Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

maxresdefault.jpg

 

O título do post era para ser outro, mas a segunda parte da partida estragou-me os planos. De qualquer modo, um primeiro período de sonho, nada menos do que espectacular, a ser necessário um guia para acompanhar os acontecimentos. Ora vejamos:

 

Tudo começou com o golo bastante madrugador de Doumbia (2') que deu uma injecção de confiança aos "leões" e deixou a equipa grega muito intranquila.

 

Segue-se Gelson Martins, aos 13', com o segundo golo e ainda Bruno Fernandes com o terceiro, aos 43'.

 

Entretanto, aos 18 minutos, Bruno Fernandes manda um remate ao poste, Doumbia, aos 20', isolou-se e perdeu uma enorme oportunidade e, ainda, Sebastián Coates, aos 22', também isolado, que falhou o golo. Para culminar o que foi um período digno de um filme de Steven Spielberg, Gelson Martins, perante uma baliza totalmente descoberta, manda o esférico à trave, aos 40 minutos.

 

O Sporting alinhou de início com o seguinte onze: Rui Patrício, Cristiano Piccini, Sebastián Coates, Jérémy Mathieu, Jonathan Silva, William Carvalho, Rodrigo Battaglia, Gelson Martins, Marcus Acuña, Bruno Fernades, Seydou Doumbia.

 

Suplentes: Romain Salin, Stefan Ristovski, Tobias Figueirdo, Petrovic, Alan Ruiz, Bruno César e Bas Dost.

 

21752011_10154711937531555_6739643181846324249_n.j

 

Uma segunda parte distinta, que perto dos instantes finais ainda chegou a assustar. O Sporting mudou o seu plano de jogo, reduziu a intensidade, procurou mais posse de bola, excessivamente calculada, diga-se, baixou a pressão ofensiva e começaram a surgir os erros. Nenhum foi fatal nessa fase do jogo, mas permitiu ao Olympiacos entrar num jogo em que até esse ponto tinha sido completamente avassalado.

 

A equipa grega conseguiu reduzir o marcador para 3-2, perto do cair do pano, mas não sem Bas Dost ter mandado outra bola aos ferros.

 

Acho que as opções de Jorge Jesus no segundo tempo são discutíveis, pelo óbvio desgaste de alguns jogadores. Bruno Fernandes devia ter saído muito mais cedo e dar entrada a Petrovic para reforçar o meio-campo. Tanto William como Battaglia também davam sinais bam visíveis de cansaço.

 

Apesar da primeira parte fenomenal, acabou por não ser um resultado histórico, mas esteve muito perto de ser precisamente isso. Parabéns aos jogadores do Sporting pelo espectáculo com que nos brindaram, enquanto lhes foi possível.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:38

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


37 comentários

Sem imagem de perfil

De Pastor a 12.09.2017 às 22:11

Plenamente de acordo. Uma primeira parte verdadeiramente deliciosa. Devia ter sido um resultado histórico. A segunda parte compreendo o baixar a intensidade. No entanto não compreendo demasiado amadorismo que vi na parte final.

Quando foi por o risto qualquer coisa ( não sei escrever o nome) o JJ não sabia passar as indicações e teve de ser o Petrovic a dizer-lhas. Depois o Gelson pergunta-lhe (a risto) o que tinha sido dito e ele responde com um encolher de ombros. Será por isto que tem que se adaptar o Bataglia?

O Amarelo do Bruno César não devia ter acontecido. Se bem que ele tenha razao porque o golo é limpo e não sei porque carga de agua foi anulado.

E o amarelo a Bruno Fernandes é para os apanhados. Primeiro era para sair depois já não era e no fim sai amarelo. Incompreensivel.

Ganhamos foi o que interessa. No entanto estavam reunidas todas as condições para um resultado histórico e não para um final de nervos.

Posto isto gostava só de fazer um aparte relativamente aos golos do Olimpiacos. Acho que o Patricio na segunda parte esteve francamente mal.

SL
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 12.09.2017 às 22:58

Acho que no golo invalidado a Bruno César, o árbitro considerou que ele fez falta (empurrou) o defesa. Pareceu-me isso...
Sem imagem de perfil

De Pastor a 12.09.2017 às 23:35

Também me pareceu ser isso. Mas não ha, tanto quanto eu tenha visto, qualquer falta de nenhum jogador naquela jogada.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 12.09.2017 às 23:44

São os tais critérios, que nem sempre nos favorecem. De qualquer modo, Bruno César não tinha necessidade de se exceder e apanhar o amarelo.
Sem imagem de perfil

De Pastor a 13.09.2017 às 00:00

Isso meu caro Rui é claro como a água. O amarelo a Bruno César pura e simplesmente não devia ter acontecido. Amarelos por protestos e por tirar a camisola em festejos era algo que não admitiria em nenhuma equipa minha que treinasse.
Imagem de perfil

De Greenlight a 12.09.2017 às 22:11

Foi uma noite desportiva bem conseguida!
O Sporting podia e devia ter marcado mais golos. No fim, foi de aflitos, não pode ser apenas coincidência.
Finalmente, há que dizê-lo mais uma vez, o Jonathan é muito fraco, está nos 2 golos do Olympiacos, é um caso perdido. Há que encontrar outra solução, que não seja o Buno César, para suprir as ausências do Coentrão.
Imagem de perfil

De PSousa a 12.09.2017 às 22:21

Que maravilha de 45 minutos, pena tenho que as outras bolas não tivessem entrado! Jonathan NÃO é, ou não está a mostrar ser, jogador para o nosso SPORTING. No mercado de inverno, se este não melhorar, temos de reforçar este lado.
Amarelos como os dos Brunos, não podem acontecer!
Não critiquem Patrício, não foi ele que deixou o Pardo à solta!

O que realmente interessa, 3 pontos... uma vitória fora com o adversário que dizem que vamos lutar pela Europa! Será?
Uma nota final, tenho pena que o rival não tenha conseguido pontos para Portugal!
Sem imagem de perfil

De Pastor a 12.09.2017 às 22:53

Eu não critiquei o Patricio. Apenas disse que na minha opinião esteve francamente mal na segunda parte do jogo.

Não me interprete mal. Não acho, nem disse, que a culpa dos golos sofridos é da inteira responsabilidade do RP. Acho sim que fez abordagens a lances ( como por exemplo a do segundo golo) que foram más. O que levou a que, na minha opinião, fizesse uma má segunda metade. Jogos maus ou maus momentos de jogo todos temos. O que disse não era para ser interpretado como uma critica ou desvalorização do seu valor.

De resto tenho a mesma opinião que o seu comentário.

SL
Sem imagem de perfil

De Pastor a 12.09.2017 às 22:58

Aliás, e para melhor percepção, em vez de lhe indicar um lance que deu golo deixe-me exemplificar com um outro.

O lance em que fez um passe e entregou a bola ao avançado do olimpiacos e só não deu golo porque houve um corte importantissimo a evitá-lo. Não foi golo portanto acaba por nao ressalvar tanto mas não deixa de ter estado mal.

Resumindo, não acho que o Patricio esteja estado mal na segunda metade pelo facto de o SCP ter sofrido dois golos nem lhe atribuo responsabilidades totais neles. Mas sim porque acho que esteve a jogar muito menos bem que o que sabe fazer globalmente.

Peço desculpa mas não tenho o dom da palavra, no entanto tentei ser o mais claro possivel.

SL
Imagem de perfil

De PSousa a 12.09.2017 às 23:02

Sim, esse lance também me deixou de cabelos em pé!
E os que ele pontapeia para as laterais, embora ache que é treinado, são em demasia!
Venha o Barça!
Imagem de perfil

De PSousa a 12.09.2017 às 22:59

Pastor,
Mas não foi só pelo seu comentário, foi o que tenho visto na blogosfera do FB!
O RP a meu ver só poderia ter feito melhor no primeiro golo, onde defendia com o pé em vez de tentar com a mão... mas...
Agora o Jonathan, ou melhora muito ou tem de voltar para a Argentina. Há tanto defesa esquerdo no nosso Portugal que faz um pouco melhor que ele!
Enfim...vale os três pontos, espero que não necessitemos dos golos falhados e dos sofridos hoje para por exemplo ser 2º do grupo.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 12.09.2017 às 23:06

Todos nós reconhecemos que o Jonathan não esteve bem em alguns lances, mas também é ilusório focar apenas nele para justificar o rendimento da equipa na segunda parte.
Imagem de perfil

De PSousa a 12.09.2017 às 23:09

Rui,
Não estou a dizer que o Jonathan é culpado da 2ª parte, mas sim a dizer que nos dois lances dos golos do Pardo podia e devia ter feito muito mais. Já na primeira parte ele falhou "N" vezes que o JJ lhe gritava "olha as costas" e nem assim ele corrigia.
Será que COSTAS em Argentino (espanhol) quer dizer outra coisa? AH AH AH
Sem imagem de perfil

De Pastor a 12.09.2017 às 23:41

Nisso concordo. O homem não tem posicionamento nenhum. Não foram raras as situações em que o vi ir cobrir ao centro. Ou demasiado perto da linha final em lugar de estar mais atras para impedir que o extremo va para o centro do terreno.

No fundo para mim este final deve-se bastante a JJ. As substituições foram algo lentas. E já no benfica tinha notado, e no SCP começa-se a ver muito bem nesta época, que as equipas dele não sabem, por norma, controlar bem o jogo. Pelo menos é esta a sensação que tenho faz algum tempo e que agora está a intensificar-se com este inicio de época.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 12.09.2017 às 23:49

Esse é um assunto para ser debatido em pormenor, mas digo-lhe desde já que parte do dilema deve-se à sua eterna teimosia em ir com os mesmos jogadores da sua confiança, até além dos limites. E quando vai ao banco, quem normalmente sai também é algum "menino" seu.

Equipou Alan Ruiz, por exemplo, para ficar sem extremos como alternativa, uma vez que o Iuri foi para a bancada.
Sem imagem de perfil

De Angelo a 12.09.2017 às 22:36

O Sporting faz um belo jogo na primeira parte. Na segunda parte segundo o seu treinador teve excesso de confiança quando estava a ganhar, mas isto já nos aconteceu com o Feirense e o Estoril , a equipa perde concentração e intensidade e isto em alta competição paga-se caro se o Sporting quer ganhar alguma coisa o seu treinador tem que mudar esta atitude se não não vamos a lado nenhum.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 12.09.2017 às 23:01

Acho que a questão não se resume a excesso de confiança. É óbvio que Jesus deu instruções ao intervalo e a equipa não resumiu o jogo com a qualidade desejada. Entretanto, começou-se a evidenciar o desgaste e ele tardou muito a mexer, nomeadamente no meio-campo.
Sem imagem de perfil

De HY a 12.09.2017 às 22:48

Curiosamente, hoje sou, que por vezes o defendo, quem vem criticar o JJ pelo modo como conduziu a equipa na segunda parte e pelas suas escolhas. Com o Acūna e o Gelson desgastados e não tinha o Iuri no banco. E a rábula dos dois defesas laterais em campo. Só podia desequilibrar a equipa. De facto, se nem a ganhar 3 a 0 há espaço para fazer jogar os jovens que sabem jogar...


Como foi possível, em 10 minutos, apanhar 3 cartões amarelos e sobpfrer dois golos? Sim, o Jonathan foi muito fraco, mas estava tudo em modo desligar e o leader deu o exemplo.

Só espero que não venhamos a chorar por termos deixado escapar tamanha vantagem entre os dedos...
Sem imagem de perfil

De juliuscoelho a 12.09.2017 às 22:56

Uma recuperação depois de estar a perder 2-0 e ganharmos o jogo seria fantastico e estavamos euforicos mas a ganhar 3-0 e mais uma vez consentir mos 2 golos deixa-nos com azedume e desconfiados .

Ja tinha escrito apos o jogo com o Feirense que é uma questao de mentalidade, esta equipa do Sporting ainda nao sabe gerir resultados.
Gerir uma vantagem à que manter pressao na frente so que com o bloco mais fechado e a intensidade nao pode descer assim tao a pique.
A mensagem de JJ nao está a passar neste capitulo inclusive com essa mensagem nas substituiçoes .
A equipa deixa-se cair e absorver pela inercia chegando ao proprio Rui Patricio que perde concentraçao.
À que mudar este chip rapidamente porque vai trazer-nos dissabores no futuro.
Nao se pode deixar destruir o esforço fantastico de se marcar primeiro que o adversario 2 e 3 golos nos jogos e depois oferecermos vida aos mortos.

Jonatham Silva ufff que desastre faz lembrar de novo o holandes que nao ganhava uma bola no 1 para 1.
Nao sabe posiconar-se e muito debil nas bolas para as suas costas.
Sempre que nao tivermos o Coentrao estamos f......por aquele lado.
Piccini aos poucos começa a convencer.
Gelson nao pode falhar aquela bola que atirou à trave a baliza estava deserta .
Bruno devia ter evitado aquele amarelo .
Fantasticos primeiros 30 mt.
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 12.09.2017 às 23:03

Magnificos 45 minutos a roçar a perfeição!
Dupla de centrais em grande plano, Acunā dá tudo pela equipa, William e Rodrigo muito bem, Bruno Fernandes fez para mim o jogo menos conseguido desde que está no SCP, Doumbia tem momentos em que se ausenta do jogo. Silva o elo mais fraco do onze.
Segunda parte bem distinta em que ninguém se destacou, muitos erros e até Patrício tremeu.
Valeram os 3 pontos, valiosos por serem conquistados fora de casa e na primeira jornada, e contra o suposto adversário para a obtenção do lugar que permite seguir na Liga Europa.

Ser do SCP é isto, quase nada é fácil e temos sempre que sofrer porque nada nos é dado.
Ainda assim, eu não poderia ser de outro clube, porque amo o SCP e agradeço muito ao meu pai por isso.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 12.09.2017 às 23:09

O seu último parágrafo descreve o que me passou pela mente na segunda parte. Estava eu completamente tranquilo e até à espera de mais golos, mas lá veio o tradicional sofrimento.

É o que é e não vamos mudar por isso...
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 12.09.2017 às 23:31

Olhe que começo a temer pelo meu coração, mesmo só com 43 anos. Não entendo a longevidade de alguns sportinguistas a sofrer tanto pelo SCP.
Com a agravante de já ter passado esse legado de ser Sporting as minhas filhas, também sofredoras.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 12.09.2017 às 23:39

Não diga isso a brincar. Eu tive um problema cardíaco há uns anos e fui obrigado a deixar de ver jogos do Sporting in loco e em locais públicos, porque me enervava muito.

Hoje, felizmente, estou estável e tanto a perder como a ganhar já não me excito muito. Aprendi a controlar-me, para o meu próprio bem.
Imagem de perfil

De PSousa a 12.09.2017 às 23:18

Muito bom o seu paragrafo final, eu acredito que nenhum Leão esteja descansado mesmo a ganhar por 10...LOL
O nosso coração é muito forte e aguenta... não sei por quanto tempo...mas aguenta!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 12.09.2017 às 23:41

Tudo tem limites e eu sei isso por experiência própria.
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 12.09.2017 às 23:57

E a malta encarnado sempre pronta a opinar sobre o SCP?
Será que hoje não pagaram a Internet?
Brincadeirinha, faz parte da rivalidade
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 12.09.2017 às 23:44

Quando se ganha, não é bonito fazer critica mas, vou fazer uma exceção :))))

Desculpem mas, eu não gostei deste Sporting.
Com 3 a 0 e a jogar bem, normalmente o adversário está desmoralizado.. Não foi o caso em nenhum momento do jogo!!
Atenção a esse promenor..
Os falhanços incríveis do Olympiacos ajudaram a um resultado, primeiramente inesperado e depois a tremenda efectividade foramvpreponderantes.. 4 oportunidades 3 golos e depois foi o desperdicio, senão seriam 5 ou 6 ou 7

Este Olympiacos não é melhor que o Feirense. Taticamente muito pior.. A diferença é que o Feirense não tem goleadores.
Se falam mal do Jonathan Silva, o que dizer do Diogo Figueiras :)))
E aquele Carcela.. Ufff! Que mau jogador.

Dos milhões, da vitória no caldeirão grego..
Dos tres pontinhos com um adversário direto.. Gostei.
Maravilhoso!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 12.09.2017 às 23:51

Carlos,

Estupefacto ficava eu se não houvesse alguma crítica !

Bem... a segunda parte ofereceu o ensejo, sem dúvida, mas foi um primeiro período espectacular.
Sem imagem de perfil

De juliuscoelho a 13.09.2017 às 00:04

Volto à grande questao da misteriosa perda repentina de capacidade de controlar o jogo com vantagens de 2 e 3 golos.

3 seguidas ja nao é coincidencia é mesmo um problema que temos que nos preocupar e que dá cabo dos nossos coraçoes.
Lanço mesmo um repto ao nosso caro e amigo Rui Gomes para um post para este tema.

A minha opiniao para a principal causa é a falta de um capitão como Adrian para põr ordem na equipa quando nos dificeis momentos que a equipa passa no jogo.
Eu explico.
Aqui se vé a imensa importancia de Adrian como capitao respeitado e reconhecido pelos colegas.
Adrian tem uma boa leitura do jogo e percebe os seus timings ,quantas vezes vimos Adrian gritar para os colegas para pressionarem ou para recuperarem posiçoes.
William ou nao tem essa capacidade de leitura do jogo ou ainda nao percebeu os timings quando a equipa precisa de si é uma funçao nova mas a equipa precisa de uma voz de comando na hora de gerir o jogo.
JJ nao pode nunca expor publicamente a lacuna de falta de voz no relvado.
Urge resolver este problema.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 13.09.2017 às 08:57

Jonathan Silva mais uma vez culpado em golos sofridos. Acho que só nos safamos quando as 2ª partes forem jogadas perto do banco do SCP, pois aí o JJ dá-lhe na cabeça logo se ele deixar as costas sem marcação. lol

De resto podíamos ter feito uma goleada. Curiosamente Doumbia em 2 assistências nos lances que foram ao poste/barra.

Comentar post


Pág. 1/2





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Cristiano Ronaldo