Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A viver o sonho...

Rui Gomes, em 01.04.13

«Às vezes construímos sonhos em cima de grandes pessoas... O tempo passa... e descobrimos que grandes mesmo eram os sonhos e as pessoas pequenas demais para torná-los reais!»

-  Bob Marley  -

publicado às 11:44

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


2 comentários

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 01.04.2013 às 19:32

Caro amigo Fernando Albuquerque,

Esta temática é de enorme complexidade eestou mesmo agora a tentar escrever um texto, nesse sentido, para o Jornal e que também publicarei no blogue. A ser sincero, nunca senti que a equipa não andou acompanhada, já que Duque, Carlos Freitas estiveram sempre presentes e, frequentemente, também o presidente. A presença constante deste tem muito que se lhe diga - pró e contra - mediante a pessoa. Para ser uma influência positiva, não deve intervir directamente em áreas fora da sua competência - e já evocaram o exemplo de Sousa Cintra - que foi, em muitos aspectos, improdutivo por ser excessivamente interventivo em matéria que lhe era alheia. Eu sei quem BdC pretende emoluar, mas existe um mar de diferenças nas circunstâncias dos dois. Um andou na escola do futebol, à raiz, e foi evoluindo com o passar de muitos anos, o outro, BdC, entregaram-lhe agora o poder sem qualquer formação para o efeito.

Tenho registo de todos os jogadores do SCP e esse número (55) não é nada de excepcional, considerando todo o plantel principal, a equipa B e ainda diversos juniores. Até me diria que é um número baixo, face às realidades. Quase 50 entre as equipas A e B é inevitável. Uns quantos juniores para os segurar...é a velha história de eles não fugirem. E, depois, os emprestados que, de memória, serão só uma dúzia agora.

Não se deve generalizar, sem factos ou conhecimento: ele terão de separar o joio do trigo tanto na equipa A e B, mas o número será mantido. Nada alterará com a formação, porque não existem outros meios. Quanto aos emprestados: terão de se decidirem quanto a aqueles que regressarão ao clube no final da época e ainda têm contrato: André Santos, Salomão, Nuno Reis, Wilson Eduardo, são exemplos. Depois temos os outros: Onyewu, Bojinov e mais dois ou três, que não são para regressar. Ou tentam novamente o empréstimo ou absorvem os seus contratos, como GL fez com Sinama-Pongolle.

Os da selecção: Veloso foi bem vendido, Varela foi mal dispensado por Paulo Bento, João Pereira é discutível, Carlos Martins acabou o seu tempo no SCP, quer se aceite que não. Moutinho foi o caso especial que nós bem sabemos. Pepe e Danni passaram pelo SCP, por empréstimo, e não reconheceram o seu valor. Custódio foi um grande erro. Penso que não esqueci ninguém. Há uma realidade frequentemente ignorada por sportinguistas: em qualquer desporto, o timing da «explosão» de um qualquer atleta é imprevisível e, por vezes, aquilo que ele acabou por produzir noutro clube, nunca produziria se tivesse ficado no seu clube original. Muitos factores influenciam este processo. O Moutinho, por exemplo, não tem vindo fazer nada no FC Porto que não fazia já no SCP. A diferença que ele está num clube muito mais competitivo, mais organizado e com uma liderança incomparável a qualquer outro. Será que o Pepe teria chegado ao Real Madrid e à Selecção sem ter passado pelo FC Porto?... Não acredito que tivesse conseguido isso no Sporting. Enfim...

Um abraço caro Amigo

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo