Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

Gabriel+Benfica.jpg

 

Parece-me claro que o Sporting está em um constante estado de "guerra fria", em diversas frentes em simultâneo, de há uns tempos a esta parte. Umas necessárias, pela defesa dos interesses do Clube, outras nem por isso.

 

Uma das ditas frentes que não pode e não deve ser ignorada, é uma qualquer tentativa a destabilização por parte do outro clube da Segunda Circular, nomeada e principalmente quando vem a público por intermédio do seu palrador oficial.

 

A aparente precupação neste momento de João Gabriel, e por inerência da Direcção do Benfica, é o tão desejado afastamento de Slimani de competição. O caso remonta a 21 de Novembro de 2015, pelo então embate entre os rivais para a Taça de Portugal, após o qual o Benfica apresentou queixa por alegada agressão do nosso avançado argelino ao "encarnado" Samaris:

 

"Já passaram 52 dias sobre a agressão a Samaris e o processo continua sem conhecer avanços e até agora ainda não há castigo. Entretanto, as agressões sucedem-se.»

 

Esta patética tentativa ao afastamento de um dos activos mais importantes do Sporting, de momento, é por de mais transparente e deve ser confrontada com todas as "armas" ao nosso dispor. Nestas circunstâncias, o presidente do Sporting não poderá ser acusado de excesso de mediatismo.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:55

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


33 comentários

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 12.01.2016 às 21:50

Não sei se esse "abrir de olhos" se refere à minha pessoa, mas, se é, não pode estar mais enganado. Como adepto e devoto sportinguista defendo o Sporting há mais que o "Bruno" tem de vida e sempre lutei contra as movimentações dos rivais, nomeadamente do Benfica.

Isto dito, há muitas maneiras de "esfolar o gato" e gritar às quatro paredes raramente é a solução. Outros casos, como este, merecem pressão mediática, embora o efeito seja apenas a curto prazo e não anula o mal à raiz.
Sem imagem de perfil

De m1950 a 12.01.2016 às 22:23

Nem há muito tempo disse aqui algo deste estilo e espero não estar a incorrer em inverdade : " pese embora o nosso foco seja em Bruno" numa conversa qualquer onde lhe exigiam temas creio eu. Ora assume que o foco da linha editorial é o Bruno de Carvalho.

Ora bem , muitas destas coisas passam-lhe ao lado , e muitas vezes o caro mete-se a criticar Bruno de Carvalho quando ele está a combater barulho da máquina de propaganda pelos poucos meios que o Sporting tem para se aguentar num terreno adverso onde o adversário é constantemente beneficiado pelo sistema de comunicação. A única forma do Sporting ter impacto , é com o Estado Maior a fazer barulho. Não é bonito , não devia ser assim , mas quem não tem cão caça com gato.

Diz que há várias formas de esfolar o gato , mas essas formas , serão assim tão eficientes e os dirigentes do Sporting são tão ignorantes que as desconhecem ??

Bem dizia o outro nos tempos da outra senhora :

"Se soubesses o que custa mandar , gostarias de obedecer toda a vida".

PS: Hoje o Bruno Prata trata o Jorge Jesus por canalha , e eu estou absolutamente indignado.

Pois JJ no Benfica chegou a empurrar o Shéu , chegou a dar palmadas num polícia , mas aí eles não sabiam , ai eles não conheciam.

Este miserável só não disse que o JJ foi induzido em erro por um jornalista colega dele da RTP, onde está lá por mero favor , nao percebe ponta de futebol , ainda para mais não sabe falar e troca os nomes aos jogadores e treinadores todos.

O Sporting tem de responder a isto.

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 12.01.2016 às 22:28

Tudo bem... mas o Sporting não pode reescrever a história de Jorge Jesus. Ele foi o que foi, fez o que fez e agora é confrontado por não estar em casa tão protegida como esteve durante seis anos.

Pode acreditar, no entanto, que muito pouco me passa ao lado. Apenas, entre tanto, tento escolher o timing e algumas posições que assumo para consumo público. Em particular, a história não é bem a mesma.
Sem imagem de perfil

De m1950 a 12.01.2016 às 22:56

"em casa tão protegida"´

Pois isso para mim significa que estão a faltar ao respeito à nossa casa.
Imagem de perfil

De Profeta a 12.01.2016 às 22:35

Na minha opinião, a táctica do barulho pode ser eficaz no imediato.

Não tenhamos dúvidas que as denúncias do Marco Ferreira, da denúncia dos Vouchers (embora tenha pecado por ter sido denunciado num ambiente algo circense, não dando o impacto que merecia), do facto do Jesus "saber muitas coisas do ano passado" ;-) , e de termos um especialista em arbitragem como o Octávio, mexeu com o Sistema. Creio que o sistema teve que começar a ter rédea curta.

A questão, é que vivemos no país em que a PJ está na comissão de honra do Luís Filipe Vieira, e tudo acabará em águas de bacalhau. E o Sporting, se continuar a ser barulhento até mais não, conseguirá ter assim, influencia nos órgãos de decisão? Não dará mais argumentos aos nossos inimigos para nos isolarem ainda mais?

Até nesse aspecto, este campeonato será decisivo para o futuro do Sporting. Ou ganha este ano, ou arriscamo-nos a esperar mais uns anos para vermos o Sporting campeão...
Sem imagem de perfil

De m1950 a 12.01.2016 às 22:55

Sim.

Tem de haver estratégia por parte de quem nos dirige de modo a que haja um assalto à FPF não que nos coloque como donos do sistema , mas com alguma representatividade digna do que é um clube como o Sporting.

O Sporting infelizmente é traído muitas vezes pelas suas raízes ideológicas.

O Vítor Pereira o capacho do Benfica na arbitragem é sportinguista.

A SIC e o Expresso devem ter 90% dos jornalistas sportinguistas , embora toda a gente pense o contrário.

O Hermínio Loureiro é sportinguista e até o próprio Joaquim Oliveira é sportinguista idem. O Xistra que ofereceu pontos ao Benfica em Guimarães é sportinguista.

Mas como somos honestos e bonitos e imparciais , por vezes para dar prova dessas mesmas características acabamos por prejudicar o próprio clube em benefício de outros.

Quando os adeptos dos outros clubes se apanham em órgãos decisórios é até raspar a panela... É esta a diferença que alguns entendem do "somos diferentes". Eu também gosto de ser diferente , só não gosto é de ser parvo. O Benfica tem um score de zero ZERO golos sofridos com o Capela e uns 40 golos marcados , com o Bruno Paixão o Benfica perdeu pela primeira vez na Mata Real o ano passado , por causa de um penalty que ele não queria marcar e teve de ser o 4.º árbitro a 40 metros a marcar penalty.

Agora vem a questão como é que nos infiltramos no sistema de comunicação e nos órgãos decisórios quando muitos sportinguistas comportam-se com indiferença e inutilidade em relação ao Sporting fazendo ainda o papel de subserviência aos rivais ?

Não sei o que pode ser feito , mas claro algo tem de ser feito porque esta é uma estratégia que só funciona a curto prazo. Acredito que algo será feito , tive esperança no Proença para FPF mas parece o calo está entornado. Sem representatividade o Sporting não é nunca será nunca um sistemático candidato ao título.
Imagem de perfil

De Profeta a 12.01.2016 às 23:03

"O Sporting infelizmente é traído muitas vezes pelas suas raízes ideológicas."

Ou então é ao contrário. O Sporting entre os "grandes", é que é isolado devido às suas origens "diferentes", que nada têm a ver com a sociedade actual. Sei lá...

Porque isto do futebol, para mim é um problema mais profundo. Se calhar envolver politica, maçonaria, e afins...
Imagem de perfil

De Profeta a 12.01.2016 às 23:55

E para acrescentar, e falando de coisas mais concretas, creio que antes de elaborar um plano nesse sentido, é preciso perceber a raiz do problema. Pode ter começado no tempo do Pinto da Costa, ou muitos anos antes, não faço ideia...
Sem imagem de perfil

De juliuscoelho a 13.01.2016 às 00:13

É curioso que na Mata Rela o lance para penalti claríssio que o Paixão (pelo Benfica) tentou passar impune (lance que decorreu nas suas barbas e do fiscal de linha) foi chamado á pedra pelo 4º árbitro que era nem mais nem menos que ......Manuel Mota , que muitas vezes foi acusado de Benfiquista com várias arbitragens desastrosas que levaram várias vezes á destruição das montras do seus talhos. Fiquei perplexo ...!!!
Ou o Homem fartou-se de pagar montras novas e mais ninguem se chegou á frente na ajuda (compensação) ...dos pagamentos!
Ou teve a visita de algum anjo durante a noite enquanto dormia a levá-lo á razão.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Cristiano Ronaldo