Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A peça final no xadrez de Rúben

Rui Gomes, em 03.02.21

Paulinho é um avançado dos tempos modernos, para quem o futebol e a função que desempenha em campo excedem em grande medida a mera glorificação da eficácia. Para ele a questão não se reduz a marcar ou não marcar golos; a ser protagonista de vitórias ou réu de derrotas; a ser herói ou vilão. Para Paulinho o futebol é jogar ou não jogar; é entendê-lo em toda a sua complexidade e apreender as suas chaves colectivas ou ir para o campo e reduzir tudo à assinatura de um momento decisivo; é lutar por uma ideia, um estilo e uma forma de ser ou até defender rigorosamente nada. É ter uma estética e uma orientação de compromisso com a equipa e com os adeptos ou apostar tudo no resultado e na sorte.

img_467x599$2021_02_03_00_47_56_1810860.jpg

Assente em números de excelência – 85 golos nas últimas cinco épocas –, Paulinho revela desprendimento com essa contabilidade pessoal. Realiza-se mais pela contribuição táctica, pela defesa do equilíbrio colectivo, pela noção de que muito pode acontecer em hora e meia e que a sua utilidade também pode ser sentida longe do último toque, apesar de saber, ele assim como todos nós, o valor da assinatura no gesto mais aclamado do futebol. Os especialistas, por serem raros, são muito valiosos. Não se trata de diminuí-los; trata-se de recordar que o golo, sendo muito importante, pode não ser tudo na apreciação de um avançado.

Rúben Amorim está perfeitamente identificado com o seu novo jogador. Ao reencontrar-se com Paulinho cumpre um sonho antigo, do qual nunca desistiu, mesmo colocado perante argumentos difíceis de contrariar, o mais eloquente dos quais o fatal "não há dinheiro". O esforço do Sporting para a aquisição de Paulinho dificilmente terá retorno financeiro – está com 28 anos –, o que torna clara a intenção do treinador: o ex-bracarense deve pagar-se pela via de um superior rendimento futebolístico.

Excerto da crónica de Rui Dias, em Record

publicado às 03:33

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


12 comentários

Sem imagem de perfil

De Orlando Santos a 03.02.2021 às 09:47

Divagações à parte, todos os sportinguistas esperam é que Paulinho marque golos. Como dizia há alguns anos Cadorin, um avançado belga do Portimonense: " ponta de lança que não marca golos mais vale ir vender gelados".
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 03.02.2021 às 10:03

O ponto principal da conversa é que um bom ponta de lança não consta só de golos, por importantes que estes sejam na sua função.
Imagem de perfil

De Greenlight a 03.02.2021 às 10:04

"...trata-se de recordar que o golo, sendo muito importante, pode não ser tudo na apreciação de um avançado." Não me parece uma afirmação ajustada e Paulinho quer queira quer não, para além das suas outras qualidades, irá ser avaliado, principalmente, pela sua capacidade em marcar golos e de também de não falhar golos "fáceis", como Sporar fazia recentemente. É isso que define um bom Ponta de Lança ou um Número 9 para usar as palavras de Ruben Amorim. Claro que o mais importante é que o Sporting vença, independentemente de quem marque, mas, nalguns jogos o Sporting empatou, ou perdeu, em grande parte porque não tinha um bom Ponta de Lança. Esperamos, agora, com Paulinho, que esses "pontinhos" não nos fujam.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 03.02.2021 às 13:30

Esperamos que Paulinho nos dê uma maior margem de aproveitamento e de finalização. Possivelmente, marcar alguns golos em momentos decisivos, que fazem a diferença entre vencer e não vencer uma partida.

Mas como refere o autor do artigo do Record, a função dele não é apenas essa. Faz parte de um colectivo e terá de utilizar as sua virtudes em prol do mesmo, com o intuito único de contribuir para as vitórias do Sporting.
Sem imagem de perfil

De José Silva a 03.02.2021 às 11:36

Bom dia. Já joguei futebol. e sei muito bem, o que quer dizer Paulinho, quando diz que ele ( Paulinho) nãop é só golos. Mesmo quando não se marca, um bom ponta de lança tem que saber movimentar-se no sentido de "arrastar" os defesas contrários abrido espaço, para a entrada de um ou outro médio e fazer golo. A isto chama-se, um avançado inteligente que sabe perfeitamente o que fazer em campo a cada momento de jogo. Segundo Amorim, que o conhece muito bem, tem também um enorme carácter, e é com esta "estirpe" que se fazem os grandes campeões.Bem vindo Paulinho, agora és nosso e que sejas muito feliz.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 03.02.2021 às 13:30

É isso mesmo!
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 03.02.2021 às 13:11

A maioria de nós não somos burros a ver futebol, sabemos quando um ponta de lança tem ou não qualidade principalmente naqueles jogos que necessitam de saca rolhas.

Ganhamos na estatura, na inteligência, na tecnica , no timing (leitura de jogo) e no feeling. Com tudo isso ficamos mais perto de fazer mais golos.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 03.02.2021 às 13:31

Bem dito Julius.
Sem imagem de perfil

De MAV a 03.02.2021 às 14:35

O mais engraçado é o post tocar no valor como jogador do Paulinho que 80% dos sportinguistas não põe em causa mas sim o negócio vs valor.... de um ponta de lança queremos golos se fizer 30 que interessa se tabela ou não .
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 03.02.2021 às 20:26

Se formos campeões, ou ficarmos em 2º com acesso direto à champions, alguém vai pôr em questão os valores do negócio?? Eu não...
Desde que haja bom rendimento desportivo, será um bom negócio, porque não se compra um jogador de 28 anos para obter rendimento financeiro.
O Sporting precisava de reforçar esta posição, na minha opinião fez muito bem, a qualidade paga-se mas tem retorno.
Sem imagem de perfil

De RCL a 03.02.2021 às 20:46

Paulo Salcedas
De acordo, Paulinho não é futuro, é presente. Paulinho era o jogador de que esta equipa precisava. Futuro, há muitos na cântera . Amorim foi contratado para dar continuidade ao excelente trabalho que tem sido feito na Academia.

Uma curiosidade : o último jogo do Sporting na Liga será com o Marítimo em Alvalade. Espero que regressem à Madeira com o bornal pesado.
Se já houver público, vou lá estar, ainda me lembro dos 2 golos do Yorda numa final da Taça de Portugal. E o presidente era Santana Lopes

SL
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 04.02.2021 às 00:24

Caro RCL, eu esperaria já ter tudo resolvido quando chegasse esse jogo...
Podem começar por lhes encher o bornal já esta sexta feira....

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo