Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A crítica construtiva

Rui Gomes, em 24.01.22

GoalPoint-Sporting-Braga-Liga-Bwin-202122.jpg

É inegável que foi uma derrota muito frustrante pela forma como tivemos oportunidades de resolver o jogo. Mais frustrado fico quando o empate já é um mau resultado e, no desespero, acabamos por perder o jogo. Não corroboro a eleição do Tabata como destaque. Não vejo que se tenha evidenciado para tal e "usá-lo" para penalizar os outros não parece justo. Na minha opinião Matheus Nunes e Pote, apesar de algumas falhas, tiveram melhor rendimento global.

A equipa não está tranquila e isso nota-se ao primeiro contratempo do jogo. A saída a jogar de trás, que é uma das principais identidades desta equipa, exige uma permanente concentração e atenção. Qualquer falha pode vir a ser comprometedora. A intranquilidade visível da equipa, associada à pouca concentração de alguns jogadores, tem originado falhas comprometedoras com este sistema.

Em relação à arbitragem, só em Alvalade, contra o Sporting, é que os árbitros (e o VAR) têm o "à vontade" para marcar estes penáltis. Por último um aparte: há sempre alguém que tem um dia de grande glória, onde lhe sai tudo bem, contra o Sporting. Duvido que a "revelação" que marcou o segundo golo ontem marque muitos mais golos até ao final da época.

Comentário de Leão do Norte

________________________________________

Depois de ler este longo texto, onde expressa, com todo o direito, opiniões tão subjectivas, como quaisquer outras, vou passar ao lado da análise do treinador de bancada que todos gostamos de ser, para me focar apenas num ponto, que considero estranho.

A minha grande estranheza prende-se com o facto de dedicar um parágrafo ao presidente Varandas, desconsiderando-o no exercício do seu cargo. Mas a que propósito vem esta abordagem sobre o presidente no contexto em que é feita? Mas a que propósito e com que conhecimentos, o considera inapto para o cargo? Mas com que lógica põe em causa o seu direito à livre expressão, no âmbito do cargo que exerce?

A única crítica que não se pode fazer a Varandas é falta de descrição no exercício das suas funções. Porquê o querer amordaçado? Por não ter carisma? Por não ser um líder? O que é um líder? O que anda aos pulos a roubar protagonismo a quem o tem?

Gato escondido com o rabo de fora?

Comentário de Nação Valente

________________________________________

Pedro Gonçalves fez um grande jogo, marca um golo que leva o selo de eleição. Matheus Nunes também e até Matheus Reis, aquele penálti não era marcado na Luz e nas Antas. E mais, Artur Soares Dias não o marcava nas Antas, talvez as azias de outros tempos. Vamos ser sérios, a equipa não jogou o que nos habituou mas bastaria concretizar metade das oportunidades para ganhar o jogo; Carvalhal ainda não percebeu como ganhou.
De positivo, a ovação que os nossos atletas receberam dos adeptos,. Estive lá, a maioria são muito jovens, sinal de que o Sporting CP tem futuro. Não vamos permitir que venham às redes sociais, aos blogs, destruir o nosso Sporting. Quarta-feira em Leiria há mais, os jovens, como eu noutros tempos, vão lá estar. Abençoada Juventude.

Comentário do leitor RCL

________________________________________

Marcar aquele penálti, só mesmo connosco. O árbitro não marca no lance corrido e as imagens não são claras e inequívocas sobre a intensidade que leva à queda do jogador do Braga!

Como é possível que um soco CLARO nos queixos de Coates não seja sancionado (naquele lance do Pepe), e um lance deste tipo seja marcado?

É verdade que não perdemos o jogo só por esse lance. Não podemos ficar tão nervosos, por sofrer um golo de penálti, ainda mais quando falta meia hora para jogar. Tivemos mais que tempo para inverter o jogo. E se perdemos é por culpa própria.

Comentário do leitor AlexandreP

________________________________________

Depois de uma primeira parte em que o SC Braga nem cheirou, na segunda parte a nossa defesa decidiu começar a distribuir brindes. Coates no lance do penálti e o Inácio no lance do segundo golo (entre outros lances). Parece-me que o Gonçalo Inácio está demasiado "confiançudo", quer sair sempre com a bola a jogar e muitas vezes entrega mal a bola. Às vezes tem que se jogar simples, nem que seja mandar a bola para fora. Tem que melhorar este aspecto. Por aquilo que se passou no jogo, acho este resultado bastante penalizador e só nos podemos queixar dos brindes que oferecemos. Agora há que dar a volta por cima já no próximo jogo.

Comentário do leitor Zé Manel

________________________________________

A equipa sentiu muito o golo como já tinha acontecido com o Santa Clara, depois foi para a frente de forma desesperada, abriu espaços, cometeu muitos erros, falhou passes em zonas proibidas e na finalização. Há muitos jogadores fora de forma e começa a notar-se falta de confiança! Tínhamos mais que tempo para dar a volta, com mais calma e cabeça fria, mas não, enervaram-se e passaram a jogar mais com o coração do que com a cabeça. O Braga aproveitou para ganhar o jogo numa falha nossa, como já tinha acontecido com o Santa Clara!

Comentário do leitor Frederico Silva

________________________________________

Atenção que as coisas mudam muito depressa e um fim de semana a favor tudo se inverte; agora para serenar a equipa é preciso conquistar a Taça da Liga e depois esta equipa em dia normal pode ganhar no Dragão e relançar o campeonato. O Porto também pode sofrer algum revés quando menos se espera ( apesar das máfias do apito).
Acreditemos, pois a equipa, como diz Rúben Amorim, joga melhor futebol que na época passada, mas neste momento apareceram algumas condições adversas que irão de certeza ser ultrapassadas! Taça da Liga para Alvalade já, e o campeão renascerá!

Comentário do leitor José Gonçalves

________________________________________

Rúben Amorim tem razão, sem dúvida. Tudo pode mudar de repente. Para o Sporting CP infelizmente mudou. Começou a perder jogos contra equipas bem mais fracas o que nos coloca em enorme desvantagem perante iguais. Porque as derrotas abalam as convicções. Como se viu o ano passado foi impossível à concorrência desalojar o Sporting do 1.º lugar depois de alcançar o avanço confortável que conseguiu na tabela classificativa. A dinâmica já está instalada. Pode mudar, mas já não está nas mãos do Sporting alterar a dinâmica do campeonato. 

Comentário do leitor João Gil

________________________________________

Não sou defensor de individualidades. Acima de tudo o Clube. Vir a terreiro numa altura de derrota, criticar este ou aquele, é puro oportunismo. Rúben Amorim é sem dúvida uma figura chave, neste Sporting. Mas é desonesto escamotear quem apostou nele e assumiu o risco. Se Varandas não é de facto o presidente ideal, que se perfilem alternativas credíveis e se apresentem a votos. Ou, só há vontade de criticar, quando se perde? Identificam-se problemas, mas depois falta a coragem para apresentar soluções.

Comentário do leitor Paulo Matos

________________________________________

Se há defeito que abomino é a ingratidão. E vir numa derrota malhar em tudo e todos e em particular no presidente que nos devolveu o título de campeão é pura ingratidão! Varandas merece grande crédito. Ponto. E este bota-abaixismo de prováveis contornos eleitoralistas no rescaldo de uma derrota só fica mal a quem o pratica.

Comentário do leitor Juskoviak

________________________________________

Para se perder, muitos vezes há erros colectivos ou individuais, mas penso que nestas duas derrotas são erros clamorosos a nivel individual. É verdade que há alguns jogadores em baixo de forma mas o plantel não tem a profundidade que todos queríamos. Além disso tem faltado aquela estrelinha que houve o ano passado. Quero relembrar que Coates pode estar em esforço por causa do joelho. Inácio não está em forma mas Neto é melhor? Falta velocidade a Inácio; é incrível, está sem pique e comete erros que em forma não cometia.

Falta o tal ponta de lança para estes jogos; não quero acreditar que Rúben Amorim não o pense, mas o mais certo é não haver € para o que se pretende. Por em dúvida as opções de RA não me parece correcto. Ele trabalha no dia a dia, sabe muito bem o que faz e elevou esta equipa onde ninguém sonhava. Olhem para o lado e vejam os outros orçamentos.

Comentário do leitor MAV

________________________________________

*** Há muitos mais comentários merecedores de destaque para exemplificar o que consta a crítica construtiva. Estes são apenas alguns exemplos que seleccionei, sem demérito para os demais do género.

publicado às 03:35

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


22 comentários

Sem imagem de perfil

De AlexandreP a 24.01.2022 às 11:32



Obrigado pelo destaque.
Sem imagem de perfil

De Rui a 24.01.2022 às 12:01

O futebol Português está doente, infelizmente quem devia cuidar e zelar pelo doente é o principal culpado pelo estado de quase coma em que o mesmo se encontra, só me faz lembrar os médicos da idade média.
Tudo é possível, a vigarice não tem limites, o compadrio está há muito instalado e onde a competência é a última a ser chamada
Até quando vamos assistir ao desfile de decisões, castigos e outros condicionamentos direcionados com precisão, cheios de ímparcialidades e interesses individuais?
Água e sabão talvez ajudasse.
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 24.01.2022 às 13:14

Rui,
A doença que padece o futebol português é a "terapêutica" que fortalece os interesses dos privilegiados.
Enquanto a terapia passar por esses privilegiados não esperemos qualquer processo de cura.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 24.01.2022 às 16:47

Num país terceiro mundista em muitos aspectos, é difícil vislumbrar qualquer tipo de cura.
Sem imagem de perfil

De MAV a 24.01.2022 às 12:19

Afinal também faço críticas construtivas. .

Agradeço o destaque RG
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 24.01.2022 às 13:33

Tento ser objectivo!
Imagem de perfil

De Luísa de Sousa a 24.01.2022 às 12:38

Aprecio muito as críticas construtivas e foi bom ressaltá-las, Rui

Beijinhos
Feliz Dia
Sem imagem de perfil

De Juskowiak a 24.01.2022 às 12:41

Não podemos negar que perder 6 pontos em 3 jornadas é meia-sentença de morte. Nada está perdido, mas...

O Porto joga objetivamente bem, quando não joga resolve com os bons finalizadores que tem sempre em campo, e quando não acontece nenhuma destas coisas tem os "outros méritos" decorrentes de serem presididos por um dos maiores criminosos de toda a história do desporto mundial.

A Taça da Liga seria sem dúvida um bom tónico para a equipa recuperar a confiança. Não espero nada menos do que uma vitória convincente na 4a feira e a conquista de mais um título no sábado.
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 24.01.2022 às 13:23

Juskowiak,
Efectivamente o Porto tem essa "cascata" de soluções que lhe permite encarar os jogos com outra segurança. Miraculosamente tudo parece acontecer conforme os seus interesses.
Ainda ontem se preparavam para limpar cartões de um jogador na selecção nacional (Uribe), mas o jogador excedeu-se e o neófito VAR ainda não estava "alinhado".
Sem imagem de perfil

De Yazalde a 25.01.2022 às 02:53

Estou alinhado nas suas opiniões, o futebol português está cheio de criminosos ,que já deviam ser banidos á muito tempo, se isto fosse noutro país ex em inglaterra.ja tinham ido com a mala as costas ,para não dizer outra palavras menos desagradável
Sem imagem de perfil

De Marcos Cruz a 24.01.2022 às 12:49

Este VAR é de Braga. Pergunto se isso faz algum sentido. E recordo a reversão de um penalti num Sporting-Porto de 2020, em que o Zaidu desequilibra, por trás, o Pote, que vai isolado. Aí não há toque, há toques, e o VAR intervém para anular o penalti assinalado pelo árbitro. Aqui há um toque mínimo perfeitamente casual, nunca uma rasteira, e o VAR intervém para levar o árbitro a assinalar penalti. Este ano, o Porto tem tudo bem controladinho.
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 24.01.2022 às 13:33

Marcos Cruz,
Inúmeras vezes o Paulinho já foi vítima destas situações na área adversária e nunca foi marcada qualquer falta. Não digo que todas fossem penalty, mas raríssimas vezes foram objecto de intervenção do VAR. O critério não pode ser consoante a vontade do "freguês".

Quando se tem tudo bem controladinho não é necessário ser muito exuberante nas "correções". Basta pequenas "orientações" para não se desviarem do "trilho"!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 24.01.2022 às 16:50

Como sempre, há casos flagrantes que passam em branco e depois temos outros que são analisados à lupa, como foi o caso do lance do penálti no jogo do Braga.
Sem imagem de perfil

De Manuel Parreira a 24.01.2022 às 17:22

Obrigado Rui Gomes pelo destaque que deu a todos estes comentários, obrigado porque assim tive oportunidade de ler e ficar a saber o que pensam os verdadeiros sportinguistas, foi uma derrota que eu não estava a’ espera e fiquei de tal maneira aziado que não li nem vi nenhum programa de desporto, agora mais calmo, foi com prazer que li estes comentários e só me apraz dizer que por morrer uma andorinha “ou duas” não acaba a primavera, vamos apoiar a equipa, ainda há muito campeonato e senão o primeiro lugar, vamos tentar o segundo e além disso temos agora a taça da liga, apoiar, apoiar e apoiar e’ a palavra de ordem.
Saudações leoninas.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 24.01.2022 às 17:39

Caro Manuel Parreira,

A intenção é de demonstrar que podemos e sabemos ser críticos dos jogadores e da equipa numa derrota, sem desvalorizar tudo e todos, e muito menos ainda, sem agir de má fé e atacar quem tem feito um bom trabalho na liderança do nosso Clube. Ou seja, tudo num contexto construtivo.

Quanto ao campeonato - e já tive ocasião de debater esta questão com diversos amigos - não são os actuais seis pontos de diferença que me fazem perder a confiança, mas sim os factores extras que existem num futebol português corrupto. Aí reside o busílis da questão, infelizmente!
Sem imagem de perfil

De Manuel Parreira a 24.01.2022 às 20:25

Caro Rui Gomes ,
Foi isto mesmo que me fez não ir “espreitar” a nenhum blog, porque já sei que iria ler comentários a deitar abaixo todo o trabalho que tem sido feito por Varandas/Viana/Amorim. Ganhamos o campeonato o ano passado, mas não quer dizer que o vamos ganhar agora todos os anos, não vamos fazer como o Benfica fez com o Bruno Lage.
Muitos parabéns pela excelente ideia de valorizar e destacar todos os bons comentários.
Ganhar ou perder Sporting até morrer.
Perfil Facebook

De Fúlvio Amaral a 25.01.2022 às 10:49

Bom dia Rui

Não sei se é construtiva ou não, mas não vi debatido no post após o jogo, nem nas notas do Julius, aí debateu-se mais um manifesto eleitoral que lá foi colocado, e este para mim não tem interesse. Mas ando a pensar nos últimos dias se o claro abaixamento de forma, ou então falhas gritantes de concentração ou um estranho acumular de más decisões durante os jogos de uma equipa que não os costuma a ter não terá a ver com a abertura do mercado, e da pressão que possa estar a ser exercida pelos empresários, porque desde aí além das derrotas são o conjunto de erros não provocados que a equipa tem tido.
Abraço.
Perfil Facebook

De Fúlvio Amaral a 25.01.2022 às 10:52

Já agora aquilo é penalty porque ao árbitro apeteceu marcar penalty, porque eu já vi o lance várias vezes e a minha reação é sempre, isto é penalty?
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 25.01.2022 às 17:57

Caro Fúlvio Amaral,

Desculpe só agora responder ao seu comentário, mas tenho andado ocupado.

O que refere é uma distinta possibilidade, mas, visto de fora para dentro, é quase impossível adiantar uma conclusão certeira.

Quero acreditar que não é um factor decisivo, mesmo que tenha algum impacte, mas só o staff técnico poderá avaliar como compete.

De qualquer, mais uma semana e o mercado fecha.

P.S:: Sobre a sua outra observação, para mim também não é falta para penálti. O Rui Costa nada assinalou inicialmente, ou porque entendeu que não houve falta ou porque preferiu deixar o caso para o VAR, João Pinheiro. Este, obviamente, acabou por persuadir Rui Costa que houve falta. Parece-me que, nas circunstâncias, o VAR não teve imagens conclusivas que justificassem a sua intervenção.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo