Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Assembleia Geral sem surpresas

Rui Gomes, em 30.06.13

A Assembleia Geral do Sporting que contou com a presença de 1351 sócios decorreu sem surpresas algumas, com o plano de reestruturação financeira a ser aprovado por 97 por cento dos sócios. Segundo o que é possível apurar neste momento, não houve qualquer contestação em relação a nenhuma das propostas do Conselho Directivo. Reservamos para mais tarde um comentário mais alargado sobre a reunião magna.

Um breve reparo, sobre uma das intervenções do presidente do Sporting: «Não criem fantasmas onde não os há. O financiamento vai ajudar e vamos manter a maioria do capital. É melhor que a banca tome conta do Sporting em 2025 do que agora. E nesse ano tudo será diferente. Não façam contas estúpidas.»

Devo ser eu que estou desactualizado, decerto, mas é assim que um presidente de um clube como o Sporting se dirige a uma assembleia de sócios ? "Não façam contas estúpidas" !

Estou com curiosidade em saber se algum sócio se deu ao atrevimento de levantar a mais pequena dúvida sobre qualquer uma das propostas apresentadas. Sabe-se que Daniel Sampaio tinha um papel predestinado a desempenhar e não desiludiu com um discurso a arrasar a direcção anterior. Tudo normal portanto !

 

publicado às 20:30

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


17 comentários

Sem imagem de perfil

De João Gomes a 30.06.2013 às 21:04

"Sabe-se que Daniel Sampaio tinha um papel predestinado a desempenhar e não desiludiu com um discurso a arrasar a direcção anterior. Tudo normal portanto !"

Sabe-se que este blog tem um papel predestinado a lamber os croquettes dos Roquetteiros que acabaram com o Sporting. Tudo normal portanto!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.06.2013 às 21:35

Esse tipo de discurso tem o endereço errado, só porque ousamos por pensar, certo ou errado, por nós próprios e não fazemos parte de "rebanho" algum pró ou contra.

Mas para quem não sabe outra forma de estar, pensar e agir é o discurso expectável "João Gomes".
Sem imagem de perfil

De Joao a 30.06.2013 às 21:14

Registo com espanto a frase do é melhor a banca tomar conta do Sporting em 2025 do que agora. Mas pergunto: porquê? 2025 é algum ano especial?
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.06.2013 às 21:43

Eu referia-me mais à forma de discurso com os sócios, mas sem ter a certeza, 2025 poderá ser o renegociado prazo das VMOCS. Muito deste plano financeiro visa atirar para a frente a dívida. Será isso, porventura.
Sem imagem de perfil

De Tywin Lannister a 30.06.2013 às 21:44

«Devo ser eu que estou desactualizado, decerto, mas é assim que um presidente de um clube como o Sporting se dirige a uma assembleia de sócios ? "Não façam contas estúpidas" !»


Inteligência emocional. ;)


Na semana dos cinco debates televisivos antes das eleições de 2011, Bruno de Carvalho só precisava de manter a pose e o estilo presidencial para ganhar as eleições, mas não, teve de ser "estúpido" e responder à letra às acusações que lhe vinham sendo feitas durante a campanha, fosse nas declarações dos outros candidatos, fosse pelas notícias publicadas pelos jornais.

Esta semana, voltou a fazer do mesmo com um comunicado a dar importância a mais a um artigo de opinião publicado pelo director do Jornal de Negócios no Record.

Infelizmente, é um traço de carácter que faz parte da sua natureza e que dificilmente será capaz de apagar.


Estes pequenos "detalhes" infelizmente deixam muito a desejar e não abonam em nada para que granjeie favor junto dos mais cépticos... mas vai na volta, está-se maribando para isso também.


Quanto a 2025, entre deixar o clube nas mãos da banca agora, ou ter mais uma dúzia de anos para arrepiar caminho e criar condições para manter a "independência" do Clube e a maioria deste na SAD, os sócios escolheram o menor dos dois males.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.06.2013 às 21:58

Este seu comentário já é mais acessível, em que apesar de ainda se alongar um pouco mas, fundamentalmente, aborda uma só temática com viabilidade de debate, se qualquer outro leitor assim dsejar.

Concordo totalmente com o último parágrafo, porque essa consideração já estava à vista de quem soube interpretar o plano proposto.

A sua (BdC) forma de discurso aparentar ignorar que quando fala, sendo presidente, não fala só para alguns sportinguistas, fala para todos. E ele não consegue enquadrar-se dentro dessa linha de raciocínio. Se é pelo seu carácter, deve corrigir. Ainda vai a tempo. E isto não se trata apenas de granjear a simpatia ou aliança dos mais cépticos, mas sim de freflectir que não fala um "rebanho" como ele dá a entender repetidamente.

Sem imagem de perfil

De Tywin Lannister a 30.06.2013 às 22:10

Pois eu acho que dificilmente tal correcção vai acontecer, mas espero enganar-me nesse aspecto.


Nem a propósito:

"O Presidente foi completamente arrasador e corrosivo no discurso. Perante mais de um milhar de sócios despejou todo o acumular do que foram estes 3 meses de trabalho, não se inibindo minimamente de apontar o dedo a todos os sócios que na sua "estupidez", "ignorância" ou "pequenez" foram deixando que a situação chegasse ao ponto que chegou. Não teve medo de enfrentar e atacar quem lhe poderia chumbar esta proposta, mas ao mesmo tempo notou-se uma certa indiferença quanto ao sentido de voto. De facto, votando contra, a massa associada estava a dar-lhe razão quanto à mediocridade e pequenez de espírito, e parece-me que um Sporting assim não estaria preparado para ter um presidente como Bruno De Carvalho.

Só tenho um reparo, falou alto demais tempo demais, chegando às vezes a ser penoso estar a ouvir. Creio ter sido propositado, para marcar o registo de sermão. Ficou bem marcado, mas às vezes creio que foi dispensável."


Atentando neste relato, dá para especular que a vertente "cénica" do seu discurso teve os efeitos desejados. ;)


Relativamente à aprovação da Reestruturação, há testemunhos que afirmam que José Couceiro não só disse que iria votar a favor da mesma, mas que efectivamente votou a favor da mesma.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.06.2013 às 22:25

Essa sua forma "arrasadora" só resulta com alguns e enquanto houver uma "maré" favorável. Eu, a exemplo, seja na minha vida pessoal our profissional, não tolero esse tipo de discurso dirigido à minha pessoa. Acho ofensivo e condescendente, como se tivesse a lidar somente com criados de libré.

Para o efeito da aprovação do plano até não era necessário tanto, já que esta era um facto consumado à espera de ser oficializado e anunciado.

Nem neste espaço que tem sido crítico de BdC, não houve um único escrito contra o plano, pela não existência de alternativas. José Couceiro, e todos os outros, mesmo não simpatizando com o presidente, recomheceram isso também.

Era expectável e devia ser feito, mas repito o que já aqui foi escrito diversas vezes: muitos mas mesmo muitos sócios aprovaram sem verdadeiramente compreenderem o que estavam a aprovar.
Sem imagem de perfil

De Tywin Lannister a 30.06.2013 às 22:48

«Essa sua forma "arrasadora" só resulta com alguns e enquanto houver uma "maré" favorável. Eu, a exemplo, seja na minha vida pessoal ou profissional, não tolero esse tipo de discurso dirigido à minha pessoa. Acho ofensivo e condescendente, como se tivesse a lidar somente com criados de libré.»


Pior, é um insulto à sua inteligência, como se falassem para si como um pobre inepto, um tolo, um ignorante que não tem qualquer instrução. Acredito que tal o deixe bem "piurso", zangado e furioso!


Acredite que ele há gente que faça isso, que fale assim, que se conforme de maneira tão altiva, arrogante e prepotente.


BdC fala da maneira que fala, um pouco por "vingança" também, mas muito por "raiva", por aquilo que encontrou quando começou a tomar conta das pastas da presidência. BdC é um presidente-adepto, mas não é o primeiro presidente-adepto, antes dele, já tivemos antes José Eduardo Bettencourt... e, em certa medida, José Sousa Cintra. ;)

Dos três, é aquele que tem mais "formação", "académica", no que ao desporto, e em especial, ao futebol diz respeito. Mas perde claramente no percurso empresarial e nas respectivas áreas envolventes.

Hoje ganhou mais uns dias de "estado de graça", pelo menos até ao aparecimento da primeira série de resultados negativos. Atirou para o futuro, a resolução dos problemas estruturais que afectam o clube, problemas esses que não se resolvem todos em poucas semanas.


Veremos como se vai comportar e como irá lidar com os adeptos e associados, quando estes começarem a cobrar. ;)


É muito fácil vir para aqui e de maneira redutora, tecer loas aos recentes resultados de BdC, "but you and me, we know better, much better".
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.06.2013 às 23:01

Bem, para mim é ofensivo, agora, cada um fala por si. Nunca me dei bem com dictadores e no dirigismo futebolístico fui durante muitos anos acusado de ser, de forma diferente.
Sem imagem de perfil

De Tywin Lannister a 30.06.2013 às 22:31

Desconheço se esta informação vai ser devidamente divulgada ou se vai perder-se na "espuma dos dias" de amanhã... em qualquer dos casos, acho importante a sua partilha, acerca das alterações estatutárias aprovadas hoje:


"Um ponto que permitia a que as decisões fossem tomadas por dois membros da direcção, sendo que um deles devia ser o Presidente ou um Vice-Presidente, passa a ser por duas pessoas, sendo que um deles tem que ser o Presidente (responsabilização do Presidente, e impedir que decisões sejam tomadas sem conhecimento dele).

Dois pontos para regular o direito de voto de novos escalões de sócios (era omisso), para garantir que não têm os mesmos votos que os outros escalões.

Assim, um eventual escalão C com quota mais baixa (que já poderia ser criado, apenas não estava regulamentado o voto), tem 1 voto ao fim de 4 anos. Um escalão D terá um voto ao fim de 8 anos, um E ao fim de 12 anos, etc..."


Agora só falta aprovar aquela alteração que responsabiliza cada direcção cessante a terminar o mandato sem nenhuma dívida por pagar. ;)
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.06.2013 às 22:46

Concordo em pleno com a primeira, é perfeitamente compreensível. Compreendo a intenção da segunda e não me perturba e, quanto à sugestão do Tywin no último parágrafo, nem daqui a 100 anos acontecerá. Nem em "fantasy land" !
Sem imagem de perfil

De Tywin Lannister a 30.06.2013 às 23:16

Deixo aqui mais um apanhado de reacções à AG:

"A divida ao Pedro Baltazar, de 6 milhões de euros, fica saldada com esta reestrutuação, caso contrário a Nova Expressão poderia deter 60% da SAD."

"Realidade assombrosa do clube. Destruiram tudo, esbulharam tudo. Os custos com pessoal DUPLICARAM nestes últimos 2 anos, houve gente a entrar para o Sporting e a TRABALHAR EM 2 E 3 EMPRESAS DO CLUBE, a mamarem à grande, com cláusulas megalómanas de meio milhão de euros em caso de rescisão contratual." [sobre as cláusulas de rescisão já tinha tido conhecimento disso há várias semanas.]

"Contratos absurdos de jogadores, que a cada época que passa vêm o seu ordenado aumentar automaticamente."

«Quando entrou no Sporting o clube tinha uma divida urgente para pagar à UEFA, Godinho disse ao presidente "olhe, amanhe-se..." quando foi questionado pelo dinheiro do Wolfswinkel "Já foi, já não há. Amanhe-se e viva o Sporting".»

"Existem 721 pessoas a trabalhar no Sporting, muitas delas com salários absurdos e cláusulas em caso de rescisão contratual enormes."

"O Sporting apenas é detentor de 34% dos passes dos seus jogadores. 33% pertencem a agentes."

"Ciclismo e Voleibol podem voltar mas em principio serão modalidades autónomas, como o Hóquei e o Basquetebol."

"Arrasou Bessone Basto de cima a baixo.
Arrasou Nobre Guedes de cima a baixo.
Arrasou os meninos do facebook de cima a baixo.
Arrasou Godinho Lopes de cima a baixo."

«Discurso ácido, crispado e exaltado (mas muito necessário a meu ver) perante os sócios que aprovaram a fusão da SPM com a SAD já que essa mesma fusão, sem esta reestruturação significaria O FIM DAS MODALIDADES no Sporting. Discurso para abrir olhos em que temos de deixar de nos vermos como coitadinhos e que nunca conseguimos nada, que os outros é que são bons, que a Holdimo será um excelente parceiro do Sporting, algo como "andamo-nos sempre a queixar que os outros (lamps) são sempre levados ao colo por capital angolado e quando nós temos hipótese de contar com um parceiro angolano importante torcem o nariz e acham que nunca conseguimos nada? Abram os olhos porra! Parem de se achar uns coitadinhos!"»
Sem imagem de perfil

De Alvaro a 30.06.2013 às 23:51

A expressão "não façam contas estúpidas" tinha um destinatário especifico. Bruno de Carvalho nesse ponto, apesar de estar a falar para todos os sócios presentes na Assembleia, deu para entender que estava a dirigir-se especificamente para alguns pseudo-especialistas financeiros da nossa praça ou das "Internets", que julgam saber tudo, mas depois na altura da verdade nem aparecem na Assembleia para propor uma alternativa ou dizer aquilo que pensam (com que não concordam, etc).

Isto foi perfeitamente perceptível na Assembleia.

Mas lá esta... como o senhor Rui Gomes não esteve na AG, não teve hipótese de perceber isto, e depois cai neste erro de não interpretar as coisas com o devido contexto.
Já fez o mesmo no caso das divisões do passe do Patrício, em que o Bruno de Carvalho disse uma certa coisa no Dia Seguinte, mas depois na comunicação social estavam escritas coisas diferentes relativamente a essa entrevista, e nesse caso o senhor Rui Gomes ao ler apenas o que saiu na comunicação social e ao não ver a entrevista, não percebeu as palavras do presidente.
Neste caso é a mesma coisa.

p.s: Gostei de ver a intervenção do presidente do Grupo Stromp (Rogério Beatriz), em que repudiou e desmentiu as afirmações (falsas) de Pedro S. Guerreiro numa crónica no record.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 01.07.2013 às 00:02

Assumo, então, que esteva lá e deu-se a essa interpretação. Tudo bem, nesse contexto, embora outros possam ter uma opinião diferente quanto à generalidade dos seus "sermões".

Procuro a exactidão máxima, mas não pense que entre os milhares de textos que escrevo estou preocupado com essa diferença que indica num só.

Sem imagem de perfil

De Alvaro a 01.07.2013 às 01:01

Estive lá, é um facto.

Não é um sermão, é um aviso. Já devia saber que não pode acreditar em tudo o que vem na comunicação social, e que como é óbvio nem pode levar tudo "à letra", relativamente àquilo que é escrito na comunicação social, porque perde o contexto em que as coisas são ditas.

Quem acha que Bruno de Carvalho iria tratar os sócios do Sporting de maneira geral como estúpidos, é porque não tem noção que Bruno de Carvalho (felizmente) não é parvo.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 01.07.2013 às 01:14

Tenho 60 anos e experiência por esse mundo fora, e pensa, então, que estava à sua espera para me dar "lições" ?

Guarde esse discurso para os incautos !!!

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo