Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O intrigante caso Elias

Rui Gomes, em 15.09.13

 

 

Como já é do conhecimento geral, Elias - sob contrato com o Sporting até 2016 - está emprestado ao Flamengo até Dezembro de 2013, mês em que o emblema brasileiro terá de decidir sobre a opção de compra por 8 milhões de euros. Veio a público recentemente o interesse do Corinthians caso a opção não seja exercida, mas desconhece-se a fiabilidade da notícia. 

 

No género de uma nuvem sombria sobre tudo isto, verifica-se o diferendo entre o Clube e o jogador que levou este a apresentar uma queixa na FIFA visando a rescisão do seu vínculo contratual, alegando 800 mil euros de salários em atraso. A Direcção do Sporting já se pronunciou sobre o caso, negando o atraso salarial mas admitindo a existência de uma dívida relativa ao contrato de direitos de imagem, contrato este que, entretanto, rescindiu unilateralmente alegando incumprimento por parte do jogador.

 

O todo da situação para o adepto é bastante intrigante:é impossível avaliar o (de) mérito da supracitada rescisão unilateral por se desconhecer os detalhes da alegada transgressão por parte do jogador e, menos ainda, a (in) existência do atraso salarial pela indisponibilidade pública da imprescindível documentação.

 

Enquanto que a primeira contenda é e sempre será muito discutível pela sua natureza arbitrária, já a questão salarial aparenta ser de fácil corroboração. Muito por isto, queremos acreditar que a Direcção do Sporting nunca assumiria esta posição sem estar em posse dos respectivos comprovativos. Sendo assim e partindo do princípio que os representantes de Elias têm acesso à mesma documentação, o que leva o jogador a contestar o caso perante o órgão soberano ? ... No "olho do furacão" temos o investimento muito substancial do Sporting pela compra do jogador ao Atlético de Madrid e, segunda consta, um incomportável salário à volta de 2 milhões de euros.

 

Será que estamos perante mais um caso "do tudo ou nada " à semelhança de Bruma ?... Esperamos que não, porque se uma decisão favorável da CAP não oferecia confiança alguma, o discernimento da FIFA é ainda mais imprevisível.

   

publicado às 04:19

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds