Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A cabeça de Varandas é prémio por Alcochete?

É do que o Sporting precisa. De dar a cabeça do presidente numa bandeja de prata aos heróis da Juve

Rui Gomes, em 23.10.19

Sim, do que o Sporting precisa mesmo é de uma claque que assalte o próprio guarda-redes com uma chuva de tochas, invada o centro de treinos do clube, agrida jogadores, responda às consequências normais desse acto com uma longa campanha contra o novo presidente e, no fim de tudo isso, saia em ombros por conseguir correr com ele.

É o novo conceito de estabilidade: uma direcção eleita escorraçada por uma claque da qual os associados sabem pouco ou nada, tirando que o líder é um criminoso cadastrado, sob detenção e já acusado de mais dois crimes, incluindo um de assalto a residências. Podemos fingir que isto tem a ver com más contratações e bolas que não entram, e isso até dá jeito à oposição, mas quem derruba um presidente fica mais perto de derrubar o seguinte.

José Manuel Ribeiro, Director de O Jogo

publicado às 03:04

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


44 comentários

Imagem de perfil

De Mike Portugal a 23.10.2019 às 09:01

É impressionante como pode haver ainda esta desonestidade intelectual em pessoas que até sabem a informação correta, como neste caso do diretor do jornal.

Não foi a "Juve Leo" que foi a Alcochete, foram alguns membros da Juve Leo (uma minoria como o Fernando Mendes), mas a grande maioria é gente que nem sócia nem adepta do SCP é sequer.

Muitos são do tal subgrupo Casuals, que é composto por várias pessoas que estão infiltradas em várias claques (Juve, Diretivo XXI, NNBoys, SuperDragões, etc...), esses sim, a grande maioria que esteve em Alcochete.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 23.10.2019 às 09:13

"Não foi a "Juve Leo" que foi a Alcochete, foram alguns membros da Juve Leo"

Um cínico diria que o Mike presta-se a fazer um exercício em semânticas.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 23.10.2019 às 09:28

Não é exercício, é ser preciso naquilo de digo. Não preciso nem pretendo defender a Juve Leo, no entanto quero culpar os verdadeiros responsáveis, que têm passado entre os pingos da chuva porque ninguém fala deles, os Casuals.
Sem imagem de perfil

De Cris Dileo a 23.10.2019 às 10:53

Dos 40/50 invasores 14 eram da JL
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 23.10.2019 às 11:14

E os líderes???
Sem imagem de perfil

De Cris Dileo a 23.10.2019 às 13:00

Desse 14 ou melhor dos outros 13, terá sido Fernando Mendes.

Dos outros 30, não sei
Sem imagem de perfil

De Machado a 23.10.2019 às 09:20

Ó Mike, é preciso ter uma lata do carvalho!!
Sem imagem de perfil

De Pedro Miguel a 23.10.2019 às 10:04

Mike... Penso que nem o meu amigo acredita no que escreveu!!

Obviamente que não foram TODOS os elementos da claque que participaram no ataque, mas foram claramente os responsáveis pela claque que o incentivaram.

Dúvidas houvesse, não só a claque não condenou o ataque, como publicou fotografias com tarjas de apoio aos presos.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 23.10.2019 às 10:29

O julgamento ainda não iniciou. Vamos ver quando terminar, as pessoas que realmente foram lá andar à pancada e as que organizaram. Talvez haja algumas surpresas.

O que acho inacreditável é continuarem a não acreditar que são os Casuals os verdadeiros responsáveis pela violência. Mas pronto, cá estaremos depois do julgamento terminar.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 23.10.2019 às 11:16

Essa possibilidade não obstante, como já foi referido por um outro leitor, basta ver a conduta da Juve Leo, em contexto, pós evento.
Perfil Facebook

De Emanuel Faria a 23.10.2019 às 09:09

"...quem derruba um presidente fica mais perto de derrubar o seguinte."
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 23.10.2019 às 09:25

Se percebo a implicação, a diferença é que o lunático derrubou-se a si próprio!
Sem imagem de perfil

De Diogo a 23.10.2019 às 09:47

Não há dúvidas que as claques não são nenhuns santos e que merecem ser punidos pelo maior prejuízo financeiro da história do Sporting.

Agora, todos estes castigos às claques (incluindo a revogação de gameboxes, que me deixa genuinamente perplexo) deveriam ter sido aplicados a seguir a Alcochete. Ou mesmo que não fosse imediatamente a seguir - no início da época. Ou no início da época seguinte.

Ao fazê-lo agora, em ligação direta à contestação à Direção, tudo isto parece mais uma "auto-defesa" ou um ajuste de contas do que as consequências que se impunham no pós-Alcochete. E isso retira força à atuação da Direção.

SL
Sem imagem de perfil

De Titto a 23.10.2019 às 10:30

Estou à vontade para o afirmar, porque tenho trabalho desenvolvido na área, inclusivamente junto do governo. As claques não são um grupo de marginais. Há sim grupos de marginais dentro das claques.

E estão todos devidamente identificados pelas autoridades.

Esta generalização não faz qualquer sentido.

O problema é micro, não é macro.

Sem imagem de perfil

De hugo gomes a 23.10.2019 às 15:31

Titto pois se estivesse mesmo informado dizia tambem que as direccoes das claques estão involvidas em trafico de armas, trafico de droga, assaltos a casas entre outros crimes e não estou a falar só na do sporting.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 23.10.2019 às 16:03

Um outro comentário seu não foi publicado porque não permitimos links de referência, especialmente para vídeos.

É óbvio que não se permite um vídeo no blogue sem primeiro ver o que consta e não há disponibilidade para tanto.
Sem imagem de perfil

De Titto a 23.10.2019 às 16:13

Ok, desconhecia. Mas faz todo o sentido (era de uns miudos a divertirem-se a cantar numa das claques do SCP).

O que quero realçar é que não devemos tomar o toldo pela parte... Senão... acabamos com tudo:

há banqueiros corruptos => "todos os banqueiros são corruptos"
há políticos corruptops => "todos os políticos são corruptos"
há médicos negligentes => "todos os médicos são negligentes"
Sem imagem de perfil

De Titto a 23.10.2019 às 15:50

O Hugo, no fundo, subscreve o que eu escrevi.
Sem imagem de perfil

De hugo gomes a 23.10.2019 às 17:26

Não titto o que lhe tentei explicar é que as claques não são mais que associacoes criminosas que utilizam as claques para angariarem para para os seus gangues como se prova por os dirigentes criminosos ( são osctribunais a dizer que eles são criminosos), o fundamentobdas claques, de hoje em dia não são os clubes mas sim o dinbeiro que ganham com os bilhetes, droga e outro tipo de crimes como extorsão, rapto e assaltos a casas, exemplo presidente da juveleo e dos superdragoes (não falo dos NN pois desconheco quem comanda, mas acfedito que é mais do mesmo).
Como voce pode afirmar que não são criminosos se a direcção da claque é composta por criminosos?
Sem imagem de perfil

De Titto a 23.10.2019 às 18:11

Não, meu caro Hugo. Está precisamente a caminhar no sentido das minhas palavras - e sabe perfeitamente onde reside o problema das claques, porque refere-o continuadamente.

Que tal regular no sentido de impedir que os dirigentes de claques sejam marmanjos com meio século de vida e com uma atracção especial pela marginalidade?

Que tal limitar a direcção de claques a indivíduos até aos 35 anos, com folha limpa, por exemplo?
Sem imagem de perfil

De José Lima Curral a 23.10.2019 às 17:11

Caro Titto, acredito plenamente no que afirma. O problema é que essa minoria de marginais toma de assalto a liderança dessas estruturas organizadas, que depois usam em proveito pessoal ou no interesse de quem os contratar. A grande maioria serão então adeptos, apenas empenhados no apoio ao clube. Apoio que ninguém os quer impedir de prestar. Terão é que adquirir os ingressos, tal como fazem todos os outros não pertencentes a claques.
Sem imagem de perfil

De Titto a 23.10.2019 às 18:33

Exacto. Refiro que o meu conhecimento/envolvimento no tema é de cariz sociológico e, muito particularmente, no que se refere ao impacto da violência no desporto a nível económico.

É um tema complexo e mexe com diversos stakeholders, naturalmente.

Mais do que hostilizar, porque em ligas com a periferia da nossa os grupos organizados de adeptos não têm um papel insignificante na sustentabilidade dos clubes, temos de educar.
Sem imagem de perfil

De PSousa a 23.10.2019 às 10:36

As claques são necessárias ao espetáculo, mas não podem querer mandar no clube e nas direcções.
Se estou de acordo em que lhes sejam retiradas algumas regalias, como por exemplo a venda de bilhetes. Não estou de acordo que sejam impedidos de ter tarjas e tambores.
Mas como já me disseram, com o final do acordo, são sócios como todos os outros e eu por exemplo não posso levar um tambor para o estádio.
Que se chegue a um acordo, pois estas guerras não são favoráveis ao clube.
Vi levantar a questão que isto deveria ter sido feito pós Alcochete, e algo foi feito na altura, mas o iluminado esqueleto Cintra fez a asneira (mais uma) de revogar a decisão da direcção da altura.

Que amanhã se consiga dar uma resposta em campo, que é isso que o Sporting necessita.
Sem imagem de perfil

De Rumo Certo - Ventos Favoráveis a 23.10.2019 às 11:37

Aproxima-se a data do Julgamento sobre acto perpetuado em Alcochete e classificado como de terrorismo.
Como cidadão e sócio do Sporting, clamo e exijo que a Justiça prevaleça, imbuído da profunda convicção, que assim se verificará.
Demasiadas vezes tarda, mas não falha.
As claques implicadas terão que ser extintas e banidas enquanto grupo, bando de criminosos e agressores, culpabilizados civil e criminalmente, de forma individual e na exata medida e grau de imputabilidade e/ou responsabilidade.
Os prejuízos causados ao Sporting e ao País (em termos de imagem), são incalculáveis e de uma dimensão financeira incomensurável, com profundo reflexo na competividade desportiva do clube e estabilidade na governança.
Esta gentalha abjeta, criminosa e desprezível da vivência social e associativa do Sporting em particular, mas igualmente de qualquer outra instituição ou lugar, ainda tem o desplante, desfaçatez e pouca vergonha, de exigir ou criticar o que seja?
Para além de terem actuado à margem da Lei e do Direito, continuam a violar as mais elementares regras de civismo e urbanidade, desprovidos totalmente de moral, postura e ética.
A Direção do Sporting tem adoptado medidas profiláticas e ajustadas, na exacta medida do tempo e das ocorrências.
Pese embora as mesmas, a calúnia, ofensa, agressão, coação, perjúrio e intimidação, etc., aos membros dos O.S., aos Dirigentes e ao comum dos associados, não pararam e têm-se multiplicado.
Por conseguinte, inapelavelmente, houve a necessária coragem para colocar ponto final a toda esta insana violência - fim de linha, para os desordeiros, ordinários, energúmenos e banditagem.
Excelente decisão que merece o meu incondicional apoio e gratidão.
Estamos a dar enormes e seguros passos em frente, a todos os níveis e âmbitos, que apenas carecem, também de alguma sorte, sempre desejada no futebol - mas esta, dá muito trabalho, assim como, necessária é, uma melhor precisão e acerto nalguma apostas e/ou investimentos possiveis e a fazer.
Ao Presidente Coragem e restantes elementos da Direção e O.S. o meu agradecimento público.
Ao Dr. Varandas em particular, um enorme abraço de compreensão, solidariedade e sincero desejo que neste momento tão singular e significativo da Vida familiar, único e de incontida ansiedade, tudo, mas mesmo tudo, lhe(s) corra(m) de feição.
Força Sporting.
SL




Sem imagem de perfil

De ChakraIndigo a 23.10.2019 às 12:43

Há quem diga que o problema das claques é micro e mais não sei o quê, e que a maioria são pessoas honestas.

A pergunta que eu faço, é - há quantos anos é que a liderança da Juve Leo pertence a um cadastrado?
Há quantos anos é que a liderança dos Super Dragões pertence a uma pessoa sobejamente conotada com o sub-mundo da cidade do Porto?
Há quantos anos se sabe que os NNBoys têm diversas facções rivais que praticam crimes de diversa índole?

As claques nasceram com um propósito bonito de apoio aos clubes, e paulatinamente transformaram-se em grupos liderados por marginais e marginalizados que fazem desses grupos uma associação com práticas criminosas.

Por mim não existiam claques com apoio dos clubes, que indirectamente estão a contribuir para o que se passa nesses grupos, onde existem vários "profissionais" de claques, cujo motivo principal para esta revolta, é a perda de benesses financeiras.

Tenho uma amiga cujo filho pertencia a uma claque, não interessa qual, que foi "obrigado" a agredir um policia como iniciação, e que quando não aguentou mais teve de ir viver para Inglaterra, sob pena de continuar a ser alvo de bullying por querer deixar a claque.

A serpente tem de ser morta enquanto está no ovo.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 23.10.2019 às 13:08

Muitos querem criar um bode expiatório para a ausência de estratégia e para ocultar erros graves de gestão da direcção, e esse bode expiatório está há muito definido.... os adeptos do Sporting!
Se acham que a JuveLeo vai deixar de apupar o Varandas estão muito equivocados.... os tais subsidios que falam não representa grande parte das reais despesas de pertencer a uma claque, portanto admito até nos próximos jogos ver mais elementos da JuveLeo nos estádios como resposta a esta direcção que desune os sportinguistas. No último jogo de hóquei ficou isso espelhado.

Esta é uma guerra em fica demonstrada a incapacidade do Varandas em ser presidente, é impreparado, é inseguro e é irresponsável.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 23.10.2019 às 13:22

Varandas pode ser tudo isso, mas pelo menos não é um arruaceiro como o lunático e os seus apoiantes.

O indecoro do Schmeichel não tem limites. Um devoto seguidor do lunático a acusar outro presidente do SCP de ser irresponsável. Incrível!!!
Sem imagem de perfil

De antonio a 23.10.2019 às 14:15

Realmente oh Schmeichel... o Varandas pode nao ser grande presidente mas o Bruno de Carvalho foi um autentico desastre.
Sem imagem de perfil

De João Paulo Gonçalves a 23.10.2019 às 14:24

É realmente incrível.
Confundir todos os ADEPTOS do Sporting com a atual Juve Leo é de mestre.
Ainda me custa a creditar que haja quem defenda um bando de marginais que viveu durante anos à custa do clube, que serviu de guarda pretoriana a BdC ameaçando nas assembleias aqueles que se manifestassem contra a sua presidência, que tinha o privilégio de lucrar com a venda de bilhetes oferecidos pela direção, que viajava no mesmo avião da equipa em jogos internacionais, que invadiu Alcochete e agrediu jogadores causando um prejuízo incalculável ao clube, que tem líderes reconhecidamente criminosos, e por aí fora.
Não digo que todos os elementos da Juve Leo façam parte do que descrevi acima, mas um grande número deles faz.
Os adeptos do Sporting são os que apoiam e sofrem com o Sporting. Não são os que vivem à custa do Sporting.
Frederico Varandas, que não me parece ter grande queda para liderar o clube na vertente desportiva, tem pelo menos este mérito: a coragem de afrontar este bando de arruaceiros com criminosos à mistura.

Tudo o que escrevi acima, é igualmente aplicável às claques dos outros dois "grandes". E não é a legalização das claques junto do IPDJ que trava seja o que for...
Isto é um problema social que só tem resolução se houver vontade politica.
Mas duvido que isso aconteça...

Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 23.10.2019 às 18:35

Agora tentam vender a ideia de que isto é uma medida corajosa do Varandas quando a realidade é que ele só fez isto porque se encontra encurralado... se fosse estratégia já o tinha feito no passado, logo é evidente o descontrolo desta direcção que se acha no direito de dividir sportinguistas.
Como não conseguem agrupar é mais fácil excluir.... mas é precisamente este tipo de decisões que dão mais razão e força à oposição.
Sem imagem de perfil

De LeaoCapel a 23.10.2019 às 13:09

Já que você insiste, previsivelmente, no tema claques, eu também insisto que muitos de vós se vão surpreender quando perceberem que grande parte da contestação nem sequer vem das claques. E que o presidente Varandas, se cair, vai ser pela mão do comum sócio e adepto.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 23.10.2019 às 13:29

Nós já sabemos que é esse o seu desejo. Não surpreende, portanto, que venha com essas afirmações gratuitas, típicas da sua pessoa.
Sem imagem de perfil

De LeaoCapel a 23.10.2019 às 16:45

Nao sou só eu a dizê-lo... O insuspeito Octávio Machado disse exatamente o mesmo há dias na CMTV... Restringir a contestação às claques é redutor e tem na sua génese desviar atenções do verdadeiro problema de fundo : a incompetên ia e falta de preparação da estrutura que veio descambar no pior arranque de época de que há memória
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 23.10.2019 às 17:25

O Octávio Machado?
Sem imagem de perfil

De aracaçu a 23.10.2019 às 14:25

O Dr. Francisco Rodrigues dos Santos já apresentou a sua demissão dos órgãos sociais do Sporting, devido a incompatibilidade de funções? Presidente da Juventude Popular, candidato a deputado pelo Centro Democrático Social/Partido Popular (falhou a eleição).

Porque não foi à Assembleia Geral do Clube a 10 de Outubro? E porque na noite da derrota do Sporting em Alverca, esteve mais preocupado em ir ao Conselho Nacional do seu partido? Não há aqui incompatibilidade de funções (Como ocorreu com Santana Lopes, ex-presidente do Sporting e do PSD)?

E porque Varandas ainda não tomou medidas sobre isto?

Alguém poderia responder por favor.

Cumprimentos

Comentar post


Pág. 1/2





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Cristiano Ronaldo