Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O que dizem eles

Rui Gomes, em 30.01.13

 

«Em primeiro lugar, tem que se ter uma equipa fortíssima e coesa. Penso que os sportinguistas têm de pensar nisso de uma forma muito séria. Em segundo lugar, os credores - e os maiores são os bancos - têm de continuar a ser parceiros, para que não haja problemas de tesouraria.

Não acredito em empresas (externas) em que os gestores não conhecem o «core business» das empresas que gerem. Um clube da nossa dimensão não é um clube que permita que se ande em fase de aprendizagem. A Assembleia Geral vai ser o princípio de algo mais. O Sporting vai ter, evidentemente, dias complicados nos próximos meses.»

 

-    José Couceiro    -

 

Observação: José Couceiro não deixa de ter muita razão mas, em alguns aspectos, mais assente no teórico ideal do que na realidade do momento:

 

1. Para uma equipa «fortíssimisa» - que todos gostaríamos de ver - será necessário ir muito mais além da formação e até do investimento que se fez em múltiplos reforços ao longo dos últimos 18 meses. O jogador mais caro foi Elias, 8,85 milhões, que até não resultou, mas teríamos de garantir os serviços de pelo menos meia dúzia, cada um a custar mais do que isso. Não há bom - ou, pelo menos, muito bom - e barato. 

 

2. O Sporting, evidentemente, continuará a depender muito da banca, mas esta, tudo indica, já atingiu os seus limites, quanto ao Sporting, considerando ainda a instabilidade do País. Os bancos, pura e simplesmente, estão no negócio de fazer dinheiro - compra e venda - esse é o seu produto, e para o efeito tem de existir garantias de retorno substancial dos investimentos.

 

3. Dando-se a eventualidade da participação de uma empresa externa (investidores), estes não têm, necessariamente, de perceber do «core business», desde que façam aquilo que é lógico da sua parte: mandatar profissionais para liderar a gestão que eles apenas supervisarão. Exemplo: os irmãos Glazer, proprietários do Manchester United.

 

4. Quanto à Assembleia Geral, é por de mais evidente que tem razão. Aproximam-se dias muitíssimo mais complicados do que aqueles que temos vindo a atravessar. Quem não identifica esta eventualidade, vive no mundo da ilusão.

 

publicado às 17:27

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Luís F. a 30.01.2013 às 18:07

Agora que a AG já tem data e depois de ler o manifesto "Dar Rumo ao Sporting" assaltaram-me muitas dúvidas.
Expõem uma série de argumentos de ordem genérica,muitos sem qualquer prova(os dados referentes à situação financeira da SAD ,por exemplo),erros factuais(já não estamos a um ponto da descida,como se diz),aspectos relacionados com as saídas de certos elementos,como C. Barbosa e P. P. Cristóvão(são 2 em 11 elementos do CD,sendo que estatutariamente é necessária a queda de mais de metade dos seus elementos para a cessação de mandato), a referência a LD e CF,que nem foram eleitos em listas e haveria outros exemplos a referir.
Para culminar ,estes argumentos seriam óptimos para a destituição da Administração da SAD,mas o que se pede é a destituição do CD do SCP.Ora o SCP é muito mais do que a Sporting,SAD
Além do mais não vejo claramente definida a justa causa de que falam os estatutos.
Este documento parece-me que foi redigido por adeptos descontentes e não tem valor jurídico.
A minha pergunta é:será possível destituir legalmente o CD do SCP cavalgando apenas uma qualquer onda popular de descontentamento pelos resultados da equipa profissional?Será isto possível?

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds