Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Teatro de Operações Eleitorais (2)

Rui Gomes, em 07.02.13

 

O Grupo Stromp deliberou expressar a sua posição sobre a situação actual do Clube e entre as diversas considerações que fez públicas, duas merecem discussão:

 

«Alertar para a preocupante situação financeira do Sporting Clube de Portugal, sendo que os sócios devem equacionar, ponderadamente, a eventual necessidade de alteração da posição accionista do Clube na Sporting SAD.»

 

Esta é uma incontornável realidade que ameaça há muito e que num futuro não muito distante terá de ser deliberada. Embora se compreenda perfeitamente a vertente histórica e sentimental, o Sporting dificilmente atrairá um investidor ao nível do que o Clube necessita, com a disposição de deixar o seu investimento sob a governação de terceiros. É uma contenda difícil de generalizar, já que muito depende da identidade do investidor, o montante do investimento e as de mais considerações para salvaguardar a imagem e os interesses reais e históricos do Sporting.

 

«Manifestar o desejo de que as candidaturas que se apresentam a sufrágio assumam posição realista e adaptada ao momento presente, tendo em conta os superiores interesses do Clube.»

 

O termo muito em voga neste cenário eleitoral é «projecto» que, realisticamente, pode ser equiparado a uma «promessa» eleitoral numa campanha política: teórico e, invariavelmente, de complexa, se não impossível, concretização. Não sou perito nesta matéria, mas não vejo solução alguma, a curto prazo, que não passe por investimento do exterior, que exclui os notórios fundos, que não são mais do que empréstimos com juros elevados e, em alguns casos, de entidade suspeita. Não devemos ir no insólito discurso do presidente da MAG que, na última campanha eleitoral, afirmou que não queria saber da origem do dinheiro nem se era para efeitos de lavagem.

  

publicado às 11:25

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo