmo de jogo e a intensidade, os erros começaram a surgir e, inevitavelmente, acabou por sofrer o golo do empate. Sentiu-se a intranquilidade da equipa a partir deste ponto e até no início da segunda-parte, com o Steaua então a assumir a iniciativa de jogo.

 

Como sempre, no futebol, os golos resolvem tudo, e assim  foi que sensivelmente no espaço de cinco minutos o Sporting marcou dois golos, através de Marcus Acuña e Gelson Martins, e tanto o jogo como a eliminatória ficaram resolvidos. O quarto golo leonino, por intermédio de Bas Dost, apenas selou o marcador definitivamente. Battaglia com o quinto golo, já eu escrevia esta crónica.

 

A equipa leonina entrou em campo com Rui Patrício; Piccini, Coates, Mathieu e Fábio Coentrão; Rodrigo Battaglia e Adrien Silva; Gelson Martins, Bruno Fernandes e Marcus Acuña; Doumbia.

 

Suplentes: Salin, Tobias Figueiredo, Petrovic, Iuri Medeiros, Bruno César, Alan Ruiz e Bas Dost.

 

Não crítico a opção de Doumbia em detrimento de Bas Dost, mas sinto muita curiosidade em ouvir a explicação de Jorge Jesus, que decerto enaltecerá a sua decisão.

 

Não se esperava uma goleada depos do primeiro jogo em Alvalade e, ainda menos, quando se chegou ao intervalo, mas tudo bem que acaba bem. Alguns jogadores em muito bom nível, a exemplo de Adrien Silva, Bruno Fernandes e Gelson Martins.

 

O Sporting vai assim para o pote 4 do sorteio para a fase de grupos da Champions - a ser realizado esta quinta-feira às 17h00 - e veremos então que "tubarões" nos vão sair. Pela composição dos potes, é praticamente garantido que serão todas equipas fortes.

 

ADENDA: A explicação de Jorge Jesus para a aposta em Doumbia:

 

"Fazia parte da estratégia. Nestes jogos, quando jogas com os mesmos, corres dois perigos. Um deles é físico, que os jogadores podem ficar mais próximos de ter lesões. O Bas Dost é um jogador que temos de saber defender pela sua estrutura física. O Doumbia dava segurança, mais velocidade com bola. Perdemos nuns aspectos, ganhámos noutros. Quero realçar o excelente jogo dos jogadores. Na Champions não podes cometer erros - cometemos um e sofremos golo".

 

Respeita-se a decisão estratégica. Uma aposta arriscada que acabou por dar resultado, e quando assim é não há nada a criticar.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:25

 

img_FanaticaBig$2017_08_15_20_28_37_1302232.jpg

 
«Jogámos contra uma boa equipa, fizemos um bom jogo, defensivamente estivemos muito fortes e não conseguimos marcar. O jogo em si foi difícil, defrontámos uma equipa ao nosso nível e está em aberto a eliminatória, como estava antes. O Steaua vai inverter os papéis em relação ao primeiro jogo. Hoje tinham vantagem marcando aqui, valeria dois golos; na Roménia, marcando temos uma vantagem interessante.

 

Acredito que faremos um golo fora. É melhor empatar a zero do que com golos em casa. A eliminatória são dois jogos e é a dois que se define. Vamos partir para o segundo jogo com a mesma convicção, mesma confiança de que podemos ser apurados.

Obrigação de entrar na fase de grupos entre aspas. Há sim ambição de querer chegar à fase de grupos e demonstrámos que temos valor para disputar esta eliminatória. Não foi por falta de qualidade ou criatividade, foi porque o Steaua defendeu muito bem."

Se William estará disponível para a segunda mão, não sei, vou pensar em Guimarães».
  
Declarações de Jorge Jesus após o jogo com o Steaua Bucareste. Deixo a análise com os leitores, dado que já não sei o que dizer deste treinador que fala muito, diz pouco e faz ainda menos.
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:03

Na Champions é preciso muito mais

Rui Gomes, em 15.08.17

 

20526282_1922880231256930_4153394088645753334_n.jp

 

Creio que o título do post diz tudo. Esta equipa do Sporting ainda não tem o que é necessário para competir na Liga dos Campeões ao nível desejado e necessário. O termo que me vem à ideia é de ter sido uma exibição algo atabalhoada, sem a fluidez, criatividade e aproveitamento de jogo para assegurar uma vitória, em casa, contra este adversário. Muito terá de mudar para conseguir um bom resultado na Roménia, onde o Sporting nunca venceu.

 

Desta vez foi Jorge Jesus que tirou um coelho da cartola ao apresentar Fábio Coentrão, não só apto para jogar mas também a integrar o onze inicial. Terá sido uma jogada do treinador ou, então, o jogador apresentou as condições necessárias à última da hora para alinhar.

 

O Sporting iniciou a partida com Rui Patrício; Piccini, Coates, Mathieu e Fábio Coentrão; Rodrigo Battaglia e Adrien Silva; Marcos Acuña, Daniel Podence e Gelson Martins; Bas Dost.

 

Suplentes: Salin, Jonathan Silva, Bruno Fernandes, Bruno César, Iuri Medeiros, Tobias Figueiredo e Doumbia.

 

Na minha opinião, a combinação Battaglia/ Adrien Silva no meio-campo não funciona como se deseja. Reconhece-se aproveitamento defensivo, mas muito longe disso no que diz respeito a construção e criatividade de jogo.

 

Por outro lado, entregar a bola a Piccini no meio-campo do adversário e esperar algo de construtivo, é equivalente a dar um triciclo a um jogador da NBA. Não resulta e nunca vai resultar.

 

É possível que eu não esteja a analisar as coisas bem, mas, em termos gerais, não vejo a indispensável fluidez de jogo nesta equipa do Sporting. Muitos passes falhados, poucos remates e pouco aproveitamento nos cruzamentos.

 

Nota de relevo para Coates e Matthieu, que estiveram muito bem, especialmente o francês, que correu o campo todo. Tem sido uma grande surpresa, muito pela idade, claro, porque um jogador que alinhou no Barcelona não pode ser um trouxa qualquer. Terá sido o melhor jogador em campo.

 

Por fim, algo está a incomodar Bas Dost e ainda não percebi o quê. Será as alterações na equipa ?... Simplesmente não mostra o afinamento e a confiança que lhe reconhecemos da época passada.

 

A equipa leonina terá de fazer um jogo muito compacto na Roménia para passar esta eliminatória. Sobretudo, terá de marcar cedo, para colocar toda a pressão no Steaua.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:38

O Steaua de Bucareste que não é

Rui Gomes, em 15.08.17

 

O que se faz quando não nos emprestam um brinquedo? Para Gigi Becali, a solução é fácil: compra-se o brinquedo. Pelo menos foi assim que o (controverso) presidente do Steaua de Bucareste resolveu o problema da propriedade do clube.

 

mw-680.jpg

  

É que o Steaua sempre foi o clube do exército romeno, desde 1947, ano em que foi fundado, mas quando Gigi Becali (e a sua conta bancária) entrou em cena, em 2003, quis deter o clube na sua totalidade. Seguiu-se uma batalha judicial, com Becali a sair vencedor, mas, em 2013, o Supremo Tribunal de Justiça devolveu a propriedade do clube ao Ministério da Defesa romeno.

 

O episódio seguinte na novela foi caricato: o clube entrou em campo, contra o CSMS Iasi, sem símbolo na camisola, porque já não podia ser Steaua. E, por fim, passou a ter uma nova designação: FCSB.

 

Ou seja, hoje, às 19h45, é o Futebol Clube Steaua de Bucareste que vai estar no caminho do Sporting rumo à Liga dos Campeões (e aos muitos milhões que ela traz).

 

Apesar de já estar bem mais adiantado na época do que o Sporting - já realizou oito jogos oficiais -, o Steaua é um adversário teoricamente acessível para a equipa de Jorge Jesus. Chega a esta fase depois de ter eliminado os checos do Plzen (empate 2-2 em casa, vitória por 4-1 fora) e é 4º na Liga romena (três vitórias e três empates), mas não tem a qualidade dos sportinguistas, nem em termos colectivos, nem em termos individuais.

 

Alinhavado habitualmente num 4-2-3-1, é expectável que o Steaua entre em Alvalade com as linhas baixas, procurando um resultado que permita discutir a eliminatória na 2ª mão, na Roménia. Sem o médio português Filipe Teixeira, que está em dúvida por lesão, o meio-campo irá sofrer alterações, até porque o outro habitual titular, Budescu, também não estará disponível por lesão.

 

Na defesa, o treinador Nicolae Dica também tem mais problemas: o central Mihai Balasa também está lesionado e não jogará. Quem está garantido na frente de ataque é Alibec, o internacional romeno que é a grande referência em termos ofensivos, pela sua mobilidade, que permite aos romenos procurar rapidamente o contra ataque, sempre que possível. Algo que deverá acontecer esta noite, em Alvalade. Se o Sporting deixar, claro.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:16

 

QWI0NOXM.jpg

 

Nicolae Dica - treinador do Steaua Bucareste - teceu estas considerações em conferência de imprensa de antevisão ao embate com o Sporting:

 

«Vi o Sporting no jogo com o Vitória de Setúbal e jogam com muita intensidade. Para nós, importante é sairmos com a oportunidade na fase de grupos. Temos de fazer um bom jogo. Pode ser um empate ou não, mas queremos manter em aberto a possibilidade de chegar à fase de grupos.

 

O Sporting, como qualquer outra equipa, tem pontos fracos. Esperamos encontrá-los e aproveitá-los. O Sporting é uma equipa muito importante na Europa. Vai ser um jogo muito difícil. Precisamos de atitude e confiança em nós próprios. É um jogo muito importante. Temos esperança de passar para a fase de grupos e voltarmos a ser o Steaua que fomos há uns anos.

 

Gelson Martins é um jogador perigoso e Jonathan Silva é muito rápido. Analisámos bem estes dois elementos. Temos de estar preparados para todas as dificuldades que o Sporting nos pode colocar. É uma equipa muito forte e com avançados muito bons.

 

Ainda não sei se Filipe Teixeira vai ou não jogar. Só amanhã (hoje) irei tomar uma decisão. Temos três jogadores muito importantes que estão lesionados, mas confio nos elementos que tenho no plantel. Vamos colmatar as ausências destes jogadores.

 

Em todos os jogos que disputámos tivemos a posse de bola, mas nunca defrontámos ninguém com a qualidade do Sporting. Temos de estar bem defensivamente e aproveitar as oportunidades de golo que vamos criar. Tenho uma surpresa para amanhã. Há vários jogadores que podem cobrar os livres directos ou indirectos».

 

1923717_w2.jpg

 

Entretanto, o presidente do Steaua Bucareste anunciou que vai pagar cerca de dois milhões de euros ao plantel caso este consiga eliminar o Sporting. Gigi Becali avança assim com um prémio algo chorudo para os jogadores tendo em vista o duplo confronto na Champions:

"Se passarem a eliminatória haverá um prémio de 120 mil euros para os que jogarem e de 100 mil euros para os outros». 

 

Nada de irregular or anormal nisto, ocorre com frequência nos clubes embora raramente seja publicitado. Gigi Becali tem fama de ser um dirigente algo polémico, daí ter recorrido a exposição mediática para divulgar o incentivo que oferece aos jogadores do seu clube.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:36

Cuidado com o "gigante adormecido"

Rui Gomes, em 14.08.17

 

DGdBdZOW0AA1FRY.jpg

  

O Sporting estreia-se na terça-feira, em Alvalade, nas competições europeias em 2017/18, na primeira mão do ‘play-off’ da Liga dos Campeões, contra os romenos do Steaua, que já venceram a competição em 1986.

 

Depois da entrada vencedora na I Liga, com vitórias frente ao Desportivo das Aves (2-0) e com o Vitória de Setúbal (1-0), o Sporting procura dar continuidade ao bom arranque na primeira mão, sabendo que venceu sempre em casa e nunca venceu na Roménia em jogos europeus.

 

As duas equipas nunca se defrontaram, mas o Sporting já encontrou várias formações romenas, contra as quais venceu sempre em casa e perdeu sempre fora – foi assim com o Timisoara (1990), Dínamo Bucareste (1991) e Vaslui (2011).

 

Por sua vez, o Steaua já defrontou quatro vezes o Benfica, com duas derrotas em Lisboa e dois empates caseiros, em 1988 e 1994, e o Rio Ave, que venceu em casa e com quem empatou em Vila do Conde em 2014/15.

 

A equipa leonina vai apresentar-se ainda sem o reforço Ristovski, cedido pelo Rijeka, que já jogou nas eliminatórias pelos campeões croatas, sendo que tem apenas Alan Ruiz em dúvida para o encontro contra um ‘gigante adormecido’, campeão europeu em 1986, ponto alto de várias décadas de bons resultados nas competições da UEFA, que vive nos últimos anos um período de menor fulgor, ainda que continue a ser o clube mais titulado da Roménia.

 

Vice-campeão da liga romena, atrás do surpreendente Viitorul Constanta, que se sagrou campeão pela primeira vez, conta nas suas fileiras com o veterano Filipe Teixeira. O português, contratado esta época ao Astra Giorgiu, já apontou dois golos nas eliminatórias, frente aos checos do Plzen, e é um dos destaques da equipa, a par do marfinense Harlem Gnohéré, contratado em Janeiro aos ‘rivais’ Dínamo, tornando-se no primeiro estrangeiro a alinhar em ambos os clubes, e do ‘capitão’ Denis Alibec. O plantel às ordens de Nicolae Dica, de resto, passou por uma autêntica ‘revolução’, com quase duas dezenas de entradas e igual número de saídas.

 

A eliminatória, a última ‘barreira’ antes da fase de grupos da Liga dos Campeões, é um ‘teste de fogo’ à temporada do Sporting, que procura manter-se entre a elite do futebol europeu e assegurar o encaixe financeiro que essa fase proporciona.

 

A segunda mão deste play-off, marcada para a Arena Nacional, em Bucareste, irá realizar-se a 23 de Agosto.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:20

 

f67edb6f54bc02c443f09346eea3f170--romania-places-t

 

O Steaua Bucareste empatou este sábado, em casa, 1-1, com o Astra, na 6.ª jornada do campeonato romeno. A equipa onde joga o português Filipe Teixeira e adversário do Sporting, que na próxima terça-feira se desloca a Alvalade, para o jogo da primeira mão do play-off de acesso à fase de grupos da Liga dos Campeões, situa-se em terceiro lugar na tabela classificativa, com 12 pontos, um atrás dos líderes Botosani e Cluj.

 

O árbitro alemão Felix Brych foi este domingo nomeado pela UEFA para o jogo de terça-feira. Esta será a 13.ª vez que Felix Brych se cruzará com o futebol português, a segunda num jogo do Sporting. Na primeira, o germânico apitou o jogo entre os 'leões' e os holandeses do Twente, da terceira pré-eliminatória de acesso à Champions.

 

Entretanto, um jornalista romeno partilhou uma imagem do Arena Nacional, de Bucareste, onde o Sporting vai jogar a segunda-mão do play-off, num jogo agendado para quarta-feira, dia 23 de Agosto: ou seja, daqui a dez dias.

 

1024.jpg

 

Na fotografia pode ver-se como o relvado se apresenta num péssimo estado, com várias clareiras onde parece não existir relva. O Arena Nacional é o estádio utilizado pela selecção romena e que desde Março de 2015 se tornou também a casa do Steaua.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:29

Historial do Steaua Bucareste

Rui Gomes, em 05.08.17

 

img_infografias$2017_08_05_10_14_54_1297930.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:31

Lição para Bruno

Rui Gomes, em 21.08.15

 

14866684_E7r5k.jpg

  

O Steaua de Bucareste perdeu esta quinta-feira com o Rosemborg, por 3-0, em jogo da primeira mão dos "play-offs" da Liga Europa. Gigi Becali, o conhecido e muito polémico presidente do clube romeno, frustrado com o resultado, descarregou toda a sua fúria nos jogadores, fazendo alvo especial de dois: o avançado francês Grégory Tadé e o médio argelino Aymen Tahar.

 

Gigi Becali foi ainda mais longe e fez saber que os dois não voltarão a vestir a camisola do Steaua:

 

«Vamos cortar nos salários. Tadé ? Sai. Tahar ? Sai. Não quero dinheiro nenhum pelo Tadé. Se me derem 50 mil euros eu recuso. Eu dou-o gratuitamente. Com 2-0 ainda era possível. Agora não !»

 

Chama-se isto rasgar contratos. Atenção Bruno !

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:28

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo