Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O que dizem eles

Rui Gomes, em 30.10.13

 

 

«O Sporting esteve muito bem no Dragão. Não esteve perfeito, pois houve erros dos quais resultaram em golos, mas houve uma atitude muito digna, muito competitiva. A equipa deu uma excelente imagem, equilibrou o jogo com o campeão nacional. O Sporting está a exceder as expectativas, tem excelentes jogadores, por isso vai continuar a fazer o seu caminho, com os pés na terra, embora com a cabeça no céu.

Não vou dizer que Leonardo Jardim é um achado, mas é um treinador que superou as expectativas. É um homem de grande lucidez, grande organizador táctico e aperfeiçoador técnico. Foi uma excelente contratação. Quanto a Bruno de Carvalho, o relacionamento que tem tido com a equipa, a empatia que criou com os adeptos, naturalmente que tem sido um factor muito importante nesta revitalização da alma do futebol.»

 

-    Rogério Alves    -

 

Observação: Louva-se a atitude gratificante e a postura de solidariedade do antigo presidente da Assembleia Geral do Sporting - pese alguns exageros - postura esta que muito se evidenciou no Clube, pela sua ausência, em um passado recente, curiosamente muito por parte de quem agora o lidera. É de concordar que apesar do resultado negativo no Dragão, a equipa leonina fez uma exibição muito digna, nomeadamente na segunda parte, e que de facto chegou a equilibrar a contenda. A história do clássico poderia ter sido muito diferente se - e é um grande "se" - o segundo golo portista não surge um escasso minuto após o empate. Além deste jogo, há de facto uma esperança real que a equipa continuará a crescer e não hajam dúvidas que é esse o maior desejo de todos os sportinguistas.

 

Não sei bem se este Sporting está a "exceder as expectativas", e digo isto sem o mínimo de ironia. Como adepto, e considerando a incógnita associada à mudança de liderança e ao estado do Clube, financeira e desportivamente, creio que não tinha quaisquer expectativas, mais uma postura de esperar para ver. Dito isto, Rogério Alves tem plena razão quando elogia a contratação de Leonardo Jardim, quiçá, a única consideração absolutamente consensual entre sportinguistas. No que ao presidente concerne, mesmo os seus maiores críticos lhe reconhecerão uma medida de mérito em certos aspectos da sua gestão nestes primeiros sete meses de mandato e é verdade que criou empatia com um determinado número de adeptos. No entanto, por um leque de factores, presente e passado, que se tem vindo a debater aqui e em outros espaços públicos desde que assumiu a liderança, creio que nunca será uma figura consensual no universo sportinguista. O passar do tempo melhor esclarecerá esta disposição, isto, se não acreditarmos nas palavras de Albert Einstein: "A distinção entre passado, presente e futuro é uma ilusão teimosamente persistente."

 

publicado às 02:19

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


23 comentários

Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 30.10.2013 às 15:58

Este filme repetitivo já cansa não ganhamos nada com isto.

De parte a parte á excessos e como tal estamos cada vez mais longe de consensos :).

As avaliações à equipa e à direção deverão ser feitas de forma justa e critica no final da época até lá são mais as vontades e questões de gosto pessoal a sobreporem-se À razão propriamente dita.

SL,
Sem imagem de perfil

De HY a 30.10.2013 às 18:43

Apoio o sentido do comentário do Sérgio. Críticas a tudo o que vem do lado da direcção porque se odeia o Bruno, ofensas ao críticos porque se detesta os croquettes, acho que basta.

Eu vejo contributos muito valiosos de uma parte e de outra quando não se entra em excessos. E acho que seriam muito mais úteis se não tivessem sempre a marca "ideológica" demasiado vincada. Podemos discordar sem estar sempre a bater no ceguinho e sem entrar em insultos, não?

E não vale a pena entrar no jogo a culpa é tua, não é tua. Todos somos seguramente parciais, mas podemos fazer um esforço.

Aqui há tempos o Rui linkava-nos para um post do A Norte de Alvalade. Pois bem, acho que seria útil ler também o que LdA escreveu sobre os jogo nas Antas e os tristes acontecimentos ("Antes de depois do Clássico: o discurso do Presidente, os Casuals e outras violências").

Não deixa de criticar certos aspectos da acção do Presidente, mas não entra em excessos tipo, bem feito era o que ele estava a pedir ou insinuar que foram as suas palavras que lançaram os vândalos na rua... ou mesmo expressar alegria pela derrota porque prova que o Bruninho não vai lá, como infelizmente li aqui (não necessariamente da parte dos autores).

Eu acredito que quando a crítica é justa e baseada em factos, mais dificilmente se pode reagir com insultos. Ou então, quem o faz descredita-se imediatamente. Querer pintar sempre tudo de negro porque não se gosta do personagem diminui a eficácia da crítica, origina debates inconsequentes, troca de insultos etc, mesmo contra a vontade dos autroes do blog.

Como já disse muitas vezes, não sou de nenhuma faccão mas tendo a apoiar a direccção actual porque reconheço que o que está a ser feito até aqui é muito positivo. Nem tudo, seguramente, mas o balanço é positivo. Nada me garante que o será no final da época, mas é o que eu desejo. No entanto, fico grato a quem me demonstra, através das suas críticas, que certas coisas estão a ser mal feitas. Mas quando a crítica deriva obviamente da lógica "ora aí está, o que é que queriam, que estes aldrabões soubessem fazer alguma coisa?", perco a pciência. E penso que o mesmo sucederá com o sportinguista "médio".

O Sporitng é nosso. Nosso, quer dizer de todos. Saibamos discuti-lo entre todos.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo