Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A 'grande' guerra terminou em verde paz?

Comunicado sobre os protocolos celebrados com as claques

Rui Gomes, em 24.06.22

21120704_dl3Da.jpeg

O Sporting Clube de Portugal informa que celebrou hoje (ontem) protocolos com dois Grupos Organizados de Adeptos (GOA): Juventude Leonina e Brigada Ultras Sporting.

O protocolo regula o relacionamento entre o SCP, a SCP SAD e os GOA durante a época desportiva de 2022/2023, estabelecendo os termos e as condições da concessão de apoios técnicos, financeiros e materiais aos referidos GOA. Em conformidade com o que está estipulado na Lei n.º 39/2009, o protocolo vincula a permanência dos GOA nas Zonas com Condições Especiais de Acesso e Permanência de Adeptos (ZCEAP).

Os GOA obrigam-se a desenvolver a sua actividade e a apoiar as equipas e os atletas do SCP e da SCP SAD em conformidade com os Estatutos e os Regulamentos do SCP, a Lei n.º 39/2009 e a demais legislação nacional e internacional sobre a violência associada ao desporto, bem como a regulamentação desportiva aplicável.

0c7d0020268faec3a27ffe37606caa60.jpg

Os GOA assumem ainda a obrigação de promover e incentivar o espírito ético e desportivo junto dos seus membros e dos demais associados do Clube, participando nos espectáculos desportivos sem recurso a quaisquer práticas violentas, racistas, xenófobas, ofensivas ou que perturbem a ordem pública ou o curso normal, pacífico e seguro da competição e de toda a sua envolvência, nomeadamente, nas suas deslocações e nas manifestações que realizem dentro e fora de recintos.

O protocolo promove ainda a aquisição de Gamebox destinadas às ZCEAP em condições favoráveis para os membros dos GOA com a sua situação de quotização devidamente regularizada perante o Clube, em substituição do regime previsto no acordo anterior que previa a partilha das receitas das quotas de Sócios do Clube que fossem também sócios dos GOA.

O Clube e a SAD comprometem-se, por seu lado, a apoiar a deslocação dos GOA no âmbito dos jogos a serem disputados pela equipa principal de futebol profissional na qualidade de visitante, assim como na devida preparação e implementação de coreografias e ainda na disponibilização de um espaço físico para a prossecução da actividade dos GOA.

A vigência do protocolo estará sempre condicionada ao cumprimento por parte dos GOA dos deveres legal e regulamentarmente impostos.

publicado às 03:35

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


19 comentários

Sem imagem de perfil

De Rumo Certo - Ventos Favoráveis a 24.06.2022 às 10:49

Felicito os intervenientes por terem chegado a um compromisso de entendimento, com a definição clara das regras e o modelo de colaboração.
As claques, desde que se submetam estritamente às condições acordadas e circunscritas ao dever disciplinado e ordeiro, de apoiar os atletas, dirigentes e no fundamental a instituição Sporting CP - serão sempre bem-vindas, entendidas e toleradas.
O último parágrafo resume, condiciona e salvaguarda, o essencial.
É chegada a hora, de as claques demonstrarem a boa fé e suas intenções, sendo implacáveis e vigilantes, para com todos aqueles que se desviarem das suas obrigações.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 25.06.2022 às 12:19

Essa boa fé das claques, até ver, está muito em dúvida. Veremos...
Perfil Facebook

De José Mário Costa a 24.06.2022 às 11:38

Tenho as maiores dávidas se alguma vez haverá paz e comportamento decente com estas claques, dirigidas/controladas como são por quem são!...
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 25.06.2022 às 12:18

Considerando o histórico, é verdade que não há causa para grande optimismo. Veremos...
Sem imagem de perfil

De João F. a 24.06.2022 às 11:46

Tudo começou há cerca de 20 anos com outras direcções, com acordos entre elas e o Sporting, que nunca respeitaram e que acabou como todos sabemos, em grupos de criminosos, onde o comércio da droga imperava, entre outros.
Com o passar dos anos, a pouco e pouco foram passando por cima dos acordos assinados antes e a certa altura tomaram de assalto o Clube e gritavam bem alto " O SPORTING É NOSSO" e "O SPORTING SOMOS NÓS"! O cúmulo da falta de vergonha, como se o Clube fosse deles!
Durante esse percurso e num momento critico do Clube, impuseram alguém saído do seio delas para presidente, borrifando-se se tinha capacidade para o cargo, que como se veio a confirmar em seguida pela negativa.
Não sei se foi exigido, mas para mim um acordo sem exigir que os seus elementos sejam todos sócios do Sporting, é um mau acordo. Outra coisa que não aceito, é que tenham bilhetes grátis e que depois os vendam, mais os cascóis e outras coisas, com o nome do Sporting, conseguindo assim, tirar benefícios em proveito próprio, no estilo perfeito do grupelho criminoso do Norte, comandado pelo macaco. Negócios criados à parte por alguém em seu benefício próprio é criminoso e sem respeito pelos direitos do Sporting.

Oxalá que me engane, mas não vejo grande futuro neste acordo. Receio muito que a história se repita...
Sem imagem de perfil

De Juskowiak a 24.06.2022 às 11:46

As claques farão sempre parte do futebol, para bem e para mal. Para bem porque animam os nossos jogos, para mal porque é sempre dali que vêm os problemas.

As claques estão para os estádios como os carrinhos de choque estão para as feiras.

Neste pressuposto de que legalizadas ou clandestinas existirão sempre, prefiro de longe a primeira opção.

Convenhamos: haverá sempre problemas com esta gente. Mas se estiverem devidamente identificados isso servirá por si só como dissuasor e as autoridades intervirão logo com os diletantes.

Por isso acho muito bem que o Sporting dê este passo. Expulsar os que têm antecedentes, como os por alguns idolatrados idiotas da Academia, e ser implacável para quem causar distúrbios graves: proibir a escumalha de entrar no Estádio de Alvalade.
Perfil Facebook

De Fúlvio Amaral a 25.06.2022 às 09:24

Juskowiack não seja assim, você quer estragar a minha infância eu adoro os carrinhos de choque
Sem imagem de perfil

De ZE PEVIDE a 24.06.2022 às 14:45

Pelo menos estes dois grupos aceitaram que o clube não pode dar dinheiro para se drogarem, veremos os outros… no entanto eu acrescentaria um ponto que seria responsabilizar as claques pela pirotecnia… lançam pagam as multas.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 25.06.2022 às 12:16

É de crer que os problemas com a pirotecnia vão desaparecer. Veremos...
Sem imagem de perfil

De AlexandreP a 24.06.2022 às 15:22

Pelo que se lê, parece um acordo claro e que ambas as partes ficam a ganhar.

Agora vamos ver na pratica como funcionará se alguma das partes falhar...
Sem imagem de perfil

De João F. a 24.06.2022 às 16:32

"Pelo que se lê, parece um acordo claro e que ambas as partes ficam a ganhar."

Neste acordo, só um pode ganhar e esse é o Sporting e mais ninguém! O Clube passou os últimos 4 anos sem o apoio dessa gente - grande parte do tempo mesmo com insultos e agressões aos dirigentes eleitos pelos sócios - e ganhou desportivamente, como há muito não se ganhava!
Ver-se-á no que esse acordo vai dar, mas sinceramente, não tenho grande esperança, se olhar bem para o passado dos últimos 20 anos.
Sem imagem de perfil

De Juskowiak a 24.06.2022 às 16:22

Um pouco à margem deste post: alguém me sabe dizer quem está representado na bandeira? A mim sempre me pareceu o rapaz da capa do "War" dos U2, um álbum magnífico, por acaso.

É uma curiosidade que tenho há anos. Todos os anos vou ver uns 10 jogos a Alvalade e penso SEMPRE em quem estará nesta bandeira!
Perfil Facebook

De José Manuel Saldanha Bento a 24.06.2022 às 20:47

Também sempre tive essa curiosidade.
Saudações leoninas
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 24.06.2022 às 20:53

Já respondi ao outro leitor. Creio que a minha versão é certeira.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 24.06.2022 às 20:53

De início, a Juventude Leonina não era mais do que um grupo de jovens que partilhavam entre si afinidades clubísticas e de amizade, após a sua fundação pelos irmãos Rocha.

Creio que o símbolo é mesmo esse: a face simbólica de um jovem = juventude.
Sem imagem de perfil

De Pacheco a 24.06.2022 às 22:27

As tribulações que esta Direcção passou por ter cortado relações com esta escumalha e agora que já tinham ganho a guerra voltam ao mesmo?
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 25.06.2022 às 12:14

E evidente que a Direcção não vai permitir o "mesmo".
Sem imagem de perfil

De J.Oliveira a 25.06.2022 às 18:59

Óptima notícia. Agora só faltam as outras duas assinarem. Como alguém já aqui disse, as claques fazem parte do futebol, para o bem e para o mal. Se forem legalizadas e apoiadas, têm uma obrigação perante a Direcção e os outros sócios. Como é natural, o fogo de artificio, fumos (etc.) acabarão.
Mais vale apoiar nos preços das Gameboxes e/ou bilhetes e nas deslocações do que "apoiar" nas multas.

Saudações leoninas
Sem imagem de perfil

De JCR a 25.06.2022 às 23:51

Para mim, o pior acto de gestão feito por parte de Frederico Varandas, dado estar-se a dar o ouro ao bandido!

Acreditar nos criminosos das claques, é a mesma coisa que estar a acreditar que o leão não é selvagem, que 1 águia não bica ou voa, que se consegue domar 1 tigre, etc, é estar a dar corredores, para que Alcochete 2.0 volte a acontecer!

Quero e desejo estar errado, mas se pudesse, em Portugal, as claques eram proíbidas, e fazer-se depois 1 acordo com quem cometeu o pior acto da história centenária do nosso clube, o ataque à Academia de Alcochete, em 15 de Maio de 2018, e falo claro está dos criminosos da Juve Leo, é inacreditável tal acto de acordo e a continuação da paz podre...e não se supreendam do aparecimento futuro de criminosos Mustafá 2.0, foi vergonhoso este acto de FV, e por isso a minha total e absoluta crítica!

Paz podre não leva a nada nem a lado nenhum...e a história assim o diz e demonstra...esperemos para ver o que o futuro trará, mas e se problemas tivermos novamente, lembrem-se do miserável dia de 23/06/2022!

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo