Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Uma Vitória Muito Importante

City Lion, em 04.11.13

 

Depois do que aconteceu no Dragão, sentiu-se alguma desmoralização entre os sportinguistas, uma espécie de “cair na real”. A piorar tudo, a situação de violência que o Sporting não contribuiu para evitar, antes pelo contrário, como já aqui referi a semana passada e que não tem nada a ver com a história do nosso clube (até por isso não me surpreenderam as declarações do Presidente do Sporting a alegar que desconhecia o passado dos jogos entre o Sporting e o Marítimo - é que ao querer apagar as coisas más da sua memória, dá-me ideia que apagou outras coisas).

 

Assim, entrámos em campo com o Marítimo com menor confiança e entusiasmo, o que desde logo se repercutiu no número de espectadores em Alvalade que baixou para cerca de 25000 (apesar do meritório esforço do Presidente durante a semana para evitar que isto acontecesse).

 

A vitória de Sábado, reforçada pela forma como foi obtida mesmo que perante um adversário bem mais fraco do que noutros tempos, foi fundamental para evitar cairmos num ciclo vicioso que conhecemos tão bem e teve ainda outras vantagens:

  1. Dá-nos confiança para o jogo mais importante da época (até agora) que é já no próximo Sábado. Se o Benfica perder 3ª feira e depois Sábado connosco, até podemos ser co-responsáveis pela saída do Jorge Jesus e ai quem sabe o que pode resultar da instabilidade dos nossos vizinhos;
  2. Mostrámos que não somos dependentes do Montero que esteve quase irreconhecível;
  3. Ficámos a saber que temos um “pinheiro” que apesar da pouca destreza técnica pode-nos ser bem útil em determinados momentos de jogos e já estamos a aproveitar quase metade das contratações da época;
  4. Ajudou a reabilitar a imagem de Adrien junto dos adeptos (que nunca foi famosa depois da final da Taça com a Académica e da forma como conseguiu o contrato que hoje tem) pois depois do jogo muito fraco no Dragão, teve a frieza de nos dar a vitória;
  5. Temos o nosso Diego Capel (felizmente não o conseguiram vender) de volta, tendo empurrado a equipa para a vitória. Ele que, para mim, junto do Rui Patricio, Eric Dier e agora William Carvalho representam o verdadeiro espirito leonino .

Da parte negativa a sublinhar apenas o facto de André Martins e Wilson Eduardo (Carrillo ainda muito intermitente), serem mais dois jogadores da “casa” que deixaram de ser titulares. Como já disse há uns tempos, não me admirava nada que o próximo fosse Cedric (até porque Piris tem deixado boas indicações) e sobrariam apenas Rui Patrício, Adrien e William Carvalho (até porque Mauricio deve voltar à titularidade), no tal ano que tinha tudo para ser o da aposta na formação e que a entrada de uma dúzia de novos jogadores claramente mostrou que não seria.

 

O jogo do Belenenses com o Porto mostrou que não podemos ficar satisfeitos com resultados e exibições como a que fizemos no Dragão e a reacção de dirigentes do Sporting a manifestar orgulho pelo jogo que lá fizemos, mostra que ainda há muito caminho para trilhar para voltarmos a ter uma cultura de exigência no nosso clube.

 

Vamos lá encher a Luz de verde e não sair satisfeitos com vitórias morais mas sim com vitórias reais!

 

publicado às 10:19

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


29 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 04.11.2013 às 18:54

Estas picardias acrescentam exactamente o quê, podem-me dizer ? Já está mais que na hora de deixarmos de olhar para o passado e começarmos a projectar o futuro, que se quer de união, vitórias e títulos.

Deixem-se disso, para bem do Sporting.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D




Cristiano Ronaldo