Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

 

É por de mais óbvio que ainda existe alguma confusão entre adeptos relativamente ao todo do sistema de vídeo-árbitro. Surgiram aqui algumas considerações conflituosas que me levaram a indagar a informação necessária. Aproveito para esclarecer, desde já, que contrário à ideia de alguns leitores, o sistema recorre às mesmas câmaras que são usadas na transmissão televisiva dos jogos, embora seja possível - depreende-se em casos excepcionais - usar câmaras adicionais. Isto significa que os telespectadores têm acesso às mesmas imagens que estão disponíveis a quem está perante os respectivos monitores.

 

- Quem vai desempenhar as funções de vídeo-árbitro? 


Podem exercer as funções de vídeo-árbitros os juízes de primeira categoria que estejam no activo e aqueles que tenham terminado a carreira há pouco tempo. Neste segundo caso, só podem ser escolhidos árbitros que tenham apitado na categoria dos jogos que vão analisar. A FPF segue, neste caso, as normas do IFAB (International Board), o órgão independente que estipula as leis do futebol.


- Onde está o vídeo-árbitro em cada jogo?


O projecto da Federação Portuguesa de Futebol prevê a instalação de um centro de vídeo-arbitragem na cidade do Futebol, junto ao Estádio Nacional, em Oeiras. A ideia é que as imagens sejam transmitidas dos estádios para este centro, onde ficarão colocados os vídeo-árbitros. Estes vão estar em contacto áudio permanente com os colegas que apitam no relvado. Os testes realizados até agora permitem esperar que haja um intervalo máximo de 1,7 segundos entre o lance e a chegada das imagens respectivas ao centro. Numa primeira fase, é possível que sejam usadas carrinhas móveis, com a presença física do vídeo-árbitro no estádio onde o jogo decorre. Sobretudo no caso de estádios onde o sistema de transmissão por fibra não esteja ainda em pleno funcionamento.

- Que lances vão ser analisados?


O vídeo-árbitro vai dar indicações ao juiz da partida na validação de golos, amostragem de cartões de vermelhos, expulsões de jogadores e na identificação de infracções disciplinares que possam não ter sido detectadas durante o jogo. A qualquer momento, o árbitro pode solicitar o apoio do vídeo-árbitro ou, ele próprio, consultar as imagens dos lances através de monitores colocados no lado oposto ao do banco dos suplentes.

No caso dos golos, o vídeo-árbitro vai analisar a jogada desde o seu início, esclarecendo se houve ou não alguma falta, fora de jogo ou outra irregularidade desde o início do lance. Nos casos disciplinares, a intervenção do vídeo-árbitro visa, sobretudo, esclarecer dúvidas sobre a correcta identificação dos infractores e dos factos que dão origem ao castigo.

 

img_757x498$2017_05_05_01_17_06_624429.jpg

 

- A indicação do vídeo-árbitro sobrepõe-se à do árbitro?


Não. A decisão final sobre o lance em causa cabe sempre ao árbitro da partida. Aliás, o árbitro de jogo tem sempre de tomar uma decisão durante o jogo e só depois pode pedir a opinião do vídeo-árbitro. Não pode parar o jogo para decidir, tem de decidir primeiro e verificar depois. 

 

- Que câmaras vão ser usadas?


O sistema recorre às mesmas câmaras que são usadas na transmissão televisiva dos jogos. Caso seja necessário, poderão ser usadas câmaras adicionais.

 

- Qual o primeiro jogo a recorrer ao vídeo árbitro?


Já houve várias experiências de utilização de vídeo-árbitro em jogos do campeonato e da Taça de Portugal, mas sempre em modo off-line, ou seja, sem que houvesse intervenção deste na partida. A final da Taça de Portugal entre o Benfica e o Guimarães, realizada a 28 de Maio, foi a primeira vez que se usou o sistema com a possibilidade de ter influência no jogo. Esta operação foi feita com uma carrinha de exteriores colocada junto ao Estádio do Jamor.

 

- As imagens podem ser vistas à posteriori para efeito de castigos disciplinares?


A questão ainda está a ser analisada. Em princípio, tal não deveria acontecer, mas uma vez que as imagens do vídeo-árbitro  são as mesmas da transmissão televisiva, é natural que possam ser usadas depois dos jogos, para avaliar situações que impliquem sanções disciplinares.

 

- Como se vai proceder quando houver vários jogos em simultâneo?


A FPF pretende centralizar o sistema na cidade do futebol, mas está previsto o uso de carrinha de exteriores em estádios que não garantem uma ligação rápida a Oeiras. As mesmas carrinhas deverão ser usadas quando houver vários jogos em simultâneo – sobretudo no caso da última jornada do campeonato, em que adversários directos jogam à mesma hora.

 

- Quanto custa o sistema?


A Federação avançou com o número de 1 milhão de euros para pagar todo o sistema, mas é provável que este valor seja largamente ultrapassado. Até porque, numa primeira fase, o recurso a carrinhas – com as despesas de deslocação de árbitros e técnicos -  deverá ser necessário.

 

- Quanto recebe cada vídeo-árbitro?


O valor ainda não foi divulgado pela Federação, mas deverá rondar os 400 euros por jogo.

 

- As equipas podem solicitar a intervenção do vídeo-árbitro?


Para já, essa possibilidade não está prevista, mas fonte da Federação revela que esse cenário foi ponderado e poderá acontecer no futuro. Por agora, apenas o árbitro da partida pode pedir para ver as imagens. Os ecrãs em que o juiz do jogo pode ver as imagens serão propositadamente colocados no lado oposto ao dos bancos das equipas, para evitar que se instale a confusão enquanto o juiz toma uma decisão.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:47

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


24 comentários

Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 11.08.2017 às 08:34

Existe um aspecto incompreensível, em nome da transparência e igualdade.... que é o facto de as imagens no estádio da Luz serem da benficatv.
Não existe mais nenhum exemplo na Europa em que seja o próprio clube a transmitir os seus próprios jogos, quanto mais a serem eles próprios a dar as imagens para o video árbitro.
Admito que até podem não adulterar as imagens, mas em nome da transparência (palavra que LFV não conhece, tal como a palavra claques) nunca deveria ter sido autorizado.
Sem imagem de perfil

De Tiago a 11.08.2017 às 09:12

A SportingTV não transmite vários jogos de vários desportos incluindo os da equipa de futebol Sporting B?
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 11.08.2017 às 09:58

Os benfiquistas gostam de comparar coisas sem sentido.... eu disse uma coisa muito clara.... não existe mais nenhum exemplo na Europa em que seja o próprio clube a transmitir os seus próprios jogos, e como é óbvio estou a falar de jogos da I Divisão.

O que se diria na Liga espanhola se o Real Madrid transmitisse os seus jogos em casa?!

A retórica do nacional benfiquismo virá argumentar que a equipa B do Sporting é transmitido na Sporting Tv, como se houvesse video árbitro na II Liga.... e como se as restantes equipas como o benfica B e o porto B também não o transmitissem nos seus próprios canais.

Estamos a falar de um sistema video árbitro que deveria ser totalmente imparcial..... não misturem assuntos....
Sem imagem de perfil

De Francisco Maria a 11.08.2017 às 09:23

Por muito que lhe custe o Benfica tem todos os direitos comerciais, que valem milhões de euros, relativos aos seus jogos em casa e assim vai continuar, porque não vai abdicar deles.
E não é o único clube na Europa nesta situação, é o único no mundo, por muita azia que isso provoque.
Sem imagem de perfil

De ML a 11.08.2017 às 09:33

O que eu acho incrivel é tentar passar a mensagem de que a Btv poderá editar as filamgens para o video arbitro!! A Btv é apenas a "plataforma" que transmite os jogos, curiosamente (isto já foi dito inumeras vezes) a empresa que é responsável pela realização dos jogos da Btv é a mesma da Sportv!! Quando apenas se segue a cartilha distribuída e nem se procura informar um pouco antes de escrever...
Sem imagem de perfil

De Daniel a 11.08.2017 às 10:41

Não sei se o Schmeichel tem noção que neste momento os jogos do Benfica são transmitidos pela BTV, mas a operadora é a NOS....
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 11.08.2017 às 11:02

O que é isso de "plataforma"?!?

Porque se não existe diferenças entre BTV e SportTV, então a BTV é uma fachada da SportTV.... é isso que estão a alegar? que LFV durante este tempo todo enganou os sócios do benfica?!

O outro argumento de que a BTV é parte integrante da NOS em nada invalida que sejam benfiquistas a fazerem para benfiquistas a gestão das imagens.... quer apenas dizer que a gestão financeira é feita pela NOS.

Isto é factual e sem necessidade de contra argumentação.... não existe em mais nenhum campeonato europeu um clube que transmita os seus próprios jogos, porque isso é encarado como uma forma não transparente de os transmitir....
Se o benfica por ter mais de metade dos adeptos no pais, se acha no direito de dominar a sua própria transmissão, isto é apenas revelador do que eles acham da imparcialidade da transmissão....
Na cabeça dos benfiquistas, todos os clubes têm de viver para o benfica, porque eles são donos e senhores do Pais... e aí de quem fale mal do benfica....
Sem imagem de perfil

De PSG a 11.08.2017 às 12:05

Tenha paciência que logo logo a ciência vai descobrir a cura para o seu problema.

Em relação à sua questão e como ainda vivemos numa economia de mercado e de livre concorrência onde as empresas podem vender os seus produtos e quem querem e nas condições que o mercado lhes permite, o Schmeichel se não concorda com essa situação tem é de recalmar com a FPF para que estes nos jogos que o Benfica realiza em casa instalem câmaras próprias para efeitos do VAR, talvez seja essa a solução para o VAR conseguir ver os penáltis que são cometidos e que pelos vistos as câmaras da BTV não vêem.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 11.08.2017 às 12:33

Uma das premissas da economia de mercado é todas as empresas que competem entre elas serem reguladas da mesma forma.... se o benfica transmite as imagens dos seus próprios jogos, não é garantida a imparcialidade da transmissão.... logo não está garantida a livre concorrência!

Eu não estou a criticar as decisões do VAR, estou a criticar a imparcialidade da transmissão.... por exemplo porque razão não se pôs a linha de fora de jogo? porque razão se repetiu mais vezes o suposto penalty do Jardel do que os golos anulados? porque razão temos de ouvir adeptos assumidos do benfica a analisarem lances de arbitragem?

Eu costumo ouvir dizer por parte dos benfiquistas que todos os clubes em Portugal vivem à custa do benfica.... é esta mentalidade egoísta que prevalece no clube da Luz... por isso percebo a vossa incapacidade em perceber que não é aceitável a BTV transmitir os jogos do benfica... na vossa mentalidade, vale tudo para ganhar!
Sem imagem de perfil

De PSG a 11.08.2017 às 14:49

Mais uma vez meu caro a sua vizão é obscurecida por um anti-benfiquismo primário.

Está como é obvio errado, cada empresa está no seu direito de oferecer ao mercado o que acha que deve oferecer, o mercado ou compra ou não compra. Dizer que as imagens da BTV são manipuladas é uma interpretação sua mas mais uma vez vê quem quer, o que é que isso tem a ver com o VAR? nada.

Não sei se o VAR também recebe as imagens da emissão TV mas como é obvio o VAR recebe as imagens das câmaras que estão definidas para a sua utilização, se são poucas cabe à FPF avaliar e corrigir, agora não pode dizer que a análise do VAR está condicionada pelo facto da transmissão ser feita pela BTV, isso é falso.

No jogo em particular e que parece já estar a causar-vos tanta comixão, no lance do golo anulado ao Braga não tenho dúvida de que o árbitro decidiu como é prática comum, ou seja, considerou fora de jogo porque interpretou dessa forma a jogada ou então teve dúvidas e decidiu como é habitual decidir, em caso de dúvida é fora de jogo e neste caso está errado porque as regras dizem exatamente o contrário.
Já relativamente ao lance com o Jardel na área aos 45m, foi penalti, o árbitro não viu porque estava tapado e o VAR foi inutil.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 11.08.2017 às 15:20

O meu anti-benfiquismo primário permite-me dizer que o VAR esteve bem no jogo benfica-Braga.... anulou bem os golos do Braga.... veja lá!!!

Outra coisa é você vir com a conversa da treta a comparar economia de mercado, com o facto de a BTV transmitir os jogos do seu clube.... o que o mercado permite?!?! portanto se o mercado permitir corromper árbitros.... está tudo bem, desde que o mercado o permita... que raio de mentalidade!!

Será pedir muito que as transmissões dos jogos do benfica sejam feitas de um modo imparcial?!? só estou a pedir que seja feito, o que é feito em todo o mundo....
Sem imagem de perfil

De PSG a 11.08.2017 às 15:42

Mas o mercado não permite que um clube detenha um canal de TV? permite.
Mas existe algum impedimento a que um clube transmita no seu canal os seus jogos em casa? não existe
Mas um clube pode corromper àrbitros? não pode e se o fizer tem de ser devidamente castigado.

O que é que uma coisa tem a ver com outra? nada.

Quanto à questão da parcialidade, as imagens são o que são os comentadores é que podem não ser impaciais, não me parece que neste caso entre o que é a situação atual e as alternativas possiveis não há grandes diferenças.
Sem imagem de perfil

De PSG a 11.08.2017 às 15:47

Não tendo questionado a sua interpretação do VAR em relação ao jogo, fiz sim uma observação mais generalista.

Mas deixo-lhe a minha opinião.
Para que não existam dúvidas, as decisões do VAR e mesmo do árbitro deviam ser anunciadas aos espectadores, no particular das análises do VAR deviam ser transmitidas as imagens que serviram de suporte a essa decisão.
Sem imagem de perfil

De NMRC a 11.08.2017 às 19:21

Creio que esta entrevista do Sr. David Elleray à Renascença poderá ajudar a esclarecer o porquê de não existir qualuqer conflito de interesses em ser a Btv a transmitir o jogos do SLB.

http://rr.sapo.pt/noticia/90938/david_elleray_video_arbitro_tem_controlo_total_e_independente_das_imagens?utm_source=sapo

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo