Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Não sou grande fã dos escritos de Luís Sobral do "MaisFutebol", mas gostei do seu artigo deste sábado sobre o caso Bruma, do qual passo a transcrever dois parágrafos:

 

«Ao ser derrotado na CAP, Bruma falha o objectivo fundamental: ficar livre, escolher o futuro clube. Não li o acórdão, não li os argumentos das duas partes, não tenho formação jurídica que me permita avaliar em rigor s decisão. A CAP é um órgão com longo histórico, discreto e respeitado. Isso chega-me. (até por isso, o presidente do Sporting não precisava de usar a velha cartada da pressão em formato de papel de jornal, em dia de reunião. Ficou-lhe mal.)»

 

«Percebo o argumento de quem acha que os jogadores têm o dever de tratar bem quem os acolhe em jovens, quem lhes dá condições. Mas também percebo o outro lado. por cada Bruma existem 50 jogadores que saem da formação dos grandes clubes para uma vida dura, de pouco dinheiro. A transição de júnior para sénior é o momento mais delicado na carreira de um futebolista e não parece existir uma solução mágica que resolva isto de uma forma agradável para toda a gente. Haverá sempre lágrimas e momentos menos bonitos. A este nível, o futebol é um negócio, cada um defende o melhor para si e não há inocentes. Algo que a natural ausência de distanciamento impede os adeptos mais sanguíneos de compreender e aceitar. O que não os autoriza a insultar quem está do outro lado, sobretudo quando os insultos são de cariz racista, como infelizmente li ontem à noite em contas do Twitter.»

 

O artigo completo pode ser lido aqui.

 

publicado às 13:21

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds