Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Duarte Gomes.jpg

O Marcos Cruz, há poucos dias, num comentário aqui no Camarote Leonino, referiu-se com justa indignação ao antigo árbitro Duarte Gomes, agora “conceituado” comentador de arbitragens, da seguinte maneira:

«Rui, isto é um bocadinho “off-topic” mas eu queria sugerir-lhe um post sobre o Duarte Gomes, que paulatinamente vai sendo elevado ao estatuto de autoridade máxima na arbitragem em Portugal. (…) Ora, este tipo não tem pejo em contradizer-se de um jogo para o outro, nem faz o mínimo esforço para esconder um ódio ao Sporting que se torna cada vez mais evidente. (…) Eu não me lembro de o ver criticar uma decisão arbitral que nos tenha prejudicado... então quando a questão é, alegadamente, de intensidade no toque, abrindo espaço ao juízo subjectivo, nunca ele nos concede razão de queixa, mas ao contrário a cantiga é outra.»

O Marcos Cruz tem razão... pois, principalmente o Benfica, merece sempre comentários protecionistas. Basta ler os sucessivos artigos que ele escreve na Tribuna Expresso para se perceber que é muito habilidoso na gestão das palavras de acordo com a sua conveniência clubística. A mais celebrada dá pelo nome de “intensidade” que tudo explica e justifica na análise de um penálti. Um troca-tintas, em suma.

Ele tem grande protagonismo na Tribuna Expresso, na SIC, na Rádio Renascença e no A Bola, o que não admira, pois assumiu num Encontro Nacional do Árbitro Jovem, em 2012, que é adepto benfiquista. Trata-se de um bem-falante a resvalar a toda a hora para a prosápia e o autoconvencimento. Curiosamente, por alguma razão, as análises dele são muito citadas em blogues encarnados. No entanto, ainda gostei menos dele como árbitro que nos prejudicou várias vezes, do que agora como comentador.

Como árbitro, teve arbitragens mesmo horríveis em jogos do Sporting, nomeadamente com o “seu” Benfica. Em Novembro de 2013, num dérbi disputado no Estádio da Luz para a Taça de Portugal, foi classificado com uma das notas mais baixas da época (2,4), que “premiou” um péssimo trabalho deveras coroado com a vista grossa que fez a duas grandes penalidades a favor dos leões.

Mas, também com o FC Porto há histórias para contar. Num jogo no Dragão infernizou a nossa equipa, expulsou o treinador Paulo Bento, Polga e Veloso e entrou em conflito verbal com Ricardo Peres, o treinador de guarda-redes. Mas, com o Benfica, era certo e sabido que nos prejudicava de alguma maneira... Há notícias de queixas de várias Direcções do Sporting.

O meu primeiro jogo em Alvalade foi num Sporting-Leixões, em Outubro de 1972, que durou, salvo erro, sete minutos. Os adeptos leoninos não aguentaram as arbitrariedades do senhor Carlos Lopes e invadiram o relvado. Depois disso, mesmo nos jogos em casa, foi um fartar vilanagem de campo inclinado em nosso prejuízo. Apesar do que assisti, por razões estratégicas, não costumo referir-me a arbitragens, prefiro “olhar” para dentro da nossa casa com o foco de melhorarmos nos aspectos directivos, estruturais e competitivos, por exemplo.

O maior sucesso do Sporting CP resultará disso, dessa avaliação do nosso desempenho e da superação de fragilidades ou pontos fracos, de sermos críticos e exigentes connosco e resilientes e solidários em todas as circunstâncias. No entanto, uma coisa é certa, o Marcos foi certeiro e está cheio de razão. Ambos não gostamos de bater na tecla das arbitragens, mas, como se costuma dizer, “quem não sente não é filho de boa gente”!

publicado às 02:29

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


39 comentários

Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 30.10.2020 às 15:12

Caro Leão Zargo,

Hoje foi exposto na CS que o Sporting é a equipa com mais amarelos da I Liga, apesar de ser a 13ª que faz mais faltas.....veja-se por exemplo o cartão amarelo ao Palhinha ainda nem estávamos no 1º minuto de jogo. Isto revolta os sportinguistas!

Agora..... o que tem sido feito pela direcção do Sporting?

O post fala sobre a cartilha do Duarte Gomes mas relembro que o Varandas mal chegou ao Sporting achou importante acabar com o contrato do Pedro Henriques, porque não era importante ter ligações aos árbitros na Tv.....

Eu quero perceber o que está a ser feito pela direcção do Sporting..... uns dias o Varandas diz que só se queixa da arbitragem quem é cobarde, nos outros dias são bandidos, e umas horas antes sentamo-nos ao lado deles..... Não há coerência neste discurso e ninguém nos leva a sério. Criticam-me aqui por defender um Sporting agressivo contra a arbitragem tal como os rivais o fazem, mas depois quando somos roubados ficamos surpreendidos com a cartilha adversária, não se percebe esta lógica bipolar dos sportinguistas.

Nota: apreciei o pormenor de que em 1972 os sportinguistas invadiram o campo, mesmo não havendo claques nesse tempo. Relembro ainda no tempo do Roquete termos feito luto pela arbitragem onde todos os adeptos leoninos iam de preto ver os jogos.

SL
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.10.2020 às 16:05

Caro Schmeichel

A realidade do Sporting ser prejudicado pelas arbitragens é algo que remonta aos anos 70, ou talvez 60, agravando-se a partir da década de 1990. Essencialmente, não tem a ver com com esta ou aquela direcção, mas pela forma como o Benfica exerce o poder no futebol desde os anos 60 e como o Porto adquiriu grande protagonismo logo no início de 1980.

Recordo-me do que o Bruno de Carvalho disse e fez... sem quaisquer resultados!

A questão das invasões dos campos é quase tão antiga como o futebol. Entre 1920 e 1940 houve agressões como não se verificaria mais tarde. Isso acontecia nos jogos da 1ª Divisão e ainda mais nos Distritais.

A questão das claques é mais recente e trata-se de outro fenómeno cultural e até ideológico (político).
Sem imagem de perfil

De João F. a 30.10.2020 às 16:09

Mas para ti, o teu pastor teve sempre coerência no que dizia e fazia, como reza a história da sua passagem por Alvalade, como por exemplo, quando escreveu no twitter que nunca mais seria sócio do Sporting, até se renegar e dar o dito por não dito.Mas estas e outras passaram sempre por ti sem reacções negativas. A vossa coerência (tua e dele) foi sempre um primor de dignidade.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.10.2020 às 15:20

Mas por que razão é que vocês têm de ver as coisas de forma tão enviesada, com lentes de clubite aguda. Eu também acho que o Duarte Gomes analisa sempre mal os lances dos Benfica, mas depois lembro-me da minha condição de benfiquista e percebo que provavelmente estarei condicionado na minha análise. Eventualmente, terá sido essa mesma condição de adepto que fez o autor do post esquecer-se da exibição do Duarte Gomes num Benfica-Sporting em 2001, o tal do 2-2 do penalty fantasma do Jardel. Saudações benfiquistas e a melhor das sortes para o Rúben Amorim. Rui Silva
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.10.2020 às 15:53

Na verdade, não me esqueci. É histórico por várias razões.
O árbitro Duarte Gomes fez uma mau trabalho, como ele disse mais tarde: "estava verde". Se estivesse "maduro" outra águia cantaria, digo eu.

Mas, vamos ao que interessa:
- penalty sobre Jardel, aos seis minutos, que não foi assinalado;
- assinalou um penalty a Beto no mínimo muito duvidoso (11 minutos);
- penalty duvidoso numa disputa de bola entre Jardel e Caneira (85 minutos).

Como o próprio Duarte Gomes reconheceu na Tribuna Expresso "em boa verdade, bem antes desse minuto fatal, já eu estava perdido em campo. Certo, certo é que foi demasiado jogo para tão pouco árbitro". Ainda estava verde, como ele disse!

Agradeço que utilize um pseudónimo ou o nome. É condição para comentar neste blogue.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.10.2020 às 15:55

Rui Silva

Reparei agora que indicou o seu nome no final do comentário.
Sem imagem de perfil

De João F. a 30.10.2020 às 16:23

"...esquecer-se da exibição do Duarte Gomes num Benfica-Sporting em 2001, o tal do 2-2 do penalty fantasma do Jardel."

Marcou um penalty contra o Benfica a favor do Sporting em 2001? E o que é que se passou nos anos seguintes, já procurou saber ou "esqueceu-se" de tomar nota?

Nunca ouviu dizer que uma andorinha não faz a primavera? O que fez depois dessa data, foi o suficiente para o acusar de alguém que andou de apito nos campos de futebol a favorecer o seu clube, que é também o dele e a prejudicar muito o Sporting. Está na linha do Carlos Valente, Capela, Costa, Calheiros, Lucílio Batista e outros.

Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.10.2020 às 16:29

João F

Ainda "estava verde", como o Duarte Gomes confessou mais tarde no Expresso (6 Revereiro 2019).
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.10.2020 às 16:30

... (6 Fevereiro 2019).
Sem imagem de perfil

De João F. a 30.10.2020 às 18:11

Estava "verde" por fora, mas vermelho por dentro. Logo que atingiu a maturação, ficou vermelho por fora e por dentro e expôs-se no "mercado" da corrupção ao serviço das máfias do sistema.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.10.2020 às 18:25

João F.

Uma melância, portanto!
Sem imagem de perfil

De verdesangue a 30.10.2020 às 19:36

Só o facto de o senhor ter de retornar 19 anos no tempo para enumerar um penalty do Duarte gomes beneficiando o SPORTING em relação ao Benfica já diz bastante sobre as arbitragens do "personagem" no que ao SPORTING diz respeito.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.10.2020 às 19:46

verdesangue

E pelos vistos Duarte Gomes bem se arrependeu de um hipotético lapso! Ainda estava verde, disse ele!
Sem imagem de perfil

De Gil Catano a 30.10.2020 às 15:31

O Duarte Gomes não é aquele que num Benfica Sporting transformou um 2 a 0 num empate a 2? Um jogo que foi o ponto de viragem na conquista do vosso único título deste século?
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.10.2020 às 15:54

Caro Gil Catano

Agradeço que leia a resposta que dei ao seu colega. É o comentário anterior.
Sem imagem de perfil

De LG a 30.10.2020 às 15:54

Foi, e foi o mesmo Duarte Gomes que nesse mesmo jogo se esqueceu de marcar um penalty sobre o Jardel nos primeiros minutos do jogo.
E o penalty marcado a favor do benfica no mesmo jogo tem muito que se diga

E também foi o mesmo árbitro que na Amadora confundiu uma cabeça com uma mão
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.10.2020 às 16:11

LG

Exactamente. Aos 6 minutos de jogo não "viu" uma falta sobre Jardel... e essa falha pôs a cabeça de Duarte Gomes a andar à roda e nunca mais tomou conta do jogo.

Duarte Gomes nesse jogo na Amadora esperou pelos descontos. Como o Benfica não conseguia marcar um golo... marcou ele pelos jogadores bemfiquistas!

Sem imagem de perfil

De LG a 30.10.2020 às 15:33

"O maior sucesso do Sporting CP resultará disso, dessa avaliação do nosso desempenho e da superação de fragilidades ou pontos fracos, de sermos críticos e exigentes connosco e resilientes e solidários em todas as circunstâncias"

Num mundo normal deveria ser assim, não num futebol português em que todos os clubes são iguais, mas dois são mais iguais do que os outros todos juntos.
É um caso perdido....
Maior exemplo recente foi a época 2015/2016, nunca aquela época poderia cair para o treinador-renegado e para o presidente-adepto, era um rombo muito grande na verdadeira estrutura do futebol em Portugal

Como alguém que vejo costuma escrever, paíserradoparagostardefutebol.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.10.2020 às 16:12

LG

A época de 2015-16 ainda me causa mal-estar. Foi o "presidente-adepto" que deitou tudo a perder!
Sem imagem de perfil

De Andrade a 30.10.2020 às 16:19

Desde que Sousa Cintra "falhou" o acordo com o tal árbitro que se dizia sportinguista, o Sporting foi sempre prejudicado .O homem ofereceu os serviços ao pinto que o recebeu de braços abertos, com fruta e vinho verde.SL
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.10.2020 às 16:25

Andrade

Sousa Cintra apanhou com um Pinto da Costa que estava no auge da "engenharia arbitral"!
Sem imagem de perfil

De João F. a 30.10.2020 às 16:27

"Desde que Sousa Cintra "falhou" o acordo com o tal árbitro que se dizia sportinguista, o Sporting foi sempre prejudicado ."

Deixe-se de insinuações e diga o nome do apitador, senão fica apontado como um elemento enviado pelo gabinete de crise, gerido e financiado pelo orelhas.
Sem imagem de perfil

De antonio a 30.10.2020 às 16:38

Este post não é sobre Duarte Gomes, mas sim sobre qualquer árbitro que não tenha agradado. O nome do Duarte Gomes está lá por acaso. A memória seletiva tem destas coisas, mas não foi por Duarte Gomes ou qualquer outro que o Sporting perdeu campeonatos. Os outros também jogam à bola.

Este discurso da vitimização, das faltas e faltinhas é vosso, é legítimo, mas relembro que não se perdem campeonatos assim. O Sporting tem estado uns bons furos abaixo do que é preciso para ser campeão, com as devidas exceções.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.10.2020 às 17:17

O post decorre do comentador Duarte Gomes que foi referido por Marcos Cruz num comentário. Eu é que fui buscar o árbitro Duarte Gomes.

Eu e o Marcos Cruz estamos de acordo: a questão das arbitragens constitui uma parte, apenas uma parte, dos problemas do Sporting.
Sem imagem de perfil

De verdesangue a 30.10.2020 às 19:45

Pois precisamente caro António, é exatamente das "devidas exceções" é que nós falamos. ninguém aqui diz ou pretende que nestes 18 anos em que não fomos campeões, o SPORTING deveria ter ganho 10 ou 12 vezes, ninguém alega tal coisa....Agora que nesses 18 anos pelo menos 2 ou 3 vezes o deveríamos ter sido(pelo menos) e só não o fomos porque, fomos roubados à má fila mesmo, disso é que não há que ter dúvidas, pelo menos eu não tenho nenhumas.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.10.2020 às 21:49

verdesangue

Imagem de perfil

De Leão do Norte a 30.10.2020 às 23:47

Exatamente verdesangue.
Os outros quando perdem um campeonato (só um!) queixam-se de tudo e de todos e nós é que temos o discurso de vitimização. Se perdessem um campeonato, como nós perdermos, por uma "roubalheiras" à descarada como a mão de um tal Ronny, nem
o mais complacente defensor das vítimas os poderia aguentar!
Sem imagem de perfil

De sloct a 30.10.2020 às 18:18

(Não) tenho o prazer de o conhecer, e por isso posso dizer com conhecimento de causa que se trata dum benfiquista ferrenho, mas ferrenho mesmo.

E daí talvez não, toda a gente sabe que não há árbitros benfiquistas. Ou jornalistas.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.10.2020 às 18:34

sloct

Jornalistas... e também jornais, pois claro!
Sem imagem de perfil

De RCL a 30.10.2020 às 19:59

Falando em jornais, há uma lista "dita secreta" de todos os convidados para os jogos do Benfica - Sabado desta semana.
Segundo o jornal a lista apensa da Operação Lex, no meio da investigação chegou a desaparecer, só regressando ao processo porque um Inspector da Judiciária fez uma "cópia pirata".
Como diria o nosso Nobel : "todos os nomes"
Sem comentários
SL
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 30.10.2020 às 21:48

RCL,

por vezes o melhor é não comentar, já sabemos o que é que a casa gasta.
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 31.10.2020 às 05:02

Desconfio tambem que algo se passa com o Paulo Futre na CMTV , desconfio que faz o papel de bobo inocente e isento mas que terá um qualquer acordo ($$$$) com o Benfica porque os seus comentarios no geral têm sempre a tendência de valorizar e defender o Benfica , creio que tenta fazer o mesmo papel cinico e hipócrita que o Carlos Janela fazia antes de lhe descobrirem a careca e ter que ser corrido (as disparu) e nunca mais apareceu.
Futre se julga muy inteligente pero no pasa de un tontonazo..
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 31.10.2020 às 07:01

Futre não é mais do que uma abelha tonta que vai para onde o vento sopra.
Sem imagem de perfil

De João F. a 31.10.2020 às 09:54

Imagem de perfil

De juliuscoelho a 31.10.2020 às 10:45

"Vento" igual a $$$$.

Ele nao faz nada de borla , isso está fora de questâo.
Sem imagem de perfil

De Marcos Cruz a 31.10.2020 às 18:53

Grande post, Rui, e obrigado pela atenção.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 31.10.2020 às 18:58

Os agradecimentos devem ser dirigidos ao meu colega Leão Zargo, a obra é inteiramente dele.
Sem imagem de perfil

De Marcos Cruz a 31.10.2020 às 19:17

Então estendo aqui o agradecimento ao Leão Zargo.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 31.10.2020 às 19:46

O Marcos Cruz é que com muito sentido de oportunidade levantou a questão do "comentador" Duarte Gomes, por sinal o ex-árbitro Duarte Gomes com tantos rabos de palha. No Camarote Leonino conversámos entre nós, recordámos diversas situações, e aproveitámos a "deixa", como se diz no teatro.

Um abraço sportinguista

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo