Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Futebol - 6 meses depois

Rui Gomes, em 09.09.13

Capítulo IV - Do que gostei

 

- Gostei do abandono das ideias peregrinas de separar a componente física da direcção técnico-táctica e de ter apenas 20 jogadores na equipa

principal. Mostra que o Presidente sabe ouvir e não insistiu em soluções que fariam pouco sentido. Não é vergonha dizerem-se algumas asneiras enquanto se está a aprender; mau é quando não se sabe dar o braço a torcer perante quem sabe. A separação do Departamento de Preparação Física foi esquecida. Leonardo Jardim arredondou, entretanto,o número de jogadores para 20 mais 2 guarda-redes. E veremos como ficarão as contas finais, perante a esperada resolução final dos casos pendentes.

 

- Gostei da contratação de Leonardo Jardim. Parecia o melhor técnico disponível , para a situação que nos encontrávamos e está a prová-lo. E é sportinguista, o que não valendo muito em campo, não deixa de tocar os nossos corações. Tem-se mostrado calmo e sabedor. Não inventa muito. Soube compreender o particular enquadramento do Clube e adaptar-se a isso. Tem um discurso realista e frontal e não anda sempre na comunicação social a dar nas vistas. Agradava-me se fosse técnico para ficar uns bons anos no Sporting. Fazia-nos falta o nosso Ferguson.

 

- Gostei da aposta na nossa juventude, quer a que andava emprestada, quer a que já tínhamos dentro de casa. Há ali muito valor e vontade. Sente-se motivação e querer, o que nos empurra para a frente dentro do campo e galvaniza sócios e adeptos. Teremos de ter paciência quando estes jovens falharem, porque de certeza que vai acontecer. Cabe a nós, sportinguistas, não deixar a chama cair e puxarmos por eles para que se voltem a levantar depois de cada tropeção.

 

- Gostei muito de metade das contratações. Maurício, sem deslumbrar, é útil e faz o papel de raivoso que muitas vezes é necessário na defesa. Jefferson tem feito aquele corredor com uma garra como só o Insúa fazia. Piris e Vítor acredito que trarão mais competição por lugares em que ficámos carenciados de soluções válidas. Slimani ainda não teve oportunidade de mostrar muito, mas penso que será uma mais-valia para aqueles jogos mais difíceis, em que Montero esteja desaparecido dentro do autocarro do adversário. Quanto a Montero, bom, nem vale a pena dizer muito: tem classe pura e está a jogar com uma confiança impressionante para quem só agora chegou !

 

- Gostei dos jogos de apresentação (Real Sociedade e Fiorentina) e do início do campeonato fulgurante. Gostei de voltar a ver o Sporting no topo da tabela quando abro um qualquer jornal desportivo. Vejo ali muito trabalho de Treinador, um corpo organizado e batalhador, com alguns talentos individuais entusiasmantes. Adrien, William, Montero... brilhantes. Golos e muito apreciável futebol. Muita crença, muita vontade de jogar a bola. O grande Patrício na baliza (a propósito, gostei muito que ele o Capel ficassem). Foi pena não se ter ganho ao Benfica, mas fica para a segunda volta...

 

- E por falar neles, e só para terminar, estou a gostar muito de ver a crise de Braga e Benfica. O Braga que já andava com tiques de quem fez o que nunca fez, ou tinha o que nunca teve, está agora a voltar à Terra. A equipa foi desconstruída e parece que não se está a querer reconstruir. Melhor assim. Calha a todos. Já o futebol do Benfica está, como me dizia um amigo benfiquista, num acelerado processo de Peseirização. Também eles estiveram para ganhar tudo e não ganharam nada. Este é o refluxo da maré. Ainda bem. É deixá-los assim, andando aos trambolhões enquanto torram os milhões e nos deixam passar para a Liga dos Campeões !

 

Texto da autoria de Desert Lion

 

publicado às 02:47

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Fernando Albuquerque a 09.09.2013 às 09:08

Estou completamente de acordo consigo, pois a sua apreciação é bastante positiva.

Também não gostei de todas as contratações efectuadas, pois devemos de apostar mais nos jogadores da Academia. Ainda é cedo para termos uma ideia do valor dos jogadores que chegaram , embora alguns já ultrapassaram as minhas expectativas.

Não falou nas saídas por empréstimo, aí tenho dúvidas se alguns desses jogadores não estariam melhor na equipa B, onde o campeonato que disputam é bastante competitivo.
Mas isso sou eu a opinar, pois muitas coisas não sabemos o que se passa por detrás de muitas soluções.

Saudações leoninas Fernando Albuquerque
Sem imagem de perfil

De AM a 09.09.2013 às 13:18

Muito bom post.Concordo com tudo,o que em mim não é uma coisa fácil.
O nosso campeonato é competitivo,duro,mas na minha opinião tem uma qualidade média baixa.Uma equipa bem organizada,com bons jogadores e jovem,mas não tão inexperiente como se julga ,pode surpreender e desejo muito que seja o caso.

Dado a desorganização reinante para os lados da 2ª circular e a queda do Braga,parece-me que temos uma hipótese para o 2º lugar.Já os do Norte estão como é costume e têm uma equipa com outros argumentos,portanto não sonharia com o título ...para já.

Por último só um acrescento:pela 1ª vez em alguns anos,o nosso treinador só tem que se ocupar com tarefas técnicas.
O presidente,até por questões de personalidade,dá todo o respaldo ao treinador e Inácio é um homem que conhece o futebol como poucos.Também me parece que este duo e LJ funcionam como um bloco, o que é fundamental.

O ponto fraco tem sido a relação com o mundo que gravita à volta do jogo.Aí foram cometidos muitos erros,fruto da inexperiência óbvia de BdC e Inácio.
Mas o presidente dá sinais de estar a aprender rapidamente-veja-se por exemplo a maneira como se resolveram os casos Bruma e Ilori.Portanto a minha sensação de optimismo está a crescer.

Mas o verdadeiro teste virá com os maus momentos.Aí teremos que continuar a apoiar esta equipa,sempre,porque eles merecem.

Não sei se vai falar da área financeira,mas também aí me parece que se "respira" melhor.

Grande post e continue o bom trabalho.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo