Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A sina do treinador e a natureza do adepto

Naçao Valente, em 22.10.18

 

mw-680.jpg

 

A profissão de treinador é das mais precárias. Vive e sempre viveu de resultados. Poucos, muito poucos, fizeram a carreira sem serem dispensados. E esses poucos, para além da sua qualidade, foram os que tiveram a sorte de estar em clubes, onde não vencer é a excepção.

 

Os adeptos querem que a sua equipa ganhe sempre. É a natureza do adepto. Mas o adepto do Sporting é especial: ganhar não chega, é preciso muito mais, dar espectáculo. Mas se a equipa der espectáculo e acumular derrotas, o treinador, vai  também de vela. Ou seja, preso por ter cão e preso por não ter. É muito difícil contentar a tribo do futebol.

 

Um dos responsáveis por esta situação, é Sousa Cintra, que apesar dos bons serviços que prestou ao Sporting, criou altas expectativas, quando não havia condições para tal. Dizer que com os retalhos de uma equipa destroçada ,iríamos ser campeões, colocou pressão desnecessária na estrutura, e ilusões na mente dos adeptos, que reagem pela emoção e não pela racionalidade, e muito menos pela razoabilidade.

 

José Peseiro, que na passagem anterior pelo Sporting, tinha uma equipa que jogava bom futebol, e perdeu tudo por uma unha negra, construiu uma equipa mais preocupada com o resultado do que com a exibição. E enquanto teve à sua disposição todo o plantel, foi conseguindo esse objectivo. Jogar sem Mathieu e sem Bas Dost é jogar sem a mesma consistência na defesa e sem presença na área. Não se pode dissociar as más exibições da qualidade individual. E quando se colocam as segundas linhas, o problema amplia-se.

 

Portanto, na minha perspectiva, o problema de José Peseiro, para além das limitações do actual plantel, é estar amarrado à obsessão do resultado. Isso reflecte-se na estratégia, na alteração do onze, na ousadia de arriscar. Isto tem-se vindo a verificar de jogo para jogo. Uma vez conseguido o resultado positivo, procura-se defendê-lo, dando oportunidade ao adversário de crescer. Quando jogou sem medo, como na visita ao Estádio da Luz, esteve quase a ganhar.

 

Voltando aos adeptos, estão a demonstrar uma falta de paciência preocupante e a revelar uma memória muito curta. Ainda na época anterior, uma equipa, bem mais apetrechada de valor, perdeu com o Estoril (desceu de divisão) e para ganhar a final da Taça da Liga ao Vitória de Setúbal, viu-se obrigada a ir a penáltis. E outros exemplos poderia dar. Essa falta de memória alarga-se aos acontecimentos do final da época e das suas consequências, que ainda se reflectem no que se passa neste momento, nomeadamente no plantel.

 

Esta equipa tem jogado mal? Tem. Está afastada de alguma competição? Não. Vai estar no futuro, como aqui auguram profetas da desgraça? Não sei. Vivo de realidades, não de especulações. Alguns adeptos têm estado mal, neste contexto? Têm. Se não querem ajudar, que não ajudem, mas deixem a equipa jogar e ganhar. Com a contestação, porque sim e porque não, só estão a contribuir para piorar.

 

P.S: Os meus fervorosos parabéns a Rui Patrício, que mostrou a sua gratidão, ao Sporting, prescindindo de muitos milhões, para facilitar o acordo da sua saída. Uma bofetada de luva branca a quem a merece. Duvido que os que o crucificaram, fizessem tal acto na sua vida privada.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:33

 

 

A visita da equipa de futebol feminino do Sporting à ilha da Madeira não teve o desfecho mais desejado. À 4.ª jornada da Liga BPI, o Sporting cedeu os primeiros pontos do campeonato, ao empatar a uma bola com as insulares, num jogo que ficou marcado pelo dilúvio que se abateu no Campo Complexo Desportivo C.F. Andorinha. 

 

No final da primeira parte o nulo no marcador espelhava as dificuldades sentidas pelas bicampeãs nacionais, que alinharam com Patrícia Morais, Carlyn Baldwin, Carole Costa, Nevena Damjanovic, Rita Fontemanha, Tatiana Pinto, Sharon Wojcik, Fátima Pinto, Solange Carvalhas, Diana Silva e Carolina Mendes.
 
Na segunda parte, aos 69', Ana Capeta desfez a igualdade, dando a vantagem às visitantes, só que o Marítimo viria a empatar aos 80', tendo sido esse o resultado que se manteve até final, num livre da brasileira Giovana Maia, naquele que foi o primeiro golo sofrido pelo Sporting esta época.
 
Na próxima ronda, o Sporting regressa à Academia para defrontar o Ouriense, partida agendada para as 15h00 do próximo domingo. 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:32

Equipa leonina goleou o GD Valverde

Rui Gomes, em 22.10.18

 

43878039_10155507129351923_4574009744968122368_n.j

 

A equipa feminina de futsal do Sporting Clube de Portugal recebeu e venceu, esta tarde de domingo, o GD Valverde por um resultado expressivo de 9-1. 

 

As leoas, à passagem pela quarta jornada do Campeonato Nacional de Futsal Feminino, golearam em pleno Pavilhão João Rocha, conseguindo a sua terceira vitória consecutiva. 

 

Com este resultado, as leoas situam-se em 2.º lugar no campeonato, a cinco pontos do líder Benfica, mas com um jogo a menos.

 

Na próximo jogo, as verdes e brancas deslocam-se até ao reduto do Povoense, pelas 19h de dia 27 de Outubro (sábado) para lutarem pela conquista de mais três pontos. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:31

Foto do dia

Rui Gomes, em 22.10.18

 

44495299_10155569461186555_639489131084251136_n.jp

 Miguel Luís estreou-se oficialmente na equipa principal

ao entrar em campo aos 89' no jogo com o Loures.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:30

Gosta de carros ?

Rui Gomes, em 21.10.18

 

image.jpg

 Um dos carros mais caros do Mundo

1960 Fiat 600 Jolly - Leilão 2014 - 79 mil dólares

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:30

 

img_920x518$2018_10_21_17_08_38_1462930.jpg

 

Considerações de Nuno Dias - treinador da equipa principal de futsal - após a derrota dos leões, por 4-1, este domingo, no Pavilhão da Luz, perante o rival da Segunda Circular:

 

"O jogo até estava a ser muito equilibrado na primeira parte, até aos dois golos do Benfica, ambos em lances para os quais estávamos preparados. Houve mérito do Benfica e demérito nosso. Sabíamos que era uma das formas do Benfica sair da pressão.

 

Reagimos, chegámos ao intervalo com 2-1. Na segunda parte, num erro individual do Pany (Varela), sofremos o 3-1 e, depois, o 4-1 surge já numa situação de risco nosso, em que temos o guarda-redes avançado.

 

Benfica foi superior e mereceu inteiramente esta vitória, mas em nada apaga tudo o que o Sporting tem feito. Temos de aumentar a agressividade defensiva, para equilibrar os duelos individuais e situações de um contra um. O Benfica, aí, foi melhor, ganhou quase todos os lances divididos.

 

Foram três anos sem perder no campeonato, agora há pessoas que devem estar todas satisfeitas. Cabe-nos continuar a trabalhar e a melhorar, sabendo que tivemos muitas mudanças. As coisas levam o seu tempo a rotinar. Daqui em frente só temos a melhorar".

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:43

Foto do dia

Rui Gomes, em 21.10.18

 

44579721_10155568645526555_6439110777998671872_n.j

 Apesar da modesta exibição, há alegria nos «capitães».

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:10

Fotografia com história dentro (118)

Leão Zargo, em 21.10.18

 

Pacheco Nobre Sporting.png

 

Pacheco Nobre, uma alternativa às estrelas

 

Há jogadores que, não tendo conseguido brilhar num “grande” do futebol português, parece que se transformaram quando se libertaram das grilhetas do peso da camisola. Também eles contribuíram para que o futebol se tornasse em Portugal no desporto-rei. Foi o caso de Pacheco Nobre contratado pelo Sporting ao Barreirense no Verão de 1944 quando tinha 19 anos de idade. Era avançado e jogava a extremo direito ou a extremo esquerdo, os lugares onde brilhavam Jesus Correia e Albano. Nunca se conseguiu impor por isso mesmo, mas foi sempre um jogador de grande utilidade e normalmente a primeira opção quando um deles não podia alinhar. Sendo contemporâneo dos “Cinco Violinos”, era uma alternativa às estrelas leoninas.

 

Jogou na equipa de reservas em 1944-45 e na equipa principal em 1945-46. Por não se conseguir impor no Sporting transferiu-se para a Académica de Coimbra em 1946, onde se destacou de tal maneira que foi selecionado para um Escócia - Portugal realizado a 21 de Maio de 1950. Pelo destaque que obteve, voltou a jogar pelos leões em 1950-51 e 1951-52. Foi Campeão Nacional por duas vezes e conquistou a Taça de Portugal também duas vezes. Marcou um golo na histórica goleada ao Benfica por 8-1, na festa de despedida do Manecas. Fez o último jogo com a camisola verde e branca na meia-final da Taça Latina frente ao Nice, em 25 de Junho de 1952. No Sporting participou em 18 jogos oficiais na equipa principal, nos quais marcou 5 golos.

 

Faleceu no passado dia 17 de Outubro com 93 anos. Era o sócio nº 1.323 do Sporting Clube de Portugal.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:02

 

download.jpg

 

Uma exibição desinteressante do Sporting, mesmo considerando o 'onze' alternativo que apresentou em Alverca, frente ao Loures, equipa que milita no Campeonato de Portugal e que nesta data se situa em 13.º lugar do Grupo C.

 

Seja qual for a equipa inicial, é inegável que este Sporting não está a jogar futebol de grande qualidade e daí que as exibições deixem muito a desejar, como foi o caso ontem. 

 

O problema reside no treinador, no plantel ou na combinação das duas coisas?... Muito subjectivo, obviamente, mas é provável que a terceira consideração se aproxime mais da realidade.

 

Grande mérito da equipa do Loures que lutou dentro do máximo das suas possibilidades e dignificou o emblema que representa. Não deixa de ser interessante que durante a semana foi publicada uma entrevista com um dos seus jogadores, filho de um antigo futebolista do Sporting de nome Mário, que, aos 28 anos, ainda aspira jogar de "leão ao peito". Esse jogador chama-se Juninho, autor do golo do Loures. As ironias da vida...

 

 

Creio que o verdadeiro teste da época para a equipa verde-e-branca vai ser a recepção ao Arsenal, na próxima quinta-feira, em jogo da fase de grupos da Liga Europa. Ainda sem Bas Dost, é verdade, mas dará para esclarecer de uma vez por todas o que realmente consta este Sporting.

 

P.S.: Não gosto de ver a equipa ser vaiada, indiferente da qualidade da exibição, e aqueles cânticos depreciativos das claques no final do jogo só contribuiram para o mal estar de todos. Nunca aprendemos ?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:03

Mentiras e vigarices flagrantes

Rui Gomes, em 21.10.18

 

19668301_GZJst.jpg

O período Mário Figueiredo teve tantas mentiras e vigarices flagrantes (culminadas no golpe patético que o reelegeu como presidente por quinze dias) que nunca verdadeiramente entendi como pôde a directora-executiva Andreia Couto manter-se na Liga depois de três anos de cumplicidade, muito acima do necessário, com aquela triste figura.

 

Das duas uma: ou achou bem a falta de escrúpulos permanente, da qual existem dezenas de exemplos, ou não dispõe de discernimento para perceber o que lhe passa a milímetros do nariz. No mínimo, a fraude eleitoral devia tê-la despertado.

 

Para além de tudo isso, em 2014, dezasseis associados da Liga apresentaram contra ela uma participação criminal por abuso de poder. Como é que, depois de todos esses sinais, de todas estas provas de inabilitação, achou melhor ficar por lá?

 

José Manuel Ribeiro, jornal O Jogo

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:02

Sporting cede dérbi na "negra"

Rui Gomes, em 21.10.18

 

voleibal_sporting-benfica_4_0.jpg

 

O Sporting perdeu com o rival Benfica, por 3-2, no dérbi que marcou a 4.ª jornada do Campeonato Nacional de voleibol.

A jogar no Pavilhão João Rocha, os leões começaram melhor e venceram o primeiro set por 25-22, com o Benfica a responder de seguida com o mesmo parcial. Seguiu-se nova vitória do Sporting, esta por 27-25, mas os encarnados restabeleceram o empate com 25-23 no quarto set.

 

Na ‘negra’, o Benfica foi superior e venceu por 15-9, mantendo assim a invencibilidade no campeonato, que lidera agora isolado.

 

Foi o terceiro triunfo do Benfica sobre o Sporting esta época depois das vitórias no Torneio das Vindimas e na Supertaça.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:01

 

ronaldo33.jpg

 

A Juventus empatou 1-1, com golo de Cristiano Ronaldo, diante do Génova e perdeu os primeiros pontos na liga italiana desta temporada.

 

O golo de CR7, o quinto no campeonato, foi apontado aos 18', aproveitando o ressalto de uma bola rematada por João Cancelo e desviada por um defesa.

 

Na segunda parte um ex-jogador da Olhanense, Daniel Bessa, fez o empate aos 67', após assistência de Kouamé.

Do lado do Génova também jogou o defesa Pedro Pereira. O avançado Iuri Medeiros não saiu do banco.

 

A Juve mantém-se na liderança da Série A, com 25 pontos, mais 4 do que o Nápoles.

 

Com este golo, Cristiano Ronaldo tornou-se o primeiro jogador a chegar aos 400 golos nos principais campeonatos europeus.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:00

Gosta de carros ?

Rui Gomes, em 20.10.18

 

e724377ebf315352adad453a6696e08b.jpg

 Um dos carros mais caros do Mundo

1953 Nash-Healy Roadster - Leilão 2008 - 253 mil dólares

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:50

 

 

 

Com um final de jogo repleto de oportunidades para os Campeões Nacionais, os nossos Leões conseguem finalmente a reviravolta a 10 segundos do fim e entram a ganhar na Liga Europeia de Hóquei em Patins, frente ao Forte dei Marmi.

 

Golo de Toni Perez dá a vitória à equipa leonina.

 

Parabéns leões!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:49

Sporting... sempre !

Rui Gomes, em 20.10.18

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:00

 

liga-revelacao (2).jpg

 

A equipa de sub-23 do Sporting venceu, esta manhã de sábado, o Belenenses, por 3-0, à passagem pela 10.ª jornada da Liga Revelação.

 

Depois da paragem para compromissos internacionais, os leões voltaram de garras afiadas para o campeonato do escalão, conseguindo os três pontos que fugiam há duas jornadas. Pressionantes no ataque e coesos na defesa, os orientados de José Lima encararam um Belenenses – na casa emprestada pelo Real SC – com poucas alternativas para reagir.

 

 

Liga Revelação – 10.ª jornada – 20.10. 2018
Estádio do Real SC
Árbitro: Miguel Nogueira
Árbitros assistentes: Vítor Gomes e Daniel Farinha


BELENENSES SAD: Guilherme Oliveira, Gonçalo Tavares, Luís Silva, Douglas Aurélio (Tiago Alves, 60'), Gonçalo Agrelos (João Louro, 60'), Filipe Chaby (Robinho, 77'), Dálcio Gomes (cap.), Danny Henriques (Tomás Ribeiro, 77'), Celso Domingos, Luca van der Gaag e João Rodrigues

 

Suplentes não utilizados: Álvaro Ramalho, Francisco Ferreira e Pedro Machado


Treinador: Neca


Disciplina: Cartão amarelo a Luís Silva (58'), Dálcio Gomes (61') e Luca van der Gaag (75')

 

SPORTING: Diogo Sousa, Pedro Mendes (Mees de Wit, 83'), Nuno Moreira (Dimitar, 83'), Kiki, Tiago Djaló (João Silva, 83'), Daniel Bragança (cap.), Abdu Conté, Bruno Paz, Tomás Silva, Marco Túlio (João Oliveira, 77') e Thierry Correia

 

Suplentes não utilizados: Stojkovic, Paulinho, Pedro Marques e Diogo Brás 


Treinador: José Lima


Disciplina: Cartão amarelo a Tomás Silva (64')

Marcadores: 0-1 Tomás Silva (18'), 0-2 Nuno Moreira (34') e 0-3 Pedro Mendes (46')

 

Na próxima jornada, os leões recebem, na Academia Sporting, o Marítimo, pelas 11h de 27 de Outubro.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:47

Leoas são elas

Rui Gomes, em 20.10.18

 

23596443_161954317884719_3945072811659231232_n.jpg

 Inês Canelas

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:34

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:33

Reflexão do dia

Rui Gomes, em 20.10.18

 

img_293x165$2018_10_19_18_24_59_1462135.jpg

 

"A Taça de Portugal é uma competição que queremos vencer e na qual vamos entrar com responsabilidade e ambição. Para esse objectivo, primeiro temos de eliminar o Loures.

 

“O Loures vai quer mostrar o seu valor e que tem qualidade. Tem uma boa ideia de jogo e diria mesmo que tem uma forma de jogar diferenciada, com um nível de jogo mais elevado do que é praticado no seu campeonato.

 

Estas equipas têm sempre a ambição de provocar uma surpresa e a nós cabe-nos, porque queremos ganhar esta prova, fazer um jogo sério e responsável. O foco tem de ser total neste jogo”.

 

José Peseiro

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:32

Foto do dia

Rui Gomes, em 20.10.18

 

grelha_sporting_tv_6.jpg

 O presidente Frederico Varandas e Sebastián Coates

na apresentação da nova grelha da Sporting TV.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:31

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds