Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Podia ter sido muito pior...

Rui Gomes, em 28.08.14
 

 

O sorteio para a fase de grupos da Liga dos Campeões foi realizado esta quinta-feira, em Mónaco, e acho que em termos competitivos, o Sporting não tem razão para queixa, já que lhe foi destinado um Grupo (G) que permite alimentar alguma esperança:

 

CHELSEA - SCHALKE 04 - MARIBOR

 

Já o mesmo não direi em termos de espectáculo e/ou bilheteira, salvo porventura no caso do Chelsea. Esperava-se pelo menos dois "tubarões", e estes, não obstante o seu nível, não serão os mais "vorazes". O Maribor era uma das equipas que eu desejava, por os ter visto jogar contra o Celtic, e é uma equipa definitivamente ao alcance do Sporting.

 

E tinha o destino que Leonardo Jardim regressasse a Lisboa... mas não a Alvalade. O Mónaco está inserido no Grupo C do Benfica - Zenit e B. Leverkusen.

 

Já o FC Porto, está num Grupo (H) muito viável: Shakhtar Donetsk - Athletic e Bate Borisov.

 

Mais logo publicaremos o calendário de jogos e a constituição dos outros Grupos.

 

publicado às 17:43

O 11.º reforço da época 2014/15

Rui Gomes, em 28.08.14
 

 

Hadi Sacko, de 20 anos, francês, proveniente do Bordéus, médio ofensivo/avançado, deverá ser apresentado ainda esta quinta-feira como o 11.º reforço da época para o Sporting. Pelas informações vindas de França, o negócio ficará por cerca de 1,4 milhões de euros, mais uma percentagem de uma futura mais-valia. O contrato que assinou/assinará é inevitavelmente de 5 anos, com uma cláusula de rescisão de 60 milhões de euros.

 

A dúvida que me afronta, pela juventude e relativamente pouca experiência do jogador, é muito simples: chega a Alvalade como reforço para a equipa principal ou vai acabar por "estagiar" na equipa B, a exemplo de outros recém-contratados ?

 

Na frente do ataque, neste momento, não aparenta existir muito espaço: Nani, Carrillo, Heldon, Capel, Tanaka, Slimani e Fredy Montero. É verdade que a SAD tem estado a tentar transferir Capel, mas pela verba que consta que está a ser exigida, a sua saída, por esta via, é muito improvável. Feitas as pazes com Slimani, ainda não é claro se irá permanecer, embora se deva ter em conta que se ficar, o Sporting não vai poder contar com os seus serviços durante mais de um mês, precisamente a meio do campeonato, pela Taça das Nações Africanas.

 

Este é mais um jogador que consta fundamentalmente de uma promessa, com mínimo impacte a curto prazo, salvo se tornar em uma agradável surpresa. Não é, decerto, no imediato, o tipo de jogador com a capacidade para fazer a diferença entre os principais activos do plantel, como se esperava e desejava.

 

publicado às 04:56

Leonardo Jardim no horizonte ?

Rui Gomes, em 27.08.14
 

 

O sorteio para a fase de grupos da Liga dos Campeões será realizado na quinta-feira, dia 28 de Agosto, em Mónaco. Muito embora ainda estejam por apurar algumas equipas que jogam esta quarta-feira, a composição dos potes para o sorteio já é conhecida, com o Benfica e FC Porto no Pote 1 e o Sporting no Pote 3. O Mónaco de Leonardo Jardim encontra-se no Pote 4, por conseguinte, potencialmente no caminho do Sporting. Embora seja um adversário pouco agradável, entre os que se encontram nesse pote, não deixa de ser uma possibilidade interessante.

 

Escolha os seus adversários de preferência:

 

Pote 1

 

Real Madrid - Barcelona - Bayern Munique - Chelsea - Benfica - Atlético de Madrid - *Arsenal - FC Porto

 

Pote 2

 

Schalke 04 - B. Dortmund - Juventus - Paris SG - Shakhtar Donetsk - Basileia - Zenit - Manchester City

 

Pote 4

 

Anderlecht - *Salzsburgo - Roma - *Steaua Bucareste - Apoel - Bate Borisov - Maribor - Mónaco

 

* Ainda não estão apurados.

 

** Recorde-se que clubes da mesma Federação não se podem encontrar nesta fase.

 

A minha escolha seria a seguinte:

 

1.º Do Pote 1, já que temos de apanhar um "tubarão", eu escolheria o Real Madrid, só pelo prazer de ver Cristiano Ronaldo novamente em Alvalade.

 

2.º Do Pote 2, o Basileia poderá ser um dos mais viáveis, não sendo fácil, claro.

 

3.º Do Pote 4, não obstante a interessante possibilidade de rever Leonardo Jardim, não escolheria o Mónaco. Agrada-me o Maribor, sobretudo porque os vi jogar contra o Celtic e entender que poderá ser uma equipa bem ao alcance do Sporting.

 

As restantes equipas do Pote 3, são o *B. Leverkusen - Olympiacos - CSKA Moscovo - Ajax - *Nápoles - Liverpool e Galatasaray. 

 

Com tudo isto, a parte mais curiosa é que neste momento ainda não é claro qual será o Sporting que se vai apresentar nesta competição.

 

publicado às 05:20

Convocatória para o Arouca

Rui Gomes, em 22.08.14
 

 

Para o encontro de sábado com o Arouca, o técnico do Sporting decidiu convocar 20 jogadores, com três potenciais estreias na equipa em um jogo oficial:

 

Guarda-redes: Rui Patrício e Marcelo Boeck

 

Defesas: Maurício, Paulo Oliveira, Naby Saar, Jefferson, Jonathan Silva e (?) Ricardo Esgaio

 

Médios: Adrien Silva, André Martins, Oriol Rosell, Slavchev e João Mário

 

Avançados: Nani, Diego Capel, André Carrillo, Heldon e Carlos Mané

 

Pontas de lança: Fredy Montero e Junya Tanaka

 

William Carvalho vai falhar a partida, por castigo. Espera-se até ao fim do dia (17h30) pela inscrição na Liga de Nani. Se acontecer, não tenho dúvidas algumas que será incluído no onze titular. Pela ausência de Cédric Soares, a alternativa lógica é Ricardo Esgaio, mas também já o era na semana passada e Marco Silva, incompreensivelmente, mandou-o para a bancada. Não creio que o recém-chegado Jonathan Silva alinhe na lateral direita. Gostava de ver João Mário entrar de início no lugar de André Martins, mas não creio que seja essa a ideia do treinador, assim como Tanaka na frente do ataque. Fredy Montero não marca há oito meses, não devemos continuar a insistir com a sua titularidade.

 

O meu onze seria o seguinte:

 

Rui Patrício; Ricardo Esgaio - Maurício - Naby Saar e Jefferson - Oriol Rosell, Adrien Silva e João Mário - Nani, André Carrillo e Tanaka.

 

Não me atrevo a sugerir os dois jogadores que vão assistir ao jogo na bancada.

 

publicado às 15:14

O 60.º "reforço" referenciado

Rui Gomes, em 20.08.14
 

 

Depois de falhada a contratação do camaronês Vincent Aboubakar, o Sporting vira-se para Duje Cop, 24 anos, natural da Croácia, ponta de lança que joga no Dínamo de Zagreb e que passou pelo Nacional da Madeira em 2008/09.

 

Mais informações disponíveis aqui.

 

publicado às 12:00

Tribunal O Jogo

Rui Gomes, em 19.08.14
 

 

O painel do "Tribunal O Jogo" composto pelos três antigos árbitros Jorge Coroado, Pedro Henriques e José Leirós, pronunciou-se sobre os lances principais do encontro entre a Académica e o Sporting, a contar para a 1.ª Jornada da I Liga, edição 2014/15:

 

34' - Jogada em Jefferson toca na bola com o braço na área do Sporting

 

Os três ex-juízes concordam que houve "movimento deliberado" por parte de Jefferson, passível de grande penalidade e cartão amarelo.

 

42' - Olascuaga cai na área do Sporting em lance com Jefferson

 

Apenas Jorge Coroado entende que Jefferson tocou "objectivamente" na perna esquerda de Olascuaga, e que ficou uma grande penalidade por assinalar. Os outros dois elementos não verificam causa para o castigo máximo.

 

45' - O primeiro cartão amarelo de William Carvalho

 

Todos são da opinião que foi uma decisão acertada do árbitro, em que William foi "impudente" ao tocar por trás em Rui Pedro.

 

51' -  Lance em que Heldon cai na grande área da Académica

 

Unânimes em que ficou uma grande penalidade por assinalar. O jogador da Académica, Lago, não se preocupou com a bola, apenas procurou "travar" o movimento de Heldon e "impedir a sua progressão", derrubando-o.

 

66' - Segundo cartão amarelo de William Carvalho

 

Unanimidade novamente, em que o cartão foi bem mostrado. William "rasteirou e derrubou" Rui Pedro.

 

publicado às 03:50

 
 

Resultado justo e até podia ter sido pior. A exemplo do que se verificou durante a pré-época, o Sporting continua a não mostrar evolução alguma do seu jogo. Uma exibição que começou a prometer muito, com um belo golo de Carrillo aos 15', a cruzamento de Jefferson, mas aos poucos a qualidade foi desaparecendo até ao ponto de se tornar totalmente displicente.

 

Marco Silva surpreendeu ao incluir Naby Sarr e Heldon no onze, mas cometeu um grande erro ao preterir de Ricardo Esgaio. Escrevi aqui no post sobre  a convocatória, que o jogador vindo da formação faria parte dos 18 a equipar porque oferecia a única alternativa para as laterais defensivas. Cédric Soares foi substituído ao intervalo - presume-se por lesão - e o treinador viu-se obrigado a recorrer a Oriol Rosell, claramente um "peixe fora da água" naquela posição. Por este motivo e pela expulsão de William Carvalho - aos 66 minutos - Paulo Oliveira entrou para a lateral direita e Rosell mudou-se para o centro do terreno, a sua natural posição.

 

O jogo criativo pelo corredor central continua ausente, mas será inútil insistir nesta tese, porque já cheguei à conclusão que somos nós adeptos que não percebemos destas coisas. Alguma criatividade e penetração surge somente através de André Carrillo, a única ameaça ofensiva da equipa, que, além do golo, foi protagonista das jogadas mais perigosas do Sporting. Por muito que se reconheça a qualidade de Fredy Montero, a sua seca de golos - desde Dezembro de 2013 - e enorme falta de confiança, estão a prejudicar a equipa, e acho que se chegou ao ponto de questionar os méritos de lhe conceder a titularidade. Heldon continua a não convencer, evidenciando-se no jogo apenas a espaços. Clara oportunidade para golo, aos 17 minutos, para rematar à figura do guarda-redes.

 

Seria injusto culpar Naby Sarr dos erros defensivos, mas é por de mais evidente que o jovem francês necessita de tempo para elevar o seu jogo. A ingrata realidade que nos confronta, neste momento, é que salvo surgir algo ou alguém, vamos sofrer muito pelo eixo defensivo, especialmente frente a equipas com melhores argumento do que esta Académica.

 

É o primeiro jogo oficial da época e não nos devemos precipitar com pessimismos, mas se se tomar em consideração que pouca se alguma melhoria se verifica após 11 jogos, acho que há justa causa para alguma preocupação.

 

Artur Soares Dias perdoou uma grande penalidade ao Sporting, aos 34 minutos, quando não assinalou mão de Jefferson na área. Aos 51 minutos houve um lance discutível, com possível falta sobre Heldon na área dos "estudantes". O primeiro cartão amaralelo de William Carvalho terá sido excessivamente rigoroso, mas o segundo deve-se somente à negligência do médio leonino.

 

 

publicado às 22:36

As inscrições na Liga

Rui Gomes, em 14.08.14
 

 

Esta questão foi referida por leitores há cerca de uma semana e eu tomei nota para efectuar uma outra visita ao site da Liga, para averiguar os nomes dos jogadores inscritos para a época oficial de 2014/15.

 

Curiosamente - como já tinha sido então verificado - no momento em que este post é publicado, a menos de 48 horas do primeiro jogo oficial da época do Sporting, o registo apenas consta de 15 jogadores da equipa principal, e isto contando com o jovem Ryan Gauld que, tudo indica, irá jogar na equipa B. Ou o atraso se deve a uma qualquer estratégia ou, então, a Liga ainda não actualizou o seu site, algo que não surpreenderia em Portugal, no mês de Agosto, pelos já bem conhecidos maus hábitos. De qualquer modo, eis a lista dos jogadores que constam do registo:

 

Marcelo Boeck - Maurício -Jefferson - Paulo Oliveira - André Geraldes - Shikabala - João Mário - Adrien Silva - Ryan Gauld - Simeon Slavchev - Carlos Mané - Fredy Montero - William Carvalho - André Carrillo e Junya Tanaka.

 

Os ausentes: Rui Patrício - Marcos Rojo - Jonathan Silva - Ramy Rabia - Diego Capel - André Martins - Oriol Rosell - Cédric Soares e Islam Slimani.

 

Espero que não me tenha esquecido de algum nome. Por outro lado, constam os seguintes nomes associados à equipa B, com alguns juniores à mistura:

 

Luís Ribeiro - Stojkovic - Guilherme - Samba - Liu - Tobias Figueiredo - Domingos Duarte - Manafá - Fabrice Fokobo - Bruno W. - Wallyson - Chaby - F. Geraldes - Iuri Medeiros - Palhinha - J. Serrano - Baldé - Riquicho - Postiga - Yan - Mica Pinto - Dramé e Enoh.

 

Os ausentes que me vêm à memória: Ricardo Esgaio, Nuno Reis, Rúben Semedo, Gelson Martins, Hugo Sousa e Betinho.

 

Sem ser surpresa alguma, os chamados excedentários que também não constam: Miguel Lopes - Salim Cissé e Vítor Silva.

 

publicado às 17:47

Quo Vadis Shikabala ?

Rui Gomes, em 27.07.14

 

A pergunta não é retórica !... Pelas informações disponíveis sobre o jogador egípcio, eu fui um dos adeptos mais entusiasmados pela sua contratação no último dia do mercado de Inverno. Fundamentalmente, porque via nele uma possível solução para o jogo do Sporting pelo corredor central. Tem estado praticamente a "estagiar" desde que chegou a Alvalade - teve apenas rodagem na equipa B na época passada - e se este inicio de pré-época serve de alguma indicação, não será em um futuro muito próximo que Shikabala irá integrar, com alguma regularidade, o onze do Sporting.

  

Com tudo isto, de forma simples e breve, gostaria de compreender o que se pretende de um jogador de 28 anos e com contrato até 2018. Não obstante a utilização que lhe tem sido dada pelos treinadores, inclusive Marco Silva, Shikabala não é e nunca será um extremo. Poderá até contribuir de algum modo nessa posição, não nego a possibilidade, mas não será aí que se verificará o seu melhor rendimento.

 

Quo vadis Shikabala ?

 

publicado às 05:12

Análise individual ao plantel

Rui Gomes, em 24.07.14

 

 
Encontrei casualmente esta análise à "performance" individual dos jogadores leoninos no recém-confronto com o Benfica, que me parece correcta e que reflectirá algumas características pessoais de cada um e a sua forma nesta altura da pré-época:
 

Marcelo Boeck - Noite mais tranquila do que se esperava. Transmitiu segurança.

 

Cédric Soares - Sempre em alta rotação. Atacou menos do que o habitual, mas fechou bem.

 

Maurício - É um "sargentão" ! Pode não ter a qualidade dos companheiros, mas é um líder e raramente é batido, quer pelo ar ou pelo chão.

 

Eric Dier - Sem medo de impor o físico, nunca foi batido e mostrou que se quer afirmar.

 

Jefferson - Parece um pouco pesado. Não subiu como normal e teve algumas dificuldades em travar os extremos que lhe apareciam pela frente.

 

Oriol Rosell - A sua luta com William Carvalho vai dar uma boa dor de cabeça a Marco Silva. Voltou a fazer um bom jogo, quer a distribuir quer a destruir. Inteligente a fazer faltas para matar contra-ataques.

 

André Martins - Continua a mostrar dificuldades quando o jogo é mais físico. Teve alguns bons pormenores e conseguiu marcar o único golo na pequena área, após cruzamento de Carrillo.

 

Adrien Silva - Com pouco tempo de trabalho, continua a mostrar que quer manter a qualidade da época passada. Segurou bem a bola e foi o principal criativo. Ais 63' ofereceu de bandeja o golo a Montero com um passe magistral.

 

André Carrillo - Um verdadeiro quebra-cabeças no ataque. Bons pormenores ofensivos e, aos 42', foi dele o cruzamento para o golo. Aos 63', quase marcou após bonita jogada individual.

 

Diego Capel - Na primeira parte explorou muito bem as costas de Luís Felipe para criar perigo na esquerda. Aos 13' ofereceu a Montero a possibilidade de marcar, mas o remate saiu mal.

 

Fredy Montero - Os bons movimentos continuam lá. Segura bem a bola e sabe servir os companheiros, mas voltou-lhe a faltar o instinto matador. Aos 8' perdeu de cabeça, aos 13' rematou mal após bom trabalho e aos 63' saiu curto o chapéu a Artur. Precisa de golos com urgência.

 

João Mário - Tem bons pés. Segura bem a bola mas parece estar ainda com pouco ritmo.

 

Junya Tanaka - Mexido no ataque e voluntário na defesa. Voltou a não ter oportunidades de se mostrar na finalização.

 

Carlos Mané - Entrou com ritmo. Tentou desequilibrar e ajudou a defesa.

 

Slavchev - Gosta de apoiar o ataque e aparecer na área. Mostrou também ser combativo. Podia ter decidido o jogo nos descontos, mas rematou por cima.

 

Heldon - Não conseguiu aparecer no ataque, mas ajudou a fechar nos minutos finais.

 

publicado às 05:30

Abel Ferreira e afins

Rui Gomes, em 09.07.14
 


Não tenho sentido grande motivação para abordar o caso de Abel Ferreira, talvez porque, pelas circunstâncias, teria de ser, e é, mais um escrito crítico da liderança do Sporting, nomeadamente da SAD, que, em termos práticos, significa o mesmo.

Recuando no tempo, aprovei a sua nomeação para integrar o Staff técnico da Academia Sporting. Parecia ser - será ainda ? - uma escolha ideal, tendo em conta a sua formação académica e desportiva e o seu currículo como futebolista, condições que ofereciam uma muito boa perspectiva para o seu sucesso a longo prazo. O mesmo não posso dizer da sua ascensão à equipa B, por entender que foi prematura, pela sua inexperiência como técnico. Naquela altura, a escolher entre os elementos da casa, teria optado por José Lima, pela sua vasta experiência e em escalões diversos, precisamente o que Abel Ferreira não tem. Por outro lado - para quem acompanha o Camarote Leonino há longo não será surpresa alguma - sempre insisti que Abel era o misterioso terceiro elemento da estrutura, anunciado mas não identificado durante a campanha eleitoral de Bruno de Carvalho. O facto do presidente eleito ter mais tarde optado por disfarçar a questão, apenas serviu, na minha óptica, para sublinhar a tese. Neste enquadramento, acredito que essa possível mas não comprovada ligação, tenha tido enorme influência na decisão então tomada.

Mesmo à distância, como mero adepto, sentiu-se durante a época finda que Abel Ferreira estava a sentir algumas dificuldades em lidar com alguns jovens da equipa B. Visto de fora para dentro, é praticamente impossível determinar a especificidade dessas dificuldades, mas creio que a sua existência, na generalidade, não era segredo algum. Em abono da verdade, e para ser justo para com Abel, a responsabilidade não pode ser e nunca é de um só homem, uma vez que trabalha com uma estrutura que, por natureza, tem a obrigação de apoiar o treinador e de assumir tanta ou mais responsabilidade de liderança sobre jovens talentos numa fase crucial da sua formação. Temos nesta importante função Virgílio Lopes, mandatado pelo Conselho Directivo para esse efeito, um homem que foi futebolista profissional e que esteve entretanto completamente afastado de futebol organizado durante cerca 23 anos. Se agora questionamos a competência de Abel Ferreira, não é menos justo questionar objectivamente a de Virgílio Lopes, neste exacto contexto.

Era a esperança de muitos sportinguistas que a SAD tomasse uma decisão sobre o treinador da equipa B, logo após o termo da campanha 2013/14. Tal não aconteceu e muitos de nós ficámos então convencidos que não iriam haver alterações. Surgiu, entretanto, muito recente até, a conhecida entrevista de Litos a dar conta do convite do Sporting para assumir a função, convite este que foi declinado pelo próprio, por "as condições não estarem reunidas" para esse fim, inclusive da ainda ocupação do cargo por Abel Ferreira.

A má condução deste processo, por parte da SAD, começou aqui e apenas degradou severamente ao permitir que Abel Ferreira se apresentasse ao trabalho e conduzisse o primeiro treino da pré-época, só para ser despedido no segundo. Para ser simpático, um comportamento muito reprovável dos responsáveis do Sporting e que um profissional com cerca de oito anos de casa não merecia, aliás,  que nenhum outro profissional merecia. 

Se estiver errado que me corrigem, mas não tenho conhecimento de qualquer comunicado oficial do Clube  neste sentido. Tudo o que sabe, tem sido divulgado pela comunicação social. Questionado recentemente sobre este caso, Bruno de Carvalho afirmou que daria uma explicação mais tarde.

Pelos vistos, será Francisco Barão a liderar a equipa B, pelo menos por agora. Não tenho opinião neste momento sobre esta circunstância, por sentir alguma dificuldade em distinguir o trabalho do treinador principal de o do seu adjunto.

Não pretendo abordar em detalhe, neste momento, o meu conceito sobre o que consta a equipa B e como deve ser operada, mas posso desde já garantir que não é o que se verificou na época passada. A criação desta equipa sempre foi considerada essencial para complementar a formação e servir como a última ponte de ligação à equipa principal. Não é - nunca foi - uma equipa de reservas, onde os jogadores que não conseguem ter tempo de jogo suficiente e satisfazer as exigências competitivas da equipa principal são transferidos para fazer rodagem e/ou cumprir contrato, em detrimento dos jovens que o Sporting pretende apurar para o nível superior. Salvo um ou outro talento considerado meritório, excepcional até, também não deverá ser utilizada, com regularidade, como um depósito para talentos estrangeiros à espera de uma determinação sobre as suas capacidades para integrar a equipa principal.

Uma palavra final sobre quem eu gostaria de ver a liderar a equipa B do Sporting. Conheço-o pessoalmente, embora nunca tenha abordado este tema em conversa e, para ser sincero, até desconheço a sua receptividade para o cargo. Paulo Torres, antigo atleta leonino, conhece muito bem a cultura do Clube e depois de uma carreira de muitos anos como futebolista, já treinou um bom número de equipas de escalões inferiores. Salvo erro, é o actual seleccionador da Guiné-Bissau e, em simultâneo, treinador do Sporting de Bissau. É conhecido pelo bom trabalho que tem levado a cabo com jovens, dado que as equipas por onde tem passado, por limitações financeiras, dependem quase exclusivamente na juventude para competir. É uma mera sugestão, como outras, mas que me agrada, por estar convencido que faria um bom trabalho.

 

publicado às 00:20

 

 

Ryan Gauld tornou-se esta terça-feira no 6.º reforço do Sporting para a época 2014/15. Apesar dos seus 18 anos, tudo indica que integrará a equipa principal, salvo se na pré-temporada Marco Silva decidir algo em contrário. O jovem escocês que jogava no Dundee United assinou contracto até 2020, com uma cláusula de rescisão de 60 milhões de euros. Pela natureza da contratação, estava à espera de valores ainda mais elevados. O custo para o Sporting ainda não foi oficialmente revelado, mas terá sido em excesso de 3 milhões de euros.

 

Admito que Ryan Gauld me entusiasma, muito embora nunca o tenha visto jogar, excepto em vídeo. Além da vertente desportiva, creio que vai despertar o interesse de muitos adeptos, entusiasmados com a ideia de o ver "in loco". Pelos vistos, finalmente que vamos ter a posição 10 preenchida, há longo uma lacuna na equipa leonina. Será interessante observar a adaptação do jovem a um novo país, a uma cultura diferente e, decerto, a um nível de futebol mais exigente do que estava habituado na Escócia - especialmente com a Champions em vista - apesar de já ter realizado uma época completa como titular nos seniores do Dundee United, que disputam a principal divisão escocesa.

 

Para quem desejar rever a informação sobre este novo "leão", já o referenciámos aqui e aqui.

 

publicado às 03:40

Liga dos Campeões 2014/15

Rui Gomes, em 19.06.14
 

 

A UEFA confirmou esta semana os 77 participantes na edição 2014/15 da Liga dos Campeões, que inclui, naturalmente, Sporting, Benfica e FC Porto.

 

A fase de grupos em que tanto o Sporting como o Benfica têm lugares assegurados será disputada de 16 de Setembro a 10 de Dezembro. O FC Porto também poderá participar nesta fase, mas terá que primeiro disputar o "play-off", com a primeira mão agendada para 19 e 20 de Agosto e a segunda a 26 e 27 do mesmo mês. O sorteio das pré-eliminatórias terá lugar em Nyon, na segunda-feira, dia 23 de Junho.

 

O Sporting - pelo ranking - está garantido no pote 3 do sorteio - a realizar no dia 28 de Agostto - enquanto que o Benfica ocupa lugar no pote 1. O FC Porto, se se apurar, também irá para o pote 1, onde já se encontram o Real Madrid, FC Barcelona, Bayern Munique, Chelsea e Atlético. A exemplo do FC Porto, o Arsenal também poderá ser incluído neste elite grupo, em que um deles será adversário do Sporting.

 

A final desta edição da competição está agendada para o dia 6 de Junho de 2015, no Estádio Olímpico de Berlim.

 

publicado às 05:16

Zezinho está de volta...

Rui Gomes, em 18.06.14
 

 

... pelo menos para fazer a pré-temporada com a equipa principal. Depois de ter sido promovido ao escalão superior pela mão de Jesualdo Ferreira em Janeiro de 2013, o médio natural da Guiné-Bissau alinhou em cinco partidas na I Liga, duas das quais como titular, frente ao Gil Vicente e em casa do Estoril. No Verão seguinte, já sob a liderança de Leonardo Jardim, viu-se relegado à equipa B e ainda disputou três jogos na II Liga antes de ser emprestado ao FC Veria da Grécia, nos últimos dias de Agosto.

 

A bem dizer, esta decisão nunca foi verdadeiramente explicada, nem compreendida, não só pela qualidade das suas exibições enquanto com a equipa principal mas, também, pela escolha de uma equipa da Grécia de tão baixo calibre. Não terá sido um ano fácil para o jovem de 21 anos, que já Fez uma época por empréstimo no Atlético, mas acabou por ser um jogador muito influente no Veria FC e contribuiu significativamente para a permanência do clube na primeira divisão grega, classificando-se em 15.º lugar.

 

A alinhar tanto como médio-centro e médio-defensivo, Zezinho participou em 25 jogos, 18 como titular e 7 como suplente utilizado, acumulando 1586 minutos de jogo (17,6 jogos).

 

Terá agora a oportunidade de se mostrar a Marco Silva e, possivelmente, não obstante a competição adicional pelos novos reforços, assegurar um lugar no meio-campo do Sporting.

 

publicado às 04:55

 

 

Conforme estava previsto, o médio defensivo espanhol, Oriol Rosell, assinou contrato por cinco anos com a usual cláusula de rescisão de 45 milhões de euros, tornando -se assim no terceiro reforço do Sporting para a próxima temporada. 

 

Muito embora o Sporting não tenha revelado os números inerentes à transferência, consta que o negócio terá sido selado por cerca de um milhão de euros, mais objectivos, acordado com o Sporting Kansas City e a Major Soccer League.

 

Já escrevemos vários textos sobre este jogador e será desnecessário adiantar mais informação neste momento. Amanhã publicaremos um artigo que visa relatar e comentar o seu passado no Barcelona e a sua saida de Espanha para o clube norte-americano.

 

Robb Heineman, director-geral do Sporting Kansas City desejou felicidades ao jogador e explicou aos adeptos que a sua saída a meio da época não afectará a performance da equipa:

 

«A percepção, visto de fora para dentro, é que o timing desta transferência não é bom, mas no clube acreditamos que o timing é perfeito, dado que abre uma porta de oportunidade para o Uri e para nós. O Uri veio do Barcelona B para o Sporting Kansas City, aqui conquistou o título da MLS e desenvolveu a qualidade do seu jogo. Esta transferência permite-nos manter os nossos jogadores nucleares e adicionar outros activos ao plantel.»

 

Também foi possível apurar que a parte do negócio que compete ao clube é de USD 1 milhão, enquanto o desconhecido restante vai para a MLS. Recorde-se que o jogador chegou ao Sporting Kansas City apenas pela compensação aplicável aos direitos de formação, já que rescindiu com o Barcelona e ficou livre.

 

publicado às 21:04

 

 

A Taça de Honra da Associação de Futebol de Lisboa, que este ano comemora o centenário, disputa-se de 18 a 20 de Julho no Estádio do Restelo:

 

Dia 18 - Sporting vs Belenenses e Benfica vs Estoril

 

Dia 20 - Final e apuramento dos 3.º e 4.º lugares

 

Recorde-se que o Sporting conquistou a última edição desta prova, ao vencer o Estoril na final, através da marcação de grande penalidades.

 

publicado às 15:09

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds