Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A venda de Adrien Silva e afins

Rui Gomes, em 08.09.17

 

canstock39196902.jpg

 

Começo por deixar bem claro que há muito que sinto imensa dificuldade em acreditar, sem comprovativos, seja no que for da autoria de Bruno de Carvalho e do Conselho Directivo que lidera. Apesar de alguns dos positivos do seu consulado ao leme do Sporting, não acredito nem confio na pessoa e, por inerência, em quem opera às ordens dele.

 

Nada do que ocorreu em tempos mais recentes me faz mudar de ideias, inclusive de Relatórios e Contas, cuja exactidão só aceitarei autenticada através de uma Auditoria independente. A venda de Adrien Silva ao Leicester, ou melhor, o comunicado a pormenorizar os termos do negócio, só reforça este meu raciocínio e estado de espírito.

 

Ao tentar compreender o enquadramento total da transferência do ex-capitão leonino, cheguei à seguinte conclusão:

 

- A essência da venda assenta-se apenas em 20 milhões de euros fixos. É esta verba que está garantida e que será paga ao Sporting, não se sabe se a pronto, se em tranches, dado que o comunicado não especifica;

 

- Montante variável de até 5 milhões de euros em função de objectivos individuais e colectivos. Uma condição muito relativa, uma vez que se desconhece os objectivos delineados e a viabilidade de realização;

 

- O direito a 15% de uma mais valia futura. Tendo Adrien 28 anos de idade, probabilidades mínimas de uma futura transferência a proporcionar um lucro acima de 20 milhões de euros;

 

- Montante de cerca de 4.5 milhões de euros correspondentes à renúncia de direitos de crédito, decorrentes da intermediação na celebração do contrato de trabalho celebrado em 8 de Fevereiro de 2016. O Sporting devia este montante a Adrien Silva e/ou seus representantes e pela transferência para o Leicester, o jogador abdicou da verba.

 

Na realidade, para se verdadeiramente compreender o significado desta disposição, teríamos de saber quanto o clube inglês irá declarar que lhe custou o jogador. Isto, porque não me parece realista que Adrien abdicasse de montante tão elevado - provavelmente equivalente a mais de um ano de salário no seu novo clube - sem compensação. Neste contexto - e confesso que é pura conjectura minha - admito que essa compensação será paga a Adrien Silva pelo Leicester. A reforçar esta ideia, as inúmeras reportagens noticiosas britânicas a insistir que o custo da operação é de 22 milhões de libras, ou seja, cerca de 24 milhões de euros. Consequentemente, o Sporting evita de pagar esta verba, que estava contabilizada no passivo da SAD.

 

- Ainda relativamente a William Carvalho e as propostas que o Sporting terá ou não recebido, Bruno de Carvalho surgiu a ridicularizar as emails noticiadas pela Sky Sports, nas quais é indicado que o West Ham ofereceu 25 milhões de euros, entre outras considerações, pelo médio leonino. O presidente do Sporting teve isto para dizer:

 

"Por 25 milhões, nem mandava o Umaro Baldé, quanto mais o William. Vinham bater à porta errada".

 

Se essa proposta foi ou não apresentada é uma discussão contínua, mas não deixa de ser curioso que o presidente não venderia o William por 25 milhões, nem sequer um jovem da formação de 14 anos de idade, mas vendeu o capitão do Sporting por 20 milhões.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:05

 

IMG_6148.jpg

 

O Relatório e Contas da última época, esta quinta-feira divulgado na CMVM e apresentado em conferência de imprensa pelo Sporting, permitiu explicar, pela primeira vez e de forma oficial, o negócio que trouxe Seydou Doumbia para Alvalade.

Ainda que numa primeira instância o negócio tenha sido feito "via cedência temporária [à Roma] no valor de 500 milhares de euros, com cláusula de opção de compra de 3 milhões", segundo o relatório, o costa-marfinense já é jogador a título definitivo do Sporting, até 2020, por um valor total de 7,2 milhões de euros.

"Tendo em conta a natureza da opção de compra, foi considerado uma cedência definitiva no valor de 3,5 milhões de euros", pode ler-se no comunicado, sublinhando-se que o prémio de assinatura de 3 milhões de euros, pago ao longo das próximas duas épocas, "permitiu uma redução do vencimento ao longo do contrato" do jogador, de 29 anos. A este ‘bolo’ acrescem, ainda, 700 mil euros referentes a comissões, perfazendo os tais 7,2 milhões por 70% do passe, que tornam o avançado na 3.ª contratação mais cara do defeso, atrás de Bruno Fernandes e Acuña (cuja operação já entra no actual exercício).

 

Será prematuro avaliar esta contratação, por estes valores, nesta altura. Veremos o desempenho do jogador ao longo da época, mas parece-me que em termos financeiros é mais um caso em que não houve indicações iniciais daquilo que na realidade é.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:04

 

sporting-sad.jpg

 

A Sporting SAD revelou esta quinta-feira, em comunicado enviado à CMVM, o acordo com o Leicester City FC sobre a transferência de Adrien Silva, acordo esse que poderá render até 29,5 milhões de euros aos cofres leoninos.

 

Salvo sobre as condições de venda, os valores, na sua totalidade máxima, correspondem à informação que tem circulado, nomeadamente em Inglaterra.

 

Fica também claro que a transferência está definitivamente concluída e que o problema relacionado com a inscrição na Premier League não terá impacte algum no negócio entre os dois clubes.

 

C O M U N I C A D O

 

"A SPORTING CLUBE DE PORTUGAL – FUTEBOL, SAD vem, nos termos e para efeitos do cumprimento da obrigação de informação que decorre do disposto no artigo 248º, nº1 al. a) do Código dos Valores Mobiliários, em aditamento ao comunicado de 1 de Setembro de 2017, informar o mercado nos seguintes termos:

 

1. A cedência, a título definitivo, ao Leicester City Football Club dos direitos desportivos e económicos do jogador profissional de futebol ADRIEN SILVA, permitiu à Sociedade um encaixe global de até 29.500.000 (vinte e nove milhões e quinhentos mil euros), o qual se decompõe da forma abaixo indicada, tendo a Sociedade garantido o direito a 15% de mais valia futura:

 

(i) montante fixo de € 20.000.000 (vinte milhões de euros);

(ii) montante de cerca de € 4.500.000 (quatro milhões e quinhentos mil euros), correspondentes à renúncia de direitos de crédito, decorrentes da intermediação na celebração do contrato de trabalho celebrado em 8 de Fevereiro de 2016, bem como da futura transferência do jogador, que se encontravam registados como passivos e passivos contingentes;

(iii) montante variável de até € 5.000.000,00 (cinco milhões de euros), em função de objectivos relacionados com a performance individual do Jogador e da própria equipa;

 

2. Face às notícias recentes, mais se informa e esclarece que a cedência definitiva dos direitos desportivos e económicos do jogador profissional de futebol ADRIEN SILVA a favor do Leicester FC se encontra concluída.

 

3. Finalmente, importa clarificar também que o atraso da inscrição do jogador a favor do Leicester FC não terá impacto nas condições financeiras acima descritas, com excepção de uma dilação no tempo dos recebimentos decorrentes do montante variável associado à performance do jogador.

 

Lisboa, 7 de Setembro de 2017

O Representante das Relações com o Mercado"

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:04

 

Sporting-CP-v-CD-Feirense-Primeira-Liga.jpg

 

Creio que a saída de William Carvalho é dada como adquirida e a questão fulcral sobre a mesa é se o Sporting tem uma alternativa viável no plantel ou se terá de ir ao mercado contratar mais um médio-defensivo.

 

Não me parece que Petrovic seja a solução desejada e até constam rumores que a SAD procura uma transferência em definitivo para este jogador. João Palhinha não estará ainda à altura do desafio e poderá ser emprestado. Neste enquadramento, fica apenas Rodrigo Battaglia para o post mais recuado no meio-campo - que será sempre uma adaptação -, e porventura a solução mais adequada por intermédio de Adrien Silva, embora neste momento também hajam dúvidas sobre a sua permanência em Alvalade.

 

A julgar pelo onze que alinhou contra o Vitória de Setúbal, Jorge Jesus estará inclinado em posicionar Battaglia e Adrien no meio-campo contra o Steaua Bucareste, mas temo que a exemplo do que ocorreu na sexta-feira, a equipa acabe por ficar sem jogo pelo corredor central. Talvez que a solução passe por Adrien na posição "6" e Bruno Fernandes a "8".

 

De qualquer modo, uma soluçãon terá de ser encontrada e não apenas para o jogo de amanhã, uma vez que há causa para acreditar que o Sporting e os ingleses do West Ham estão prestes a selar o negócio.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:28

Um caso de simples curiosidade

Rui Gomes, em 19.07.17

 

img_FanaticaBig$2017_07_18_22_03_34_1291534.jpg

 

Não pretendo de modo algum fazer uma tempestade num copo de água, mas o facto de Marcos Acuña não ter equipado ontem diante o Marselha, sublinhou um pensamento que já me tinha ocorrido desde que ele integrou a comitiva leonina na Suíça. Mesmo que tivesse equipado, não era de esperar que jogasse mais do que uma mão cheia de minutos dado que apenas chegou ao Sporting há poucos dias.

 

Compreende-se, pelas circunstâncias, que não tenha havido tempo e oportunidade para a usual foto «copy paste» com Bruno de Carvalho. O jogador chegou a Lisboa, da Argentina, presume-se que ainda houve algumas formalidades a finalizar relativamente ao seu contrato, cumpriu os exames médicos e embarcou para a Suíça.

 

Tudo isto perfeitamente normal. O que estranhei, foi não ter havido um comunicado da Sporting SAD a oficializar a contratação, assim como também não constou uma participação à CMVM. Será que ainda há condições a satisfazer entre o Sporting e o Racing de Avellaneda ?

 

Curiosamente, o site Transfermarkt, que é muito exacto e pontual com estas questões, não refere a transferência e ainda cita o jogador como activo do clube argentino.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:38

Inesperada generosidade

Rui Gomes, em 10.02.17

 

Sebastian-Coates.jpg

 

Para quem suspeita que há sempre algo que fica por explicar em tudo aquilo que Bruno de Carvalho diz e faz, não é de estranhar semelhante reflexão sobre o recém-negócio que levou à aquisição dos direitos económicos de Sebastián Coates a título definitivo.

 

Como já tive ocasião de previamente referir, foi uma tomada de decisão certeira, pese o seu timing um tanto ou quanto subjectivo. Entretanto, pelo comunicado da Sporting SAD, fomos informados que esta operação custou ao Sporting 4,72 milhões de euros.

 

A parte curiosa, intrigante até, recai sobre a inesperada generosidade do Sunderland, que detinha os direitos do jogador, dado que a opção de compra originalmente concedida ao Sporting estipulava 5 milhões de euros. O que terá ocorrido para precipitar este desconto ? Confesso que desconheço as razões e o comunicado do Sporting também não explica.

 

Igualmente curioso, foi o destaque que a SAD deu ao não pagamento de qualquer tipo de comissões no negócio. Por outras palavras, o empresário do jogador e/ou qualquer outro intermediário abdicaram efectivamente de honorários pelos seus serviços. Mais outra inesperada generosidade.

 

Não pretendo insinuar com isto - esclareço desde já para evitar a pergunta de um qualquer advogado de defesa - que haja aqui algo obscuro ou impróprio, mas não deixa de ser curiosa esta tão favorável disposição do negócio, especialmente durante o período eleitoral em que o ainda presidente do Sporting já deu provas que recorrerá a meios excepcionais para deslumbrar o sportinguista votante.

 

Coates, como já é do conhecimento público, assinou contrato até 2022 e ficou com uma cláusula de rescisão de 45 milhões de euros. O seu salário não foi revelado, mas deverá ser em excesso de 2 milhões de euros anuais.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:32

'Sayonara' Tanaka

Rui Gomes, em 29.12.16

 

sp-tanaka-a-20160216.jpg

 

O Sporting anunciou esta quarta-feira que chegou a um entendimento com os japoneses do Kobe para a transferência definitiva de Junya Tanaka, que estava cedido aos nipónicos desde a temporada passada.

 

No comunicado, o Sporting informou que ficou estipulado no acordo que o clube teria direito a 50% de uma futura venda do avançado japonês. Mas não revelou os valores do acordo celebrado com o Kobe.

 

Recorde-se que Tanaka chegou a Alvalade em Junho de 2014, proveniente do Kashiwa Reysol, a um custo de cerca de 750 mil euros, tendo assinado um contrato válido por cinco anos.

 

Embora não tenha jogado na final, ainda participou na conquista da Taça de Portugal na época de 2014/15, com Marco Silva então ao leme do Sporting.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:40

 

881352_heroa.jpg

 

Bas Dost foi titular este sábado na vitória do Wolfsburgo frente ao Augsburgo, por 2-0, em que contribuiu com uma assistência para golo. No final do encontro foi instado a comentar a sua situação relativamente ao Sporting:

 

«Sporting? Está em bom andamento, quase fechada. Acredito que a transferência se faça. Estou bastante satisfeito com o convite. O Sporting mostrou-me que me quer fazer feliz e por isso acredito que se vai fazer».

 

Segundo reportagens provenientes da Alemanha, o avançado holandês viaja para Lisboa este domingo, para então ultimar as negociações. Isto indicará, porventura, que já há um acordo entre o Wolfsburgo e o Sporting.

 

Tanto pelas circunstâncias de momento como pelas características do jogador, parece ser a solução mais viável para substituir Slimani, partindo do princípio que este está mesmo de saída. Vai-se perder alguma da presença atlética que o argelino oferece, mas em termos de golos, há razões para acreditar que Bas Dost não irá desiludir.

 

Em termos financeiros, a contratação vai custar uns bons milhões ao Sporting, mesmo tendo em conta que Bas Dost está no seu último ano de contrato com os alemães. Vindo da Bundesliga, é inevitável que venha a auferir um salário elevado.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:54

João Mário fora dos convocados

Rui Gomes, em 19.08.16

 

img_770x433$2016_08_19_17_41_21_1146026.jpg

 

Quem o diz é o jornal Record, citando a proverbial fonte anónima. O Sporting, por norma, só revela a lista dos atletas que vão "calçar" no dia do jogo, por conseguinte, em princípio, teremos de esperar até amanhã pela confirmação oficial.

 

Sendo verdade, isto só pode ser indicação de que a oficialização da transferência de João Mário está por horas. O grande mistério, cuja revelação aguardamos ansiosamente, é as condições do negócio.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:37

 

img_770x433$2016_02_19_00_38_17_1066205.jpg

 

Já aqui comentámos a presença em Lisboa do empresário de Teo Gutiérrez , antes da sua partida para férias na Colômbia, que deixou a ideia de que terá havido um encontro com dirigentes do Sporting a fim de definir o futuro do avançado.

 

Notícias mais recentes indicam que haverá um acordo que permitirá a Gutiérrez negociar a sua transferência para outro clube. Os eventuais valores são descinhecidos, mas a exemplo do que ocorreu durante a abertura do mercado em Janeiro, o Sporting terá como objectivo mínimo recuperar o seu investimento no jogador, ou seja, os cerca de 3,4 milhões de euro do seu passe, comissões e salário. Este, segundo consta, não marca presença insignificante na folha salarial da SAD, se de facto for verdade que é um milhão de euros líquidos/ano, num vínculo contratual ainda com mais dois anos de validade.

 

Confirmando-se, a saida do colombiano não estará dependente de uma eventual venda de Slimani, jogador que Jorge Jesus já deixou bem claro que não gostaria de perder.

 

Num outro contexto, Teo Gutiérrez expressou o desejo de estar presente nos Jogos Olímpicos. À chegada à Colômbia, o avançado mostrou toda a disponibilidade para disputar a competição: "Tenho a experiência de ter jogado um Mundial. Se a equipa técnica me quiser nos Jogos Olímpicos, da minha parte seria lindo».

 

Contudo, este seu desejo só poderá vir a ser realizado se a sua saída de Alvalade se concretizar, tendo em consideração que Jorge Jesus já manifestou a intenção de não deixar os seus jogadores participar num evento que coincide com o início de temporada

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:03

Há coisas de difícil compreensão

Rui Gomes, em 17.09.15

 

12020048_10153033515451555_1252101349145021648_n.p

 

O Sporting finalmente conseguiu ver-se livre do personagem que aterrou em Alvalade em Janeiro de 2014, mascarado como jogador de futebol. Ironicamente, eu até fui um dos adeptos que fiquei mais entusiasmado com a contratação, por ver nele o futuro criativo para o meio-campo leonino. Ao fim e ao cabo, veio-se a descobrir que a sua criatividade reside em um outro campo que não o de futebol.

 

Segundo o comunicado da Sporting SAD,esta quarta-feira, o egípcio foi transferido a título definitivo para o Zamalek a troco de 650 mil  dólares (cerca de 575 mil euros), ficando o Sporting ainda com 15% numa futura mais-valia.

 

A cláusula sobre uma futura mais-valia até faz rir, mas tudo bem, o importante foi despachar o "desaparecido" e ainda recuperar o investimento feito nele.

 

A parte que ofende as minhas sensibilidades recai sobre o post na página oficial de Facebook do Sporting, em que o caro, a exemplo de vários genuínos atletas que deixaram o Clube, mereceu um placar "gigante" a desejar-lhe "boa sorte". Como se isto não fosse suficiente, no acima referido comunicado ainda consta:

 

"A Sporting SAD deseja a Shikabala as maiores

felicidades pessoais e profissionais"

 

Já temos as fotos "copy paste" do presidente e, agora, também se verificam comunicados no mesmo molde, em que é apenas necessário alterar o nome e a especificidade de valores.

 

Haja um pouco mais de imaginação, e sobretudo bom senso, por parte de quem é responsável por estas comunicações. Além do mais, considero um abuso dos valores de boa educação a publicação deste post com quem agiu tão desdenhosamente para com o Sporting Clube de Portugal.

 

Pois é... entretanto, processamos antigos presidentes em tribunal e sócios/adeptos que ousaram criticar o presidente.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:11

Bryan Ruiz confirmado no Sporting

Rui Gomes, em 08.07.15

 

Bryan+Ruiz+Wales+v+Costa+Rica+International+zFNrpN

 

O Sporting anunciou esta terça-feira a aquisição a título definitivo do médio-ofensivo Bryan Ruiz, tendo este assinado um contrato para as próximas três épocas, com uma cláusula de rescisão de 60 milhões de euros. Os detalhes do negócio com o Fulham não são conhecidos neste momento.

 

Bryan Ruiz, de 29 anos (faz 30 em Agosto), é natural de São José, Costa Rica. Começou a sua carreira profissional em 2003, com o Alajuelense da I Divisão do seu país natal. Regista passagens pelo Gent, Twente, Fulham e PSV Eindhoven. É capitão da selecção costa-riquenha e conta com 71 internacionalizações.

 

A sua apresentação oficial no Sporting - com a incontornável foto "copy paste" com o presidente - só deverá ter lugar nos últimos dias do mês, dado que o atleta encontra-se neste momento ao serviço da selecção, que disputa a Gold Cup nos E.U.A. e Canadá. A competição decorre de 7 a 26 de Junho. 

 

Creio que é do conhecimento geral que Bryan Ruiz é um excelente jogador e só o passar do tempo e de jogos demonstrará a qualidade da sua integração e contribuição no Sporting. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:06

Alimentar o impossível

Rui Gomes, em 08.12.14

 

1986241_w2.jpg

 

A comunicação social portuguesa continua a alimentar o suposto interesse do Sporting em Bruno Alves, defesa central que alinha pelo Fenerbahçe, da Turquia, desde 2013, clube que está afastado das competições europeias esta época por castigo da UEFA.

 

Neste sentido, Washington Alves, seu pai, foi abordado para comentário o caso:

 

«O Bruno sente-se bem a jogar na Turquia e gosta de cumprir contratos, mas o Sporting é um grande clube para o Bruno jogar. Um processo que leve à sua saída nunca será fácil.»

 

Admito que gostaria de ver Bruno Alves no Sporting, precisamente por ser um jogador muito experiente que poderia assumir o comando da defesa leonina. Tem 33 anos  mas a idade não é o principal impedimento, até porque defesas centrais têm a tendência de terem carreiras mais longas. Regista 77 internacionalizações por Portugal, com 10 golos marcados, e ainda há pouco tempo fez uma grande exibição contra a Argentina.

 

Com tudo isto, não vislumbro um cenário em que o Sporting possa ter a capacidade financeira para assumir o que deverá ser um elevado salário, já para não evocar o custo do passe. Btuno Alves foi transferido para o Zenit em 2010, por 22.2 milhões de euros e, para o Fernerbahçe, em 2013, por 5.5 milhões.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:12

Negócio Nani

Desert Lion, em 20.08.14

 

Por favor entendam: também me vieram as lágrimas aos olhos quando foi confirmado o regresso do Nani! Nem sei como vão passar os próximos dias até o ver de novo em jogo com a nossa camisola. O Nani foi o meu jogador favorito no Sporting e, mais do que isso, apesar de ser visto como um ídolo no Mundo inteiro, nunca negou o seu profundo Sportinguismo e o seu desejo de voltar a estar com a sua família “verde e branca”.

  

Mas, e desculpem lá este “mas” no meio de toda a euforia, como gestor e como sócio, também tenho de colocar algumas interrogações ao modo como este “feito” foi conseguido. Deixo, pois, dois alertas que espero que tenham sido levados em devida conta pela Direcção ao concretizar este negócio.

 

1) Parece que temos mais um processo às costas - e desta vez de valor muito relevante para a débil situação da SAD. Ao rasgarmos o contrato com a Doyen, deixamos de lhes pagar 12 milhões de euros. Acresce que, certamente, para efeitos de contabilização processual, a Doyen vai alegar que o Sporting recebeu um valor adicional de 5 Mio Euros (salários de um ano do Nani), dos quais 75% deveriam ser seus. Ou seja, são mais quase 4 Mio Euros. Já vamos em 16 Mio Euros. Se acrescermos Juros de Mora e alguns artificios de prejuizos provocados, danos a imagem e mais alguns “etcs”, facilmente teremos um processo de valor global na casa dos 20 ou 25 milhões de euros. Ora, tanto quanto sei, hoje em dia, estes casos estão a ser resolvidos nos Tribunais do Comércio em prazos entre um a dois anos. Poderá o Sporting enfrentar uma penhora no valor de 20 milhões de euros, ou mais, nos próximos dois anos? Ou melhor dito, já terá o Sporting crescido neste curto espaco de tempo para poder “aguentar” uma sentença negativa desse montante? Só espero que nunca venhamos sequer a saber...

 

2) Imaginem agora. Eu sou o João. Sou o accionista maioritário da J&Companhia. A J&Companhia é uma empresa falida, que apresentou resultados largamente negativos desde que foi criada. Aliás, a sua situaçãoo é tão má que os seus gestores afirmam que esteve muito próxima de se apresentar a um PER. Descobriu-se agora que um dos activos da J&Companhia vale muito dinheiro. Ao sabê-lo, os gestores trataram de vender esse activo por uma boa maquia. Recebido esse valor, resolveram doá-lo à “Missão Iate de 12 Metros” do João. Que sou eu. E que, portanto, vou ter um Iate de 12 Metros a conta de um activo bem vendido por uma empresa que está falida. O que dirão os credores da J&Companhia, especialmente aqueles que, de boa fé, aceitaram renegociar a salvação da J&Companhia? E os outros accionistas, apesar de grande parte deles serem meus amigos, estarão dispostos a que o retorno de um dos activos da empresa em que participam reverta a meu favor? Não perguntarão eles se e' objecto social da J&Companhia entregar donativos ao João, só por este ser o principal accionista da J&Companhia? Não estará a J&Companhia a “abusar” da sua situaçãoo de participada e a fazer um negócio ilegítimo, desprotegendo os restante stakeholders?

 

Estas são as questões que levanto. Espero, desejo, e bem lá no fundo penso saber, que a actual Direcçãoo do Sporting as tenha ponderado antes de tomar as decisões que tomou no que toca a este negócio. Quero crer que existiu algo de realmente grave no comportamento da Doyen que assegura totalmente a posição da SAD no processo judicial que se seguirá. Quero também crer que as decisões tomadas quanto à Missão Pavilhão o foram de forma totalmente informada e concertada com credores e outros accionistas.

 

Enfim, e apenas para terminar, só espero que convençam o Slimani a não sair ou, se sair mesmo, que contratem outro com características semelhantes. E que agora que temos dois mágicos (Nani e Carrillo) a cruzarem das pontas, tem de haver alguém forte no meio para as enfiar lá para dentro.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:51

O adeus antecipado

Rui Gomes, em 19.08.14
 

 

Muito embora no momento em que este post é publicado ainda não haja confirmação oficial por parte do Sporting, Marcos Rojo, em declarações à rádio argentina "Continental", confirmou que vai assinar pelo Manchester United (consta por quatro épocas, mais uma de opção):

 

«É um sonho jogar pelo Manchester United. Deixar o Sporting não foi fácil. Será uma linda experiência. Sempre gostei do futebol inglês. Deverei adaptar-me rapidamente a este estilo de jogo.»

 

Segundo outras reportagens, Rogo já se despediu dos colegas durante o treino de segunda-feira e viaja hoje para Inglaterra.

 

Perante confirmação, veremos os detalhes da transferência, nomeadamente se inclui a cedência de um jogador dos "Red Devils" e quem é esse jogador. A preferência do Sporting é Nani, mas caso este não estiver receptivo a voltar a Alvalade nesta altura, espero que não seja Anderson. Porque não Chicharito, que também está na lista de dispensas do Manchester ?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:50

Adeus Eric. Boa sorte !

Rui Gomes, em 31.07.14

 

 
Sem ser surpresa de maior, a Sporting SAD acaba de surgir com um comunicado a participar a transferência de Eric Dier para o Tottenham, por 5 milhões de euros, alegadamente porque esse valor estava estipulado no contrato que o jogador assinou com o Sporting em 2012.
 
Esta ocorrência, e da forma como sucedeu, obriga-me a reflectir nas informações misteriosas que surgiram hoje no blogue por parte de "enviados especiais", directa ou indirectamente mandatados pelos actuais dirigentes do Sporting. Tudo é comentado sob anonimato, salvo pelo IP, já que o nome que utilizam nada indica, e posso garantir que aqueles que surgiram aqui hoje a fazer referência à "cláusula de 5 milhões" e outros argumentos do género, nunca antes tinham comentado neste espaço. Grande coincidência !
 
Há muito que dizer sobre este assunto, e é necessário algum período de reflexão para analisar e comentar o caso devidamente. Questiono-me porque será que um jovem que está no Sporting desde criança, que sempre proferiu o seu amor pelo Clube e o seu desejo de se afirmar na equipa principal, apresentou-se, subitamente, tão ansioso por sair.
 
Os responsáveis da SAD, pelos termos do comunicado, apresentam-se como meras "vítimas inocentes" neste processo. São tudo menos isso, mesmo tendo em consideração a referida cláusula de 5 milhões de euros, aparentemente acordada de forma irresponsável pela Direcção anterior.
 
De uma forma ou outra, seja quem for a parte mais culpada, é um negócio muito mau para o Sporting, desportiva e financeiramente.
 
Nota: Recomendo ler interessante artigo intitulado "A verdade sobre Eric Dier (para lá da propaganda)" da autoria de A. Figueiredo no "faxverdeebranco.wordpress.com".
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:58

Oriol Rosell deve estar "selado"

Rui Gomes, em 01.06.14
 

 

Muito além do jornal "O Jogo" noticiar hoje que a transferência foi concretizada por 1 milhão de euros, outras circunstâncias aparentam indicar que Oriol Rosell está mesmo a caminho de Alvalade com um contrato de 5 anos.

 

John Sinnott, jornalista inglês situado em Londres, surge a garantir que o negócio foi feito e não será mera coincidência que o médio não equipa pelo Sporting Kansas City há dois jogos, sem razão aparente, especialmente num período em que o clube norte-americano foi obrigado a prescindir de três dos seus usuais titulares, que estão ao serviço das suas selecções.

 

Confirmando-se, faz sentido que o jogador goze de umas férias antes de se apresentar para a pré-época do Sporting, para evitar o tipo de desgaste a que Fredy Montero na época passada foi subjugado.

 

As referências técnicas sobre este espanhol da Catalunha são excelentes, no entanto, há algo que me incomoda. Muito embora reconheça que a "Major Soccer League" tem vindo a evoluir significativamente e está a atrair futebolistas de qualidade, sinto alguma dificuldade em compreender a razão que levou um jogador com 5 anos de formação no Barcelona e uma época na sua equipa B, a transferir-se para a Liga norte-americana com apenas 20 anos. 

 

A suas futuras exibições em Alvalade poderão (ou não) esclarecer esta contenda, mas neste momento é um caso deveras intrigante.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:53

Ao fim e ao cabo...

Rui Gomes, em 07.04.14

 

 

... o Sporting acabou por aceitar o último "desafio " do Corinthians e reatou negociações que culminaram na transferência de Elias para o clube brasileiro, a título definitivo. Isto, segundo o comunicado que foi enviado à CMVM esta segunda-feira e também já confirmado no site oficial do Corinthians.

 

Segundo a informação divulgada, o negócio envolve 100 por cento dos direitos desportivos do jogador e 50 por cento dos direitos económicos, por quatro milhões de euros, e a partir desta data a Sporting SAD deixa de assumir quaisquer custos adicionais com este, reflectindo, supostamente, uma poupança de 8 milhões de euros, em termos de salários e direitos de imagem.

 

Elias assinou um contrato válido por três anos, mas só poderá jogar a partir do dia 14 de Julho, altura em que as inscrições no Brasil reabrem. Não é explicado, de acordo com as exigências previamente estipuladas pelo Corinthians, se o Sporting descontou o custo dos salários até essa data. Outra consideração que não foi explicada, neste momento, é a posição do fundo "Quality Football Ireland Limited" que detinha/detém a outra metade do passe do jogador.

 

Uma solução óbvia e boa para o Sporting que já devia ter sido levada a bom porto há algum tempo, face às elevadas obrigações financeiras.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:01

O valor de Rui Patrício

Rui Gomes, em 24.07.13

 

Concordo na íntegra com a posição assumida pelo Sporting - mediante as declarações do presidente - em relação a uma eventual transferência do melhor guarda-redes português da actualidade. Entre diversas outras considerações, Bruno de Carvalho esclareceu que o Sporting ainda não recebeu uma proposta por Rui Patrício do Mónaco e que esta, ou outras, terão de ser condizentes com o valor do jogador.

 

As declarações podem ser lidas aqui.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:59

Ainda o negócio de Montero

Rui Gomes, em 24.07.13

É perfeitamente compreensível que nem tudo sobre negócios envolvendo clubes e atletas profissionais pode ser divulgado publicamente, salvo pelas exigências das entidades próprias. Mas tudo aquilo que quem de direito entende pode ser difundido no domínio público, deve ser feito de forma clara, correcta e concreta. A causa do todo da confusão sobre a transferência de Fredy Montero do Seattle Sounders para o Sporting é precisamente a falta de clareza e precisão, especialmente depois do clube norte-americano já ter anunciado a ocorrência no seu site oficial.

 

Verificou-se confusão desnecessária e (des) informação estupeficante, do género da que o Record publicou hoje, alegando que a transferência por empréstimo se deve a  questões de fisco da "Major Soccer League" (MLS) e para evitar pagamento de compensação pela formação de Fredy Montero ao Deportivo Cali da Colômbia. Considerações no mínimo absurdas, quando a simples verdade é que o Sporting, pelos seus condicionantes financeiros, não dispõe dos meios neste momento para comprar a pronto o passe do jogador e teve a habilidade negocial, e felicidade também, de convencer o Seattle Sounders e a MLS a aprovar o negócio agora conhecido.

 

Em primeiro lugar, a questão primordial num negócio deste cariz tem a ver com o que na MLS é denominado "Allocation Money", que se relaciona com o teto orçamental que a Liga impõe aos clubes, e que permite com que determinadas verbas sejam alocadas de forma preferencial, em condições nunca divulgadas pela Liga, pela transferência de activos para o exterior, além de outras considerações.

 

A segunda disposição adiantada pelo diário desportivo é ainda mais ridícula, pela sugestão que a transferência a decorrer desta forma permite com que o Seattle Sounders/MLS fique exempto de compensar o clube formador - Deportivo Cali - pela formação de Fredy Montero. O acordo de solidariedade da FIFA é aplicável em transferências internacionais durante a carreira toda do jogador e obedece a uma tabela de pagamento de acordo com a especificidade do termo da formação, entre os 12 e 23 anos de idade.

 

Resumindo e concluindo, sem revelar os contornos sigilosos do negócio, teria sido suficiente o Sporting participar que o jogador chegou a Alvalade por empréstimo por uma época, com o Clube a deter a opção de compra sob condições pré-acordadas tanto quanto à aquisição do activo a título definitivo como ao que concerne as condições salariais do atleta para as seguintes quatro épocas, cinco, contando com a primeira, por empréstimo. Tão simples como isto !

 

Aqueles que esperam que tudo seja clarificado através de um eventual comunicado à CMVM ficarão desapontados, porque ao abrigo das novas regras para clubes de futebol, não existe a obrigatoriedade de participar todos os detalhes em transacções deste cariz.

 

Esta é a leitura possível da transferência pela informação disponível e tendo em conta as regras relevantes. Se surgirem provas em contrário, não terei quaisquer dificuldades em rectificar o meu parecer.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:28

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo