Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Eles não compreendem

Rui Gomes, em 03.04.13

 

Reagir perante injustiças é natural e humano, o segredo é saber escolher o timing e a reacção proporcional à ofensa. Escrevi logo após o «derby» das equipas B no sábado passado que, não obstante a «faca de dois gumes», Bruno de Carvalho fez bem em se manifestar face ao indecoroso trabalho do apitador de Esposende, mas que errou e corria riscos pelas suas críticas terem sido dirigidas à arbitragem em geral e não apenas ao homem do momento, devido à proximidade do importante embate em Braga, na segunda-feira. Depois de assistirmos a mais injustiças do género no Minho, fica a dúvida se a actuação de Jorge Sousa de alguma forma reflecte retribuição, pelo discurso do presidente do Sporting. Só o árbitro poderá esclarecer a contenda e, de certo, se for questionado nesse sentido, nunca o admitirá.

 

Surge hoje o novo presidente do Conselho Fiscal do Sporting, Bacelar Gouveia, a abordar a temática novamente, sublinhando que «é importante que se afirme a indignação perante os erros dos árbitros, porque há certos enganos que são sempre contra o Sporting e que, por vezes, podem adulterar a verdade desportiva. O Sporting tem sido um clube contra o sistema e não alinha em certo tipo de coisas que se falam, de árbitros comprados e ofertas.. coisas que se dizem à boca pequena e que, infelizmente, parece que aontecem, embora não tenha provas contra ninguém. É preciso reagir, chamar a atenção, não ficar calado perante as injustiças e erros de arbitragem.»

 

E há quantos anos anda o Sporting a fazer isso, sem qualquer efeito?... Tudo o que Bacelar Gouveia afirmou terá base de verdade, mas o seu timing é horrível e as suas palavras inflamatórias, sem o sustento da força por detrás. Temos pela frente um novo importante embate contra o Moreirense e não se pode perder de vista o adversário que segue... o Benfica. A história ensina-nos que muitas coisas estranhas precedem jogos com o clube de Carnide. Os jogadores terão de ter muito cuidado com a sua conduta no jogo com a equipa de Moreira de Cónegos, para não hipotecar activos para o embate seguinte.

 

As injustiças de sábado e segunda-feira já tinham sido abordadas e dispensavam-se mais comentários por dirigentes do Sporting, que até nem ao futebol estão ligados. Meras palavras não resultam e considerando o sistema existente no futebol português, têm acentuada tendência de precipitar repercussões. O Sporting terá de recuperar o respeito, primeiro dentro do próprio clube, e só depois no exterior, por meios que não se limitam a discursos moralistas. Não sei o que Paulo Pereira Cristóvão fez ou deixou de fazer,  nem o acuso seja do que for, mas já há longo percebi que ele tem a ideia certa, muito embora essa ideia ofenda as sensibilidades sportinguistas, que querem ir para a guerra enfrentar «canhões» com «cabos de vassoura». Enquanto o Sporting e os sportinguistas não encararem esta incontornável realidade, vamos continuar a ser injustiçados. O que é necessário fazer para que isto seja devidamente compreendido, de uma vez por todas?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:31

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D




Cristiano Ronaldo